domingo, 3 de fevereiro de 2013

Sniper mais letal dos EUA é assassinado em um campo de tiro


Chris Kyle posa com a arma com a qual matou 150 pessoas no Iraque
Chris Kyle posa com a arma com a qual matou 150 pessoas no Iraque

O ex-militar Chris Kyle, conhecido como o sniper (franco-atirador) mais letal da história recente dos Estados Unidos e responsável por mais de 150 mortes, foi assassinado na véspera em um campo de tiro no Texas, informaram autoridades norte-americanas neste domingo. Kyle, de 38 anos, foi assassinado a tiros junto com outro homem identificado como Chad Littlefield, de 35, na tarde de sábado em um campo de tiro em Glen Rose, de acordo com o Departamento de Segurança Pública do Texas.
A polícia deteve pouco depois Eddie Routh, de 25 anos, como suspeito de ambas as mortes. Kyle fez parte da unidade de elite Seal da Marinha norte-americana e combateu no Iraque, onde matou pelo menos 150 guerrilheiros muçulmanos entre 1999 e 2009, segundo números oficiais do Pentágono, embora ele assegurasse que foram mais de 250. Após deixar a Marinha em 2009, ele escreveu um livro, American Sniper, no qual relata seus dias como atirador de elite. No livro, publicado no ano passado e que esteve na lista dos mais vendidos do jornal The New York Times, Kyle conta que os insurgentes iraquianos lhe deram o apelido de “diabo” e ofereceram uma recompensa por sua cabeça.
No ano passado, em entrevista à revista Time, o ex-militar defendeu seu trabalho no Iraque e argumentou que matar insurgentes significava salvar a vida de muitos de seus
companheiros.
– Na primeira vez, você nem sequer tem certeza de que pode fazê-lo (matar). Mas eu não estava lá olhando essas pessoas como pessoas. Não me perguntava se tinham
família. Só estava tentando manter meu pessoal a salvo – disse nessa entrevista.
Quando jovem, Kyle foi vaqueiro no Texas e começou a atirar ainda criança, quando saía para caçar com seu pai.

Fonte: Correio do Brasil

Lino Oviedo morre em acidente de helicóptero no Paraguai

O candidato a presidência do Paraguai pelo partido Unace e general reformado que viveu no Brasil no exílio, Lino Oviedo, morreu após a queda de um helicóptero na noite deste sábado (2), na província de Chaco. O presidente Federico Franco enviou condolências à família de Oviedo.
General reformado e fundador do União Nacional de Cidadãos Éticos (Unace), Oviedo, de 69 anos, embarcou na noite de sábado no helicóptero para voltar a Assunção após participar de um comício na cidade de Concepción, mas a aeronave perdeu contato com a torre de controle poucas horas depois, por volta das 22h - horário local.
Membros do Serviço de Busca e Resgate, compostos por homens da Força Aérea e do Corpo de Bombeiros Voluntários, localizaram um helicóptero acidentado na cidade de Presidente Hayes com os corpos carbonizados de três pessoas.
Imagem do dia 13 de janeiro mostra o candidato paraguaio Lino Oviedo durante campanha presidencial em Luque (Foto: Norberto Duarte)Imagem do dia 13 de janeiro mostra o candidato paraguaio Lino Oviedo durante campanha presidencial em Luque (Foto: Norberto Duarte)
Segundo a agência de notícias oficial do Paraguai, morreram também o piloto da aeronave, Delmás, e o guarda-costas do político, Denis Galeano.
Condenado a dez anos de prisão pela Justiça paraguaia por tentativa de golpe de Estado, em 1996, Lino Oviedo também foi acusado de ter mandado matar o vice-presidente, Luis María Argaña, em 1999, ano em que fugiu do Paraguai.
Lino Oviedo, ao deixar a sede da Polícia Federal em Brasília, em novembro de 2011 (Foto: AFP) 
Lino Oviedo, ao deixar a sede da Polícia Federal
em Brasília, em novembro de 2001 (Foto: AFP)
Oviedo viveu exilado na Argentina e depois ficou desaparecido. Em junho de 2000, o ex-general foi preso em Foz do Iguaçu a pedido do governo paraguaio.
O Paraguai pediu a extradição de Oviedo, mas em 2001, o Supremo Tribunal Federal brasileiro a negou por considerá-la política. A Constituição brasileira proíbe a extradição por razões políticas. Ele ficou quatro anos exilado no Brasil.
De acordo com a agência Reuters, em 2009, Oviedo tentou abrir um processo (negado pela Justiça) de indenização contra o Estado paraguaio por tê-lo acusado de promover uma tentativa de golpe. Oviedo reivindicava US$ 20 milhões.
Na época, seu advogado disse que, por causa do processo, Oviedo perdeu a oportunidade de chegar à presidência da república em 1998, quando teve de deixar sua candidatura para o seu companheiro de chapa, Raúl Cubas, que acabaria eleito.
Lino Oviedo era filho de Ernesto Oviedo, ex-combatente da guerra do Paraguai e Bolivia, de 1932 a 1935, e da revolução de 1947.

Fonte: G1

Organização criminosa faz 39 ataques em menos de uma semana

Já somam 39 o número de atentados protagonizados pela organização criminosa denominada de Primeiro Grupo da Capital (PGC) e que está infiltrada entre detentos de diversas prisões de Santa Catarina. Os atentados que iniciaram na noite da última quarta-feira, tiveram sequência na noite de sexta-feira e nas madrugadas de sábado e domingo na região Norte de Santa Catarina e também no Sul.
Em Joinville, por volta das 23 horas de sábado, dois homens, em uma moto, usaram gasolina para incendiar um ônibus jogando gasolina nos pneus. Outro veículo, da empresa Gideon, também foi incendiado no bairro de Fátima. Os atentados se sucederam na região Sul, onde, em Criciúma, na madrugada de sábado, um ônibus fretado foi incendiado após ser atingido por um coquetel molotov. Na sexta-feira, por volta das 22h30, outro ônibus da empresa Forquilhinhas, que transportava trabalhadores da região, foi completamente destruído ao ser atingido pelo mesmo artefato inflamável lançado por bandidos no interior do veículo.

 Secretaria de Segurança Pública suspeita que a ordem para os ataques parta de dentro de presídios

As cidades de Florianópolis, Joinville, Blumenau, Criciúma, Jaraguá do Sul, Gaspar, Itajaí, Camboriú, Palhoça e Balneário Camboriú estão entre as que sofreram os atentados pela organização criminosa. Os atentados vêm provocando tensão na população. O clima de incerteza tomou conta das cidades. Os órgãos de segurança estão em alerta máximo. Nas ruas centrais de Florianópolis, por exemplo, onde já existe grande concentração de pessoas envolvidas no Carnaval, existe um grande número de policiais civis e militares. Por medida de segurança, a Policia Militar decidiu que, na Grande Florianópolis, onde ocorreu a maioria dos atentados a ônibus, os veículos circularão normalmente até as 19h30. Após este horário, apenas algumas linhas fluirão, mas com escolta policial. A decisão causou protesto de usuários.
Pelo menos 22 pessoas já foram detidas sob a suspeita de participação nos atentados até este sábado. Jovens, entre 15 e 18 anos, estão entre os detidos. No celular de um dos presos, policiais encontraram uma mensagem que ordenava os atentados. A Secretaria de Segurança Pública de Santa Catarina suspeita que a ordem para os ataques tenham partido de dentro dos principais presídios. Um vídeo, divulgado na manhã deste sábado, gravado por uma câmera de segurança da penitenciária de Joinville seria o estopim da onda de atentado em Santa Catarina.
As imagens datadas do dia 18 de janeiro, mostram um grupo de 13 agentes policiais vestidos de preto e equipados com forte armamento e capacetes que, durante operação pente-fino, dispararam tiros com bala de borracha, estouraram bombas de efeito moral e lançaram gás de pimenta no rosto de um grupo de aproximadamente 40 detentos praticamente nus em um pátio. Os agentes já foram identificados e, conforme a cúpula da segurança no Estado serão punidos. As imagens revelam nitidamente cenas de tortura (agressão física) e abuso de autoridade contra o grupo de presos que em momento algum esboçou reação.
Confronto. Entre as 18h de sábado e as 7h deste domingo, uma pessoa foi morta em confronto com a polícia e cinco veículos foram queimados em Santa Catarina. De acordo com boletim oficial do governo do estado, a morte ocorreu em Joinville e foi decorrência de um suspeito que guiava uma motocicleta ter disparado contra um policial militar de folga. Na sequência, houve perseguição e troca de tiros. Segundo o comunicado oficial, além da morte do condutor, uma pessoa que estava de carona na motocicleta foi presa.
Somado à perseguição, três ônibus e dois caminhões foram queimados nesse intervalo de tempo no Estado. Os dois caminhões estavam em um posto de gasolina na cidade de Maracajá e o fogo começou quando os motoristas jantavam no local. Os ônibus foram incendiados nas cidades de Criciúma, São Francisco do Sul e Chapecó. Houve também sete casos de ataques contra delegacias, prédios públicos e casas de policias no período.
Desde o início da escalada de violência em Santa Catarina, deflagrada no mês passado, foram registradas 43 ocorrências em 14 municípios e 20 pessoas já foram detidas, informa o boletim oficial do governo de Santa Catarina.

Corpo de 237ª vítima do incêndio na boate Kiss é velado em Santa Maria

O corpo de Bruno Portella Fricks, 237ª vítima do incêndio da boate Kiss, ocorrido no último domingo, é velado desde as 15h no Cemitério Santa Rita, no bairro de Camobi, em Santa Maria. Ele morreu na noite de ontem no Hospital de Clínicas, em Porto Alegre, onde estava internado.
O enterro do jovem, de 22 anos, será realizado às 10h desta segunda-feira, no mesmo cemitério. Bruno se formou em 2012 em Administração na Universidade Federal de Santa Maria e trabalhava na América Latina Logística (ALL). Ele comemoraria ontem cinco anos de namoro com Jéssica Duarte, que também estava na Boate Kiss e permanece hospitalizada.

Fonte: Jornal do Brasil

Após ataque israelense, Assad acusa Israel de tentar desestabilizar Síria

O presidente sírio, Bashar al-Assad, acusou Israel neste domingo de tentar desestabilizar a Síria ao supostamente atacar uma base militar de pesquisa perto de Damasco na semana passada e disse que a Síria é capaz de confrontar "ameaças atuais e agressões", informou a imprensa estatal.
AP
Presidente sírio, Bashar al-Assad (D), reúne-se com o principal negociador nuclear do Irã, Saeed Jalili, em Damasco
Diplomatas, rebeldes sírios e fontes de segurança afirmam que jatos israelenses bombardearam um comboio perto da fronteira com o Líbano na quarta-feira, aparentemente atingindo armas destinadas ao Hezbollah. A Síria disse que o alvo era um centro de investigação militar a noroeste de Damasco.
Assad fez os comentários durante uma reunião com Saeed Jalili, secretário do conselho nacional de segurança do Irã, na capital síria. Na quinta, a Síria apresentou formalmente uma queixa na ONU pelo ataque aéreo e ameaçou retaliar contra a ação militar.
Oficiais regionais disseram que Israel planejava havia dias o ataque para atingir um carregamento de armas direcionadas ao Hezbollah. Eles disseram que o carregamento incluiria sofisticados mísseis antiaéreos SA-17, de fabricação russa, que poderiam fortalecer estrategicamente o Hezbollah, que já se comprometeu com a destruição de Israel e travou uma guerra contra o Estado judeu no passado.
Reação: Síria apresenta queixa à ONU e ameaça retaliar ataque de Israel
Segundo a Sana, agência estatal de notícias, Jalili reafirmou "total apoio de Teerã à população da Síria em face de uma agressão sionista e sua contínua coordenação para enfrentar as conspirações e projetos estrangeiros".
Saiba mais: Entenda o que está por trás do 'ataque' de Israel à Síria
O presidente da Síria, aliado árabe mais próximo do xiita Irã, está enfrentando um levante que já dura 22 meses e deixou mais 60 mil mortos . Segundo Assad, os rebeldes são terroristas islâmicos financiados e armados pela Turquia e por Estados muçulmanos sunitas do Golfo Árabe.
O vizinho Israel afirma que pode ter de intervir para evitar que as armas sírias, químicas ou avançadas, caiam nas mãos de grupos militantes , inclusive o libanês Hezbollah, que lutou uma guerra de 34 dias com Israel em 2006.
Advertência: Israel ameaça atacar se Síria perder controle de armas químicas
Poucas chances de escalada
Analistas israelenses acreditam que o bombardeio não desencadeará uma escalada de violência na fronteira norte de Israel, levando a um conflito aberto envolvendo as forças israelenses, sírias e do Hezbollah. Para o analista do canal 1 da TV israelense Oded Granot, a Síria e Hezbollah estão enfraquecidos atualmente e não têm interesse em realizar uma represália ou em confronto aberto com Israel.
Por outro lado, a tradicional "política de ambiguidade" adotada por Israel, que explicaria o fato de o país não admitir o ataque, "possibilita que a Síria e o Hezbollah não reajam, evitando assim uma guerra aberta", afirmou Granot. "Se Israel admitisse o ataque, isso os obrigaria a reagir."
Aliado:  Rússia expressa preocupações por informações de ataque de Israel na Síria
Segundo Ron Ben Ishai, analista militar do portal de noticias Ynet, o governo sírio está "mentindo" ao afirmar que o alvo do bombardeio teria sido uma centro de pesquisas. De acordo com Ben Ishai, a Síria teria interesse em encobrir o fato de que, em vista da desintegração do Estado em consequência da guerra civil, estaria transferindo seu arsenal para o Hezbollah.
O analista relata que os mísseis do tipo SA-17, que teriam sido o principal alvo do ataque, são especialmente avançados, com capacidade de derrubar aviões da Força Aérea israelense. O armamento foi fornecidos pela Rússia ao governo sírio com a condição de que não seriam desviados para terceiros, incluindo o Hezbollah.
Ao admitir um ataque a um comboio com esse tipo de mísseis, a Síria confirmaria uma violação do acordo com a Rússia.
*Com AP, BBC e Reuters

Málaga empata e não capitaliza derrota do Real Madrid

MADRI, 3 Fev (Reuters) - O Málaga não soube aproveitar a chocante derrota do Real Madrid para o Granada, saindo somente com um empate de 1 x 1 em casa com o Real Zaragoza no Campeonato Espanhol neste domingo.
Campeão vacilante, o Real perdeu de 1 x 0 do pequeno Granada no sábado, quando Cristiano Ronaldo marcou um gol contra aos 22 minutos, deixando o time em terceiro com 43 pontos em 22 jogos.
O quarto colocado Málaga subiu para 36 pontos depois de reagir ao gol por cobertura de Helder Postiga para os visitantes aos 13 minutos.
O jovem Isco, que firmou um contrato melhorado com o clube durante a semana, empatou da marca do pênalti aos 32 minutos, e os dois lados balançaram as traves.
O combinado de Manuel Pellegrini jamais teve o controle total da partida, e não houve retorno glorioso para o atacante brasileiro Julio Baptista, que entrou como reserva no segundo tempo, depois de 15 meses afastado com uma contusão.
O Zaragoza viu seu meio-campo José Mari expulso por um segundo cartão amarelo no final da partida. O Sevilha bateu o Vallecano por 2 x 1, mas teve Rakitic expulso no minuto final.
O líder Barcelona, com 58 pontos, visita o Valência às 16h (horário de Brasília) e o segundo colocado Atlético de Madri, com 47 pontos, recebe o Real Betis às 18h. Ambos podem ampliar sua vantagem sobre o Real Madrid para 18 e 7 pontos, respectivamente, com vitórias.
No mesmo horário, Mallorca e Real Sociedad se enfrentam.
(Por Mark Elkington)

Da REUTERS

Argentina implementará novo índice de preços neste ano, diz ministro

A Argentina vai lançar um novo índice de preços domésticos no final deste ano, disse no sábado (2) o ministro da Economia, um dia após o Fundo Monetário Internacional (FMI) emitiu censura contra o país na sexta-feira (1º) por conta da falta de credibilidade de suas estatísticas.
O novo índice começará a ser elaborado no último quadrimestre de 2013, disse o Ministério da Economia da Argentina em um comunicado.
Ministro da Economia da Argentina, Hernán Lorenzino, é visto durante coletiva de imprensa em Buenos Aires, em novembro (Foto: Marcos Brindicci/Reuters)Ministro da Economia da Argentina, Hernán Lorenzino, em coletiva de imprensa em Buenos Aires, em novembro (Foto: Marcos Brindicci/Reuters)
A nação sul-americana, que sofre há anos com crescente inflação, está trabalhando desde 2011 em uma nova medição de preços locais em todo o país a fim de substituir o questionado sistema atual.
"Vamos ter um IPC (Índice de Preços ao Consumidor) Nacional que vai substituir o IPC-GBA (que contempla somente a província de Buenos Aires)", disse o ministro Hernán Lorenzino em declarações à rádio local La Red.
Na sexta-feira (1º), o FMI emitiu uma "declaração de censura" contra a Argentina por preocupações sobre a qualidade de seus dados sobre inflação e crescimento do Produto Interno Bruto (PIB), e concedeu ao país até 29 de setembro para tomar medidas.
É grande a suspeita de que a verdadeira magnitude das altas de preços argentinos esteja subestimada pelo atual IPC, que serve de base para o cálculo dos pagamentos da dívida pública ajustados à inflação.
Para ler mais notícias do G1 Economia, clique em g1.globo.com/economia. Siga também o G1 Economia no Twitter e por RSS.

Fonte: G1

José Aldo vence Frankie Edgar e mantém cinturão


A noite do último sábado foi dos brasileiros no UFC 156. Quatro dos cinco atletas do país que entraram em ação conseguiram vitórias sobre seus oponentes.

A tão aguardada luta da noite, entre José Aldo e o ex-campeão da categoria, o americano Frankie Edgar, foi marcada pelo brilho do brasileiro, que em sua quarta defesa de cinturão de peso pena controlou bem as ações e ditou o ritmo da luta. Ao fim de cinco rounds, José Aldo foi eleito vencedor da luta por decisão unânime.
Já na luta entre Rashad Evans e Rogério Minotouro, começou cauteloso, com os oponentes apenas analisando as ações. O combate esquentou no segundo round, quando Minotouro começou a usar seus golpes de boxe. O baiano foi eleito campeão no terceiro round.
No duelo dos pesos-pesados, Alistair Overeem começou o combate dominando o brasileiro Antonio "Pezão", prensando o lutador na grade. Já no segundo assalto, o holandês levou o combate para o solo. Porém, no terceiro round, "Pezão" deu a volta por cima e com golpes certeiros derrubou o oponente, vencendo por nocaute.
Demian Maia já começou o seu combate partindo para cima de Jon Fitch, passando boa parte da luta nas costas do adversário, que até tentou reagir no segundo assalto. Demian Maia venceu o combate no terceiro round, por decisão unânime dos juízes.
A primeira luta do card principal ficou por conta de Joseph Benavidez e Ian McCall, que protagonizaram um duelo equilibrado. No terceiro round, Benavidez foi o vencedor, por decisão unânime.

Fonte: Sidney Resende

Com as mãos na estatueta do Oscar? 'Argo' fatura mais um prêmio de peso!

'Argo' acaba de conquistar mais uma láurea na fase de premiações pré-Oscar 2013, o que reforça ainda mais o favoritismo do longa em busca do prêmio mais importante da indústria do cinema norte-americano.
Ben Aflleck, diretor e protagonista do filme, ganhou na categoria de Melhor Diretor no prêmio do Sindicato dos Diretores dos Estados Unidos (DGA), neste sábado (2). O multifacetado astro competiu com nomes como Kathryn Bigelow ('A hora mais escura') e Tom Hooper ('Os Miseráveis').
"Não acredito que esse prêmio faça de mim um diretor de verdade, mas isso significa que estou no meu caminho", disse Affleck durante a cerimônia. Neste ano, 'Argo' já faturou as principais estatuetas do Globo de Ouro e dos Sindicatos dos Atores e Produtores dos Estados Unidos. No Oscar, o longa-metragem concorre em sete categorias, mas está fora do páreo na de Melhor Diretor, para a qual Ben não foi indicado, fato que gerou polêmica em Hollywood. O Oscar será realizado no dia 24 de fevereiro, em Los Angeles.
'Argo': Ben Affleck levou o prêmio de Melhor Diretor do Sindicato dos Diretores dos EUA
'Argo': Ben Affleck levou o prêmio de Melhor Diretor do Sindicato dos Diretores dos EUA

Fonte: Jornal do Brasil (Heloísa Tolipan)

Quem não ama Sabrina Sato? Uma tarde com a japa na Unidos de Vila Isabel

Quadra de escola de samba é um dos locais mais democráticos e a cara do nosso Rio de Janeiro. Pois, Sabrina Sato, integrante do programa  Pânico na Band, conseguiu tocar fogo em mélange de convidados para o seu aniversário comemorado antecipadamente (ela nasceu em 4 de fevereiro) na tarde de sábado, na quadra da Unidos de Vila Isabel. O típico fim de semana de sol + praia + blocos na rua no pré-carnaval só esquentou uma turma de paulistanos, que pegou a ponte aérea para curtir com a rainha da bateria da escola de samba muita música, alegria e aquelas toneladas de feijão e carnes fumegantes nos panelões no célebre sábado de Feijão do Noel, na quadra. Incluem-se aí também todos da família de Sabrina: a mãe, dona Kika, os irmãos Karin e Karina, e o pai, Omar.
Ela samba, samba, samba sem parar
Ela samba, samba, samba sem parar
Quando cheguei ao camarote reservado para a charmosa "japa", como ée chamada pelos amigos, a impressão é a de que estava baixando no Fashion Rio. Designers de moda, produtores, maquiadores, fotógrafos faziam a festa que a gente não teve este ano, por conta da alteração do calendário oficial da moda, que adequou as datas das semanas lançadoras de moda no Brasil. Ricardo Bräutigam, dono da Auslander, Leo Muqui, Leo Neves, Marcelo Faustini, Lucas Bori, Jeff Aires, editor da revista RG, faziam a festa ao lado de Ariadna Arantes e Gabrielle Benedetti, além de Gominho, Charles Henrikipedia, Lysandro Kapila, Carlinhos Vieira, Leandro Sapucahy, entre tantos outros.
Sabrina em festa na quadra da escola de samba Vila Isabel
Sabrina em festa na quadra da escola de samba Vila Isabel
Nomes da moda internacional também foram prestigiar Sabrina, como o designer Christian Audigier, acompanhado pela namorada, Nathalie Sorensen, além de Michael Klug, dono da Whitewall Magazine, de Nova York. Os três estavam com o amigo brasileiro, o empresário Pierre Thomé de Souza. Na sexta-feira, Christian Audigier, Nathalie e Pierre seguem para Salvador, onde deverão encontrar Sabrina Sato e o cantor-fenômeno do Youtube, Psy. Audigier é designer de moda, nascido na Franca, radicado em Los Angeles, e fundador das marcas Ed Hardy e Von Dutch. E dono de uma fortuna avaliada em US$ 30 milhões. Sempre foi um grande amigo de Michael Jackson, Britney Spears, Jessica Alba, Mariah Carrey, Paris Hilton, Miles Cyrus, Snoop Dogg, Chris Brown, Usher e Madonna. Só para vocês terem uma ideia, após a morte de Michael Jackson, ele comprou a bafônica propriedade do cantor batizada Neverland. Costuma contar aos amigos que chegou aos Estados Unidos com apenas US$ 500 no bolso e construiu um império criando segmento celebrity wear. Sabrina o conheceu em Los Angeles. Ela brinca que entrou de "penetra" na festa do designer. E Audigier dizia a Pierre que ontem era o dia dele dar o troco a Sabrina e entrar de penetra na feijoada pelo aniversário da japa.
Christian Audigier, acompanhado pela namorada, Nathalie Sorensen
Christian Audigier, acompanhado pela namorada, Nathalie Sorensen
Pierre Thomé de Souza e Michael Klug, dono daWhitewall Magazine, de Nova York
Pierre Thomé de Souza e Michael Klug, dono daWhitewall Magazine, de Nova York
Sabrina estava naquele jeito Sabrina de ser que a gente ama. Andava de um lado para outro posando para fotos com mil e uma pessoas que a cumprimentavam. Quando engatava um rápido papo e era interrompida por alguém pedindo uma foto, ela nem se importava em parar o que estava falando para atender tal solicitação. Agora, me digam que delícia ver alguém com tanto bom humor. Como pode nunca (eu disse nunca) tirar o sorriso do rosto. E foi assim durante toda a tarde. Quando a turma que se revezava debaixo de um ar condicionado tentou persuadi-la a parar por ali um segundinho para se refrescar (o calor na quadra lotada estava muito grande), ela sorriu e preferiu se juntar ao povão lá embaixo e sambar muiiiito. Essa é Sabrina e foi incrível estar com ela e com todos os amigos. Foi ou não foi, minha gente?
Arrasa, japa!
Arrasa, japa!
A alegria de Sabrina entre os amigos
A alegria de Sabrina entre os amigos


Fonte: Heloísa Tolipan (Jornal do Brasil)

Por onde anda a mulher mais gorda do mundo?

Donna Simpson (nascido em 1967) é uma mulher americana que, em 2008, expressou o desejo de se tornar um dos mais pesados ​​mulheres do mundo. Ela desejava atingir uma meta de peso de 1.000 libras (450 kg). Em junho de 2010, Simpson pesava 602 £ (273 kg), abaixo de seu peso de 630 libras (290 kg) em 2008. Simpson mantém um website onde os fãs paga para vê-la comer. Em 2010, ela ganhou o Guinness World Records para a "mulher mais pesada a dar a luz".


Donna Simpson

Início da vida
Simpson cresceu em Mogadore, Ohio, nos arredores de Akron, o caçula de quatro filhos. Quando ela era criança, sua mãe fez grandes refeições para ela e sua família. Aos 9 anos, ela pesava 184 £ (83 kg). Na escola, ela era maltratado e apelidado de "gordos quatro-olhos". Depois que sua mãe morreu, seu pai se casou novamente. Quando ela tinha 11 anos, sua madrasta colocá-la em uma dieta ea levou para um médico, que lhe receitou pílulas dietéticas. Em vez de dieta, Simpson roubou comida dos armários. Ela tentou tomar pílulas de dieta durante a sua adolescência para perder peso. Até o momento ela tinha 18 anos, ela emagreceu para 154 libras (70 kg). Em última análise, ela decidiu que não queria ser magra. Ela se formou em Springfield High School, em 1986.Vida pessoal
Quando ela tinha 19 anos, ela conheceu Robert Simpson, um chef em um restaurante de carnes. Eles se casaram cinco anos depois. Ele a encorajou a comer, trazendo sobras em casa do trabalho por ela; Simpson disse que "ele gostava de mim supersized". Eles tiveram um filho juntos e, posteriormente, se divorciaram. Nessa época, seu pai ficou chateado por seu peso e incentivou-a a ir em uma dieta, perdeu 70 libras (32 kg) em seis meses.
Em 2006, ela conheceu Phillippe Gouamba em uma sala de bate-papo on-line para as mulheres com excesso de peso [4] Gouamba disse:. "Sempre fui atraído por mulheres grandes, mas Donna é a minha fantasia Quanto mais ela pesa, o mais sexy do que ela é.". Eles planejavam se casar em uma cerimônia na madrugada de uma montanha em Maui. Eles se separaram em 2011.
Em fevereiro de 2007, Simpson deu à luz um bebê chamado Jacqueline via cesariana. Seu nascimento necessária uma equipe de 30 médicos. Ela tornou-se a mulher nunca mais pesado para dar à luz. Na época, ela pesava 532 £ (241 kg). Seis meses após o parto, ela decidiu que sua meta de peso seria 1.000 libras (454 kg). No entanto, durante a gravidez, ela desenvolveu diabetes e pressão arterial elevada. Gouamba disse que apóia seu objetivo: ". Ganhar peso faz Donna feliz e vê-la feliz me faz feliz" [1] Ele é um de seus maiores apoiadores em sua jornada para chegar a 1.000 quilos.
A partir de 2010, Simpson viveu em Old Bridge Township, Nova Jersey e pesava 602 £. Seu IMC era de 103,9.
Ela tem um filho e uma filha.


Hábitos alimentares
Simpson diz que sua comida custa EUA $ 582-750 por semana. Ela come 12.000 calorias por dia. "Em um dia típico eu vou comer quatro hambúrgueres e batatas fritas, uma fatia de pão com manteiga de amendoim e geléia, quatro porções de bolo de carne e purê de batatas, uma pizza grande, um bolo de chocolate com sorvete e creme, 12 cupcakes, dois cheesecakes e refrigerantes ". Sua comida preferida é sushi, e ela pode comer 70 pedaços de sushi de uma vez só.
Para alcançar seu objetivo de um peso corporal libra 1000, ela tem limitado seu movimento.
Dra. Carla Wolper, um membro da faculdade nutricionista pesquisa do New York, Centro de Pesquisa de Obesidade, criticou hábitos alimentares Simpson, dizendo que eles são auto-destrutivas e os contribuintes de Nova Jersey vai acabar pagando contas de sua saúde.
No final de 2010, Simpson comeu um jantar de Natal 30.000 calorias consistindo de "dois 11 kg (£ 25), dois perus bordo de vidro presuntos, 6,8 kg (£ 15) - 4,5 kg de batatas assadas (£ 10), 2,3 kg (£ 5) amassada, cinco pães, 2,3 kg de erva recheio, três litros de molho, três litros de molho de cranberry e um surpreendente 9 kg (£ 20) de vegetais ", ea sobremesa consistiu em" uma 'salada' feito de marshmallow queijo, creme, chantilly e biscoitos. " O jantar supostamente levou Simpson duas horas para consumir.Personalidade Internet
Em novembro de 2007 Simpson lançou um site. Os assinantes podem acessar fotos de seu corpo e vídeos dela comer e medir sua cintura. Em outubro de 2008, ela tinha 260 assinantes, que variaram em idade de 20 a 68. Ela produz vídeos do YouTube. Muitos fãs inscrever seus vídeos. Ela também vai para sites fetiche de gordura e mostra seus hábitos alimentares. Milhares de seus fãs correm para seus sites. Alguns enviar sua comida.
Ela recebeu um negócio de livro e uma realidade oferta programa de TV.
Ela também recebe mensagens de ódio.
Ela também está ansiosa para acabar com os estereótipos negativos sobre pessoas obesas. Ela é um advogado para o movimento de aceitação da gordura e tem ridicularizado "as pessoas que se sentem culpados por comer" como "hilário".


Dieta

Em agosto de 2011, após a separação de Gouamba e retornando para Akron, Simpson decidiu ir em uma dieta para reduzir o peso a um alvo de 370 libras (170 kg), a fim de tornar-se mais auto-suficiente e de ser capaz de fazer um melhor trabalho de criar os filhos.


Da Wikipedia

Veja a matéria de 2010 retirada do site MdIg:

 
Donna Simpson, uma mulher de 42 anos que vive em New Jersey, Estados Unidos, pesa exorbitante 273 quilos, mas a louca  mulher acha que é pouco. Está decidida a duplicar o seu peso somente para se converter na mulher mais gorda do mundo e para isso diariamente ela consome até 12 mil calorias.

Donna Simpson

Sua meta é fixa: atingir os 543 quilo em dois anos. Sua enorme corpulência evita que possa se mover com facilidade, até o ponto de que se viu obrigada a utilizar uma carrinho elétrico (reforçado) para poder fazer as compras. Mas, apesar de tudo, faz questão de dizer que sua saúde está (por enquanto) bem.

Para atingir seu objetivo, Donna propôs-se a consumir até 12 mil calorias por dia -quando o recomendável é 2.000-, para o qual gasta semanalmente 750 dólares, que correm por conta dos visitantes de sua página, quem pagam para vê-la comer como uma...

Donna Simpson

- "Eu amo comer, e as pessoas amam me ver comendo", disse Simpson. "Estou fazendo as pessoas mais felizes e estou fazendo mal a ninguém".

O problema de sobrepeso de Donna começou muito cedo. Sua mãe alimentou a menina rechonchuda e seus irmãos com abundante comida, e aos nove anos já pesava 82 quilos.

Donna Simpson

- "O alimento era seu modo de dizer que nos amava. Ela nos protegia muito", disse Simpson.

Mas, com o passar dos anos, Donna começou a sentir um remorso por causa de seu corpo e recorreu a remédios para perder peso.

  - Não consegui fazer dieta, porque eu pensava no alimento o tempo todo", contou.

Donna Simpson

Donna abandonou a escola e conseguiu um trabalho de escritório. Já teve necessidade de lidar com as críticas de mulheres esbeltas, e seu corpo começou a se alargar novamente.


Quando completou os 19 anos, Donna conheceu o amor pela primeira vez e se casou, ironicamente, com o dono de um restaurante, Robert Simpson, com quem teve a filha Jacqueline, na época considerada a mulher mais gorda a ter um filho.

Donna Simpson

Mas o feliz romance chegou a seu fim quando Donna atingiu os 27 anos e os 158 quilos. A separação causou-lhe um terrível dissabor que só minguava com mais comida em seu estômago.

Com 31 anos e 273 quilos, Donna pensou que tinha chegado o momento para corrigir seu problema de obesidade, mas algo a fez desistir. Uma amiga sua submeteu-se a uma operação de redução do estômago morreu na cirurgia. Desde então Donna não quer saber mais de operações.

Fonte: MDIG