sábado, 17 de agosto de 2013

Mulher é baleada oito vezes ao esperar filho na porta de escola

Uma mulher foi atingida por oito tiros nesta sexta-feira (16) ao buscar o filho em uma escola na Vila Missionária, na zona sul de São Paulo. De acordo com a polícia, o autor dos disparos é o ex-marido da vítima, que fugiu em seguida.

Segundo testemunhas, Rita de Cássia Brito foi abordada pelo ex, Douglas dos Santos, na porta do colégio localizado na rua dom Lourenço Maria Balconi. Os dois teriam discutido e em seguida Santos sacou a arma e fez os disparos. A vítima tentou se proteger, sem sucesso, dentro da escola. A polícia ainda não tem informações sobre o paradeiro do criminoso.

Apesar de ter levado oito tiros, nenhum disparo atingiu os órgãos vitais da vítima. Ela foi levada para o Hospital Geral de Pedreira, também na zona sul da cidade, e passou por uma cirurgia. Ontem à noite, o estado de saúde dela era considerado estável, segundo a Secretaria de Estado da Saúde. Ainda na noite de ontem, ela foi transferida para um hospital particular da zona sul.

O estado de saúde dela não foi divulgado a pedido da família, mas a reportagem apurou que ela está internada na UTI (Unidade de Terapia Intensiva) e não corre risco de morte.

Em entrevista ao “SPTV”, da Rede Globo, a advogada da vítima, Julieta Yabiku, disse que o casal estava separado havia dois anos e que a documentação da separação foi finalizada nos últimos dias. Segundo ela, Santos não discordava da separação, mas da maneira como estava sendo feita a partilha de bens do casal. A reportagem não conseguiu localizar familiares de Santos nem o seu advogado.

Fonte: Correio Da Bahia

Quarenta serpentes achadas em quarto de hotel no Canadá

Cobra píton é exposta em cerimônia do Ano Novo Chinês em Kuala Lumpur, 10 de fevereiro de 2013
Cobra píton: serpentes encontradas são de tipo píton real da África, supostamente não perigosas


Montreal - Um casal expulso de seu alojamento encontrou refúgio em um quarto de hotel de Brantford, em Ontário, acompanhado de suas 40 serpentes píton, anunciou esta sexta-feira a polícia canadense.
"Encontramos esta quinta-feira várias caixas de plástico que continham serpentes pítons", informou a polícia em um comunicado.
Os 40 répteis, "que têm de 30 centímetros a 1,40 metro", foram entregues à Sociedade de Proteção Canadense de Animais (SPCA), visto que pareciam maltratados, acrescentou, afirmando que um veterinário estará a cargo de observá-las.
As serpentes são de tipo píton real da África, supostamente não perigosas.
A polícia de Ontário lembrou que a posse de pítons é ilegal e abriu uma investigação para determinar como o casal pôde manter tantas serpentes.
Em 5 de agosto passado, dois irmãos, de 5 e 7 anos, morreram no Canadá estrangulados enquanto dormiam por uma píton de 4 metros de comprimento e 45 quilos.
Em muitas províncias do país, as autoridades fizeram uma revisão de sua legislação sobre a posse de animais selvagens.

Fonte: Exame

Sobe para 40 o número de mortos em naufrágio nas Filipinas

As autoridades filipinas aumentaram para 40 o número de mortos do naufrágio de uma embarcação de passageiros que se chocou contra um navio mercante na região central das Filipinas, e mais de 170 pessoas continuam desaparecidas de acordo com a última apuração da Cruz Vermelha.
O acidente aconteceu na noite da sexta-feira (16) na costa da província de Cebu.
O navio MV Saint Thomas Aquinas só levou dez minutos para afundar depois de bater no cargueiro MV Sulpicio Express, quando entrava no porto de Talisay, a quase um quilômetro de distância da cidade.
No Thomas Aquinas, embarcação de 40 anos com capacidade para mais de 900 ocupantes, viajavam mais de 800 pessoas, pelo menos 700 passageiros e 116 membros da tripulação. O cargueiro, que se dirigia à província de Davao, sofreu danos no casco, mas não afundou e não deixou feridos os 36 tripulantes.
Os pescadores foram os primeiros a ajudar as vítimas, que mal tiveram tempo de sair do navio. Foram resgatadas pelo menos 629 pessoas, e 69 delas estão em hospitais com fraturas e traumatismos.
As buscas foram suspensas na manhã deste sábado por causa das condições do mar e retomadas depois, embora não haja esperanças de encontrar sobreviventes.


Voluntários ajudam na busca por desaparecidos próximo ao cargueiro (Foto: Bullit Marquez/AP) 
Voluntários ajudam na busca por desaparecidos
próximo ao cargueiro (Foto: Bullit Marquez/AP)


As autoridades ainda investigam as causas do acidente, mas proibiram temporariamente a navegação da frota das companhias envolvidas, 2GO do navio e Philippine Span Asia Carrier do mercante. O chefe da Autoridade Industrial Marítima, Maximo Mejia, informou que as duas embarcações estavam com a documentação em dia, e acredita que o acidente não teve a ver com falta de manutenção ou com erros estruturais.
Um dos passageiros resgatados, Jerwin Agudong, relatou à emissora de rádio dzBB o que viu enquanto era resgatado. "Parece que alguns não conseguiram sair. Sinto pena das crianças. Vimos corpos perto do navio e outros sendo resgatados".
O subcomandante da Guarda Litorânea, Luis Tuason, disse que alguns dos desaparecidos podem estar presos dentro do navio. "O capitão conseguiu ordenar a evacuação do navio e distribuiu coletes salva-vidas mas, por causa da velocidade que afundou, há muitas chances de haver pessoas presas".
St Thomas Aquinas, que vinha de Surigao, no sul do arquipélago, seguia em direção a Cebu para realizar uma escala antes de partir em direção a Manila.
Dezenas de pessoas morrem todos os anos em acidentes no mar das Filipinas, a maioria em naufrágios causados pelo mau tempo, pelo descumprimento das normas de segurança, manutenção defeituosas ou sobrecarga das embarcações.
O acidente mais grave da história da navegação comercial, com 4.317 mortos, ocorreu em 20 de dezembro de 1987 quando o navio Dona Paz bateu em um petroleiro no sul das Filipinas.

Fonte: G1

Novos dados sobre Diana apontam para militar assassino


Novos dados sobre Diana apontam para militar assassino
(ATUALIZADA) A polícia britânica está a analisar novos dados que recebeu recentemente sobre a morte da princesa Diana e de Dodi Al Fayed em 1997 em Paris, foi hoje revelado. Media britânicos falam em denúncia de sogros de um ex-militar.
Um comunicado da Scotland Yard citado pela BBC dá conta que a polícia está a "filtrar informação" e a "averigurar a sua revelância e credibilidade", sem para já adiantar de que elementos se tratam.
A mesma fonte fez no entanto questão de dizer que "não se trata de uma reinvestigação" à morte do casal.
A Yard recusou-se a concretizar que elementos lhe chegaram às mãos, mas os media britânicos, citando fontes policiais, adiantam que se trata da denúncia de que a princesa e o namorado foram assassinados por um antigo militar das Forças Armadas britânicas.
Denúncia feita pelos ex-sogros desse homem, concretiza a Sky News.
A princesa Diana e o namorado Dodi Al Fayed morreram num acidente de viação no Túnel das Almas, em Paris, a 31 de agosto de 1997. A investigação ao caso, encerrada em 2008, concluiu que o acidente ocorreu por "negligência grosseira" do motorista, também ele morto no acidente.
O pai de Dodi, Mohamed Al Fayed, sempre disse que as mortes tinham por trás mão criminosa.

Fonte: DN.pt

Fergie muda oficialmente de nome e adota seu nome artístico na vida real

Foto: Fergie / Crédito: Roberto Filho/AgNews
Fergie muda oficialmente de nome e adota seu nome artístico na vida real


A cantora Fergie conseguiu vencer na justiça o processo para mudar oficialmente o seu nome de batismo. De Stacy Ann Ferguson, ela, agora, assinará seus documentos como Fergie Duhamel. De acordo com o site TMZ, o juiz autorizou a mudança nesta sexta-feira, 16, um mês após ela ter feito a solicitação.
+Prestes a dar à luz, Fergie usa vestido apertado durante encontro com amigos do Black Eyed Peas
Entre as razões usadas pela estrela, está a de que ninguém a chama de Stacy. Conforme o seu advogado revelou, recentemente, ela queria ficar “em conformidade com o nome pelo qual é popularmente e profissionalmente conhecida há tantos anos”. Já o sobrenome é o mesmo de seu marido, o ator Josh Duhamel, com quem está casada há quase cinco anos e de quem espera o primeiro filho.
+Fergie e Josh Duhamel serão pais de um menino
Uma das exigências do juiz para a mudança de nome foi que ela publicasse um texto em um jornal local de Los Angeles – onde o processo foi aberto - por quatro semanas e ela obedeceu ao pedido.

Por: CARAS Online

Marina Ruy Barbosa chora ao visitar crianças com câncer no Rio


Marina Ruy Barbosa (Foto: Cleomir Tavares/Mural da Fama)Marina Ruy Barbosa (Foto: Cleomir Tavares/Mural da Fama)


Marina Ruy Barbosa e Klebber Toledo estiveram na sede da AMICCA (Amigos da Infância com Câncer), no final da tarde desta sexta, 16, no Rio . Marina atendeu prontamente o pedido da instituição para fazer uma visita às crianças que ficaram muito tristes com a morte da Nicole, seu personagem na novela "Amor à Vida". Assim como Nicole, várias crianças da AMICCA têm câncer de linfoma.

Durante a visita, Marina falou com as crianças. "Queria dizer para vocês que estou muito feliz de estar aqui hoje e estou muito emocionada (começa a chorar) com o carinho de todos. Queria dizer que a Nicole foi um personagem que gostei muito de fazer, mas a história da Nicole foi uma história difícil. Gostaria de dizer que com vocês vai ser diferente, todos vocês vão continuar lutando e serão muito felizes", disse Marina, que nesse momento já estava chorando e não conseguia mais falar. Tia Iara, responsável pela instituição, pegou, então, o microfone e explicou que Marina foi lá mostrar para as crianças que ela está em bem e convidou todos para cantar.
Marina ainda ganhou uma borboleta de desenho de uma criança. Ao lado do namorado Klebber, a atriz cantou com as crianças e se emocionou novamente. No vídeo, Marina se emociona assim que entra na instituição e começa a abraçar as crianças. Assista ao vídeo.
Neste sábado, 17, Marina usou o Twitter para falar sobre a emoção da visita. "Fui lá para dar carinho... Mas ganhei TANTO carinho que é impossível não se emocionar! Fiquei feliz!", escreveu.

Marina Ruy Barbosa (Foto: Cleomir Tavares/Mural da Fama)Atriz não conseguiu falar por causa do choro (Foto: Cleomir Tavares/Mural da Fama)

 
Marina Ruy Barbosa e Klebber Toledo (Foto: Cleomir Tavares/Mural da Fama)Marina Ruy Barbosa e Klebber Toledo com as crianças  (Foto: Cleomir Tavares/Mural da Fama)

 
Marina Ruy Barbosa (Foto: Cleomir Tavares/Mural da Fama)Marina recebe o carinho na instituição (Foto: Cleomir Tavares/Mural da Fama)

 
Marina Ruy Barbosa (Foto: Cleomir Tavares/Mural da Fama)Marina brincou com as crianças (Foto: Cleomir Tavares/Mural da Fama)

Marina Ruy Barbosa e Klebber Toledo (Foto: Cleomir Tavares/Mural da Fama)Marina Ruy Barbosa e Klebber Toledo  com as crianças da instituição (Foto: Cleomir Tavares/Mural da Fama)

 
Marina Ruy Barbosa (Foto: Cleomir Tavares/Mural da Fama)Marina e Klebber cantaram com as crianças (Foto: Cleomir Tavares/Mural da Fama)

Marina Ruy Barbosa (Foto: Cleomir Tavares/Mural da Fama)Marina Ruy Barbosa e klebber (Foto: Cleomir Tavares/Mural da Fama)

 
Marina Ruy Barbosa e Klebber Toledo (Foto: Cleomir Tavares/Mural da Fama)Marina Ruy Barbosa dá autógrafos (Foto: Cleomir Tavares/Mural da Fama)

 
Marina Ruy Barbosa (Foto: Cleomir Tavares/Mural da Fama)Marina Ruy Barbosa (Foto: Cleomir Tavares/Mural da Fama)

 Fonte: EGO

Egito diz que Irmandade é bem-vinda para transição

Autoridades egípcias reforçaram neste sábado que membros pacíficos do movimento Irmandade Muçulmana, do presidente deposto Mohammed Morsi, poderiam participar do momento de transição do país.
"Qualquer um da Irmandade Muçulmana ou mesmo que não faça parte dela que gostaria de voltar a participar da marcha pacífica do Egito para o futuro será bem-vindo", disse o conselheiro presidencial Mustafa Hegazy. Ele acrescentou que o Egito acolhe todas as pessoas que não tenham cometido atos terroristas.
Fundada em 1928, a Irmandade Muçulmana chegou ao poder há um ano, quando Morsi foi eleito na primeira votação livre do país. A eleição ocorreu após a derrubada do ex-ditador Hosni Mubarak por um levante popular, em 2011.
O primeiro-ministro Hazem al-Beblawi advertiu, no entanto, que não haveria "reconciliação com aqueles que desobedecem as leis e que têm sangue em suas mãos". Fonte: Dow Jones Newswires.

Fonte: Portal A Tarde