sexta-feira, 2 de novembro de 2012

Banda que recusou cantar com Lady Gaga zomba dela na web




No vídeo, Gaga aparece vestida de carne. Crédito: Reprodução/YouTube
No vídeo, Gaga aparece vestida de carne. Crédito: Reprodução/YouTube

A cantora Lady Gaga continua irritada com a “brincadeira” feita por um grupo de música da África do Sul, o Die Antwoord. A popstar havia convidado os músicos para dividir o palco com ela durante um show. Mas eles recusaram e ainda satirizaram a cantora em um vídeo postado no YouTube - e acessado mais de três milhões de vezes em menos de 15 dias.


No vídeo, ela (um fake, claro) aparece ao estilo dondoca em uma van de turismo a passeio pela África. Mas, depois de sofrer uma emboscada, fica à mercê da sorte. E sofre: vestida de carne, vai ao médico, de onde lhe retiram um inseto da vagina. Ao final, ela morre devorada por um leão. 



Gaga disparou na internet: “Vocês são pequenos monstros, bizarros, não têm um hit”. A banda respondeu: “A gente é mais legal que você.
Veja o vídeo e diga se houve exageros na sátira.
 
 
DIÁRIO DE PERNAMBUCO

Prédio do estúdio Herbert Richers pega fogo no Rio de Janeiro

Incêndio na antiga Herbert Richers

Um incêndio atingiu as dependências do antigo estúdio de dublagem Herbert Richers, na Usina, Zona Norte da cidade. O fogo começou a ser combatido pelo Corpo de Bombeiros desde o início da tarde de hoje (2). Por volta das 17h30, ainda era realizada operação de rescaldo, para evitar o surgimento de novos focos.
Com grande coluna de fumaça, o incidente fechou parcialmente a Rua Conde de Bonfim, na altura do número 1.345. Não houve vítimas, segundo a corporação.
O estúdio, que foi um dos maiores do ramo de dublagem e legendagem para televisão e cinema, principalmente nos anos 1980 e 1990, foi desativado após a morte de seu fundador, homônimo, em 2009, e vendido recentemente a um grupo de empresários.


Fonte: Diário de Pernambuco

Obama tem apoio de Hollywood, independente do que Clint Eastwood diga




Obama e Clooney, parceira vitoriosa. Foto: Win Mcnamee/Getty Images/AFP Photo
Obama e Clooney, parceira vitoriosa. Foto: Win Mcnamee/Getty Images/AFP Photo


O veterano ator e diretor Clint Eastwood alega que a imagem de que Hollywood é reduto de democratas é exagerada, mas as evidências dizem o contrário, com astros como George Clooney liderando uma lista de apoio a Barack Obama.

O apoio do eterno "Dirty Harry" - cujo discurso com uma cadeira vazia roubou de forma meio polêmica o show na Convenção Republicana - é muito bem recebido pelos republicanos, mas ele é praticamente um defensor solitário dos conservadores em Hollywood.

A lista de celebridades que apoiam Obama inclui, além de Clooney, Robert De Niro, Samuel L. Jackson, Scarlett Johansson, Leonardo DiCaprio, Morgan Freeman e Robert Redford, apenas para citar alguns.

"Os atores de Hollywood se inclinam pelo liberalismo e o Partido Democrata", afirma Steven Ross, professor da University of Southern California e autor de "Hollywood Left and Right: How Movie Stars Shaped American Politics",

Eastwood, 82 anos, insistiu que este não é o caso quando fez sua questionada aparição na Convenção Republicana em Tampa, Flórida, pouco antes de Mitt Romney aceitar formalmente sua indicação.

"Eu sei o que estão pensando. Vocês estão pensando: o que um negociante de filmes está fazendo aqui? Vocês sabem que eles todos são de esquerda", afirmou ele na ocasião.

"Pelo menos, é isso o que o povo pensa. Mas não é o caso. Existem muitas pessoas conservadoras, muita gente moderada em Hollywood".

O eclético e respeitado George Clooney também não é nada discreto em seu ativismo ideológico e patrocinou uma campanha de arrecadação de fundos em prol de Obama, organizada pelo diretor de animação dos estúdios DreamWorks, Jeffrey Katzenberg, e que, segundo dizem, conseguiu reunir 15 milhões de dólares. Entre os doadores, estavam Barbra Streisand, Robert Downey Jr., Jack Black e Billy Crystal.

Outro show de arrecadação de fundos pró-Obama foi organizado por Stevie Wonder, Katy Perry e Earth, Wind and Fire - também com participação de Clooney - e reuniu 6.000 pessoas que pagaram 250 dólares por cabeça.

O dinheiro é importante numa disputa eleitoral, mas igualmente importante é o apoio que as personalidades do mundo artístico concedem ao candidato à presidência.

"A força do endosso das celebridades atrai a atenção para o candidato. Convence pessoas que de outra maneira não dariam atenção ou perceberiam o que ele representa", explica Ross.

E não apenas Hollywood garante esta chancela, os astros da música também têm um papel importante.

"Hoje em dia, eu diria que o apoio de músicos é mais importante para atrair o voto jovem do que o apoio dos astros de cinema", afirmou o professor.

Romney tem lá seus partidários no mundo musical, como Kid Rock, Gene Simmons, do Kiss, e Donny e Marie Osmond.

O roqueiro Meat Loaf chegou a chamar Romney de "o homem que vai se elevar neste país e lutar contra a tempestade e trazer os Estados Unidos de volta para o que deveria ser".

Apesar de as estrelas terem sua dose de influência, há poucas evidências de que os eleitores votem baseados na visão política de uma celebridade, seja Eastwood ou Beyonce, que cantou na posse de Obama.

"O povo americano não é bobo", acredita Ross.

Apesar de todo apoio da indústria do entretenimento, nem todo mundo em Hollywood que vota em Obama partilha do mesmo entusiasmo que ele despertou há quatro anos.

"Chegou ao ponto em que estou muito pouco envolvida emocionalmente", admitiu a atriz Susan Sarandon em entrevista à AFP.

"A sensação é que se Obama não vencer, tudo pode desmoronar (...) Eu vou votar, eu vou contribuir de muitas maneiras, mas não vou me matar".

"Obama deveria ser eleito, só que há tanto dinheiro envolvido agora, e também há um monte de gente mal humorada porque estão desapontados com Obama".

"Nada pode se comparar com a última vez que ele concorreu. Foi algo incrível", concluiu.
 
Fonte: Diário de PB

Número de mortos por Sandy sobe para 85

Agência Estado
O número de mortes causadas pela supertempestade Sandy na cidade de Nova Iorque aumentou novamente, de 24 para 40, disse a polícia para a Agência France Presse (AFP) nesta quinta-feira (1). Com isso, o total de mortos nos Estados Unidos subiu para pelo menos 85. Milhões de pessoas na Costa Leste dos EUA continuaram a enfrentar nesta quinta-feira problemas de congestionamentos no trânsito, filas nos postos de gasolina e falta de eletricidade.

Mais corpos foram encontrados enquanto a polícia e os bombeiros continuavam a fazer buscas "casa por casa, nas áreas devastadas pelo furacão", disse o prefeito de Nova Iorque, Michael Bloomberg. As autoridades alertaram que milhões de lares e lojas permanecem sem eletricidade e que poderá levar uma semana para os serviços serem restaurados.  A Força Aérea dos EUA começou a ajudar os Estados de Nova Iorque e Nova Jersey nesta quinta-feira, ao transportar equipes de eletricitários da Califórnia em aviões, para que eles ajudem a restaurar o fornecimento e as linhas de energia derrubadas.

O Departamento de Energia do governo americano disse que as empresas restauraram o fornecimento de energia para 1,4 milhão de consumidores desde o começo da noite da quarta-feira, mas mais de 4,6 milhões de pessoas continuavam hoje sem energia.  No Estado de Nova Jersey, o mais atingido, 45% dos consumidores, ou 1,8 milhão, continuavam hoje sem eletricidade. Mas a situação melhorou em comparação a quarta-feira, quando 51% estavam sem eletricidade. Na Virgínia Ocidental, 15% dos consumidores ainda estavam sem eletricidade nesta quinta-feira, em comparação a 21% na quarta-feira. Em Connecticut, 17% estavam em eletricidade, em comparação a 25% ontem.

O prefeito de Newark, Cory Booker, pediu que os moradores sem eletricidade usem abrigos para se aquecerem ou tomem cuidados redobrados ao usarem geradores, após duas mulheres, de 18 e 19 anos, terem morrido porque respiraram monóxido de carbono de um gerador portátil com defeito.

As águas recuaram em várias cidades alagadas por Sandy na terça-feira, como em Hoboken, Nova Jersey, que tem 50 mil habitantes e fica do outro lado do rio Hudson, de frente para Manhattan. Vários moradores que estavam ilhados se arriscaram a sair nesta quinta-feira, após as águas terem recuado.

Sandy deixou 154 mortos nas Américas, incluindo fatalidades no Caribe, onde Cuba e Haiti foram os países atingidos mais fortemente. Só no Haiti foram mortas 51 pessoas, a maioria soterradas por deslizamentos de terras e pedras.  Em Cuba, Sandy atingiu as províncias de Holguín e Santiago, no leste, onde matou 11 pessoas. Duas pessoas foram mortas no Canadá.

Fonte; Jornal do Comércio

Acidente com bimotor mata quatro no MT

São Paulo - Um avião bimotor foi encontrado nesta sexta-feira (2 de novembro) na zona rural de Nova Brasilândia, no Mato Grosso, cidade a cerca de 200 quilômetros de Cuiabá. De acordo com a Polícia Militar, a aeronave saiu de Confresa e viajava para a capital do Estado quando bateu em um paredão na Serra do Roncador, região montanhosa.

Nenhum dos quatro tripulantes da aeronave sobreviveu. O piloto do bimotor, Thiago Santoro, trabalhava para uma empresa de táxi aéreo. Os outros passageiros não tiveram identidade informada.

O avião estava desaparecido desde a tarde de quinta-feira (1º). Segundo a polícia, chovia e ventava forte no fim da tarde de quinta, quando se acredita que o bimotor caiu. Uma perícia será instaurada para diagnosticar as causas do acidente.

AE (A.G.E.N.C.I.A E.S.T.A.D.O)

Cresce crise de combustível após furacão Sandy

Agência Estado
Após a passagem do furacão Sandy pela costa leste dos EUA, cresce a crise de combustível no país, de acordo com informações do site Sky News. Filas imensas têm se formado em postos de gasolina e um homem de 35 anos, do Queens, em Nova Iorque, foi preso após furar uma fila e apontar uma arma para um motorista que reclamou de sua atitude. Filas de carros que se estendem por mais de 1,5 quilômetro eram vistas em áreas de Nova Jersey e na vizinha Pensilvânia.
O prefeito de Nova Iorque, Michael Bloomberg, disse esperar que tudo comece a se normalizar nos próximos dias. "Alguns postos de gasolina não abriram porque não têm eletricidade", afirmou ele, segundo o Sky News. "Nos próximos dias, isso deve ser resolvido. Uma vez que o transporte coletivo volte a funcionar, haverá menos carros tentando comprar combustível."
O número de mortos pela passagem do furacão já passa de 90 no país e mais de 4,6 milhões de pessoas ainda estão sem eletricidade.

Fonte: Jornal do Comércio

"Mussum" imitando 'Seu Madruga'

Governo de São Paulo aceita ajuda federal para conter violência

 

Brasília - O Governos Federal e o do Estado de São Paulo vão atuar juntos para conter a onda de violência que atinge o estado. A parceria foi acertada na quinta-feira (1° de novembro) em um telefonema que a presidenta Dilma Rousseff fez ao governador de São Paulo, Geraldo Alckmin, para oferecer ajuda.

Os termos da parceria serão definidos pelos dois governos em uma reunião marcada para o começo da próxima semana. O ministro da Justiça, José Eduardo Cardozo, será o enviado do governo federal ao encontro.


Com a morte de dois policiais no fim da noite de quarta-feira (31), subiu para 88 o número de policiais assassinados no estado de São Paulo este ano. O total de policiais militares mortos de janeiro a outubro já é 57% maior do que em todo o ano passado, quando foram registradas 56 mortes.

O acordo ocorre depois da troca de acusações entre os dois governos sobre a situação da segurança pública em São Paulo. Na terça-feira (30), o Ministério da Justiça divulgou nota rebatendo acusações de que não teria oferecido ajuda ao governo estadual e reiterando a disposição de pactuar um plano de segurança pública integrado entre as esferas estadual e federal.


Para a presidenta, segundo a ministra da Secretaria de Comunicação, Helena Chagas,  “o importante é ajudar a população”.

 
Agência Brasil
Fonte:Terceira Via

Operação retira 34 motoristas alcoolizados de circulação durante o primeiro dia

No primeiro da Operação Viagem Segura deste feriadão, quinta-feira, de 0h às 23h59min, foram aplicados 164 testes com etilômetro, que constataram nível alcoólico em 34 condutores. Eles foram impedidos de prosseguir viagem. Desses condutores, cinco foram enquadrados em crime de trânsito.

Nesta edição da operação, está sendo intensificada a aplicação dos testes e haverá maior foco nos caminhões — veículos envolvidos em 18% dos acidentes com vítimas fatais no Estado, segundo estudo do Detran/RS.

O esforço integrado dos órgãos de trânsito contabilizou 21.655 veículos abordados nas rodovias gaúchas e nas vias de acesso às estradas. O levantamento desta quinta-feira registrou 2.228 infrações, 232 veículos removidos a depósito e o recolhimento de 39 Carteiras Nacionais de Habilitação (CNHs).

Foram registrados dois acidentes que resultaram em duas vítimas fatais, de um total de 265. Destes, 112 ocasionaram lesões de gravidade variável em 141 pessoas.

A Operação Viagem Segura prossegue nos próximos dias, com fiscalização redobrada até a meia-noite de domingo.

As blitze da Operação Viagem Segura são realizadas em conjunto por Brigada Militar e Comando Rodoviário da Brigada Militar (CRBM), Polícia Rodoviária Federal (PRF), Detran/RS, Polícia Civil , EPTC, Dnit, ANTT, Daer e ONGs, sob a coordenação do Comitê Estadual de Mobilização pela Segurança no Trânsito. Com o apoio da Federação das Associações de Municípios do RS (Famurs), também estão colaborando com a operação diversos órgãos de trânsito municipais.  


Fonte: Zero Hora

'Globo Repórter':Programa de Sexta, 2/11/2012




África: aventura pelas mais belas paisagens da terra. No Globo Repórter, Nicolas Hulot e sua equipe exploram os mistérios do Canal de Moçambique.

Celacanto, o peixe-dinossauro. O espanto dos homens que ficaram frente a frente com o representante de uma espécie de 60 milhões de anos.

Um verdadeiro fóssil vivo. Ele tem patas coladas às nadadeiras. Olhos gigantescos. E vive em cavernas a mais de cem metros de profundidade.

Elefantes. Leões. Girafas. Zebras. Búfalos. E uma caminhada emocionante entre gigantes da vida selvagem.

Encontro com tubarões assustadores. E frágeis criaturas do fundo do mar.

Sobrevoando cenários deslumbrantes. Cavalgando no meio da água. Cientistas chegam às ilhas que se desgarraram da África, e mostram a vida num paraíso.

Sexta, dia 2, no Globo Repórter.


Fonte/Divulgação:Rede Globo

'Casseta e Planeta Vai fundo':Programa de Sexta, 2/11/2012


Sexo é bom e o Casseta adora! Estreia tem tema quente (Casseta e Planeta/TV Globo)
Foto:TV Globo/Casseta e Planeta Urgente/Divulgação

O retorno do Casseta e Planeta Vai Fundo não poderia ser mais gostoso! Nessa sexta-feira, o programa volta à grade com um tema delicioso: sexo.

Entre as brincadeiras, está a abordagem da rotina de casais famosos. Para falar dessa intimidade, os atores Monique Alfradique e Ricardo Pereira interpretam príncipe William e princesa Kate e Giselle Peitchen e seu jogador.

Os hábitos sexuais dos brasileiros também estão na pauta dos humoristas. Os pesquisadores Beto Silva e Hélio De La Peña, do IBSE (Instituto Brasileiro de Sacanagem e Estatística), vão até a Oktoberfest, em Blumenau (SC), para fazer perguntas para lá de sacanas. A sexóloga Maria Mamillo não fica de fora da “festinha” e analisa os dados coletados pelo instituto.

Para encerrar o episódio, a dupla João Lucas e Marcelo, famosa pelo sucesso “Eu quero tchu! Eu quero tchá” são entrevistados por Mona Lesa (Miá Mello), enquanto eles se preparam para gravar a música “Sexo é bom mesmo quando é ruim”.

O assunto do dia também chega ao gabinete presidencial, e Dilma (Gustavo Mendes) prepara um discurso oficial sobre a escassez de homens solteiros e a eterna insatisfação feminina.

Hoje, 23h10

Fonte/Divulgação:Rede Globo

Audiência da estreia de 'Como Aproveitar o Fim do Mundo'


"Como aproveitar o fim do mundo", de Fernanda Young e Alexandre Machado, teve 16 pontos de média. O primeiro episódio, exibido das 22h59m às 23h37m, teve 31% de participação.

Fonte:Patrícia Kogut

Audiência de Estréia de 'Subúrbia'


"Suburbia", de Luiz Fernando Caravlho e Paulo Lins, registrou média de 14 pontos, com 32% de share. A série foi ao ar das 23h37m às 0h26m.

'Tentando Irritar Derpina... Só Podia Ser Derp' - com Memes do Face

Chris Brown é mantido em liberdade condicional vigiada e 'toma fora' de advogado

Rihanna e Chris Brown podem estar cheios chamegos por aí, mas o rapper ainda responde ao processo de agressão contra a cantora, que deu fim (momentâneo) ao relacionamento da dupla.
Nesta quinta-feira (1), Chris precisou voltar ao tribunal novamente para, entre outros assuntos, pedir autorização para fazer uma turnê mundial. O juiz determinou que o rapper pode, sim, viajar  pelo mundo com seus shows, mas permanecerá em liberdade condicional vigiada assim que pisar novamente nos Estados Unidos.
Após turnê mundial, Chris Brown deverá ficar quietinho em liberdade condicional vigiada
Após turnê mundial, Chris Brown deverá ficar quietinho em liberdade condicional vigiada
Durante a sessão, Chris não teve tempo de falar uma palavrinha e, no momento em que tentou contar ao juiz quais eram as datas de sua tour, foi interrompido pelo próprio advogado. "Eu não danço, você não fala", brincou Mark Geragos, que ainda foi alvo de uma brincadeira espirituosa do juiz, que disse: " mas nós adoraríamos vê-lo dançar, senhor Geragos". 
Aproveitamos o ensejo para deixar aqui a dica para Chris, que seria o máximo ver um clipe com um tribunal cheio de bailarinos!

De Helô Tolipan, para o Jornal do Brasil

Exclusivo: "Eu aceitaria ser técnico do 'The Voice'", diz o cantor Thiaguinho

Talento aliado à sorte. Ninguém sabe qual é a combinação exata de cada um desses atributos para que uma carreira deslanche. Uns contam mais com o primeiro, outros confiam na tal sorte. Thiaguinho, talentoso que só ele e sagaz o bastante para aproveitar bem as oportunidades, ainda possui mais duas qualidades que fazem dele um artista: ousadia e alegria. Essa conta não tinha como dar errado.
O cantor, de 29 anos, que se tornou nacionalmente conhecido quando participou do reality show musical ‘Fama’, da Rede Globo, em 2002, e um ano depois estava à frente do grupo de pagode Exaltasamba, como vocalista, ao lado de Péricles, sabe da importância de não ser um profissional regular ou conformado. “Sempre fui ousado, não tenho medo de tentar, de assumir novos desafios”, diz ele, que foi corajoso o bastante para tomar a decisão de sair do Exalta no ápice do sucesso e abrir as portas para a carreira solo, em 2011.
Neste ano, Thiaguinho lançou o bem-sucedido CD/DVD ‘Ousadia e Alegria’, do qual participaram astros do naipe de Gilberto Gil e Ivete Sangalo, levou para casa a estatueta de Melhor Cantor, no Prêmio Multishow 2012 e, como se isso tudo ainda fosse pouco, foi indicado na categoria de Melhor álbum de samba/pagode, no Grammy Latino. “Isso significa muito para mim, pois é um sinal do reconhecimento do meu trabalho”, afirma o cantor, que toparia dividir um pouco de sua experiência profissional com artistas novatos: “Eu aceitaria ser técnico do ‘The Voice’!”.
Em um papo com a coluna, Thiaguinho, que estava de férias em Buenos Aires com sua namorada, a atriz Fernanda Souza, também falou com exclusividade sobre a expectativa para o lançamento do álbum ‘Ousadia e Alegria', no Rio de Janeiro, onde faz shows hoje (2) e amanhã, no Citybank Hall. “O Rio é minha outra casa. Sou muito grato ao público carioca pela receptividade, carinho e atenção”, declara o competente e sortudo Príncipe do Pagode. 
Thiaguinho chega ao Rio de Janeiro hoje (2), para lançar o álbum 'Ousadia e Alegria'!
Thiaguinho chega ao Rio de Janeiro hoje (2), para lançar o álbum 'Ousadia e Alegria'!
Heloisa Tolipan: E aí, Thiaguinho, como está a expectativa para voltar a se apresentar no Rio de Janeiro, cidade na qual o seu público é tão representativo e carinhoso?
Thiaguinho: É emocionante, sem dúvida alguma. O Rio é minha outra casa. Esse novo trabalho está sendo melhor do que eu imaginava, graças a Deus. A cada ano, me sinto mais amadurecido, não apenas como profissional, mas como pessoa. Sou muito grato ao público carioca pela receptividade, carinho e atenção.
HT: Como foi o processo de idealização do CD/DVD 'Ousadia e Alegria', seu primeiro álbum solo, que será lançado em terras cariocas nessas duas noites de show?
Thiaguinho: Meu novo trabalho foi criado por mim e pelo [jogador de futebol] Neymar, numa conversa informal. Ele significa: Ousadia para vencer e Alegria para viver. E é um lema que compartilhamos. O Neymar chegou a escrevê-lo na chuteira e eu sempre ressalto nas minhas entrevistas. Sempre fui ousado, não tenho medo de tentar, de assumir novos desafios. E a alegria, consequentemente, vem como resultado de um trabalho bem feito, de gostar do que faço, de poder ser um exemplo, de certa forma, para muitos garotos que, assim como eu, sempre sonharam em ser jogador de futebol ou cantor.
HT: O projeto 'Ousadia e Alegria' está concorrendo na categoria de Melhor álbum de samba/pagode no Grammy Latino. Como foi, para você, ser indicado a uma premiação de tamanha importância por seu primeiro trabalho solo?
Thiaguinho se preparando para entrar no palco, antes de apresentação
Thiaguinho se preparando para entrar no palco, antes de apresentação
Thiaguinho: Nossa, nem sei como descrever a minha emoção ao saber dessa indicação. Isso significa muito para mim, pois é um sinal do reconhecimento do meu trabalho. Ter recebido o prêmio de "Melhor Cantor", pelo Multishow, e agora receber essa indicação, me deixa extremamente feliz.
HT: Como é a sua relação com o pessoal do Exaltasamba? Ainda pensam em produzir algo juntos futuramente? Compor músicas em parceria?
Thiaguinho: As pessoas pensam que, por você sair do grupo, a amizade acaba ou que você sai em desarmonia. Mas não é assim. O Péricles, na minha opinião, é o maior sambista de todos os tempos. Eu o admiro muito não apenas como pessoa, mas como profissional. Isso não se limita a ele, tenho contato com todos do grupo e a amizade permanece. 
HT:Você se tornou conhecido depois de participar do reality show musical 'Fama', em 2002. Se fosse convidado, aceitaria ser técnico ou jurado de um programa nos moldes do 'The Voice', reality de música no ar atualmente na emissora?
Thiaguinho: Devo muito a essa experiência. Aceitaria! Inclusive, acredito nos reality shows, pois deles saíram nomes como a atriz Grazi Massafera e o cantor Israel Lucero.
HT:Você é conhecido pela alcunha de Príncipe do Pagode. Se pudesse escolher alguém que te inspira, quem chamaria de rei do ritmo?
Thiaguinho: Péricles.

Dez anos após assassinato dos pais, Suzane Von Richthofen quer liberdade

Condenada a 39 anos de prisão na justiça de São Paulo pela morte dos pais, a então estudante de Direito da PUC-SP, Suzane Von Richthofen completa hoje (31) dez anos em que tramou e ajudou o namorado Daniel e um irmão dele, Christian Cravinhos, a matar seus pais em um dos crimes mais bárbaros e violentos ocorridos no país. 
O engenheiro Manfred von Richthofen, com 49 anos, e sua mulher, a psiquiatra Marísia, foram mortos a golpes de barras de ferro no quarto do casal, numa casa confortável no Campo Belo, bairro de classe média alta de São Paulo.
Desde que foi condenada, Suzane já teve diversos pedidos de liberdade negados pela Justiça de São Paulo. Suzane, hoje com 28 anos, foi presa em 2002 e neste período recorreu - mas perdeu em todos os pedidos - ao Supremo Tribunal Federal (STF) e ao Superior Tribunal de Justiça (STJ). Atualmente, Suzane é pastora evangélica no presídio paulista e uma das melhores amigas de Anna Carolina Jatobá, acusada de matar a menina Isabella Nardoni, em outro crime bárbaro ocorrido em São Paulo.
Suzane, hoje com 28 anos, foi presa em 2002
Suzane, hoje com 28 anos, foi presa em 2002
Em 2010, por exemplo, o ministro Ricardo Lewandowski, do STF, arquivou o pedido de habeas corpus feito pela defesa de Suzane. Para negar o pedido, Lewandowski aplicou a súmula 691, que impede que o Supremo julgue o pedido de habeas corpus já negado em tribunal superior e que ainda não teve decisão de mérito. Suzane já teve pedido idêntico negado pelo Superior Tribunal de Justiça.
Nos pedidos encaminhados aos tribunais, os advogados de Suzane alegam que a jovem preenchia todos os requisitos previstos na Lei de Execuções Penais para mudar para o regime semiaberto e o fato de ela ser mantida em Tremembé "resulta na indevida, injusta e desumana imposição de um regime prisional bem mais rigoroso" do que ela merece cumprir. Eles acrescentam que Suzane tem "personalidade propensa à ressocialização" e está comprometida com a "readaptação para a vida em liberdade".
Mesmo presa pela morte dos pais, Suzane briga com o irmão Andréas Albert Von Richthofen por metade da herança. O patrimônio está avaliado em R$ 11 milhões. O processo de inventário corre desde 2002 e já tem 11 volumes. Todos os bens da família estão bloqueados pela justiça.
Além da casa, avaliada em R$ 2 milhões, a herança dos Richthofen tem outros nove imóveis, entre casas e terrenos. Além disso, há quatro carros, uma moto e cinco contas bancárias. E participação em duas empresas. Há também o conteúdo de um cofre lacrado sob os cuidados da Justiça.
Andreas, hoje com 25 anos, nunca falou sobre o crime. Estuda química na Universidade de São Paulo e na última semana não frequentou as aulas. Ele se esforça para levar uma vida normal, longe das lembranças e das dúvidas que ainda envolvem a morte dos pais.
O crime aconteceu no começo da madrugada de 31 de outubro de 2002. Manfred e Marísia dormiam quando Suzane, o namorado dela, Daniel, e o irmão dele, Cristian Cravinhos, entraram na garagem no carro da jovem. A policia conta que Suzane foi até o quarto dos pais para conferir se eles estavam dormindo.
Autorizados por ela, Daniel e Cristian entraram em ação. Daniel se aproximou de Manfred. Cristian, de Marísia. Foram inúmeros os golpes na cabeça com barras de ferro. Os irmãos ainda usaram toalhas molhadas e sacos plásticos para sufocar o casal.
Durante o assassinato, Suzane esperou no andar de baixo da casa. A jovem revirou o escritório para simular um assalto. Antes de ir embora, o trio embolsou cinco mil dólares e R$ 8.000 guardados por Manfred.
Depois da morte dos pais, Suzane foi com Daniel para um motel. Às três da madrugada, a jovem deixa Daniel em casa e vai em busca do irmão Andreas numa lan house. Ela e o irmão caçula voltam à mansão. Ao se depararem com os pais mortos, Suzane acionou a polícia.
Na madrugada do dia 22 de julho de 2006, o Tribunal do Júri condenou Suzane e os irmãos Daniel e Cristian Cravinhos à prisão pelo assassinato do casal. Suzane, Daniel e Cristian foram condenados por duplo homicídio triplamente qualificado.
Eles estão presos na penitenciária de Tremembé, no interior de São Paulo. Os então namorados Suzane e Daniel tiveram uma pena de 39 anos e meio de prisão. Cristian foi condenado a 38 anos e meio.