sexta-feira, 5 de setembro de 2014

Torcida do Fla prepara música diante do Grêmio: 'Não importa a cor da pele, só o sentimento'


flamengo torcida
Torcida do Flamengo vai lotar o Maracanã na partida deste sábado, contra o Grêmio

A polêmica de atos racistas cometidos contra o goleiro Aranha, do Santos, em partida contra o Grêmio continua a ter eco no jogo entre Flamengo e Santos, no Maracanã. Por meio de redes sociais, torcedores rubro-negros convocam todos para cantar uma música em que condena o racismo.
O nome da canção é "Sou rubro-negro" e já foi cantadas em outras oportunidades, como em jogos do time de basquete. Mas um trecho busca ressaltar a igualdade racial, ao mesmo tempo em que valoriza a torcida pelo Flamengo no Maracanã.
"Sou rubro-negro/ Me chamam de favelado, pobre e negro/Não importa a cor da pele, só o sentimento", diz parte da letra.
A estratégia de divulgação ganhou eco entre os torcedores e foi divulgada por uma das principais organizadas do clube em seu perfil no Facebook. 40 mil ingressos já foram vendidos para a partida entre Flamengo e Grêmio, no Maracanã, neste sábado, às 18h30.
Nesta quarta-feira, o Grêmio acabou excluído da Copa do Brasil pelos atos racistas. Na quinta, vários torcedores do Grêmio denunciaram supostas ameaças de agressão de torcedores do Flamengo em redes sociais devido ao assunto no Maracanã.

Confira a letra da música "Sou rubro-negro"
"Sou Rubro-Negro
Sou Rubro-Negro
Sou Rubro-negro
Me chamam de mulambo, sem dinheiro
Faz parte da Nação que é seu pesadelo
Me chamam de favelado, de pobre, negro
Não importa a cor da pele, só o sentimento
Sou Rubro-Negro
Sou Rubro-Negro
Sou Rubro-negro"

Fonte: ESPN.uol

Scarlett Johansson dá à luz a uma menina

Nesta quinta-feira (4), Scarlett Johansson deu à luz a sua primeira filha, Rose Dorothy, em Nova York, nos Estados Unidos.

A menina é fruto do seu relacionamento com o jornalista francês Romain Dauriac. O casal está noivo desde setembro de 2013.

De acordo com o portal Veja, os novos pais pediram privacidade e afirmaram apoio ao movimento No Kids Policy, criado por celebridades que não querem que fotos de seus filhos sejam publicadas pela imprensa.

Scarlett está em cartaz nos cinemas com o longa Lucy. Dirigido por  Luc Besson, o enredo traz a história de uma super heroína que transporta dentro do corpo um tipo de nova droga e acaba absorvendo a substância, que aumenta a capacidade de uso de seu cerébro.
 
Fonte: Bonito Notícias

Escorregada: Fátima Bernardes admite que leu ao vivo carta falsa de Brad Pitt

AgNews
AgNews

Uma bela escorregada da Sra. Bonner aconteceu na última quinta. Ao vivo em seu programa matinal e de muuuito sucesso (cof, cof, cof) Fátima pagou um king kong daqueles.
A apresentadora leu uma carta que supostamente teria sido escrita por Brad Pitt quando estava passando por uma crise no seu relacionamento com Angelina Jolie. No programa dessa sexta, Fatinha admitiu que a carta não foi escrtita pelo ator, mas atribuída a ele.
“Hoje em dia na internet tantas coisas são compartilhadas milhões de vezes e a gente acaba ficando com dificuldade de atestar a veracidade”. 
Micooo, hein?! Será que ela copiou correndo na internet pra preencher espaço no programa? Ela ainda comentou que mesmo que o ator não tenha escrito a carta, ela ficou feliz com os conselhos.
“Não sei se ele ficou triste que essa carta foi escrita em nome dele, mas eu fiquei feliz com os conselhos” disse, tentado fazer piada.
Não te preocupa Brad, Caio Fernando Abreu e Clarice Lispector te entendem. E Fátima, essas coisas acontecem, afinal como o próprio Caio disse outrora: que atire a primeira pedra quem nunca errou! Não, pera…

Fonte| Holofote (ClicRBS)

Atriz 'Neuza Borges' sobrevive em Salvador vendendo roupas usadas em brechó

Foto: Facebook (Ana Maria)

Uma boa atriz, 73 anos, nascida em Florianópolis em 8 de março de 1941 e sua última novela foi em 2012, 'Salve Jorge', exibida pela Rede Globo (esta não obteve bons índices de audiência) e escrita por Glória Perez. Essas são as descrições de Neusa Maria da Silva Borges. Diz que se não fosse Bruna Marquezine e a mãe Neide, ela estaria passando até fome. Além delas, a atriz Dira Paes também prestou ajuda.
Neuza, realmente, é a prova de que nem tudo na vida artística se baseia em glamour, ou até mesmo eu "$$$$$". Quando os artistas repercutem muito na mídia e são bem elogiados, eles conseguem ficar muito mais tempo em determinadas emissoras. Têm vários atores que mal chegam na TV e já são os queridinhos dos autores de novelas, são fotografados quando saem pelas ruas e já são cotados para outras novelas quando nem terminaram a novela que está fazendo. Mas, esse não foi o caso de Neuza. Na vida, quem subiu, vai descer, feito roda gigante.
Quando estava no ar, a atriz sempre fazia novelas que eram escritas pela Glória, pois nunca fora contratada pela Globo, mas a autora a chamava mesmo assim para atuar.

"Sempre que uma novela acaba, eu fico cinco, seis anos passando por dificuldades. Cansei de ir a programas de televisão dizer que estava passando fome, que precisava trabalhar. Montei essa loja para sobreviver"

Esse caso é um alerta para muitas pessoas que almejam essa coisa de ser famoso. Nem todo mundo que está no auge de qualquer carreira vai continuar no auge.
Neuza, boa sorte!