segunda-feira, 23 de fevereiro de 2015

Neil Patrick Harris, apresentador do Oscar 2015, fica de cueca no palco

G1- O ator Neil Patrick Harris, apresentador do 87º Oscar, que aconteceu na noite deste domingo (22), em Los Angeles, nos Estados Unidos, apareceu de cueca no palco durante a cerimônia (assista no vídeo acima). A passagem cômica foi uma paródia de "Birdman", o grande vencedor da noite, e teve ainda participação de Milles Teller, de "Whiplash".



"Birdman ou (A inesperada virtude da ignorância)" ganhou quatro estatuetas, inclusive melhor filme e melhor diretor, para o mexicano Alejandro González Iñárritu.

Outro destaque da noite foi "O grande hotel Budapeste", que também ficou com quatro estatuetas, mas em categorias técnicas: melhor figurino, melhor cabelo e maquiagem, melhor design de produção e melhor trilha sonora.

Tanto "Birdman" quanto "O grande hotel Budapeste" haviam sido indicados em nove categorias.

Já "Boyhood: Da infância à juventude" acabou sendo o grande derrotado do 87º Oscar. Indicado em seis categorias e um dos maiores favoritos ao prêmio principal, de melhor filme, o longa de Richard Linklater ficou com apenas uma estatueta: melhor atriz coadjuvante, para Patricia Arquette. A vitória de Patricia rendeu ainda um meme "estrelado" por Meryl Streep, que vibrou bastante com a conquista da colega.

O independente "Whiplash" ganhou em três categorias no Oscar 2015: melhor ator coadjuvante para J.K. Simmons, melhor mixagem de som e melhor montagem.

A primeira estatueta da noite, de melhor ator coadjuvante, foi entregue ao veterano J.K. Simmons. Ele ganhou por seu trabalho em "Whiplash".

Neil Patrick Harris, o anfitrião da festa, aparece de cueca no palco do Oscar 2015 (Foto: John Shearer/Invision/AP)

Neil Patrick Harris entra no palco do Oscar 2015 usando apenas cueca (Foto: REUTERS/Mike Blake)

Oscar 2015: Confira os memes que marcaram a cerimônia

Cabelo de Kelly Osbourne virou piada nas redes sociais.
Crédito: Twitter/Reprodução

Ah, a Internet. Como toda grande cerimônia gera grandes memes, a noite de premiação do Oscar 2015 chamou a atenção na Internet com várias montagens destacando os vestidos das celebridades, particularmente a cantora Lady Gaga, e até a animação da atriz Meryl Streep como o discurso feminista de Patricia Arquette. O Viver reuniu alguns memes. Confira:
A reação de Meryl Streep ao discurso de Patricia Arquette rendeu esta imagem, que talvez defina os melhores momentos da noite. Na legenda, vários twitteiros imaginavam o que Meryl estaria gritando tão empolgada. Entre as legendas mais engraçadas, estão "CHRIS PRATT GOSTOSOO!" e "TOCA RAUL!!".

Crédito: Twitter/Reprodução

O azarão Leonardo DiCaprio, de fora da premiação deste ano, também não escapou das montagens da Internet, sendo comparado ao esquilo Scrat, de A era do gelo, que, assim como o pobre Leo, nunca consegue conquistar seu Oscar, ops, sua noz.

Crédito: Twitter/Reprodução

O vestido de Lady Gaga, talvez o mais comentado da noite, não escapou dos comentários maldosos dos internautas, sendo comparada à "tia da limpeza".

Crédito: Twitter/Reprodução

O vestido de Marion Cotillard, indicada pos Dois dias, uma noite, também virou meme. Dispensa comentários, né?


Crédito: Twitter/Reprodução

Crédito: Twitter/Reprodução

Crédito: Twitter/Reprodução

A zuera não tem limites. Crédito: Twitter/Reprodução


Crédito: Twitter/Reprodução


Crédito: Twitter/Reprodução


Crédito: Twitter/Reprodução

Fonte: Diário De Pernambuco

Quem sai? Mariza, Luan e Angélica estão no 5º Paredão do 'BBB15'


Angélica, Luan e Mariza se enfrentam o quinto "Paredão" do "Big Brother Brasil 15 ", após votação de participantes da casa neste domingo (22). O trio disputa a permanência no jogo e um deles será eliminado na próxima terça-feira (24), perdendo a chance de ganhar R$ 1,5 milhão. Na última semana, Angélica lamentou a derrota na disputa pela liderança na casa. A auxiliar de enfermagem acusou o carioca Fernando, vencedor da prova, de ter dormido, o que é proibido nas provas de resistência do reality show da TV Globo, mas o episódio não foi confirmado.
A formação do "Paredão" deste domingo começou depois que o Big Fone tocou pela primeira vez. Luan foi o mais veloz entre os brothers e atendeu a ligação, mas acabou ouvindo uma mensagem que o colocou na disputa para deixar a casa. "Estava dormindo, atendi no susto", disse o carioca, aborrecido. Talita, que pediu anticoncepcional na última semana, foi uma das sisters que tentou atender a ligação e depois comemorou não ter conseguido.

