quarta-feira, 9 de janeiro de 2013

DESCASO – Criança de 5 anos com suspeita de fratura na perna dorme em maca sem colchão no corredor do Huerb

Acre 24hrs - O descaso no Pronto Socorro de Rio Branco continua causando indignação dos usuários do sistema público de saúde do Estado do Acre. No início da tarde desta quarta-feira, 09, uma mãe desesperada pela falta de atendimento médico, denunciou mais uma situação degradante no PS.
Segundo Jaqueline, uma produtora rural, ela estaria esperando atendimento médico para seu filho, que está com suspeita de fratura na perna, desde às 7h. O menino de apenas cinco anos, dormia em uma maca sem colchão, num dos corredores do Hospital de Urgência e Emergência de Rio Branco (Huerb).
A mãe da criança relata que teria sido trazida hoje pela manhã do hospital da cidade de Sena Madureira, que não dispõe de um aparelho de Raio X.
“Fui atendida ali e pediram para bater um Raio X. Eu bati e até agora [13:20h] o médico saiu e não voltou… meu filho está com bastante dor”, diz.
Questionada se teriam sido os funcionários do PS que colocaram a criança na maca sem colchão, a mãe afirmou que sim. “Ele está há horas jogado ai.Fazer o que, né? Nós somos da zona rural e o tratamento recebido é este. Em Sena Madureira a situação está bem pior. Lá não tem nem Raio X”, enfatiza.
A reportagem perguntou ainda, qual seria o sentimento de Jaqueline, como mãe, ao ver seu filho jogado em uma maca no corredor de um hospital público.
“O sentimento é de revolta, né. Eu vim de tão longe, mas sou obrigada a esta esperara que me causa desespero. Não tenho dinheiro, só resta esperar”, lamenta.
A reportagem permaneceu no local por aproximadamente 1h e 20min, mas nenhum médico apareceu para atender o filho de Jaqueline.
No mesmo corredor, vários pacientes do setor de ortopedia também esperavam atendimento. Eles relatam que estariam no local, desde as primeiras horas da manhã.

Nenhum comentário: