quinta-feira, 21 de fevereiro de 2013

Hollande exorta franceses a deixarem o norte do país

O presidente francês, François Hollande, aconselhou os cidadãos franceses a deixarem o norte dos Camarões «o mais depressa possível», depois de sete turistas terem sido raptados por homens armados naquela zona, terça-feira.

O chefe do Estado disse suspeitar-se que rebeldes islamitas do grupo Boko Haram, da vizinha Nigéria, estejam por detrás dos raptos, sendo muito provável que os turistas tenham sido levados para o norte daquele país. Entre os raptados, há quatro crianças.

Numa nota publicada no site do Ministério da Defesa, o governo diz que os cidadãos franceses foram «oficialmente aconselhados a não se deslocarem ao norte dos Camações e à fronteira com a Nigéria».


François Hollande (foto AP)
 
Segundo François Hollande, as autoridades francesas estão a fazer tudo para resgatar os franceses.

O grupo Boko Haram ainda não reivindicou os raptos.

Suspeita-se que o ataque seja uma espécie de retaliação pela incursão militar que os franceses estão a efetuar no Mali, contra os rebeldes islamitas.


Fonte: A Bola.pt

Nenhum comentário: