segunda-feira, 20 de agosto de 2012

Chávez ameaça com retaliação caso embaixada do Equador seja invadida

O presidente venezuelano, Hugo Chávez, ameaçou nesta segunda-feira (20) o Reino Unido com "respostas contundentes" caso as autoridades britânicas invadam a embaixada equatoriana em Londres para deter Julian Assange, destacando que Quito "não está só" nesta questão.
"Haveria respostas muito contundentes caso o Reino Unido se atrevesse a violar a soberania equatoriana na embaixada do Equador" para deter Assange, fundador do site WikiLeaks, disse Chávez durante um ato transmitido pela TV estatal VTV.

Proesto é feito em frente à embaixada britânica em Nova York (Foto: AFP)Proesto é feito em frente à embaixada britânica em Nova York (Foto: AFP)
"Sugiro ao governo (britânico) que pense muito bem porque terminaram aqueles tempos nos quais os velhos impérios e os novos faziam conosco o que queriam. O Equador não está só".
Chávez, aliado do presidente equatoriano, Rafael Correa, não especificou que tipo de ação planeja adotar, mas destacou que está "preparado".

Asilo diplomáticoO Equador anunciou na semana passada a concessão de asilo diplomático a Assange por considerar que existem riscos para sua integridade e sua vida em consequência das revelações feitas no site Wikileaks.
Quito aceitou os argumentos de Assange, que denuncia uma perseguição política de vários países, principalmente dos Estados Unidos, devido à divulgação de centenas de milhares de comunicados diplomáticos e documentos de Washington sobre as guerras do Iraque e do Afeganistão.
O fundador do site WikiLeaks entrou na embaixada do Equador em Londres no dia 19 de junho, depois de esgotar todas as opções legais contra um pedido de extradição à Suécia, onde é acusado de crimes sexuais, o que ele nega.

AmeaçaNa quarta-feira passada, o chanceler equatoriano, Ricardo Patiño, denunciou a ameaça das autoridades britânicas de invadir a sede diplomática equatoriana em Londres.
"Recebemos por parte do Reino Unido uma ameaça expressa e por escrito de que poderão invadir nossa embaixada em Londres caso o Equador não entregue Julian Assange. O Equador rejeita, nos termos mais enérgicos, a ameaça explícita presente em uma comunicação oficial britânica" entregue à chancelaria em Quito.
O Foreign Office reagiu às declarações de Patiño afirmando que apenas "chamou a atenção do Equador sobre as disposições da legislação britânica, entre elas as garantias sobre os direitos humanos em nossos processos de extradição e o status legal das sedes diplomáticas", em referência à lei de 1987 que permite, em certas condições, suspender a imunidade.

Fonte: G1

Mulher é impedida de pular de prédio após matar sobrinho na China

Equipes de resgate e parentes conseguiram impedir uma mulher de cometer suicídio em Zhanjiang, na China, após ela ter matado seu sobrinho durante uma disputa familiar, segundo a imprensa local.
A mulher tentava pular de um prédio, mas foi impedida. O caso aconteceu na última terça-feira (14), mas as fotos só foram divulgadas nesta segunda-feira (20).

Mulher tentou pular de prédio após matar sobrinho em disputa familiar, segundo a imprensa chinesa (Foto: Reuters)Mulher tentou pular de prédio após matar sobrinho em disputa familiar, segundo a imprensa chinesa (Foto: Reuters)
Familiares se aproximaram e tentaram retirá-la do topo do edifício (Foto: Reuters)Familiares se aproximaram e tentaram retirá-la do topo do edifício (Foto: Reuters)Policiais também auxiliaram no trabalho de resgate (Foto: Reuters)Policiais também auxiliaram no trabalho de resgate (Foto: Reuters)

Fonte: G1

Ellen Jabour cai de patins e quebra braço e dois dentes

Ellen Jabour confere lançamento de celular em São Paulo (Foto: Orlando Oliveira/AgNews) 
Ellen Jabour
Ellen Jabour levou um tombão nesta segunda-feira, 20. A modelo contou em seu Twitter que caiu de patins e se machucou: "Hoje caí de patins, quebrei o braço, dois dentes e dei quatro pontos no queixo. Agora estou melhorzinha, mas rezem por mim? Não posso falar nem escrever", disse ela sem revelar se fez um esforcinho ou se alguém postou para ela.

Fonte: EGO

Jipe Curiosity pulveriza sua 1ª rocha em Marte

LOS ANGELES, 20 Ago (Reuters) - O jipe Curiosity desintegrou no domingo sua primeira rocha na superfície de Marte, usando uma pistola a laser com o objetivo de estudar sua composição mineral.

A rocha foi destruída com 30 pulsos de laser, durante um período de dez segundos, disse a Nasa em nota.

Cada pulso gera uma energia superior a 1 megawatt, durante cerca de 5 bilionésimos de segundo. Isso faz com que um minúsculo pedaço de pedra seja vaporizado, gerando uma fagulha que é analisada por um pequeno telescópio instalado no Curiosity.

O brilho ionizado, que pode ser observado e registrado a até 7 metros de distância, é então separado conforme seu comprimento de onda por três espectrômetros capazes de informar aos cientistas qual é a composição do alvo.

O aparelho, chamado ChemCam (pelas iniciais em inglês de "química" e "câmera") consegue discernir mais de 6.000 comprimentos de onda diferentes, em ultravioleta, infravermelho e no espectro de luz visível. A expectativa dos cientistas é realizar 14 mil medições durante a missão do laboratório móvel Curiosity.

A atividade realizada por volta das 8h de domingo (hora de Brasília) serviu apenas como "treino de alvo" para o instrumento. Mesmo assim, os cientistas vão examinar a composição dessa rocha.

O Curiosity, um jipe de seis rodas e uma tonelada, pousou em 6 de agosto dentro de uma cratera nos arredores do equador marciano, após uma viagem de oito meses pelo espaço. O aparelho deve passar dois anos enviando informações que permitam descobrir se Marte tem ou já teve condições para abrigar vida microbiana.

O projeto de 2,5 bilhões de dólares marca a primeira missão de microbiologia da Nasa desde as sondas Viking, enviadas a Marte na década de 1970. É também o mais avançado laboratório já despachado a outro corpo celeste.

A técnica empregada pelo ChemCam já é usada para analisar materiais em outros ambientes extremos, como dentro de reatores nucleares ou no leito marinho.

A tecnologia também tem aplicações experimentais no monitoramento ambiental e na detecção de tumores. Mas o exercício de domingo foi o primeiro uso na exploração interplanetária, segundo a Nasa.

O principal objetivo da Curiosity é explorar o monte Sharp, que fica a cerca de 7 quilômetros do ponto onde o jipe está - uma jornada que pode levar seis meses. Antes disso, os técnicos pretendem mobilizar o jipe num trajeto mais curto, de no máximo 500 metros.

Fonte: Terceira Via

Grécia precisa cortar mais 2,5 bi de Euros em dois anos

 

BERLIM (Reuters) - A Grécia provavelmente terá que cortar mais 2,5 bilhões de euros em gastos ao longo dos próximos dois anos para cumprir as exigências feitas por seus credores internacionais em troca de ajuda financeira, publicou a revista alemã Der Spiegel neste sábado.
Citando um relatório preliminar do grupo formado por Comissão Europeia, Banco Central Europeu e Fundo Monetário Internacional, a Der Spiegel disse que a Grécia precisará de 14 bilhões de euros nos próximos dois anos para conseguir que seu déficit fique abaixo dos 3 por cento no final de 2014, em comparação aos 11,5 bilhões estimados anteriormente. O déficit orçamentário do país ficou em 9,3 por cento em 2011.
O déficit de financiamento vez maior deve-se a reveses em planos de privatização e porque a economia, em seu quinto ano de recessão, está se saindo pior do que era esperado, disse a revista.
Os credores internacionais, que já resgataram a Grécia duas vezes, estabeleceram essas metas em troca de ajuda financeira. Uma decisão positiva do grupo é vital para que os credores decidam se vão manter os fundos fluindo para o país.
Os representantes do grupo escreveram seu relatório depois da última viagem que fizeram a Atenas, e irão determinar a quantia exata necessária quando visitarem a Grécia no início de setembro, divulgou a revista.
"A delegação também criticou em seu relatório que o governo do primeiro-ministro Antonis Samaras não foi capaz de explicar como as economias de 11,5 bilhões de euros deveriam ser alcançadas", disse a Der Spiegel. "Cerca de um terço está descoberto."
Na sexta-feira, uma autoridade do governo grego disse que a Grécia havia avançado para garantir os cortes, concordando com 10,8 bilhões dos 11,5 bilhões de euros no valor exigido dos cortes.
A autoridade não entrou em detalhes sobre de onde viriam os cortes e disse que as negociações para finalizar o pacote continuariam na segunda-feira.
Samaras vai se reunir na próxima semana com os líderes da França e da Alemanha - ele verá a chanceler Angela Merkel em Berlim na sexta-feira -, e também com Jean-Claude Juncker, chefe do Eurogrup de ministros das finanças. Ele deve fazer lobby para uma extensão de dois anos no prazo para reduzir o déficit orçamentário do país.
Segundo um jornal grego, funcionários do Ministério das Finanças calcularam que a economia iria se recuperar mais rápido e sua dívida seria mais sustentável se a Grécia recebesse mais dois anos de prazo, mas é improvável que os líderes nos Estados credores cedam facilmente.
No entanto, já existe uma cláusula no acordo de resgate de 130 bilhões de euros (160,7 bilhões de dólares) da Grécia que diz que o período de ajuste do déficit pode ser estendido se a recessão no país for maior do que esperado.
A economia da Grécia contraiu a uma taxa anual de 6,35 por cento no primeiro semestre deste ano, em comparação a uma previsão de 4,7 por cento de contração para o ano todo feito pela UE/FMI. Samaras disse no mês passado que a economia iria contrair em mais de 7 por cento em 2012.

Fonte: Terceira Via

Soldado é condenado por espancar noiva até ela 'ficar feia'

Jason Hughes espancou a noiva, Natalie Allman, por sete horas e cortou a garganta da jovem. Foto: Reprodução
Jason Hughes espancou a noiva, Natalie Allman, por sete horas e cortou a garganta da jovem
Foto: Reprodução

Um soldado britânico foi condenado a nove anos de prisão após espancar a sua noiva por sete horas e cortar sua garganta com o objetiva de fazer ela "ficar feia". Ele agrediu a jovem depois que ela terminou o relacionamento que mantinham, informa nesta segunda-feira o site do jornal britânico Daily Mail. Jason Hughes, 40 anos, atacou Natalie Allman, 26 anos, quando ela estava deitada em sua cama no dia 3 de fevereiro deste ano. Apesar de ter concordado com o término do relacionamento entre os dois, o soldado tentou sufocá-la com um travesseiro e depois começou a espancá-la com um halter.
Depois de bater na ex-noiva por repetidas vezes, ele usou uma lâmina de 20 cm para abrir um corte na garganta da vítima. Após sete horas, ele finalmente chamou uma ambulância. Alman sofreu oito lesões na cabeça e fraturou oito ossos da face durante a sessão de espancamento.
O incidente aconteceu na casa que eles dividiam com os dois filhos gêmeos de 2 anos em Ross-on-Wye, no Condado britânico de Heredord. As crianças testemunharam parte das agressões. Hughes e Allman se separaram em dezembro do ano passado, mas ainda moravam junto na época da agressão porque o soldado procurava um novo lugar para viver.
Hughes foi condenado a nove anos de prisão por agressão com o intuito de causar dano corporal grave por um tribunal da localidade de Worcester no último dia 2 de agosto. "A intenção dele era causar uma cicatriz horrorosa que ela não pudesse esconder quando se vestisse para ficar bonita", disse a advogada de defesa Abigail Nixon ao tribunal. "Ele estava tentando fazer com que ela ficasse feia para outros homens", acrescentou.

Fonte: Terra

Comissão da UnB investigará suspeita de assassinato de Anísio Teixeira, em 1971

Brasília – A Comissão de Memória e Verdade da Universidade de Brasília (UnB) investigará a suspeita que o ex-reitor da Universidade de Brasília (UnB), Anísio Teixeira, foi assassinado em março de 1971, por agentes do Estado, após ser sequestrado e levado para uma unidade da Aeronáutica, quando se dirigia à casa do filólogo Aurélio Buarque de Holanda Ferreira, em Botafogo, no Rio de Janeiro, conforme informou hoje a Agência Brasil.
Segundo a nova versão, Anísio sofreu tortura e foi encontrado com vários ossos quebrados e traumatismo na cabeça e no ombro, devido a pancadas com objeto de forma cilíndrica, possivelmente feito de madeira. Na época, o Jornal do Brasil em 15 de março de 1971 (>>Leia reportagem sobre a morte do educador publicada no JB)  já levantava a possibilidade de um crime ao informar que "a 10a. Delegaica Policial registrou o caso como suspeita de homicídio, mas, até as últimas horas da noite de ontem, não se sabia se tratava de homicídio ou acidente".
No final de semana seguinte, a revista Veja, em sua edição 133 com data de capa de 24 de março de 1971, também registrava a suspeita sobre a causa morte do professor. Ela, depois de afirmar que a primeira hipótese levantada foi a do acidente, expôs: "Sem descartar de vez essa hipótese, os policiais começam, entretanto, a examinar alguns dados  que permitem acreditar na possibilidade de morte criminosa. Entre eles, a posição em que o corpo foi encontrado (de cócoras, com a cabeça sobre os joelhos e as mãos parecendo segurar as pernas), inédita em acidente do gênero".
A versão do assassinato, segundo a reportagem da Agência Brasil, é admitida pela família do ex-reitor. Ela veio a público na semana passada, em Brasília, no momento de instalação da comissão de memória e verdade da UnB.
Durante a cerimônia, João Augusto de Lima Rocha, professor da Universidade Federal da Bahia (UFBA) e biógrafo de Anísio Teixeira, anunciou que tinha conhecimento do assassinato conforme lhe con fidenciara, em relatos diferentes, o ex-governador da Bahia Luís Viana Filho (1967-1971) e o professor e crítico literário Afrânio Coutinho.
Anísio Teixeira teria sofrido tortura de acordo com a nova versão apresentada
Anísio Teixeira teria sofrido tortura de acordo com a nova versão apresentada
“Essa suspeita perdura até hoje entre os familiares. Nunca se soube uma situação que objetivamente negasse isso. Muito pelo contrário, ficaram sempre situações não esclarecidas. Então, não nos surpreendeu [a revelação do professor João Augusto] porque, vez por outra, já tinham sido levantadas que se processaria alguma coisa no sentido de investigar isso”, confirmou à Agência Brasil, o médico psiquiatra Carlos Antônio Teixeira, terceiro filho de Anísio Teixeira.
Segundo a versão oficial, o ex-reitor morreu após cair acidentalmente no poço do elevador de serviço do prédio onde morava Aurélio Buarque. Conforme Carlos Antônio, a família sempre desconfiou da versão, mas temia buscar investigação aprofundada. “Nós, na verdade, não víamos clima e nem maior mobilização para isso. Por isso, nos mantivemos distantes. Na época, tentamos clarear os fatos, mas as coisas tomaram o caminho de querer culpar o mordomo, aí desistimos de prosseguir”, disse, ao salientar que a família “sempre se dispôs” à qualquer iniciativa de investigação apesar de nunca ter tomado a frente. “A família tinha medo de sofrer retaliações”, complementa o professor João Augusto.
A suspeita sobre as circunstâncias da morte de Anísio Teixeira será investigada pela Comissão de Memória e Verdade da UnB, que por coincidência tem o nome do ex-reitor, em uma homenagem a ele. A informação é do historiador da UnB José Otávio Nogueira Guimarães, coordenador de investigação da comissão. “Anísio Teixeira era alguém que incomodava. Ele foi cassado [depois do golpe militar de 1964], mas não tinha posições de esquerda explícita. Tinha, porém, projetos e uma forma de pensar que certamente não agradava o regime”, avalia o historiador.
Conforme o professor João Augusto, quem primeiro confidenciou a versão de assassinato foi Luís Viana Filho, que a época (dezembro de 1988) escrevia o livro Anísio Teixeira: a Polêmica da Educação (Editora Unesp). Viana, que apoiou o golpe e era próximo do marechal Castello Branco (primeiro presidente militar), “teve informação de que Anísio não tinha morrido, estava detido em instalações da Aeronáutica no Rio.”
O segundo depoimento foi de Afrânio Coutinho (março de 1989) na casa e na presença de James Amado (irmão de Jorge Amado) e da sua esposa Luiza Ramos (filha de Graciliano Ramos). “Ele me disse que presenciou a necrópsia de Anísio Teixeira. Pelos ossos que estavam quebrados de Anísio, ele não admitia que tenha sido queda. Quase todos os ossos estavam quebrados. A versão era de que ele foi sequestrado no caminho [à casa de Aurélio Buarque] e submetido à tortura”. Conforme o relato de Afrânio, “Anísio também disse a ele que estava recebendo telefonemas com ameaças.”
Carlos Antônio Teixeira acrescenta que no momento do suposto sequestro, Anísio tinha em sua pasta um texto do Partido Comunista Brasileiro, o Partidão (que estava na clandestinidade, mas era contra a guerrilha). O texto, que desapareceu, foi dado ao ex-reitor pelo próprio filho – ele, sim, militante do PCB. “Era um documento crítico. Falava da ditadura, não falava das pessoas, mas das perspectivas próximas e imediatas”, descreveu Carlos Antônio à Agência Brasil. De acordo com ele, o pai “achou o texto lúcido e por causa da clandestinidade do Partidão não se afastava fisicamente do documento.” A pasta e outros documentos de Anísio Teixeira foram devolvidos à família.
Além de Afrânio Coutinho, a necropsia de Anísio Teixeira foi testemunhada pelos médicos e amigos do ex-reitor: Diolindo Couto (neurologista), Domingos de Paola (professor titular de anatomia patológica) e Francisco Duarte Guimarães (anatomopatologista do do Hospital dos Servidores). Todos os três médicos, assim como Afrânio Coutinho e Luís Viana Filho, já estão mortos.
A Comissão de Memória e Verdade da UnB deverá fazer a primeira reunião de trabalho na próxima semana e terá acesso ao acervo do Arquivo Nacional, entre outros, além de ser apoiada pela Comissão da Verdade do governo federal, a quem deverá encaminhar o relatório final.
Procurado pela Agência Brasil, o Ministério da Defesa informou que não irá se manifestar sobre o assunto e que o caso deve ser tratado no âmbito da Comissão da Verdade.

Fonte: Jornal do Brasil

Obama diz que pode repensar envolvimento dos EUA na Síria

O presidente dos Estados Unidos, Barack Obama, disse nessa segunda-feira (20) que Washington pode repensar seu envolvimento no conflito na Síria caso o presidente Bashar al-Assad utilize armas químicas. Segundo Obama, os EUA considerarão ultrapassar uma “linha vermelha” o uso ou a preparação para uso de armas químicas ou biológicas para atacar rebeldes no país. Nesta segunda-feira, os rebeldes sírios começaram a falar na unificação das brigadas do Exército Livre da Síria (ELS).
O presidente americano, destacando que “até este momento” não ordenou engajamento militar de suas forças armadas na Síria, disse a jornalistas que preocupa muito aos EUA e a seu aliado na região, Israel, a questão das armas químicas e biológicas.  
“Uma linha vermelha para nós é (se) virmos uma movimentação ou utilização de armas químicas. Isso mudaria o meu cálculo”, disse Obama.

Jornalistas
Uma jornalista japonesa, cujo nome não foi divulgado, morreu após conflitos em Suleiman al-Halabi, bairro da região leste de Aleppo, onde houve violentos confrontos nesta manhã. De acordo com a ONG Observatório Sírio de Direitos Humanos (OSDH), outros três jornalistas, uma libanesa, um árabe e um turco, estão desaparecidos na cidade. Ao menos 25 profissionais da imprensa morreram em decorrência dos conflitos na Síria desde o início do ano, segundo a Press Emblem Campaign (PEC).

Fonte: Jornal do Brasil

'Bruno' do 'KLB' foi Atropelado



Foto:Divulgação
Bruno do KLB, sofreu um acidente na madrugada desta segunda-feira (20). Ele foi atropelado no cruzamento das avenidas Juscelino Kubitschek e Brigadeiro Faria Lima, na região do Itaim Bibi, zona sul de São Paulo.

A assessoria de imprensa do KLB, informou que Bruno estava tirando fotos com algumas fãs, quando uma garota deu marcha ré no carro e o atropelou sem querer.

O músico de 28 anos foi levado para o hospital Albert Einstein. Acompanhado da mãe Regina, com um machucado na perna, ele irá fazer alguns exames por causa das escoriações, mas que deve deixar o hospital ainda hoje.

*Com informações do UOL.

Quem é 'Gina Indelicada'?


A mais nova febre da internet:a página "Gina Indelicada" no Facebook.Famosa ilustração feminina da caixa de palitos 'Gina', a personagem loira e sorridente tornou-se concentradamente 'curta e grossa'.

A criação é de um jovem de 19 anos de São Paulo, estudante de Publicidade.
Os usuários fazem as perguntas, e ele e mais alguns amigos respondem.

O 'mau-humor' é aparente, porque a dinâmica é justamente contrária:são textos bem inspirados e bastante cômicos.
Confira alguns:



Foto:Reprodução


Foto:Reprodução


Foto:Reprodução

Foto:Reprodução

Foto:Reprodução

Foto:Reprodução

Foto:Reprodução

Foto:Reprodução



Foto:Reprodução

Gostou?!Vá na Gina:

Tiroteio que matou menina na Zona Norte também deixou morador ferido

Rio -  A menina Yasmin de Moura Camilo, de 6 anos, não foi a única vítima do tiroteio na Zona Norte, no fim da noite deste domingo. Um pintor identificado como Anderson Freitas de Souza, de 34 anos, foi baleado de raspão no joelho direito. Ele foi levado para o Hospital Carlos Chagas, em Marechal Hermes, e recebeu alta na manhã desta segunda-feira. Eles foram alvejados no Conjunto das Casinhas, na Estrada do Camboatá, em Guadalupe.
Yasmin de Moura Camilo foi atingida na cabeça com um tiro de fuzil. “Ela pediu R$ 1 à mãe para brincar no pula-pula. Quando estava indo, começou o tiroteio e ela foi atingida”, disse o pai da vítima, o garçom Antônio Severino, que tem outros 9 filhos.
Moradores da comunidade dizem que as ações policiais são frequentes na região. "Um veículo blindado entrou na favela atirando. Isso é comum por aqui", disse um morador, que preferiu não se identificar.
PM diz que não fez operação
A Polícia Militar informou, na manhã desta segunda-feira, através de nota, que policiais do 41º BPM (Irajá) não realizavam qualquer operação em Costa Barros e comunidades do entorno. De acordo com a PM, um blindado da unidade estava estacionado na Estrada do Camboatá, intensificando o patrulhamento com o objetivo de reprimir o roubo de veículos.
Um motorista que passava pelo local avisou aos policiais que perto dali havia cerca de 30 de bandidos tentando fechar a rua. O blindado foi deslocado para o local e recebido a tiros, mas não houve revide por parte dos militares. Segundo o comandante do 41º BPM, tenente-coronel Carlos Eduardo Sarmento, os policiais não dispararam qualquer tiro. Logo após, foram informados de que uma menina estava ferida.
De imediato, os PMs levaram a criança para a Unidade de Pronto Atendimento (UPA) de Costa Barros e transferida para o Hospital Souza Aguiar, veio a falecer. Na delegacia a guarnição disponibilizou as armas para o delegado.  A criança não tinha certidão de nascimento e familiares tentam agilizar a parte burocrática para realizar o sepultamento.
Estudante morre durante operação do Bope em Benfica
Elizeu Santos Trigueiro da Silva, de 15 anos, morreu durante uma operação do Batalhão de Operações Especiais (Bope) na Favela do Arará, em Benfica, na noite da última sexta-feira. Os pais do jovem pretendem processar o estado.
Revoltados, eles acusam agentes da corporação de terem assassinado Elizeu com tiros de fuzil na testa, no rosto e no tórax. O corpo do adolescente foi enterrado na manhã deste domingo, no Cemitério do Caju.
“Não vamos deixar essa covardia passar em branco. O estado não pode invadir nosso espaço para matar nossos filhos, sem ao menos pedir a identificação”, desabafou João Batista Trigueiro da Silva, 42, pai do adolescente.
Foto: Severino Silva / Agência O Dia
Mãe de jovem disse que policiais estavam "com diabo no corpo" | Foto: Severino Silva / Agência O Dia
Durante o enterro, acompanhado por cerca de 80 pessoas da comunidade, a diarista Áurea Cristina da Silva Santos, 41, mãe de Elizeu, também disse querer justiça.
“Meu filho pediu para jogar a chave, e eu joguei, mas aqueles policiais com o diabo no corpo o mataram covardemente”, repetia, aos prantos.
Áurea conta que, por volta das 23h30 de sexta-feira, o filho, que estava numa festa no apartamento de um vizinho, foi em casa pegar gelo. Ele gritou para que a mãe jogasse a chave e, ao abaixar para apanhá-la, teria sido surpreendido por PMs.
Foto: Carlos Moraes / Agência O Dia
Elizeu foi morto durante operação do Bope no Arará | Foto: Carlos Moraes / Agência O Dia
Ao ver o desespero de Áurea, que assistiu à execução da janela do terceiro andar, um dos policiais ainda teria atirado contra ela. O disparo fez um rombo no teto do apartamento.
Pelo Twitter, no sábado, o Bope alegou ter encontrado o jovem ferido e o levado para o Hospital Geral de Bonsucesso. As armas dos PMs foram recolhidas para perícia.
A Delegacia de Homicídios (DH) assumiu a investigação da morte do estudante, no lugar da 21ª DP (Bonsucesso). Segundo a assessoria de imprensa da Polícia Civil, a especializada fará reconstituição do crime.

Humor no Face

Justiça da Romênia decidirá validade do referendo

A Corte Constitucional da Romênia poderá decidir amanhã (21) se o referendo para o impeachment do presidente romeno Traian Basescu foi válido ou não. Basescu está afastado do cargo, que é exercido interinamente por Crin Antonescu. O referendo aconteceu no fim de julho e menos de 46% dos eleitores votaram - 8 milhões de uma população de cerca de 19 milhões de romenos. Desses 8 milhões, 78% pediram o afastamento de Basescu. Como o porcentual de votantes ficou abaixo dos 50% previstos em lei, a Corte Constitucional terá de decidir sobre a validade do referendo do impeachment de Basescu.
Suspenso pelo Parlamento local no começo de julho, Basescu afirma que foi vítima de uma tentativa de golpe por políticos contrários às investigações de corrupção conduzidas por seu governo. O mandato de Basescu na presidência da Romênia terminaria em 2014.
Na última sexta-feira (17), o primeiro-ministro romeno, Victor Ponta, pediu à Corte Constitucional do país que tome uma decisão clara, seja a favor ou contra a validade do referendo que decidiu pelo impeachment de Basescu, a fim de ajudar a pôr fim à incerteza política que prejudica a Romênia economicamente. Em entrevista ao The Wall Street Journal, Ponta disse que "esse é o pior momento para uma crise política", em termos de situação econômica e financeira em toda a Europa. "Pelo bem do país, eles (os juízes da Corte) precisam chegar a um veredicto", disse o premiê.
Para o analista de mercado Daniel Hewitt, do banco Barclays, quer o tribunal reconduza Basescu ao cargo ou não, os mercados financeiros da Europa não serão abalados. "Se a corte validar o referendo e Antonescu continuar presidente, uma nova eleição ocorrerá em três meses e Antonescu deverá ser eleito. Isso acalmará a política romena e não afetará de verdade a Europa. A Romênia é muito pequena e pouco importante para a União Europeia (UE)", disse Hewitt, em entrevista à Agência Estado.
A Romênia também terá eleições parlamentares em novembro. Hewitt acredita que, vença o partido de centro-direita de Antonescu, ou a coalizão de centro-esquerda do primeiro-ministro Victor Ponta (a Uniunea Social Liberala - União Social-Liberal), a Romênia deverá manter seus compromissos firmados com o Fundo Monetário Internacional (FMI) e a UE, dos quais recebeu mais de 10 bilhões de euros desde 2009, quando entrou em recessão.
A Romênia passou a integrar a UE em 2004. Como sua vizinha Bulgária, não adotou o euro e está em recessão há anos.
"Eles sabem que precisam da UE e do FMI para obter credibilidade. O problema (dos partidos romenos) será manter as promessas irrealistas que possivelmente não poderão cumprir com o eleitorado. Então talvez o FMI lhes ajude a lidar com isso", diz Hewitt.
A crise política na Romênia levantou dúvidas entre investidores sobre a capacidade do país de levar adiante as necessárias medidas econômicas, o que derrubou a moeda romena - o leu - para mínimas recordes frente ao euro durante o verão europeu, afetando empresas e consumidores romenos. Nos últimos dias, o leu mostrou recuperação, sustentado por intervenções do banco central local e pela indicação do FMI e da UE de que a política fiscal continua amplamente dentro do acordo. "Se a crise política terminar, ajudará ainda mais a sustentar a moeda e a economia em geral", disse o premiê romeno. "O período de turbulência está se estendendo muito", criticou. Com informações da Dow Jones.

Derp deseja muito ter um 'TABLET'

De Memes do Facebook.
Episódio: Derp ganha um TABLET

Polícia paquistanesa investiga garota por blasfêmia

Autoridades paquistanesas disseram nesta segunda-feira que prenderam uma menina cristã e estão investigando se ela violou as leis contra blasfêmia, após vizinhos furiosos terem cercado sua casa e exigido que a polícia tomasse providências. De acordo com o policial Zabi Ullah ela foi levada na quinta-feira.
"Entre 500 e 600 pessoas juntaram-se no lado de fora da casa dela, em Islamabad. Estavam bastante bravos e poderiam tê-la ferido se nós não tivéssemos agido logo", afirmou Ullah. Os muçulmanos pediram a prisão da garota por supostamente ter queimado páginas do Corão.
No Paquistão, qualquer um que seja considerado culpado de insultar o profeta Maomé ou o livro sagrado dos muçulmanos, o Corão, pode ser condenado à morte, apesar das execuções raramente serem realizadas. O extremismo no país geralmente faz com que minorias religiosas vivam com medo.
Um policial que não quis se identificar afirmou que o caso provavelmente será arquivado. Os oficiais não souberam precisar a idade da grota, apenas que ela é adolescente. As informações são da Associated Press.

Briga entre presidiários deixa 20 mortos na Venezuela

Pelo menos 20 pessoas morreram, entre elas um parente de um detento, em um confronto entre internos do presídio Yare I, afirmaram autoridades da Venezuela nesta segunda-feira. A ministra de Serviços Penitenciários, Iris Varela, confirmou que o motim aconteceu durante a noite de domingo (horário local) e que a situação está controlada.
"Alguns que foram os líderes terão que responder por isso", afirmou Varela para a emissora de televisão estatal. "Vamos conversar com eles (os presos) para tratar de impor a ordem ali", disse a ministra sobre o presídio localizado a 80 km de Caracas.
Durante o primeiro semestre deste ano, 304 detentos morreram e outros 527 ficaram feridos em diversos motins e enfrentamentos em cárceres por toda a Venezuela, afirma a ONG Observatório Venezuelano de Prisões. A ministra descartou que a oposição possa utilizar o incidente para criticar o presidente Hugo Chávez, que está em campanha eleitoral. Organizações de direitos de presos e a oposição vêm questionando duramente as medidas de Chávez para resolver a crise carcerária. As informações são da Associated Press.

Morre o cineasta Tony Scott, diretor de Top Gun

 
O cineasta Tony Scott, diretor de filmes como "Top Gun - Ases Indomáveis" e "Maré Vermelha", faleceu aos 68 anos após cair de uma ponte no Porto de Los Angeles, um fato que as autoridades averiguam como um suicídio, segundo informou nesta segunda-feira "The Hollywood Reporter".

O irmão do também diretor Ridley Scott ("Alien", "Blade Runner - O Caçador de Androides") foi achado morto nas águas turvas dos canais da zona portuária em torno das 16h30 do domingo (horário local, 21h30 em Brasília).

Segundo "Los Angeles Times", várias pessoas viram como quatro horas antes um homem estacionou seu veículo na ponte Vincent Thomas, que atravessa a zona portuária na área de Long Beach, escalou a cerca de segurança de 3 metros de altura e em seguida saltou desde essa estrutura que se ergue a cem metros do solo.

O corpo foi localizado com equipes de rastreamento submarino pela Polícia do porto e identificado como Tony Scott.

As autoridades averiguam o caso como um aparente suicídio. O diretor de "Spy Game" deixou a Polícia uma nota cujo conteúdo não foi divulgado.

Nascido em 21 de julho de 1944, Scott ganhou fama na indústria como diretor de anúncios para televisão antes de se confirmar na grande tela com "Top Gun - Ases Indomáveis" (1986) e iniciar uma prolífica carreira centrada no gênero do "thriller" e na qual trabalhou em cinco ocasiões com o ator Denzel Washington.

Seu último filme como diretor, "Incontrolável" (2010), foi também sua última colaboração com Washington com quem um ano antes fez o remake "O Sequestro do Metrô 123", assim como "Déjà Vu", "Chamas da Vingança" e "Maré Vermelha" em 2006, 2004 e 1995, respectivamente.

Outras de seus filmes mais conhecidas são "Um Tira da Pesada II" (1987), "Vingança" (1990), "Dias de Trovão" (1990), "Amor à Queima-Roupa" (1993), "Jogo de Espiões" (2001) e "Domino: A Caçadora de Recompensas" (2005).

Como produtor, junto a seu irmão, realizou projetos como o recente "Prometheus", assim como séries de televisão como "Numb3rs" e "The Good Wife".

Pouco após confirmada sua morte, muitos artistas de Hollywood lançaram mão de sua conta em Twitter para transmitir seus pêsames.

"Não haverá mais filmes de Tony Scott. Um dia trágico", disse o diretor Ron Howard; "Horríveis notícias sobre Tony Scott. Descanse em paz", comentou o ator Elijah Wood, que foram alguns dos primeiros artistas do setor a reagir publicamente à morte.

Tony Scott morava em Beverly Hills, era casado com a atriz Donna Scott e tinha gêmeos.

Fonte: Cine In Site

Derpina, a maldita!

Entrevista com Derpina

A Culpa é da Derpina?

http://4.bp.blogspot.com/-l8UjKbfVmNk/Tbo0K7V6WhI/AAAAAAAAB1A/j4Tr0l-8VQw/s1600/diasozinha_leninja.jpg