sábado, 29 de dezembro de 2012

Morre a atriz Ann Savage, a femme fatale de "Curva do Destino"

A atriz Ann Savage, que ganhou admiradores por seu papel como a femme fatale de Curva do Destino, filme policial de 1945, faleceu no dia de Natal, aos 87 anos.


 
Seu agente, Kent Adamson, declarou ao The Hollywood Reporter que Savage morreu dormindo em um asilo devido à complicações de uma série de derrames cerebrais.
A atriz começou sua carreira em 1943, ao estrelar o policial One Dangerous Night, do diretor Michael Gordon. Participou de mais de 30 filmes durante as décadas de 40 e 50, mas o seu grande sucesso foi realmente Curva do Destino. O clássico noir de baixo orçamento conta a história de um pianista (Tom Neal) de clubes noturnos de Nova York que, com medo de ser procurado pela polícia por assassinato, assume a identidade de um amigo morto. Savage interpretou uma mulher que chantageia o protagonista.
"Tom Neal e Ann Savage mudaram os tradicionais papéis masculinos e femininos daquele tempo. Ela era cruel e predatória. No filme, ela era muito agressiva sexualmente e ele muito passivo. Era muito raro para uma produção dos anos 40 um personagem feminino ter essa força", disse Adamson
Apesar da carreira da atriz ter sido praticamente finalizada na década de 50, ela foi vista em 2007 em Meu Winnipeg, um longa que mistura documentário e ficção para mostrar um olhar pessoal do diretor Guy Maddin sobre sua cidade natal. Savage interpretou a versão cinematográfica da mãe do cineasta.

Fonte: Cinema em Cena 

Nenhum comentário: