terça-feira, 17 de julho de 2012

Geração de Neymar terá de superar fracassos de outras seleções


Lucas, Embarque da Seleção Brasileira (Foto: Marcos de Paula / Agência Estado) 
Lucas no embarque da seleção brasileira, no Rio
(Foto: Marcos de Paula / Agência Estado)

Em busca do título olímpico, a seleção brasileira desembarca na tarde desta terça-feira em Londres. Na bagagem, o sonho de conseguir uma façanha inédita: a medalha de ouro. Com uma geração experiente, em que mais da metade faz parte do time principal, o Brasil é apontado como um dos favoritos nos Jogos Olímpicos.
O desafio é enorme. Grandes gerações do futebol brasileiro já tentaram a proeza, mas fracassaram pelos mais variados motivos na busca da medalha de ouro olímpica – único título que falta ao futebol brasileiro. Um dos mais badalados do time de Mano Menezes, apesar de começar a preparação entre os reservas, Lucas diz que o que a Seleção precisa fazer de diferente é ser campeã em Londres.
- O grupo está preparado e pronto para ir atrás dessa medalha inédita. Força, essa geração tem bastante, assim como outras gerações também tinham. O que a gente tem que fazer de diferente é trazer essa medalha de ouro, com muita tranquilidade e trabalho. É um sonho, todo mundo sonha com isso, a gente vai atrás disso – disse o meia-atacante do São Paulo, durante o embarque da Seleção.
Das 11 participações em Jogos Olímpicos, o mais perto que a seleção brasileira chegou do título foram duas medalhas de prata, em Los Angeles (1984) e Seul (1988). Campeões mundiais como Bebeto, Romário, Dunga, Ronaldo, Rivaldo e Ronaldinho Gaúcho tentaram, mas não conseguiram o título olímpico. O técnico Mano Menezes falou sobre essa dificuldade em especial do Brasil em Jogos Olímpicos e disse que, apesar de preparada, a Seleção precisará provar isso em campo.

- Na historia dos Jogos Olímpicos, tenho visto um número enorme de grande jogadores brasileiros que disputam e isso dá uma idéia de como a competição é difícil. A Seleção pode ser apontada como teoricamente bem preparada, mas precisa mostrar isso na prática.
A Seleção estreia nos Jogos Olímpicos no dia 26, contra o Egito. O time está no Grupo , que também conta com Nova Zelândia e Biolerrúsia. Na próxima sexta-feira, o escrete canarinho tem o último testa antes do início da competição, contra a Grã-Bretanha.

Fonte: Globo Esporte

Nenhum comentário: