quinta-feira, 10 de março de 2011

O que está acontecendo?

Transporte de Salvador

 

Quem não reclama do transporte em Salvador? Sempre alguém que anda de ônibus tem alguma reclamação a fazer. Contudo quais são elas?
A primeira delas seria a questão na demora dos carros. Claudiia Fonseca, estudante de jornalismo, 27,  afirma que sempre espera muito tempo para pegar o ônibus, principalmente nas duas maiores estações da cidade, Estação Pirajá e Lapa, que sempre estão na lista de reclamações. Tal situação deixa os passageiros impacientes, que vão para o trabalho, faculdade e escola de mau humor, por causa da demora do transporte.
Trecho do Aquidabã
 
O atrazo dos ônibus não é a única causa dos problemas de transporte. O segundo maior motivo de reclamações no transporte de Salvador,  são os ônibus lotados. Com a demora dos veículos, as filas tendem a aumentar de tamanho. “Eu já chego no trabalho cansado por causa da demora dos carros e do tempo que fico em pé para chegar lá”.
Há ainda as situações em que se está retornando para casa, sejam trabalhadores ou estudantes do turno da noite, que se vêem forçados a enfrentar grandes quantidades de passageiros na mesma situação. Caso o cidadão tente se dar ao luxo de esperar o próximo carro, na esperança de que ele venha vazio, sempre surge um engraçadinho que fala “sobe que esse é o último”,qualquer um fica desesperado, todos tem que subir, e não têm jeito, o ônibus enche ainda mais.
Ônibus atrasado, lotado e, para fechar o pacote, você ainda paga caro.
Felipe Dunham estudante de jornalismo do 8º semestre da UFBA diz:  “se paga muito caro por um serviço de tão baixa qualidade”. Reclamar do preço elevado não está ligado somente à disparidade entre qualidade e valor dos ônibus, relaciona-se também à diferença entre a média no salário do soteropolitano e o que é cobrado. Os valores tarifados pelo transporte de Salvador são equiparados as das grandes metrópoles, porém, o que se ganha nessas principais cidades do país é superior ao que se ganha aqui.

 

Nenhum comentário: