sexta-feira, 26 de outubro de 2012

Justiça determina interdição parcial da penitenciária de Montenegro

Um dos maiores presídios do Estado foi parcialmente interditado na manhã desta sexta-feira. A Penitenciária Estadual de Montenegro, no Vale do Caí, não poderá receber novos detentos até que comprove que está adequando seu sistema de esgoto.

Atualmente o presídio tem 1,2 mil detentos, sendo que a capacidade seria para 476. Um novo módulo, que deve ser concluído no próximo mês, iria atenuar a superlotação, mas a Superintendência dos Serviços Penitenciários (Susepe) projetava transferir presos do Presídio Central para o local.

Até que a Susepe realize obra para readequar o sistema de esgoto, nenhum preso entrará pelos portões da penitenciária, incluindo as possíveis transferências de presos de Porto Alegre. A conclusão da Justiça é de que o sistema atual está poluindo o meio ambiente, levando uma grande carga orgânica para arroios e também para o Rio Caí.

Problemas desde 2008
Os problemas que resultaram na interdição do presídio foram constatados pelo Ministério Público em 2008. Naquela ocasião, a penitenciária chegou a ser parcialmente interditada por um ano. Um acordo foi firmado na Justiça, em que o Governo do Estado se comprometia a realizar obras de limpeza das lagoas de decantação, construir uma nova lagoa, e fazer uma manutenção nas bombas que levam o esgoto até as estações de tratamento.

— Parte do esgoto está indo para a natureza sem nenhum tratamento. Mesmo a parte que passa pelas lagoas está sendo despejada fora dos padrões estabelecidos — explica o promotor especializado de Montenegro, Thomás Colletto.

A Susepe afirma que ainda não recebeu o ofício da Justiça determinando a interdição. O documento será analisado, e só então a direção da Susepe se manifestará. 

Fonte: ZEro HOra

Detran exigirá que veículos sejam fotografados antes de ir para depósitos

 Detran exigirá que veículos sejam fotografados antes de ir para depósitos Ronaldo Bernardi/Agencia RBS
Após reportagem de Zero Hora que flagrou veículos sendo depenadas em Porto Alegre, o presidente do Detran, Alessandro Barcellos, tinha anunciado em agosto 10 medidas destinadas a sanear os depósitos de veículos e dificultar furtos. Algumas foram proteladas, outras implantadas parcialmente, mas outras serão implementadas de forma imediata. É o caso da exigência de que qualquer veículo seja fotografado, antes de ser levado ao centro de remoção do Detran. Ela será exigida em 30 dias.

— Exigiremos de cinco a sete fotos, no local do acidente ou do encontro do veículo furtado. O depósito deverá guardar isso num CD e, se ocorrer queixa do proprietário do automóvel, ele terá de nos mostrar as condições em que encontrou o carro. No futuro, essas fotos serão enviadas para um banco de dados, via computador — anuncia Barcellos.

Veja como estão as providências anunciadas pelo Detran logo após a reportagem de ZH sobre furtos:
1 - Separação de áreas para veículos recolhidos por infrações de trânsito administrativa, questões policiais, judiciais ou perícia — parcialmente implantada.

2 - O check list (Auto de Retirada de Veículo de Circulação), além de mais detalhado, deverá ser preenchido também pelo agente do órgão que realizou a apreensão (hoje apenas o guincheiro assina o documento) — implantada parcialmente.

3 - Desenvolvimento de sistema informatizado pela Procergs com integração de dados, agregando fotografias ao prontuário do veículo, para maior controle — não implantada, depende da Procergs
4 - Procedimentos de registro fotográfico dos veículos no local da ocorrência e no acesso ao depósito, além de decalques de chassi e motor e fotografias — não implantada, mas já agendada para daqui a 30 dias.

5 - Restrição de acesso de pessoas a veículos recolhidos por ilícitos, salvo que haja uma autorização policial — implantada parcialmente.

6 - Veículos apreendido por restrições estruturais (como rebaixamento fora das normas) poderão ser retirados do depósito para que a retificação seja feita em oficina (hoje, os mecânicos fazem o conserto dentro dos próprios depósitos, em uma área imprópria) — já implantada.

7 - Aceleração nas perícias a cargo do Instituto-geral de Perícias (IGP) em depósito e nas liberações policiais e judiciais — implantada parcialmente, depende do IGP
8 - Intensificação de leilões de sucatas — implantada parcialmente.
9 - Novos credenciamentos de depósitos para a capital do Estado e interior — implantada parcialmente.

10 - Uso de lacres, fitas e similares nas portas dos veículos apreendidos — não implantada.


43 veículos depenados, não apenas três

Em 19 de agosto, na reportagem Depenados, Zero Hora mostrou que veículos eram depenados dentro das dependências de um depósito oficial do Departamento Estadual de Trânsito (Detran). Foram flagrados dois automóveis (um Uno e um Gol) e um caminhão Mercedes-Benz tendo partes furtadas por funcionários do SOS Esteio, Centro de Remoção de Veículos situado na zona norte de Porto Alegre.

No dia seguinte, o Detran interditou esse estabelecimento, que era credenciado para receber automóveis apreendidos ou encontrados após serem abandonados por ladrões. Agora se sabe que as vítimas não foram três, mas dezenas.

GALERIA DE FOTOS: veja mais imagens da vistoria

A interdição serviu para realização de uma auditoria, cujo resultado foi anunciado nesta sexta-feira pelo Detran. Foram analisados 1.643 veículos e constatado que, em 43 deles (2,5% do total), sumiram itens como sistema de som, espelho retrovisor externo, baterias ou pneus sobressalentes.

Foram também encontradas motocicletas sem o devido capacete e outros veículos sem acessórios, como macaco, baú e triângulo. A inspeção revelou também a falta de alguns itens pessoais dos proprietários dos veículos, como notebook, televisor e pen drives.

O mais incrível é que um automóvel sumiu inteiro. Há indícios de que ele teria sido entregue a autoridades municipais, mas isso ainda não ficou comprovado. Se o veículo não aparecer, o depósito terá de indenizar o proprietário.

Como o Detran conseguiu comprovar o sumiço desse material?

— Confrontamos o check-list preenchido pelas autoridades (guardas de trânsito, policiais) com o que foi encontrado por nossos auditores, na inspeção. Os veículos foram examinados, um por um. Tudo o que faltou anotamos — descreve o presidente do Detran, Alessandro Barcellos.

Barcellos afirma não ter condições de provar se os objetos sumiram antes ou durante o período de permanência dos carros no depósito. É que os sumiços não foram filmados (exceto os flagrantes feitos por ZH), mas comprovados apenas pelo cotejo entre o documento preenchido por quem apreendeu e o exame físico do veículo.

De qualquer forma, a responsabilidade pelo sumiço é do depósito, diz o presidente do Detran. Ele admite que todos os casos de sumiço de peças são passíveis de indenização por parte do SOS Esteio. O Detran constatou ainda outras falhas no depósito, administrativas, como preenchimento equivocado de dados sobre veículos ali depositados, processos cadastrados em duplicidade e liberação de veículos sem o encerramento do processo. Por tudo isso, foi mantida a interdição do SOS Esteio — ou seja, novos veículos não podem lá ser descarregados. O depósito terá prazo para se defender e, se a defesa não for aceita, será descredenciado, não podendo mais receber veículos apreendidos pelo poder público.

O depósito também foi intimado a retirar todos os 1,6 mil veículos ali abrigados. Não em decorrência do furto de peças, mas pela suspeita de possível contaminação do terreno onde fica o SOS Esteio. Eles serão removidos para Esteio, onde a empresa possui outro depósito.

Tramita ainda na Polícia Civil um inquérito criminal que analisa os saques de veículos flagrados por Zero Hora. Já há decisão de indiciar criminalmente, por peculato, três funcionários do SOS Esteio.

Fonte: Zero Hora

Judocas brasileiras estreiam contra México no Mundial

Cabeça de chave número dois, o Brasil vai estrear apenas na segunda fase da chave masculina do Mundial por Equipes de Judô, que acontece neste fim de semana, em Salvador. Como são 14 equipes na competição, duas delas vão ficar de bye nas oitavas de final - a outra com esse privilégio é a França.
Assim, os brasileiros vão esperar pelo confronto entre Rússia e Ucrânia para conhecer seu primeiro adversário. Apesar de os russos, com três medalhas de ouro e uma de bronze, terem liderado o quadro de medalhas dos Jogos Olímpicos, a equipe não assusta tanto, uma vez que os principais nomes do judô daquele país não vieram ao Brasil.
Depois, se avançar para a semifinal, o time brasileiro pegará o vencedor da chave que tem Coreia, Mongólia, Argélia e Argentina. Candidatos ao título, França, Cuba, Japão e Geórgia estão no lado oposto do chaveamento.
No feminino, o Brasil não deu tanta sorte. A equipe, que nunca conquistou medalhas em Mundiais mas chega a Salvador como uma das favoritas, estreia contra o México, rival de pouca tradição. Depois, pega quem passar entre Japão (atual vice-campeão) e Grã-Bretanha. Numa possível semifinal, o adversário sai da chave que tem Cuba, Argélia, Estados Unidos e Turquia.
O Mundial feminino começa às 10h (de Brasília) do sábado. Mais tarde, às 16h, começam as semifinais e finais. No domingo os horários se repetem, com a disputa da chave masculina.

Fonte: Portal A Tarde

Curto-circuito causou apagão, diz ONS

  • Todos os municípios baianos ficaram no escuro na noite desta quinta-feira
O apagão que atingiu os estados do Nordeste e parte da região Norte na noite de quinta-feira, 25, foi causado por um curto-circuito na linha de transmissão Colinas-Imperatriz, que faz parte da interligação entre os sistemas Sul/Sudeste/Centro-Oeste e Norte/Nordeste, informou, na tarde desta nesta sexta-feira, 26, o Operador Nacional do Sistema Elétrico (ONS).
O problema ocorreu na subestação Colinas, no estado do Tocantins, em uma chave acionadora do capacitor série da linha de transmissão, que ficou danificada, o que resultou no desligamento de oito circuitos de 500 kV a ela conectados.
O Comitê de Monitoramento do Setor Elétrico se reuniu às 11h desta sexta, em Brasília, para avaliar as consequências do problema. Já às 14h, no Rio de Janeiro, aconteceu uma reunião técnica entre a ONS e os engenheiros envolvidos, que orientaram uma análise técnica do problema, a ser encaminhada para a Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel) no prazo de 10 a 15 dias.
Na Bahia, todos os municípios foram afetados, de acordo com nota divulgada pela Companhia de Eletricidade do Estado (Coelba). A companhia explica que deixou de receber energia para fazer a distribuição, o que causou o apagão por volta de 23h20 desta quinta.
Apesar de ter causado prejuízo a comerciantes, bares e restaurantes da capital baiana, o apagão não modificou os horários de voos previstos no Aeroporto Internacional de Salvador, que funcionou com geradores, informou a Empresa Brasileira de Infraestrutura Aeroportuária (Infraero).
No Hospital Geral do Estado (HGE), apenas o centro cirúrgico funcionou com o auxílio de geradores.

Fonte: Portal A Tarde

'Tempos Que Não Voltam Mais'

Se Preparem Alunos!

Adriana Esteves deixa Carminha no passado e muda o visual

Adriana Esteves (Foto: Cleiby Trevisan)
 
QUEM Revista - Adriana Esteves mudou o corte de cabelo e deixou o visual de Carminha no passado. Após o fim de "Avenida Brasil", atriz foi flagrada deixando o salão de Marcos Proença, em São Paulo, com o novo cabelo, ainda loiro, porém na altura dos ombros.

Assim que percebeu que estava sendo fotografada, Adriana foi simpática e acenou para o paparazzo. Na quarta-feira (24), a atriz curtiu seu dia de férias tomando um chopp em um restaurante no Leblon, no Rio de Janeiro.
Adriana esteves hoje e com o visual de Carminha (Foto: Cleiby Trevisan e Agnews)

Os looks do Planeta Terra Festival 2012 na batalha do hype contra o conforto

Se tivéssemos uma edição de uma semana de moda só com anônimos desfilando seus melhores looks, ela se chamaria Planeta Terra Festival. Para assistir à série de shows que rolaram durante todo o sábado (20), e um pouquinho do domingo, no Jockey Club de São Paulo, são necessárias horas à frente do espelho, dezenas de peças de roupa espalhadas pela cama e, se necessário, dar uma fugidinha até o shopping mais próximo para comprar uma peça nova - palavra de quem lá estava. Mas e se São Pedro prega uma peça na massa hipster e manda uma boa dose de chuva e um pouquinho do frio paulistano sobre a capital, será que o conforto ganha a batalha sobre o hype?
O estudante Breno Da Matta,  de 19 anos, nem hesita em responder: "Prezo pelo hype, lógico! A estética sempre vem antes do conforto", disse o rapaz, que até fez um colar para compor o look escolhido após dias de planejamento. Já Márcio de Castro, também de 19 anos, preferiu dar uma passada em uma de suas lojas preferidas e garantiu uma camisa de estampa étnica - que a gente adorou, a propósito. "Eu curto bastante essa tendência étnica. Sem falar que ela é bem hype, né?", comentou.
Márcio de Castro, Stephanie Antunes e Breno da Matta
Márcio de Castro, Stephanie Antunes e Breno da Matta
Se os meninos, famosos por não gastarem muito tempo 'pensando em roupa', vestiram a farda do hype, as moças nem hesitam em colocar seus mini shorts sem meia-calça e botinhas, algumas, com salto alto em um gramado irregular com pitadas de lama, acredite. Mas nem todas as meninas pensam assim. Isabella Antunes,  de 18 anos, por exemplo, usa shortinho de franjas, sim, mas com uma jaqueta poderosa sempre preparada para bloquear o vento. "Não levei muito tempo pensando na roupa que usaria hoje, mas tinha certeza que deveria ser confortável e, pelo menos, bonitinha", contou. Sua irmã, Stephanie Antunes, de 19 anos, levanta a mesma bandeira. "O conforto é importante em situações como essa porque vamos passar muito tempo aqui, em pé, na chuva e pulando bastante", explicou.
O comissário de bordo Elvis Souza, de 26 anos, não precisou sair de casa para garantir a peça mais marcante de sua produção, uma réplica da jaqueta de babar que Ryan Gosling usa no filme (amado pelos...hipsters) 'Drive', com um escorpião dourado aplicado nas costas, graças às maravilhas do mundo moderno. "Quando assisti ao filme, saí do cinema traçando uma meta: um dia eu ainda compraria aquela jaqueta. Encontrei a réplica em um site que faz edições limitadas de figurinos marcantes, há cerca de quatro meses, e guardei para estreá-la hoje", contou o rapaz, que sempre tenta aliar o conforto (e a proteção contra o frio) ao hype. Também, com uma jaqueta igual à do muso Ryan Gosling é fácil, né?
Isabella Antunes e Elvis Souza
Isabella Antunes e Elvis Souza

Fonte: Helô Tolipan (Jornal do Brasil)

'Eu não posso odiar quem me julga', diz Chris Brown sobre agressão à Rihanna

Jornal do Brasil (com Heloísa Tolipan) - Chris Brown parece conviver bem com a reputação de bad boy, conquistada depois de ter agredido a ex-namorada Rihanna, em 2009. Em entrevista ao programa 'This Is How I Made It', da MTV americana, o cantor se mostrou bastante condescendente em relação à sua fama. 
"Eu não posso odiar as pessoas por elas me julgarem, ou decidirem gostar ou não gostar de mim", afirmou. "Tudo o que posso fazer é tentar ser uma pessoa melhor. Eu sei que nem tudo vai ser perfeito sempre", concluiu o rapaz, que ultimamente tem sido visto em encontros bem animados com a princesa de Barbados. Apesar das evidências, nem ele nem a cantora admitem a reconciliação. 'This Is How I Made It' vai ao ar neste sábado (27), na MTV americana. 
Chris Brown aceita a fama de 'bad boy' adquirida depois de agressão à Rihanna!
Chris Brown aceita a fama de 'bad boy' adquirida depois de agressão à Rihanna

Crise na novela 'Lado A Lado'

Logo da novela das seis

Está a cada dia mais grave a crise de audiência de 'Lado a lado'. Logo no capítulo de estreia, que foi ao ar no dia 10 de setembro, a trama decepcionou, marcando 18 pontos de Ibope - o menor índice registrado no primeiro capítulo de uma novela das 18h da Rede Globo nos últimos cinco anos.
Na noite dessa quinta-feira (25), a audiência do folhetim de Claudia Lage e João Ximenes Braga foi ainda menor e estabeleceu o recorde negativo da trama até agora: 14 pontos, segundo dados coletados na Grande São Paulo. No Rio, o cenário foi um pouco melhor, e 'Lado a Lado' fechou o dia com média de 19 pontos.
Vale dizer que o último episódio da temporada de 'Amor e sexo', exibido a partir da 0h15, registrou os mesmos 14 pontos de média de audiência de 'Lado a Lado', que vai ao ar em horário bem mais conveniente.

DE HELOÍSA TOLIPAN, PARA O JORNAL DO BRASIL

OPINIÃO DO BLOG 'Antenados':
Eu acho que o público não está assistindo porque todos nós já vimos muitas novelas de época semelhantes à essa. Lembrem-se de Sinha Moça, Cordel Encantado, Esperança, Terra Nostra, Eterna Magia, Desejo Proibido... entre outras. Então, eu tirei a conclusão de que o público, os telespectadores, querem algo mais atual, com mais ação, com médios romances, sem esse negócio de ficar olhando 'Capoeira', o que os escravos faziam... Isso tudo nós sempre soubemos, estudando em livros de História, desde o segundo até o quinto ano do Ensino Fundamental I.
É Claro que tem ótimos atores né... Mas... A trama decepcionou bastante o público.

Glória Perez e os 'protestos religiosos'

Glória Perez (TVG)

Sincera como sempre, a autora de novelas 'Glória Perez' responde aos 'protestos religiosos' que fizeram contra a sua novela recem-estreada 'Salve Jorge'.

 Como reagiu aos protestos de evangélicos em redes sociais sobre o fato de a novela “adorar” Ogum?
Não vejo protesto de evangélicos, o que vejo são interesses comerciais apelando para o fundamentalismo. E penso que, em casos assim, o pessoal da imprensa deveria seguir o sábio conselho do Millôr Fernandes: “Não se deve ampliar a voz dos imbecis”.