quinta-feira, 12 de dezembro de 2013

ONU detecta possível uso de armas químicas em cinco pontos da Síria

Os analistas da ONU detectaram a possível utilização de armas químicas em cinco pontos da Síria de um total de sete investigados, segundo o relatório apresentado nesta quinta-feira ao secretário-geral, Ban Ki-moon.

A equipe de especialistas averiguou sete das 16 denúncias, já que não recebeu "informação crível ou suficiente" sobre as demais, segundo o relatório, apresentado pelo responsável do grupo de analistas, o sueco Ake Sellstrom, ao secretário-geral.

Ban destacou ao receber o relatório, sobre cujo conteúdo não falou, que o uso de armas químicas é uma grave violação do Direito Internacional, e ressaltou o compromisso alcançado em setembro para eliminar o arsenal químico do governo sírio, um processo que já está em andamento.

Fonte: TERRA

Laudo sobre morte de brasileiros nos EUA não tem previsão, diz secretário

Cledione Ferraz do Amaral com a filha - família morta em Orlando - Formosa - Goiás (Foto: Suenia Ruppenthal/Arquivo pessoal) 
Cledione Ferraz do Amaral com a filha, nos
EUA (Foto: Suenia Ruppenthal/Arquivo pessoal)


O laudo sobre as causas da morte dos brasileiros que viviam nos Estados Unidos, previsto para ser divulgado nesta semana, ainda não tem previsão de conclusão, segundo informações do secretário de Assuntos Internacionais de Goiás, Elie Chidiac. Ele está de férias no país, mas acompanha de perto as investigações sobre o caso.

“Os corpos foram encontrados em estado avançado de decomposição, o que dificulta os trabalhos dos médicos legistas. O Consulado do Brasil também está cobrando alguma posição, mas as autoridades norte-americanas nos informaram nesta quinta-feira (12) que precisam de mais tempo. Então, só nos resta aguardar”, explicou ao G1.
O casal Márcio Ferraz do Amaral, de 45 anos, Cledione Ferraz do Amaral, de 34 anos, e a filha, de 10 anos, foram achados mortos no sábado (7), dentro de um carro, na garagem da casa em que vivia em um condomínio de luxo em Lake Nona, em Orlando, no estado da Flórida.

De acordo com Chidiac, além do laudo médico, outro fator importante para a liberação dos corpos para o traslado ao Brasil é a identificação. “Apesar de todas as características apontarem que se tratam dos brasileiros, isso ainda precisa ser comprovado. Por isso, a família já foi acionada para fornecer dados como arcada dentária e DNA para que seja feito o procedimento. A vinda de algum representante aos EUA é imprescindível”, ressaltou o secretário.

Os familiares, que moram em Formosa, no leste do estado, afirmam não ter dinheiro para arcar com os custos da viagem e cremação dos corpos. Por conta disso, a irmã de Cledione, a estudante de direito Suenia Ruppenthal, pediu ajuda à Secretaria de Assuntos Internacionais de Goiás, nesta manhã. Além disso, lançou uma campanha pelo Facebook.

“Muita gente tem nos procurado e toda a contribuição é bem-vinda. Até esta tarde, as doações somavam cerca de R$ 1.600. Mas precisamos de cerca de R$ 20 mil”, afirmou a estudante ao G1. Uma irmã do brasileiro também irá até a Flórida para identificar os corpos.
Segundo Suenia, por enquanto, a única ajuda recebida do governo estadual foi a intermediação de informações com as autoridades norte-americanas. “Estamos levantando algumas documentações que foram solicitadas, como laudos médicos da minha irmã, cunhado e sobrinha, mas ainda não houve nenhuma ajuda financeira”, destacou.
Uma lei estadual de 2005 criou o Fundo de Auxílio Funerário aos Goianos, usado para repatriar corpos de nascidos no estado que morreram no exterior. A legislação também garante auxílio, caso os parentes das vítimas morem em Goiás há pelo menos cinco anos. “Por enquanto, a informação que temos é de que a família não se encaixa nessa lei, já que eles moram no estado há cerca de dois anos. Mas se eles comprovarem residência há mais tempo, pode ser que o quadro mude. Mesmo assim, estamos fazendo o possível para ajudá-los cobrar as investigações sobre o caso”, ressaltou o secretário de Relações Internacionais.

Márcio Ferraz do Amaral, 45 anos, era piloto de avião (Foto: Suenia Ruppenthal/Arquivo pessoal) 
Márcio Ferraz do Amaral, 45 anos, era piloto de
avião (Foto: Suenia Ruppenthal/Arquivo pessoal)

Suenia afirma que Cledione nasceu no Paraná e Amaral era de São Paulo, onde eles se conheceram e tiveram uma filha. No entanto, os pais de Cledione residem há dois anos em Formosa, no Entorno do Distrito Federal. Segundo a irmã, antes, eles moraram por mais de três anos em Água Fria de Goiás, também no Entorno do DF. “Meu pai é agrônomo e sempre moramos em fazendas a trabalho. Temos os registros em carteira que comprovam isso. Vamos em busca da documentação necessária para conseguir essa ajuda”, ressaltou Suenia.
A estudante disse ainda que conseguiu retirar o passaporte na Polícia Federal, mas que só vai receber o documento no próximo dia 20. “Depois disso, ainda terei que conseguir o visto para entrada nos EUA, mas o Itamaraty disse que vai nos ajudar com a liberação, pois se trata de um caso emergencial”, afirmou.
O Itamaraty informou que não pode arcar com os custos de repatriação dos corpos, mas disse que prestará a assistência necessária para que a família realize o traslado. Afirmou ainda que há limites para os desembolsos financeiros da assistência consular oferecida pelo governo brasileiro.

Morte
De acordo com o noticiário local WFTV, a polícia de Orange County acredita que pai, mãe e filha já estivessem mortos havia pelo menos três semanas quando foram encontrados, no último sábado. Segundo o jornal, um representante do condomínio onde viviam os Amaral sentiu um cheiro forte na residência e chamou a polícia. Os corpos foram encontrados já em decomposição.
Eles eram muito felizes e não tinham motivos para se matar"
Suenia Ruppenthal, irmã de Cledione
Não havia sinais de arrombamento da residência ou de ferimentos nas vítimas. Segundo a imprensa local, a polícia trabalha com a hipótese de que as mortes tenham sido resultado de duplo homicídio seguido de suicídio.

O casal se mudou há cinco anos para os Estados Unidos. Amaral era piloto de avião e a mulher trabalhava em um parque temático da Disney, em Orlando. Segundo Suenia, amigos da família que moram na Flórida informaram que ultimamente o cunhado trabalhava em uma empresa aérea que fazia voos para a Índia.
Suenia afirma que não acredita na hipótese de suicídio, levantada pela polícia norte-americana. "Eles eram muito felizes e não tinham motivos para se matar. A gente se falava pela internet com frequência, mas desta vez já tinha cerca de um mês o último contato. Mesmo assim, sei que eles estavam realizados lá e se amavam", relatou.

A estudante também disse que a família não tinha conhecimento se o casal passava por dificuldades  financeiras. "A mulher que alugava a casa disse que eles não pagavam o aluguel há cinco meses. Mas nós não sabíamos disso, ainda mais porque eles trabalhavam e levavam uma vida confortável lá", disse.

Na UTI com câncer, Reginaldo Rossi reage bem ao tratamento

Rossi participou de gravação com a banda Calypso em agosto deste ano Foto: AgNews
Rossi participou de gravação com a banda Calypso em agosto deste ano

Reginaldo Rossi continua internado na Unidade de Tratamento Intensivo (UTI) do Hospital Memorial São José, no Recife, informou o boletim médico desta quinta-feira (12). “O estado de saúde do cantor inspira cuidados, mas, de acordo com os médicos, ele está reagindo ao tratamento”, disse a nota. Nesta sexta-feira (13), Reginaldo será submetido à última sessão de quimioterapia.

O cantor de 69 anos foi internado em 27 de novembro, após sofrer um derrame pleural, que se caracteriza pelo acúmulo de líquido no pulmão. Na quarta-feira (11), foi divulgado o diagnóstico de Reginaldo: carcinoma de pequenas células – tumor primário e maligno – no pulmão.


Conhecido como o Rei do Brega, Rossi está em atividade desde 1964. Entre seus maiores sucessos estão GarçomEm Plena Lua de Mel e A Raposa e as Uvas.

Fonte; Terra

Aos 35 anos, Suzana Alves fala sobre Tiazinha: "É maior do que eu"

Um dos maiores símbolos sexuais dos anos 90, a atriz Suzana Alves conversou com a jornalista Marília Gabriela e falou do sucesso da Tiazinha, personagem que ela interpretava no programa 'H', na Band. "Virou meu Frankenstein. É maior do que eu", confessou ela, durante o 'De Frente com Gabi'.


Atualmente, com 35 anos, Suzana diz que não sente mais necessidade de expor o corpo: "Eu quero despir a minha alma agora".
Além disso, a modelo reconheceu que aproveitou as chances que teve enquanto representava a Tiazinha. "Ela (Tiazinha) me deu autoconhecimento e também meu investimento em estudo, viagens e poder ajudar a minha mãe", explicou.
Para quem não sabe, Suzana está casada há três anos. Sobre o marido, a atriz rasgou elogios e revelou que planeja aumentar a família em breve. "Eu já 'liberei'. Agora está nas mãos de Deus", concluiu.

Reportagem: iBahia

Aos 46 anos, Kate Barry morre brutalmente após cair de edifício

A fotógrafa Kate Barry, de 46 anos, morreu nesta quarta-feira (11) por causa de uma queda que sofreu do quarto andar de um prédio no qual morava em Paris. Ela era filha da atriz e cantora Jane Birkin,
Kate era fruto do relacionamento entre Birkin e o compositor britânico John Barry, falecido em 2011, e que ficou conhecido por suas trilhas sonoras para os filmes de James Bond. Ela era meia-irmã dos atores Charlotte Gainsbourg e Lou Doillon.
Segundo uma fonte ligada ao caso, a fotógrafa caiu da janela quando estava sozinha no apartamento, com a porta trancada por dentro. No local foram encontrados antidepressivos e a polícia não descarta a hipótese de suicídio.
Kate nasceu no ano em que seus pais se separaram, não tendo um contato com o pai, já que sua mãe mudou-se para a França para cuidar da filha com o cantor francês Serge Gainsbourg e depois com o diretor Jacques Doillon.
As fotos de Barry foram publicadas na revista "Vogue" britânica e no "Sunday Times", além de serem exibidas recentemente em Paris. "Quando criança, eu era muito fotografada. Isso deve ter deixado uma impressão", disse a fotógrafa ao jornal francês "Liberation", em meados de 2012.
Em 1994, Barry fundou uma clínica de tratamento para viciados, após ter problemas com drogas e álcool. Agora, com a morte, ela deixa um filho de 26 anos.

Aos 46 anos, Kate Barry morre brutalmente após cair de edifício
Ache Belém

Silvio Santos completa 83 anos após a emoção de casar a filha Silvia Abravanel

Silvio Santos completa 83 anos com muito humor e irreverência nesta quinta-feira, 12 de dezembro de 2013
Silvio Santos completa 83 anos com muito humor e irreverência nesta quinta-feira, 12 de dezembro de 2013

Silvio Santos chega aos 83 anos nesta quinta-feira (12) com o mesmo humor e astral que conquistou o público brasileiro em sua longa trajetória na TV nos dias de domingo. Empresário, apresentador e, principalmente, animador, o dono do SBT não perde a chance de fazer piadas com os convidados que recebe nos seus programas. Graças à sua espontaneidade, Silvio acumula pérolas inesquecíveis, que acabam sendo repercutidas nas redes sociais.
O carismático apresentador, que um dia antes do seu aniversário foi presenteado com um pijama do amigo Otávio Mesquita, não é do tipo de artista que gosta de dar entrevistas. Costuma dizer que sua profissão é como outra qualquer. Em junho deste ano, a equipe da "Folha de S. Paulo" conseguiu abordar o dono do SBT ao deixar o salão de seu cabeleireiro Jassa, responsável pelos seus penteados e retoques no tom do acaju de seu cabelos há muitos anos, nos Jardins. Entre os assuntos abordados, Silvio Santos explicou o motivo de não se animar em dar entrevistas: "É uma filosofia minha. Não vejo nada de extraordinário na minha profissão. É como outra qualquer, não tem essas fidalguias. O tratamento que eu gosto que me deem é o mesmo dado a um médico, a um advogado, à pessoa que tem uma profissão comum".
Questionado se pensa em aposentadoria, ele foi categórico. "Eu, não. Vou ter que me aposentar. Não sei quando", disse na ocasião, acrescentando que não vislumbra completar mais 10 anos à frente de seu programa de domingo: "Não, não tem nem condições físicas". Na mesma ocasião, ele também afirmou que não autorizou a realização de um filme sobre a sua vida: "Eu não vou deixar. Isso porque não dou entrevista, não concordo com livro sobre mim"
Pai de seis filhas, Silvio Santos não conseguiu conter a emoção de levar a sua "número 2", como ele chama carinhosamente a segunda filha, Silvia Abravanel, ao altar, no último dia 6 de dezembro: "Fiquei muito emocionado, quase que eu desmaiei. Me deu taquicardia". O empresáro também é pai de Cintia, Daniela Beyruti, Patricia, Rebeca e Renata.
Iris abravanel, mulher do apresentador há mais de 30 anos e responsável pelo remake "Carrossel", exibido na emissora do marido, fez revelações sobre Silvio Santos em conversa com a jornalista Marília Gabriela no programa "De Frente com Gabi", em julho deste ano. "Gosto de cozinhar e ele lava a louça. Ninguém limpa o fogão igual a ele. É um brinco, impecável".
Para celebrar o aniversário de Silvio Santos ao estilo dele, com humor, selecionamos algumas pérolas ditas pelo dono do Baú durante os programas apresentados aos domingos, que neste ano completou 50 anos. Confira e divirta-se!

Fonte: Puredepeople

Dancing Poke

(P) 2013

Fernanda Montenegro e Nathalia Timberg devem ser par romântico em novela

F5 - Fernanda Montenegro e Nathalia Timberg, ambas de 84 anos, devem viver um par romântico na televisão.
Segundo o jornal "O Dia", ambas estão confirmadas na novela que Gilberto Braga, Ricardo Linhares e João Ximenes Braga estão escrevendo para a faixa das 21h da Globo.


As duas damas da TV deverão viver um casal homossexual na trama. Os autores não teriam intenção de inserir cena de beijo gay na história.
A produção deve estrear só em 2015, após "Em Família", de Manoel Carlos, e da novela de Aguinaldo Silva que a sucederá.


Evan Agostini/Associated Press/Estevam Avellar/Globo
As atrizes Fernanda Montenegro (esq.) e Nathalia Timberg
As atrizes Fernanda Montenegro (esq.) e Nathalia Timberg