sábado, 19 de maio de 2012

Meteorologia prevê mais chuvas para este domingo em Salvador

A chuva deixou o mar agitado no Rio Vermelho neste sábado

A Defesa Civil de Salvador (Codesal) registrou neste sábado, 19, até o meio-dia, 25 solicitações de emergência por causa da chuva. Bairros do subúrbio ferroviário são os mais afetados, informou o órgão.
Nos últimos três dias, a chuva que atingiu a capital foi maior que toda a precipitação da primeira quinzena de maio. Para este domingo, 20, a previsão do Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet) é de pancadas de chuva para toda a Bahia, sobretudo na faixa litorânea do Estado.
De quinta, 17, até a manhã deste sábado, choveu 59,7 mm na capital, o que corresponde a 17% do esperado para o mês de maio, conforme a média histórica de 350 mm.
Segundo a meteorologista do Inmet, Cláudia Valéria, até a última quarta, 16, havia chovido pouco mais de 10%  (37,4 mm) do previsto. Só na sexta, o índice pluviométrico foi  de 42 mm, ou seja, 271% a mais que a média diária do mês, de 11,3 mm. O total mensal chega a 97,1 mm.
Desde que as chuvas começaram a atingir de forma mais intensa a capital baiana, na última quinta, a Codesal já recebeu, até a manhã de sábado, 170 solicitações de emergência. Foram 38 ameaças de desabamento, 58 deslizamentos de terra e nove árvores caídas, entre as ocorrências mais graves.
O órgão permanece em plantão para emergências por meio do Disque 199. O cidadão pode ligar a qualquer hora do dia ou da noite. Até agora, não houve feridos.
Cuidados - Para os moradores que enfrentam os problemas causados pelas chuvas, como deslizamentos, engarrafamentos e alagamentos, os órgãos responsáveis pelo trânsito e Defesa Civil indicam que haja atenção de toda a população, para evitar acidentes.
Com a previsão de continuidade da chuva, a Superintendência de Trânsito e Transporte do Salvador (Transalvador) indica aos condutores que redobrem a atenção, pois o mau tempo compromete a visibilidade e deixa o trânsito mais complicado. O órgão orienta ainda que os motoristas trafeguem em baixa velocidade, mantendo uma distância segura em relação ao veículo da frente.
Além disso, é necessário acender o farol baixo e não ligar o pisca-alerta quando estiver em movimento. Os motoristas devem ficar atentos às inundações, pois as poças podem causar aquaplanagem e perda de controle do veículo.
Em casos de queda de energia, a Companhia de Eletricidade da Bahia (Coelba) pode ser contatada via torpedo SMS, enviando o número do contrato para 27308, por meio do site do órgão ou ligando para o 0800 071 0800.
Serviço
Trânsito - Motoristas devem trafegar em baixa velocidade, mantendo distância segura
em relação ao veículo da frente
Codesal - Em caso de risco de desabamento e deslizamento, ligar para a Codesal pelo número 199

Coelba - Queda de energia pode ser comunicada por meio do telefone gratuito: 0800 071 0800

Fonte: Jornal A Tarde

Nenhum comentário: