sexta-feira, 17 de maio de 2013

Brasil ‘festeja’ Dia Internacional da Internet ainda mais conectado

Nesta sexta-feira, 17 de maio, é comemorado o Dia Internacional da Internet, data estabelecida pela Organização das Nações Unidas (ONU) em 2006. E o usuário brasileiro parece ter a lista de motivos recheada para festejar esta data. Afinal, de acordo com dados do IBGE, a proporção de internautas no Brasil com acesso à grande rede dobrou em relação à 2005.

Já seguiu o @TechTudo_oficial no Instagram?
Brasileiros estão cada vez mais conectados (Foto: Reprodução/GiacomoDegani)Brasileiros estão cada vez mais conectados (Foto: Reprodução/GiacomoDegani)

Criada na época da Guerra Fria entre Estados Unidos e União Soviética como um tipo de equipamento militar, a Internet hoje conecta o mundo inteiro em torno de interesses que vão dos negócios ao entretenimento. E a população brasileira está entre as que mais se renderam às maravilhas da “World Wide Web”.

Segundo relatório da firma especializada comScore, o Brasil já se tornou dono da sétima maior audiência da Internet mundial e lidera os acessos da América Latina. Para o Ibope, mais de 80 milhões de brasileiros já têm acesso constante à grande rede, e mais de 67,8 milhões usam a web em casa. E os motivos para os acessos são variados.
Em 2012, o comScore divulgou uma pesquisa em que revelou os hábitos do brasileiro ao usar a Internet. De acordo com o estudo, redes sociais, entretenimento e informação são os conteúdos mais buscados pelos brasileiros, que lideram o acesso aos blogs. A página que “mais acessada” atualmente, claro, é o Facebook.
O e-commerce brasileiro também cresceu, fechando 2012 com o faturamento de R$ 55 bilhões, segundo dados do site eMarketer. A previsão é de que até 2016 o Brasil já esteja ocupando a quarta colocação nesta categoria, onde atualmente ele ocupa o sétimo lugar. Ou seja, o preconceito com compras na web já é coisa do passado no país.

Inclusão digital alavanca crescimento
Adquirir um plano de Internet, ou até mesmo um computador, não era uma tarefa fácil há alguns anos. Os PCs eram extremamente caros e a banda larga ainda era um sonho de muitos usuários que só se conectavam via Internet discada – aproveitando as noites e os finais de semana para pagar menos por isso.

Brasil está cada vez mais conectado (Foto: Reprodução/IAB Brasil)Brasil está cada vez mais conectado (Foto: Reprodução/IAB Brasil)

Entretanto, de 2005, quando o IBGE registrou que somente 21% da população haviam tido algum acesso à web em três meses, para 2011, quando calculou-se que esta taxa havia aumentado para 46,5% (ou seja, proporcionalmente, quase o dobro), muita coisa mudou. Deu-se início a um grande projeto de inclusão digital.
Computadores nas escolas públicas, incentivos para aquisição de máquinas, doação de laptops para funcionários públicos, facilidades de pagamento, queda nos preços de PCs e assinaturas de Internet. Tudo isso contribuiu bastante para que o Brasil virasse para o mundo uma referência em termos de utilização da rede.
“Esse processo que o país tem vivido nos últimos anos de redução da pobreza, aumento da qualidade do emprego, do poder de compra, esse conjunto de fatores socioeconômicos tem propiciado a essa população maior acesso à Internet”, avaliou um dos responsáveis pelo estudo do IBGE, Cimar Azeredo.

Internet se torna uma necessidade
Agora, a Internet deixou de ser luxo para ser necessidade. Um estudo do IAB Brasil com o comScore destacou que 88% da população vê a Internet como mídia mais importante nos dias de hoje, superando os tradicionais rádio, televisão e jornal. O crescimento do acesso aos aparelhos móveis é evidenciado, com 52% da população tendo smartphones.
Todos estes dados só comprovam que o povo brasileiro está cada vez mais presente na grande rede. Seja para usar o Facebook, assistir um vídeo no YouTube ou então realizar conferências e enviar e-mails de negócios. E, ao que tudo indica, a tendência é de que no Dia Internacional da Internet em 2014 estas estatísticas estejam ainda maiores.

Fonte: Tech Tudo

Enorme asteróide irá sobrevoar a Terra este mês

Asteroide
O corpo celeste, denominado 1998 QE2, não representa uma ameaça para o planeta e irá passar a uma distância de 5,8 milhões de quilómetros da Terra.
A aproximação do asteróide à Terra irá ser examinada atentamente por dois grandes telescópios - o observatório Goldstone, na Califórnia, e o radiotelescópio de Arecibo, em Porto Rico.
O asteróide 1998 QE2 foi descoberto em Agosto de 1998 por astrónomos do projecto Lincoln Near-Earth Asteroid Research (LINEAR), do Instituto de Tecnologia de Massachusetts (MIT).

Fonte: Maior TV

Jorge Videla morre aos 87 anos na prisão

 Videla era mantido no presídio de Marcos Paz, no subúrbio de Buenos Aires

O ex-ditador Jorge Rafael Videla, que comandou um sangrento governo militar na Argentina entre 1976 e 1983, morreu nesta sexta-feira, aos 87 anos, enquanto cumpria várias sentenças de prisão perpétua por crimes contra a humanidade.
Videla era mantido no presídio de Marcos Paz, no subúrbio de Buenos Aires, onde morreu durante a madrugada por causas naturais, segundo um porta-voz da Secretaria de Direitos Humanos do governo.
Organizações de direitos humanos contabilizam cerca de 30 mil opositores assassinados pela ditadura militar na Argentina. Outros crimes imputados aos responsáveis pela repressão ilegal são torturas e roubo de bebês, que eram arrancados das vítimas.
"O governo deste homem foi doloroso para o país, então creio que sua morte encerra sua presença física, mas não o que fez contra o povo", disse à Reuters Adolfo Pérez Esquivel, ganhador do prêmio Nobel da Paz por sua defesa dos direitos humanos durante a ditadura.

Fonte: Diário SP

Casais homoafetivos enfrentam dificuldade para registrar casamento no Rio

Mesmo com a decisão do Conselho Nacional de Justiça (CNJ) que determina o registro de casamento civil entre pessoas do mesmo sexo nos cartórios de todo o Brasil, casais homoafetivos enfrentam dificuldades para obter o documento no Rio de Janeiro.
O superintendente de Direitos Individuais, Coletivos e Difusos da Secretaria de Assistência Social e Direitos Humanos do Estado do Rio de Janeiro, Cláudio Nascimento, explica que, na cidade, o juiz da 1ª Vara de Registro Público, Luiz Henrique Oliveira Marques, tem negado todos os pedidos, descumprindo a decisão do CNJ. De acordo com Nascimento, a Corregedoria-Geral de Justiça do estado (CGJ-RJ) ficou de se pronunciar sobre a questão.
“Como no Rio tinha um provimento que dava ao juiz a liberdade de decidir favoravelmente, ou não, e o CNJ indicou outro procedimento, que é de garantir o direito de habilitação direta nos cartórios e só os impedimentos legais irem para o juiz, em caso de ser casado, ter cometido um crime contra alguém da família ou contra a mulher, o restante não estaria incluído como impedimento. Ser casal homoafetivo seria retirado. Então, se realmente ocorrer isso, a gente resolve o problema no Rio de Janeiro”.
Nascimento diz que houve uma declaração pública do juiz Marques, de que não respeitaria a decisão do CNJ e também do corregedor-geral, desembargador Valmir de Oliveira Silva, de que emitiria o aviso para que a decisão seja cumprida.
“É uma batalha, uma disputa política ilegal que a gente vai ter que fazer. O grande desafio agora, não só para o Rio de Janeiro, mas para todos os estados, é atuar no 'cumpra-se' dessa resolução. No Rio está mais visibilizado, porque a comunidade foi procurar os cartórios, foi levantar a questão, mas a gente não sabe a realidade mesmo de todos os estados brasileiros”
De acordo com o superintendente, cerca de 20 casais homoafetivos no estado conseguiram, na Justiça, converter a união estável, permitida desde maio de 2011, em casamento civil. O estado registra cerca de 2 mil uniões estáveis entre pessoas do mesmo sexo.
A assessoria de imprensa do Tribunal de Justiça do Rio de Janeiro informou que o juiz Luiz Henrique Oliveira Marques não iria se pronunciar sobre a questão, que está sendo tratada na corregedoria. A CGJ-RJ foi procurada pela Agência Brasil, mas não respondeu até o fechamento da matéria. A Associação dos Notários e Registradores do Rio de Janeiro (Anoreg-RJ) também foi procurada, mas não respondeu.
Hoje, 17 de maio, é comemorado o Dia Internacional de Combate à Homofobia e os 20 anos da retirada do homossexualismo do rol de doenças da Organização Mundial de Saúde.

Fonte: Jornal do Brasil

Ex-BBB Anamara divulga foto de bastidores de ensaio nu para a Sexy

A ex-BBB Anamara divulgou, nesta sexta-feira, uma imagem de making off de seu ensaio nu para a revista Sexy. Na foto, ela aparece com os seios cobertos apenas pelos cabelos. A capa e recheio com a morena serão publicados no mês de junho.

Sobre posar nua mais uma vez – Anamara já estampou a Playboy em 2010 – a ex-policial afirma que aceitou o convite por dinheiro. “Não vejo o nu como algo para me dar visibilidade. Isso a exposição no ‘BBB’ já faz por si mesmo. Penso literalmente no dinheiro e conseguimos chegar a um valor desejado”, explicou.

Antes mesmo de chegar às bancas, a revista da ex-BBB já está causando polêmica. É que a capa de junho seria da dançarina Camila Vernaglia, terceira colocada no Miss Bumbum. No entanto, os produtores da revista acreditaram que a ex-BBB teria mais apelo, e adiaram o ensaio da outra moça.

  (Reprodução/Instagram/oficialmaroca)


Irritada Camila declarou, por meio de assessoria, que a revista teria feito uma má troca. Em represália ao cometário, a Sexy desfez seu contrato com a participante do Miss Bumbum. "Nossas decisões tem uma só motivação: agradar nossos os leitores com mulheres bonitas nuas. As declarações da Camila foram infelizes e não restou outra alternativa a não ser a de cancelar seu contrato", afirmou o diretor de redação Henrique Rossi.

Fonte: UAI

Final de Salve Jorge: Wanda foge da polícia e fica cara a cara com Morena



Durante a fuga, Wanda dá de cara com Morena (Foto: Salve Jorge/Tv Globo)
Durante a fuga, Wanda dá de cara com Morena (Foto: Salve Jorge/Tv Globo)

Wanda (Totia Meirelles) tem mesmo um sexto sentido. A bandida percebe uma movimentação estranha na boate e consegue fugir antes que polícia a prenda. Esperta, Wanda sai por uma passagem secreta da boate. Morena (Nanda Costa), que de boba não tem nada, logo percebe o plano de Wanda e vai atrás da bandida. Agora as duas estão cara a cara mais uma vez. Quem vai vencer esse duelo?
Não perca a cena que vai ao ar nesta sexta-feira, 17 de maio, no último capítulo de Salve Jorge!
(*) Com informações da TV Globo

Fonte: Rádio Itaperuna

Grupo One Direction anuncia que virá fazer shows ao Brasil

Sem dúvida os meninos da banda teen One Direction estão aproveitando a onda de sucesso que tomou a América e o resto do mundo, exportando o seu estilo britânico com músicas pop chiclete. O primeiro álbum Up All Night vendeu mais de cinco milhões de cópias e se manteve no topo das paradas americanas, algo que há muito não se via na indústria fonográfica, levando a comparações com os Beatles e afirmações como a da revista The New Yorker, de que a banda tomou a América.
Estima-se que entre álbuns, DVDs, merchandising e ingressos de shows a banda faturou quase U$162 milhões no ano passado. O 1D é um fenômeno que já virou boneco da Hasbro e estátua de cera no museu Madame Taussauds de Londres.
Foi durante uma pausa das filmagens do novo filme, This is Us, que mostrará os bastidores da banda brevemente nos cinemas, que Harry, Liam, Niall, Zayn e Louis anunciaram aos jornalistas do mundo a surpresa: a nova turnê Where We Are que passará pelo Brasil.
"Vamos primeiro na América Latina e depois para o Reino Unido", anunciou Niall Horan, o louro integrante irlandês da banda. "Vamos a países como Argentina, Colômbia, Paraguai, Peru e Brasil", disse ele acrescentando que em Londres farão shows no estádio Wembley, lugar geralmente reservado às grandes bandas de rock.
"Vamos anunciar mais datas. Esse é só o inicio", concluiu ele com animação ao lado dos colegas, em um pequeno auditório dentro do estádio. Os shows no Brasil serão no Rio de Janeiro, dia 8 de maio de 2014, na Apoteose, e em São Paulo, dia 10 de maio do mesmo ano, na Arena Palmeiras.
"Há vários lugares ao redor do mundo que não tivemos a oportunidade de nos apresentar. Estamos muito ansiosos", disse Liam Payne.

Fonte: D24Am

52% dos gaúchos não contam com internet

O Rio Grande do Sul é um Estado de contrastes, pelo menos quando se fala em tecnologia. Entre os gaúchos com mais de 10 anos, 52% ainda não têm acesso à internet.
Apesar disso, em seis anos, de 2005 a 2011, o número de pessoas com celular para uso pessoal no Estado saltou de 54,7% para 76,9%. Pesquisa divulgada nesta quinta-feira pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) revela baixos índices de inclusão digital contra números expressivos quando o assunto é uso de telefone celular. Para Eduardo Tude, presidente da consultoria Teleco, a Pesquisa Nacional de Amostra por Domicílio (Pnad) confirma a tendência de que o celular seja um objeto essencial na vida das famílias e substitua o telefone fixo. No Brasil, quase 70% das pessoas têm aparelhos celulares para uso próprio.
– Para um país como o Brasil, é um número bastante alto e hoje já devem ser mais de 80% – avalia.
A pesquisa revelou ainda que a Região Metropolitana de Porto Alegre é a área com a maior concentração de telefones celulares do país. Segundo a Pnad, 83,6% da população com 10 anos ou mais de idade tinha um aparelho. Um dos maiores crescimentos se deu no público jovem, entre 10 e 17 anos, caso dos filhos da psicóloga Solange Truda. Felipe, de 12 anos e Rafaela, de 16, utilizam o aparelho com a naturalidade de quem nasceu em um mundo digital.
– Nós resolvemos dar um celular para eles para termos um pouco de controle, mas eles acabam usando para os mais diversos motivos, inclusive para falar com os amigos pela internet– relata Solange, conformada com a necessidade da tecnologia na vida da família.
Estados brasileiros chegam a ter menos de 25% conectados
Infelizmente, a internet que os filhos de Solange utilizam no celular não é uma realidade para a maioria. No Brasil, 53,5% dos habitantes ainda não têm acesso a nenhum tipo de conexão com a internet. Para Cimar Azevedo, coordenador de Trabalho e Rendimento do IBGE, o número não chega a ser preocupante e está ligado a faixas etárias.
– A inclusão digital se dá sem medo entre os jovens. Entre os mais velhos, demora um pouco, mas é crescente, inclusive para acesso a banco ou para declarar imposto de renda – afirma Azevedo.
Natural ou não, o fato é que os brasileiros ainda apresentam números muito baixos em relação à inclusão digital. Em Estados como Maranhão e Piauí, a proporção de pessoas conectadas não ultrapassa os 25%.
Tude entende que, apesar de ser impossível chegar aos 100%, o país está longe de ter números ideais:
– Sempre tem uns 10%, 15% que não tem interesse em acessar a internet, mas apenas 46% de brasileiros conectados é muito pouco.
País de contrastesEm março, havia 264 milhões de habilitações ativas de celulares no país
Brasileiros com 10 anos ou mais com acesso à internet
2005: 20,9%
2011: 46,5%
Gaúchos com 10 anos ou mais com acesso à internet
2005: 23,2%
2011: 48%
Brasileiros com 10 anos ou mais com celular para uso pessoal
2005: 36,6%
2011: 69,1%
Gaúchos com 10 anos ou mais com celular para uso pessoal
2005: 54,7%
2011: 76,9%
Domicílios no Brasil em 2011
83,4% têm rádio
96,9% têm televisão
42,9% têm computador
36,5% têm computador ligado à internet
40,1% têm telefone fixo
86,4% têm telefone celular

Domicílios no Rio Grande do Sul em 2011
93,1% têm rádio
98,2% têm televisão
48,1% têm computador
39,3% têm computador ligado à internet
38,2% têm telefone fixo
91,8% têm telefone celular

Entre estudantes, os resultados são melhores
Em recorte feito pela Pnad, é possível observar que entre os estudantes brasileiros os números revelam um grupo bem mais conectado e em contato com a internet.
No caso das escolas públicas, o número de estudantes conectados cresceu e ultrapassa os dados gerais do Brasil. Em 2011, já eram 65,8% com acesso regular à internet contra apenas 24,1% registrados em 2005.
Nas escolas particulares, o cenário é ainda melhor, revelando a disparidade entre as duas redes. Já são 96,2% os estudantes com acesso à internet. Em 2005, eram 82,4%. Unindo as duas redes, pública e privada, a pesquisa constatou 72,6% com acesso à rede.
Fonte: Zero Hora

Polícia italiana prende quatro suspeitos de liderar o grupo Anonymous no país

Crédito:Divulgação
Hackers já atacaram contas do Vaticano

De acordo com a Folha de S.Paulo, os hackers seriam os responsáveis por ataques contra o governo, o Parlamento, o Vaticano e empresas importantes.

Além dos suspeitos, também foi apreendido material que a polícia ainda pretende investigar.

Fonte: Portal Imprensa

Emma Watson é uma celebridade em Cannes



CANNES Longe do Festival de Cannes desde 2006, quando seu “Maria Antonieta” causou controvérsia, a diretora Sofia Coppola volta à reviera francesa para lançar seu novo longa, intitulado “Bling Ring: A Gangue de Hollywood” e estrelado por Emma Watson (a Hermione da franquia “Harry Potter”).
O filme abriu a mostra Um Certo Olhar, e, ao contrário da sua última visita ao festival, o mais recente trabalho de Coppola teve uma recepção favorável. A diretora se mostrou contente de estar de volta ao evento. “Eu sempre fico muito feliz de mostrar um filme aqui. Cannes parece ser um lugar apropriado para ‘Bling’”, afirmou a cineasta, durante a entrevista coletiva.


Já Emma Watson fez sua estreia no festival, sob uma chuva de flashes e atenção especial da mídia. E, ironicamente, no papel de uma garota capaz de tudo para sentir um gostinho do que seria viver como Emma Watson na vida real.
“Bling Ring: A Gangue de Hollywood” é baseado num artigo publicado na Vanity Fair sobre a história real de um grupo de adolescentes que, em 2009, assaltou mansões de celebridades hollywoodianas, como Orlando Bloom (trilogia “O Senhor dos Aneis”), Lindsay Lohan (“Ela é a Poderosa”) e Megan Fox (“Transformers”), roubando um total de quase US$ 2 milhões em roupas e jóias.


Sofia Coppola identificou no crime uma perversão da cultura das celebridades e por isso quis inseri-lo em sua filmografia. Para ela, “Bling Ring” pode ser visto como uma espécie de continuação à “Um Lugar Qualquer”, seu filme anterior. “Quando eu estava fazendo ‘Um Lugar Qualquer’, refleti muito sobre a ideia de se buscar o status de celebridade, e o que acontece quando você chega lá”.
A trama de “Um Lugar Qualquer” acompanhava um astro de cinema alienado, que passava os dias em quartos de hotel, sem criar raízes ou fazer planos, correndo em círculos metafóricos e literais. Em “Bling Ring”, a diretora muda seu foco para jovens comuns que sonham com aquela vida, que só existe para os famosos. E, para experimentá-la, recorrem ao único recurso a seu alcance: o crime.


Mas quando a história da gangue adolescente foi parar na mídia, a ficha não caiu de imediato. “No início, eu não prestei muita atenção”, ela confirma. “Mas quando li o artigo na Vanity Fair, percebi que aquilo parecia um filme. E quanto mais eu conversava com o jornalista e lia as transcrições das entrevistas, mais eu percebia como tudo aquilo era fascinante e tão contemporâneo e dizia muito sobre a nossa cultura atual”.
A diretora fez questão de incorporar essa “contemporaneidade” à sua narrativa. “Eu tentei fazer o filme no estilo daquele mundo que estamos retratando”, ela explicou, referindo-se a questões como abundancia de informação e distúrbio de atenção. Até mesmo as mansões de celebridades reais, vítimas da gangue, como Paris Hilton, foram usadas como locação nas filmagens, mantendo o clima mais próximo da realidade possível.


Ainda assim, a diretora teve o cuidado de mudar os nomes dos personagens para não enaltecer os criminosos em que a história se baseia. “Eu não queria tornar esses garotos mais famosos do que eles já são. Não queria contribuir para cultuar seu status de celebridade”, diz ela, notando que eles conseguiram se tornar célebres, após o crime, como sonhavam ser.
Para submergir no mundo das celebridades americanas, Emma Watson, que no filme disfarça o seu sotaque britânico, revelou ter passado horas assistindo reality shows fúteis, para assim entender como é ser uma típica patricinha de Beverly Hills. “Eu assisti muita das Kardashians, assisti muito de Paris Hilton e assisti muito de ‘The Hills’”, revelou a atriz.


A preparação por meio desses reality shows tinha a intenção de fazer com que sua personagem tivesse intimidade com aquela subcultura. “Eles não se tornaram criminosos exatamente por causa dos roubos em si, mas para poder fingir por duas horas, enquanto estavam na casa de Paris Hilton e dos demais, que eram convidados daquela festa, daquela vida”, avalia a atriz.
Para Emma, também foi interessante trabalhar com uma diretora americana que incentiva a improvisação. “Eu pude interpretar de forma mais solta que estava acostumada”, ela contou, comparando a experiência com seu papel na saga “Harry Potter”. “Foi estimulante, depois de passar tanto tempo precisando dizer as frases exatamente como foram escritas, porque um monte de gente as conhecia de cor”.


A entrega de Emma ao papel parece ter agradado a diretora. “É interessante ver atores que você já viu em outros filmes se transformarem em personagens que são tão diferentes deles mesmos. É excitante”, disse Coppola, referindo-se, é claro, ao papel de Hermione que Emma Watson interpretou nos oito filmes do bruxinho mais famoso do cinema.
“‘Harry Potter’ parece ter sido a tanto tempo, mas ainda está muito presente na mente das pessoas”, desabafou a atriz. “Não estou tentando fugir disso, mas passei os últimos três anos de forma muito maravilhosa, tendo a chance de me transformar em diferentes personagens e trabalhar com pessoas muito criativas”, contou.


Desde o final da franquia juvenil de magia, com o lançamento de “Harry Potter e as Relíquias da Morte – Parte 2″ em 2011, Emma tem gravitado para filmes mais maduros, como “Sete Dias com Marilyn” e “As Vantagens de Ser Invisível”, lançados no ano passado no Brasil. E a mudança de rumo na carreira da atriz continua em andamento.
Além de “Bling Ring: A Gangue de Hollywood”, que chega aos cinemas brasileiros no dia 12 de julho, ela ainda tem pela frente a comédia apocalíptica “É o Fim”, de Seth Rogen (“Besouro Verde”), que estreia em 27 de setembro, e o épico bíblico “Noé”, dirigido por Darren Aronofsky (“Cisne Negro”), com lançamento marcado para 28 de março de 2014.

Fonte: Pipoca Moderna

George Michael recebe tratamento médico após acidente de carro


LONDRES, 17 Mai (Reuters) - O cantor britânico George Michael recebeu tratamento médico depois de um acidente de carro na quinta-feira, disse seu agente.
O ex-vocalista do Wham!, de 49 anos, estava sendo tratado devido a "pequenos cortes e contusões" após o acidente, disse a porta-voz de Michael.
"George Michael estava como passageiro em um veículo envolvido num acidente de trânsito na noite de ontem, nenhum terceiro se envolveu", disse a porta-voz na sexta-feira. "Ele estava sendo tratado de cortes superficiais e escoriações, mas está bem".
A mídia britânica informou que o acidente ocorreu nos arredores de Londres em uma estrada na hora do rush.
O cantor de "Careless Whisper" sofreu uma série de acidentes e sustos de saúde recentemente.
No ano passado, ele cancelou sua turnê na Austrália, devido a uma "grande ansiedade" causada por uma batalha de 2011 contra uma pneumonia grave em Viena, onde ele ficou por um mês na UTI.
Michael vendeu cerca de 100 milhões de discos em sua carreira.
(Reportagem de Paul Casciato)
 

Fonte: Reuters

'Berlusconi pagava para eu me vestir de Obama e Ronaldinho', diz Ruby

Foto: Reprodução de TVA dançarina Karima El Mahroug, mais conhecida como "Ruby, a Ladra de Corações", afirmou em testemunho que as dançarinas das festas de Silvio Berlusconi, ex-primeiro-ministro italiano, se vestiam como freiras, enfermeiras, Barack Obama e Ronaldinho Gaúcho.
Ruby depôs no julgamento em que a ex-showgirl e conselheira regional Nicole Minetti, o caça-talentos Lele Mora e o âncora de televisão Emilio Fede respondem por induzir e auxiliar a prostituição.
Berlusconi, por sua vez, é julgado por supostamente pagar por sexo com Karima quando ela era menor de idade e utilizar seu poder como premiê para libertá-la quando foi presa por roubo.
O ex-primeiro-ministro italiano afirma nunca ter pago por sexo e nega qualquer irregularidade. Segundo ele, os juízes são politicamente motivados contra sua pessoa.

Fonte: SRZD