quarta-feira, 4 de abril de 2012

De cara com a fera! Finalmente, após anos, Nina se vê diante de Carminha

As duas grande inimigas ficam frente a frente (Foto: Avenida Brasil/ TV Globo)

Chega o dia tão esperado por Nina (Débora Falabella): o reencontro com Carminha (Adriana Esteves). Assim que a dona da casa entra na cozinha, a jovem fica paralisada e começa a relembrar como sofreu nas mãos daquela mulher quando criança.
Após o momento de crise, Nina se recompõe e cumprimenta a patroa. Arrogante, Carminha se apresenta e não a reconhece. Ela manda a cozinheira preparar o jantar e sai da cozinha com ar de superior.

Será que Carminha vai aprovar a comida de Nina? Fique ligado! Esta cena vai ao ar a partir de quinta-feira, 5 de abril. Saiba mais sobre o capítulo.

Fonjte: Rede Globo

Exposição reúne melhor do rock no Parque do Ibirapuera

Led Zeppelin e o próprio Elvis) tenham sido negligenciados, mas a ideia da curadoria do músico Zé Antonio Algodoal, de 47 anos, é também dar espaço ao que o rock produziu depois dos anos 90. A exposição abre nesta terça para convidados e na quarta ao público.

Não que tenha sido um trabalho fácil. "É mais fácil achar material de bandas mais clássicas, como Kiss, por exemplo. Eles tinham tudo. Agora, memorabilia de grupos atuais é algo bem raro. As pessoas ainda não guardam muita coisa. Nos shows deles, por exemplo, o máximo que você pode conseguir é uma camiseta ou uma caneca", diz Algodoal. Ainda assim, ele conseguiu artigos como CDs e vinis autografados.

Para ser justo com todas as décadas do rock, foram instalados seis contêineres no subsolo da Oca, cada um copilando dez anos de história do rock, dos anos 1950 até os anos 2000. Ou seja, a mostra contempla desde o embrião do rock, ainda com jeitão de blues, passando pelo punk e o heavy metal, até chegar ao modernete indie rock.

Nos pouco mais de 10 mil m² da Oca, o público terá liberdade para circular por vários movimentos. Algodoal não quis fazer uma extensa linha cronológica, então separou bandas de acordo com associações musicais, agrupando sons semelhantes. Como resultado, a oportunidade de saborear estilos em décadas diferentes.

Estão na programação workshops, palestras e pocket shows. Mas o grande destaque da "Let’s Rock" é a presença de 75 fotografias do lendário Bob Gruen. Ele era, simplesmente, amigo pessoal de John Lennon - e seu fotógrafo pessoal, evidentemente. Há ainda o material de dois fotógrafos brasileiros, Marcelo Rossi e Otavio Sousa, que, juntos, completam o acervo de 200 imagens, de artistas nacionais e de mega-shows que passaram pelo País.

O evento foi pensado para apresentar quatro ambientes diferentes. No térreo, logo na entrada, o visitante é convidado a seguir uma pequena linha do tempo do rock. No subsolo, se concentram fotografias e os contêineres musicais. O primeiro andar é dedicado a objetos pessoais de músicos brasileiros e estrangeiros, como cartazes, roupas e instrumentos. No segundo andar, uma surpresa: por meio de uma projeção em 180º, é possível viver a experiência de estar no meio de uma multidão de shows que vão de Beatles a Libertines. As informações são do Jornal da Tarde.

Let’s Rock - A Exposição - Oca, no Parque do Ibirapuera (Av. Pedro Álvares Cabral, S/N, portão 3, Moema). Tel. (011) 4003-1212.
Terça (convidados) e quarta (público geral), das 10h às 22h. De R$ 10 a R$ 20. Até 27/5.

Fonte: Jornal A Tarde

Camisa de Vênus comemora aniversário de integrante com show

Grupo faz show neste sábado, 7, no Portela Café
O guitarrista Gustavo Müllen, da banda Camisa de Vênus, não nasceu ontem. De fato, ele nasceu há 60 anos. Por isso mesmo, vale a pena ouvir o que tem a dizer este verdadeiro veterano do rock baiano e brasileiro.
Para comemorar a data, o redivivo grupo, hoje com Eduardo Scott (Gonorreia) no vocal, faz show neste sábado, 7, no Portela Café. “60 anos a gente não comemora, a gente chora”, corrige Gustavo, a língua afiada e a franqueza de sempre.
Como qualquer pessoa com mais de dois neurônios, Gustavo vive em conflito com a cidade em que vive. “A maior besteira que cometi na minha vida foi voltar para a Bahia”, dispara.
“Voltei por questões familiares. Mas não gosto de praia, não como acarajé, não suporto Carnaval. O que eu vim fazer aqui”?, pergunta-se.
Não que Gustavo odeie Salvador, mas como ele mesmo assume, “eu não tenho nada de soteropolitano. O pior é que a Bahia já foi uma terra muito culta. Caetano, por mais chato que seja às vezes, já fez tanta coisa boa. Gil, Raul, Glauber, tanto artista genial. Mas hoje em dia é a terra da burrice”, constata o músico.

Caju no bolso -  Um fato marcante em sua carreira  foi ter sido o último guitarrista de Raul Seixas, durante o disco/turnê A Panela do Diabo, que o gênio baiano gravou em parceria com Marcelo Nova. “Adorava ele, mas não gostava muito dos shows. Ficava meio lento, caía para o rockabilly, que é algo que eu odeio”, assume.
“O companheiro de farra dele era eu, porque na Envergadura Moral (banda de Marcelo Nova à época) ninguém mais bebia. O problema é que ele era incontrolável. Raul chegava ao ponto de andar com um caju no bolso, que ele amassava no copo de cachaça”, relata.
Quanto ao antigo companheiro Marcelo Nova, Gustavo diz não ter mais proximidade. “Mas quando nos encontramos, somos muito cordiais”, diz.
Já em relação à atual encarnação da banda, o guitarrista diz que há a intenção de gravar um álbum de inéditas, mas sua opinião é que ficar por aqui não vai adiantar. “Tem que gravar e passar uns tempos fora. Aqui não tem espaço nem oportunidade”, percebe.

Fonte: Jornal A Tarde

Arthur Aguiar e Lua Blanco Não São Mais Namorados

Os atores Arthur Aguiar e Lua Blanco, de “Rebelde”, terminaram o namoro. O casal estava junto desde julho do ano passado. A informação foi confirmada pela assessoria de imprensa da atriz nesta quarta-feira (4).

Fonte: Hipersessão

Os Gêmeos 'Inácio' e 'Fabian' de 'Cheias de Charme'

Inácio e Fabian se parecem, mas as personalidades são muito diferentes (Foto: Cheias de Charme / TV Globo)
O visual é parecido, mas Inácio e Fabian têm personalidades diferentes
 (Foto: Cheias de Charme / TV Globo/divulgação)
 
Se a Rosário (Leandra Leal) confunde Inácio e Fabian (Ricardo Tozzi) frequentemente, como é que eles podem ser diferentes um do outro? Pois essa era a tarefa da superequipe de caracterização de Cheias de Charme, criar diferenças sutis entre os dois para fazer com que se parecessem, mas ainda assim, mantivessem suas personalidades distintas.
Marcelo Dias, responsável pela equipe, explica: “O texto diz que a Rosário confundiria os dois. Então, tínhamos que deixá-los parecidos, mas com personalidades. Por isso, pensamos em usar lentes de contato azuis e aplicar algumas mechas loiras, além de um leve bronzeado no Fabian. Como artista, ele seria mais produzido mesmo. Já o Inácio é super natural. É o próprio Tozzi”, explica.

Essa semelhança de Inácio e Fabian ainda vai dar muito o que falar. Fabian é a sensação do momento e quando sobe no palco deixa as fãs enlouquecidas. Mas engana-se quem pensa que Inácio sai perdendo na disputa. Seu jeito de machão e o corpo escultural fazem a mulherada ficar de perna bamba.

Tá curioso para ver como vai ser essa confusão?

Não saia da frente da televisão na hora de Cheias de Charme, a nova novela das 19h, com estreia prevista para 16 de abril.


Fonte:Rede Globo

Homem Vestido de 'Batman' é Parado Por Policiais

Policiais param condutor de Lamborghini que andava em via dos EUA sem as placas.Para surpresa das autoridades, surge o motorista fantasiado de 'Homem Morcego'.Ele explicou que estava atrasado para uma festa infantil e mostrou as placas no porta-luvas.
Os policiais riram muito e ainda tiraram foto.Confira esse flagrante real que parece até pegadinha.
 
Fonte: Hipersessão 

Audiência de 'Vidas em Jogo': 3/4


Nesta terça-feira (03), Vidas em Jogo  marcou 12.6 de média com picos de 16 de pico, e 22% de participação. Foi vice. No mesmo horário, a Globo liderou com 21.3, o SBT ficou em terceiro com 6 pontos e a Band ocupou o quarto lugar com 2 pontos.

Esses dados são prévios e podem ser alterado no consolidado.
 
Fonte: Hipersessão 

'Bóris Casoy' fala sobre sua Imitação no 'Pânico'



O jornalista Boris Casoy está muito contente com a imitação de Carioca feita no “‘Pânico na Band”.
“Ri muito. Ficou divertido. Mas será que tenho todos aqueles tiques?. Não consigo entender gente que não gosta desse tipo de brincadeira. Todo mundo aqui em casa adorou”, explica o jornalista.
“O problema agora é a sátira ter mais audiência do que o Boris original”, brinca.
A sátira com Boris foi responsável pelos 14 pontos de pico do programa “Pânico na Band” que estreou no último domingo.

Fonte:Outro Canal/Keila Jimenez/Folha

Primeira Propaganda de 'Carrossel 2012'

 

'Record' tem Queda de Audiência Desde 2008


No ano de 2005 a Rede Record, deu início a ambiciosa campanha “a caminho da liderança”, para isso a emissora dos bispos investiu nada mais e nada menos que R$ 3 bilhões, a audiência da emissora dobrou, de 2005 para 2008, o que aumentou a expectativa dos diretores da emissora que já davam como certo, que a Record seria líder em audiência em poucos anos.
A maior audiência foi em  2008 onde atingiu seu maior teto de audiência, 8.3 pontos de média, até então a emissora entrou em queda, já acumula 18% de perda de audiência.
Os Jogos Olímpicos de Londres são a grande esperança da Record para reverter um quadro de queda no Ibope, que vem ocorrendo desde 2008.

Fonte:Ricardo Feltrin
Arte: UOL

Ex-BBB Fabiana diz como seduz marido: 'Só chegar pelada'

 A ex-BBB Fabiana posa para o Paparazzo (Foto: Luciana Tancredo / Cia da Foto)


Casada há oito anos, Fabiana sabe direitinho como deixar o marido, o cantor Roby, excitado. Nos bastidores do ensaio do Paparazzo, que aconteceu na quarta-feira, 4, no Rio, a ex-BBB contou que basta aparecer nua em sua frente. "Que homem não gostaria? Também gosto de usar uma lingerie bonita, apesar de saber que todos eles querem e tirá-la", disse ela, que revelou ainda que o que a enlouquece entre quatro paredes são mordidinhas no pé.

Fabiana, que está acostumada com o assédio masculino por ter sido apresentadora de TV em Ribeirão Preto, acredita que os homens têm medo de se aproximar dela. "Acho que é porque tenho atitude e homem é dominador. Acabo criando uma barreira. Mas acho isso bom porque acabo afastando os mais saidinhos", disse.

Fonte: EGO

Fabiana revela brincadeira íntima com espuma de barbear no 'BBB 12'

Fabiana posa para o Paparazzo (Foto: Luciana Tancredo/ Cia da Foto)

Ficar sem sexo não foi  o maior desafio de Fabiana no "BBB 12". Mas como ninguém é de ferro, a ex-BBB revelou nos bastidores do ensaio para o Paparazzo que fez uma brincadeira íntima com espuma de barbear mentolada no período em que esteve confinada. "Lembro que Kelly estava do meu lado e falei: 'Ai, que fresquinho!' Acho que foi no meu período de ovulação", contou ela, aos risos.

E já que tocamos no assunto, Fabiana garante ser uma mulher de atitude também na cama. Sorte do marido, o cantor Roby, com quem está casada há oito anos e tem um filho, Igor, de cinco. "Gosto de colocar lingerie branca e preta para seduzir. Tambem curto usar gel massageador", disse a ex-BBB.
O ensaio com Fabiana para o Paparazzo vai ao ar no sabado, 7. Não dá para perder, né?

Fonte: EGO

Olenka parte para cima de Suelen e a faz confessar que armou contra Tessália

Olenka descobre que Suelen armou para Tessália e parte para cima dela (Foto: Avenida Brasil/ TV Globo)
Após o tombo de Tessália (Débora Nascimento) durante o desfile do Concurso Garota Chapinha, Olenka (Fabíula Nascimento) acha uma cola na bolsa de Suelen (Isis Valderde) e descobre que foi ela quem armou contra Tessália.

Furiosa, Olenka parte para cima da concorrente e as duas se atracam no meio do salão. Olenka mostra que é boa de briga e aplica uma gravata na adversária, obrigando Suelen a confessar tudo.

“Não adianta fugir de mim não, pistoleira. (...) Confessa que foi você que quebrou o salto da Tessália de propósito, confessa!”, grita. Pressionada, Suelen admite que aprontou para prejudicar Tessália e é desclassificada do concurso por Diógenes (Otavio Augusto).

Fonte: Rede Globo

Carminha flagra Nina fazendo massagem em Max e fica enciumada

Nina faz massagem em Max (Foto: Avenida Brasil/ TV Globo)
 
Nina (Débora Falabella) serve um lanche para Max (Marcello Novaes) na piscina. Cheio de más intenções, ele começa a perguntar sobre a vida pessoal da jovem. A cozinheira conta a falsa história de que tem uma mãe muito doente, deixando Max penalizado.
Na conversa, ele diz estar com dores no pescoço e Nina oferece uma massagem chamada do in – técnica chinesa milenar de massagem. Ela começa a massageá-lo, quando Carminha (Adriana Esteves) chega e flagra a cena.
Ela fica possessa e logo arranja um afazer para Nina, que volta para a cozinha imediatamente. A sós, ela demonstra ciúmes do amante: “Não me faz de idiota que eu detesto, Max! E essa garota não me desce. É uma sonsa, já tava de gracinha pra você”.
Ele nega tudo e ainda tenta defender Nina, mas Carminha não quer saber de desculpa nenhuma e sai irritada com Max.
Fique ligado! Estas cenas vão ao ar no sábado, 7 de abril. Saiba mais sobre o capítulo.

Fonte: Rede Globo

Alcoolizado, homem cai em cisterna e passa noite preso em buraco na BA

Um homem de 37 anos caiu em uma cisterna abandonada na zona rural de Feira de Santana, a 100 km de Salvador, no fim da tarde de terça-feira (3). Ele passou a noite desaparecido, preso no buraco de 15 metros de profundidade, e só foi localizado por familiares na manhã desta quarta (4). Segundo relato de parentes, o rapaz ingeriu bebidas alcóolicas e não percebeu a presença do reservatório de água ao chão.
O resgate foi realizado por dez homens do Corpo de Bombeiros por volta das 7h30 e o trabalho durou mais de uma hora. A vítima sofreu ferimentos leves na região do joelho e foi encaminhado para o Hospital Clériston Andrade.
De acordo com a corporação, foi preciso montar um sistema de tripé para possibilitar a descida de um dos bombeiros por cordas no buraco da cisterna. O bombeiro segurou a vítima e o levou à superfície. Testemunhas relataram que ele foi visto na noite anterior entrando no terreno baldio. A cisterna está desativada há pelo menos dez anos, não tem proteção e está coberta pela vegetação.

Fonte: G1

Banda sensação inglesa, The Vaccines virá ao Brasil

Os garotos são sucesso na Grã-Bretanha
Os relâmpagos do rock agora espocam por aqui em tempo real. Um ano após lançar seu primeiro disco, a nova banda-sensação da Grã-Bretanha, The Vaccines (http://www.thevaccines.co.uk), já desembarca no Brasil. Atração dos principais festivais do mundo, como Leeds, Reading e Coachella, os ingleses dão o ar da graça no Brasil já no dia 18, no Cine Joia (Praça Carlos Gomes, 82, Liberdade, tel 3231-3705). No dia 19, estarão no Circo Voador, no Rio. Chegaram a ser agendados no festival Planeta Terra, no ano passado, mas cancelaram.

"Encontramos o Sepultura duas vezes, uma delas na Austrália, e também já encontramos o CSS", diz Justin Hayward-Young, cantor e compositor do grupo (além dele, integrado por Arni Hjörvar, baixo; Freddie Cowan, guitarra; Pete Robertson, bateria). "Sinto que o Brasil tem um verdadeiro espírito rock’n’roll."

A banda está em rotina frenética desde que foram anunciados como "o segredo mais mal guardado do Reino Unido": já tem 19 meses que se jogaram na estrada, sem pausas. Mas Justin terá um dia livre antes do show em São Paulo, dia que espera usar para jogar uma pelada de futebol.

O vocalista diz que o grupo já está trabalhando no disco que vai suceder o anfetamínico "What Did You Expect from the Vaccines?" (Sony Music, nas lojas esta semana), e que o produtor será o reputado Ethan Johns. "Nós experimentamos as músicas novas durante as passagens de som. É o que gostamos de fazer, todo dia a gente faz música", diz Young. "A escolha de Ethan é porque a gente ama o tipo de ocupação do espaço entre os instrumentos que ele consegue. Amamos os discos que ele fez com o Kings of Leon e o Ryan Adams", afirmou o cantor.

"Acho que nossa marca registrada são as canções que fazemos. Temos de seguir adiante com isso. No mais, nossa intenção é empurrar para a frente a tradição do pop clássico", disse. Segundo Young, apesar de ser um desafio fazer um segundo disco que não deixe cair a peteca da expectativa criada no primeiro, eles não temem nada. "Estou num momento diferente da minha vida agora. Um novo disco vai refletir isso, não o passado. O lance é manter um som que seja completamente reconhecível."

Fonte: Jornal A Tarde

Grupo carioca 4Cabeça faz shows gratuitos

Cantor baiano Maurício Baia integra o grupo 4Cabeça
Liderado pelo cantor Baia, ex-integrante da Rockboys, o grupo carioca 4Cabeça fará quatro shows gratuitos na Bahia, entre os dias 11 e 14 de abril.
Duas apresentações serão realizadas em Salvador, uma no Portela Café, no dia 11, às 21h, e a outra no Teatro Eva Herz, da Livraria Cultura do Shopping Salvador, no dia 13, às 19h. As outras acontecerão nos dias 12 e 14, em Alagoinhas e Conceição do Coité, respectivamente.
Todos os integrantes – Luís Carlinhos, Gabriel Moura e Rogê, além de Maurício Baia – têm carreiras individuais e solidificadas no Rio de Janeiro, estado onde todos nasceram, exceto Baia, que é baiano. Os quatro se reuniram há três anos para criar um trabalho autoral e poético, na divisa entre o experimento e a diversão.
O resultado desse encontro foi a produção de um CD homônimo, de Música Popular Brasileira, gravado em 2009 e lançado no mesmo ano, que reúne, no total, 11 canções.
Desde sua formação, a 4Cabeça vem tendo uma excelente resposta do público. O trabalho do quarteto rendeu ainda o 21º Prêmio da Música Brasileira na categoria MPB em 2010.
Na Bahia, será a primeira vez que a banda fará shows. As apresentações na capital baiana e nas duas cidades do interior serão baseadas no CD de estreia do grupo.

| Serviço |
Show dos 4Cabeça
Onde: Portela Café, no Rio Vermelho
Quando: Dia 11, às 21 horas
Quanto: Entrada franca

Onde: Teatro Eva Herz, da Livraria Cultura do Shopping Salvador
Quando: Dia 13, às 19 horas
Quanto: Entrada franca

Onde: Centro Cultural de Alagoinhas, em Alagoinhas
Quando: Dia 12 de abril, às 20 horas
Quanto: Entrada franca

Onde: Centro Cultural Ana Rios, em Conceição do Coité
Quando: Dia 14 de abril, às 20 horas
Quanto: Entrada franca

Fonte: Jornal A Tarde

Sucesso da Revista Muito é tema de debate

Nadja Vladi (D), editora-coordenadora da Muito, participou de debate no Fórum Revistas: ano 200
Poucas pessoas sabem, mas foi  em Salvador que nasceu a primeira revista do Brasil: “As Variedades”. Com conteúdo literário geral, a primeira publicação foi em janeiro de 1812 e suas poucas edições chegaram a ser incorporadas ao Jornal Idade d'Ouro do Brazil, primeiro da Bahia. Se ainda existisse, a revista completaria 200 anos. Para comunicólogos, trata-se de um marco para o setor de comunicação no Brasil que impulsionou à chegada de outras revistas anos depois, entre elas, o “Papão”, criado na Bahia em 1904 por Ernesto Simões Filho, fundador de A TARDE.
Como homenagem ao marco, a Revista Imprensa, com 25 anos completados em 2012, realizou, nesta terça,03, o “Fórum Revistas: ano 200”. O evento, ocorrido no auditório da Associação Baiana de Imprensa (ABI), na Praça da Sé, reuniu profissionais para discutir o mercado de revistas no Brasil diante das novas tecnologias e mídias sociais.
O fórum foi aberto com palestra do diretor da so+me digital, Sérgio Ludtke, ex-Revista Época, com o tema “Os dez mandamentos das revistas – das tábuas de Moisés aos tablets de Steve Jobs". Entre os convidados, o secretário de Comunicação do governo do Estado da Bahia, Robinson Almeida e o jornalista Venício Artur de Lima, do Observatório da Imprensa e Carta Maior.
Para o editor e diretor responsável da Revista Imprensa, Sinval de Itacarambi Leão, as empresas de comunicação precisam estar agregadas às mídias sociais.  “As empresas precisam entender os novos modelos de negócio. “É nesse ambiente econômico que estão se desenvolvendo os grandes grupos de produção de conteúdos. É uma lógica diferente de antigamente, quando a mesma empresa que produzia, distribuia”, afirma.

Revista Muito -  Nadja Vladi, editora-coordenadora da Revista Muito, produto dominical vinculado ao jornal A TARDE e a segunda revista mais lida da Bahia (atrás apenas da Veja), debateu sobre o futuro das revistas, com Janaína Lima, do Sistema Jornal do Comércio, e Luís Sérgio Santos, da Revista Fale!.
Para Vladi, que fez da Muito uma revista que fala de uma Bahia conectada com o mundo e sem estereótipos,  a iniciativa do fórum dá oportunidade aos profissionais de cruzar informações com várias pessoas do Brasil.
“Na Bahia, o mercado revisteiro está em expansão. Por mais que a gente pense que as pessoas estão transportando tudo para a internet, a plataforma de papel é muito querida. Eu compartilho a ideia de que um suporte não mata o outro. E sim agrega”, afirma.

Fonte: Jornal A Tarde

Atores baianos marcam presença em "Gabriela", da Globo

Frank Menezes vai interpretar um padre na novela das 23h
Frank Menezes
Pelo andar da carruagem, tudo indica que os telespectadores baianos finalmente irão reconhecer a cara e o sotaque da Bahia quando a nova versão de Gabriela entrar no ar.
Embora a Globo esteja evitando se pronunciar oficialmente sobre os preparativos, já se sabe que a versão de Walcyr Carrasco para a obra de Jorge Amado contará com um bom punhado de atores da terra.
Mais do que isso. Uma série de palestras e workshops já foi  realizada para imergir o elenco na história, na culinária e na prosódia da Ilhéus dos anos 1920, onde se passa a trama que terá direção de núcleo de Roberto Talma e direção geral de Mauro Mendonça Filho.

“Estamos vivendo um momento histórico da teledramaturgia brasileira, com a participação de um grande elenco baiano. Eles estão tendo todo o cuidado com o nosso sotaque. Desta vez, nós é que seremos a referência”, comemora Jackson Costa, que interpretará o jornalista Clóvis.

Gincana - O ator já está de malas prontas rumo à cidade de Canavieiras, onde as gravações devem se iniciar amanhã. Na segunda quinzena, parte para o Rio de Janeiro, para gravar no Projac. “É como uma gincana, cada semana sai um roteiro”, brinca.

Certamente, o Clóvis de Jackson irá encontrar o Loirinho de Widoto Áquila no set. “Ele é o jagunço braço-direito do coronel Melk Tavares“, é tudo que Áquila pode adiantar. “Os capítulos estão sendo escritos ainda, mas é um personagem que eu vou defender da forma mais verdadeira”, exulta.

O caminho de Loirinho cruza de raspão com o de Gabriela, personagem de Juliana Paes, que ele irá encontrar na cena que reproduz um mercado de escravos. Antes de rumar para Canavieiras, a atriz gravou no Parque Nacional Serra das Confusões, no Piauí, que serviu de cenário para a saga da personagem-titulo pelo sertão.

Mais perto da protagonista estará Clara Paixão, que interpretará Miquelina, uma das amigas de Gabriela. “Estar no meio de pessoas que até então só via na televisão é muito gratificante. Ainda mais por estarmos sendo respeitados e tratados com igualdade”, elogia.

Por enquanto, a atriz baiana ainda está servindo de plateia para os colegas. As cenas em que ela aparecerá serão gravadas somente na cidade cenográfica, cuja construção está sendo finalizada.

Novela das onze - O mesmo vale para Harildo Déda, Frank Menezes e Carlos Betão. O trio já está com contrato assinado, aguardando só o telefonema que definirá a data da viagem para o Rio de Janeiro.

“O roteiro deve sair sexta-feira”, diz Menezes, que dará vida ao padre Cecílio. Mas nada de ansiedade nem de colher de chá para a reportagem. “Acho que o melhor é deixar estrear”, despista o ator.

Já Déda não hesita em puxar a ficha do seu coronel Ribeiro. “É um mulherengo!”, revela, às gargalhadas. Só para situar o leitor, o personagem é unha e carne com o coronel Manuel das Onças, interpretado por Mauro Mendonça.

Carlos Betão também ganhou lugar no cotidiano dos poderosos, muito embora não seja um deles. “É um comerciante em decadência, mas seus principais clientes são os coronéis e suas esposas. Ele é pobre, mas tem um espírito coronelesco”, descreve o ator, convidado para interpretar Alceu.

Outros baianos, como Everton Machado, Bertrand Duarte e Heloísa Jorge, também estão confirmados, além de Emanuele Araújo e a cantora Ivete Sangalo, contratada para o papel de Maria Machadão, a dona de um bordel. Agora resta esperar que o horário das onze não seja ingrato com a novela.
Veja os personagens dos baianos:

Frank Menezes: O padre Cecílio irá interagir com todos os núcleos na cidade cenográfica.
Clara Paixão: Na primeira cena de Miquelina, ela e a amiga Gabriela ensaiam um reisado
Jackson Costa: Clóvis é um jornalista de esquerda, rival do coronel vivido por Antônio Fagundes
Carlos Betão: Embora a família não saiba, Alceu está falido. É a filha que irá sofrer as consequências
Harildo Déda: O coronel Ribeiro adora as “moças” do Bataclan e ainda arrasta asa para Gabriela
Widoto Áquila: O jagunço Loirinho será o braço-direito do truculento coronel Melk Tavares

Cláudia Leitte será tema de álbum de figurinhas virtual

Cláudia Leitte lançou seu novo projeto, um videoalbum com conteúdos exclusivos
Em lugar de figurinhas, videobits. As visitas frequentes à banca de revistas para comprar envelopes cheios de surpresas também ficam de lado: basta colocar o endereço no navegador e começar a brincadeira.
Esta é a proposta da CromoUp, empresa  mineira que lançou, em São Paulo, um novo conceito em álbum de figurinhas: o virtual com vídeos. O evento contou com a presença da cantora Claudia Leitte, primeira artista a ter seu próprio videoalbum. “Amei, acho que meus fãs vão amar também”.
À medida em que as figuras são completadas, surgem para o dono do álbum vídeos e outros conteúdos exclusivos, que podem inclusive ser compartilhados com os amigos via redes sociais como Facebook e Twitter. O acesso e o cadastro no site (www.cromoup.com) são gratuitos e as figurinhas (ou videobits, como são chamadas), a partir de R$ 5. O valor equivale a 50 pontos, mesmo custo de cinco pacotes contendo cinco videobits.
As figurinhas podem ser trocados entre os amigos. Os participantes da brincadeira poderão inclusive concorrer em sorteios e concursos com prêmios que vão desde fotos autografada a Ipads. “O videoalbum é uma plataforma inédita no mundo, uma tecnologia muito inovadora. Quebramos o paradigma das coleções de cartões e figurinhas, e temos o maior prazer em ter Cláudia Leitte assinando a primeira participação”, afirma Elton S. Gomes, fundador da CromoUp, que promete futuros lançamentos com Zico, Bebeto, padre Fábio de Mello e o ilusionista Issao Imamura.
Dentre os momentos que Claudia selecionou para dividir no videoalbum, estão imagens de bastidores de shows e até momentos de sua atual gravidez. “Temos mais de 300 horas filmadas para que os fãs possam participar mais de minha vida”, diz a cantora.

Fonte: Jornal A Tarde