Anjo Tamires imunizou Talita na disputa
Tamires, anjo da semana, teve que escolher um dos colegas para imunizar. Nervosa, ela disse estar em um dilema, já que tanto Amanda quanto Angélica seriam opções de voto do líder Fernando. Ela então imunizou Talita e destacou não querer influenciar no voto do produtor carioca.
Fernando, que venceu a prova do líder após ficar mais de 12 horas suspenso em cordas, cogitou indicar Luan e Amanda, mas acabou mandando Angélica para a berlinda. "Ela tem um tom muito impositivo, entra numa discussão, mas a verdade dela que prevalece, existem outras verdades, outros pontos de vista", afirmou.

Oscar 2015: Atrizes se rebelam contra o machismo no tapete vermelho

Reese Witherspoon no tapete vermelho do Oscar 2015 | Foto: Getty
Atriz indicada ao Oscar disse que é "difícil ser mulher em Hollywood"

"Somos mais do que nossos vestidos", disse a atriz Reese Witherspoon no tapete vermelho do Oscar 2015. Ela falava sobre a campanha #AskHerMore, criada para estimular repórteres a perguntar questões interessantes às mulheres em eventos de Hollywood.
Em meio à temporada de premiações nos Estados Unidos, que terminou no domingo com o Oscar, atrizes famosas têm levantado a voz contra o que classificam como demonstrações de machismo da mídia e da indústria.
Atrizes como Cate Blanchett, Julianne Moore e Emma Stone vinham se recusando a apenas exibir seu "visual" nos tapetes vermelhos, alegando que, enquanto seus colegas homens recebem perguntas relacionadas a carreiras e papéis nos filmes, para elas, sobram questões sobre vestidos, penteados e dietas.
A campanha com o slogan #AskHerMore ("pergunte mais a ela") foi encampada pela atriz Reese Witherspoon, que concorreu ao Oscar de melhor atriz, e pela comediante Amy Poehler, apresentadora da última edição do Globo de Ouro e estrela do seriado Parks and Recreation.
Horas antes da cerimônia, nas redes sociais, Witherspoon falou sobre a campanha, que foi usada em eventos recentes para estimular os repórteres a perguntarem às atrizes sobre seu trabalho.
"Há tantas indicadas incríveis e talentosas neste ano! Vamos ouvir suas histórias! Espalhem a ideia", disse.

Leia mais: 'Birdman' leva 4 prêmios no Oscar; veja ganhadoresCampanha usa a hashtag #AskHerMore para pedir que jornalistas façam perguntas mais inteligentes às atrizes: "Não pergunte apenas sobre o vestido. Pergunte sobre a mulher que está usando [o vestido]"

A atriz disse que gostaria de ouvir mais perguntas como "qual foi o maior risco que você correu e sente que valeu a pena?" e "de qual das suas conquistas você mais tem orgulho?".
Ao ser entrevista no tapete vermelho do teatro Dolby, onde aconteceu a entrega do Oscar, ela disse que o movimento pretende mostrar que as atrizes são "mais do que seus vestidos".
"Estamos muito felizes de poder estar aqui e falar sobre o trabalho que fazemos. É difícil ser uma mulher em Hollywood ou em qualquer indústria", afirmou.
O grupo Representation Project, responsável pela campanha #AskHerMore, pediu que a hashtag fosse usada pelo público para pressionar os entrevistadores do Oscar, alegando que "muitas vezes os repórteres focam mais na aparência feminina do que em suas conquistas".
A atriz Patricia Arquette, premiada como melhor atriz coadjuvante por Boyhood, protagonizou um dos momentos mais importantes do Oscar 2015 ao fazer um discurso pela igualdade de direitos e de salários para as mulheres.
"Para todas as mulheres que tiveram filhos, para cada uma das cidadãs e pagadoras de impostos desta nação, nós lutamos pelos direitos de todos. É o nosso momento de ter igualdade de direitos de uma vez por todas para as mulheres nos Estados Unidos."

'Você faz isso com os homens?'

Um dos momentos mais emblemáticos dessas críticas ocorreu na temporada de premiações do ano passado, quando Cate Blanchett (vencedora do Oscar de melhor atriz em 2014) interrompeu uma entrevista no tapete vermelho no momento em que um cinegrafista filmava seu corpo para mostrar seu vestido. "Você faz a mesma coisa com os homens?", perguntou ela ao cinegrafista, ao vivo.Cate Blanchett interrompeu uma entrevista no tapete vermelho no momento em que um cinegrafista filmava seu corpo para mostrar seu vestido

Este ano, na premiação do SAG (Screen Actors Guild Awards), diversas atrizes se recusaram a mostrar as mãos para a chamada chamada "mani-cam" - uma pequena câmera da emissora E! que servia para as atrizes exibirem suas unhas feitas e os dedos adornados com anéis de diamantes.


Emma Stone e Jennifer Garner também já se queixaram de serem questionadas sobre suas rotinas de beleza ou o típico "como você concilia trabalho e família?", perguntas que nunca aparecem nas entrevistas com seus respectivos namorados e maridos famosos.
"Absolutamente todas as pessoas que me entrevistaram me perguntaram isso", criticou Garner em um evento em outubro passado. "Ninguém nunca perguntou (ao marido dela, o ator e diretor Ben Affleck) sobre equilíbrio entre trabalho e família. E nós compartilhamos a mesma família. Será que não é hora de mudar essa conversa?"
Numa tentativa de mostrar a banalidade de algumas perguntas feitas a mulheres famosas, o site Buzzfeed UK as fez a atores durante a premiação do Bafta, no início de fevereiro. Astros como Eddie Redmayne (indicado ao Oscar por A Teoria de Tudo) e Michael Keaton (Birdman) ficaram desconcertados ao ouvirem "o que você está vestindo?" ou "você pode dar uma voltinha?".
'Oscar do descontentamento'
Apesar das reações femininas às perguntas banais, alguns analistas apontam que muitas atrizes costumam se beneficiar dos elogios nas temporadas de premiações, já que isso geralmente se traduz em mais contratos publicitários com produtos de beleza ou grifes de moda. É o que resssaltou, em entrevista ao jornal New York Times, Bronwyn Cosgrave, autora do livro Made for Each Other: Fashion and the Academy Awards (Feitas uma para a outra: a moda e a Academia", em tradução livre).Jennifer Garner se queixou que só ela, e não seu marido (Ben Affleck) é questionada sobre como equilibrar carreira e família

Por outro lado, o sexismo em Hollywood tende a refletir a objetificação das mulheres e seu julgamento apenas pela aparência em outras esferas da sociedade.

Além disso, muitas mulheres têm aproveitado o momento para pedir mais representatividade feminina em papéis de destaque e mais reconhecimento nas cerimônias de premiação.
A colunista Melissa Silverstein, da revista Forbes, já chama a edição deste ano da premiação de "Oscar do descontentamento" por conta das críticas que as indicações receberam desde que foram anunciadas em 15 de janeiro.
"Está difícil ficar animada com o Oscar porque não me sinto representada. Escrevo sobre as mulheres no mercado cinematográfico há mais de sete anos e, mesmo que já estejamos falando sobre o número de mulheres diretoras e de mulheres diante das câmeras, essa temporada de prêmios me lembra o ainda quanto falta para chegarmos lá", disse.


Esta é a primeira vez, desde 2006, que a premiação da Academia de Artes e Ciências Cinematográficas – cujos eleitores são, em sua maioria, (77%) homens – não indica mulheres a nenhum dos grandes prêmios além da categoria de melhor atriz.
Apenas uma das cinco atrizes indicadas neste ano está em um filme também indicado como melhor filme – Felicity Jones, que interpreta a primeira esposa de Stephen Hawking no filme A Teoria de Tudo.
Todos os outros filmes cujas atrizes foram indicadas ao principal prêmio contam histórias exclusivamente de mulheres e receberam elogios da crítica, mas foram deixados de fora da premiação. É o menor índice desde 2003.
Representatividade
A diminuição da representatividade das mulheres entre os filmes indicados chama mais atenção quando se considera que o sucesso na mídia da premiação depende cada vez mais de suas espectadoras. Segundo a empresa de pesquisa Nielsen, cerca de 61% da audiência televisiva do Oscar 2014, a edição mais vista desde 2000, foi de mulheres.
"Nosso dinheiro é tão verde quanto (o dos homens) e nós compramos metade dos ingressos (para os filmes). Mas nossas histórias ainda são irrelevantes nos maiores prêmios", afirma Melissa Silverstein.
O argumento de Silverstein, ecoado por outros comentaristas americanos, tanto homens quanto mulheres, cita exemplos como Livre, filme baseado na biografia de Cheryl Strayed, que fez uma caminhada de mais de 1.600 km pelos Estados Unidos. O filme recebeu críticas favoráveis e o chamado "oscar buzz" (expectativa de muitas indicações ao Oscar), mas foi indicado em apenas duas categorias – melhor atriz e melhor atriz coadjuvante.
Da mesma forma, Selma, filme sobre a caminhada intermunicipal pelos direitos civis dos negros liderada por Martin Luther King Jr., em 1965, recebeu duas indicações, entre elas a de melhor filme, mas deixou de fora sua diretora, Ava DuVernay.
* Com reportagem de Camilla Costa, Mariana Della Barba e Paula Adamo Idoeta

** Esta reportagem foi atualizada em 23/02/2015, para incluir informações sobre a cerimônia do Oscar 2015.

‘50 Tons de Cinza’ passa de 3 milhões de espectadores no Brasil

Cena do filme 'Cinquenta Tons de Cinza'

Cinquenta Tons de Cinza continua quente no Brasil. Em apenas oito dias, da estreia no dia 12 até sexta, 20, o filme passou de 3 milhões de espectadores no país. Um resultado espetacular, especialmente se considerada a classificação indicativa do longa, que é para 16 anos. No ranking da bilheteria do fim de semana, levantado pela especializada Rentrak, 50 Tons deixa para trás, novamente, a animação infantil Bob Esponja e o tenso Sniper Americano, filme de Clint Eastwood sobre o dia a dia de um atirador de elite no Iraque. 


Já ns Estados Unidos, Cinquenta Tons de Cinza perdeu força. A procura pelo longa caiu 73% neste fim de semana, o segundo em que o filme está em cartaz no país. Na bilheteria americana, que valoriza o montante arrecadado por uma produção e não o seu público, o filme soma 130 milhões de dólares -- 23,2 milhões de dólares do último fim de semana.
No mundo todo, Cinquenta Tons de Cinza já arrecadou quase 300 milhões de dólares, em apenas 10 dias. A estreia do filme foi de impacto. Só no Brasil, ele fez quase 1,6 milhão de espectadores nos primeiros quatro dias.

Fonte: Veja

Brasileira disputa vaga para embarcar em viagem sem volta para Marte


O que levaria uma mulher de 51 anos a embarcar em uma viagem sem volta rumo ao desconhecido?
Sandra é uma professora de Rondônia que está entre as 100 pessoas pré-selecionadas em todo o mundo para uma experiência inédita: formar a primeira colônia de seres humanos no planeta vermelho.
Missão: Uma viagem sem volta para colonizar outro planeta. Destino: Marte, um novo mundo, inexplorado e desconhecido. Distância: 225 milhões de quilômetros. Ano: 2025.
É preciso muita coragem para querer entrar para a história da corrida espacial e conquistar o planeta vermelho. Mais de 200 mil pessoas se candidataram. Apenas 24 serão escolhidas. “Eu fiquei naquela: me candidato, não me candidato. Eu fiquei uns 15 dias sendo atormentada por isso. Eu acordava no meio da noite pensando nisso. Aí eu me inscrevi”, conta a professora Sandra Feliciano.
Depois de um longo processo de seleção, Sandra, uma brasileira, descobriu esta semana que está entre os 100 finalistas. Mas, será que a família aprova? “Uma viagem que não sabe se vai chegar e, se chegar, sabe que não vai voltar, fica meio esquisito”, diz o pai, Anísio Feliciano da Silva. E os amigos? “É bem coisa da Sandra mesmo ir para Marte”, conta a amiga Val Ramos.
A aventura que motiva a professora é chamada de Mars One. O megaprojeto que quer levar humanos para Marte vai ser também um reality show. É um Big Brother espacial. “Isso pode ser alcançado. Vai ser o maior evento de mídia da história”, lembra Gerard Hooft, ganhador do Nobel de Física de 1999.
O financiamento do projeto vem de um fundo criado por várias empresas e tem um custo considerado baixo para uma missão deste porte: US$ 6 bilhões. A primeira equipe a pisar em Marte vai ter a missão de produzir energia, oxigênio e comida. Os coordenadores garantem que o projeto é viável. “Humanos chegarão a Marte. Esse vai ser o próximo grande passo da humanidade, conta o criador do projeto Bas Lansdorf.
Mas, o projeto não é unanimidade. Cientistas do respeitado Instituto de Tecnologia de Massachusetts, o MIT, divulgaram um estudo afirmando que os tripulantes morrerão em poucos meses devido à falta de recursos. Ainda assim, Sandra confia no Mars One.
“Não são pessoas desqualificadas, não são malucos. São pessoas que a vida toda se dedicaram a isso, são cientistas renomados. Eu sou corajosa, mas não suicida. É diferente”, afirma Sandra.

Para diminuir os riscos da viagem, o Fantástico foi atrás de dicas com quem entende do assunto.

Fantástico: Precisa levar um casaquinho, doutor?
Barres de Almeida, astrofísico: Não adianta teria que levar um grande casacão. Aliás, você nunca pode sair do traje de astronauta.
Fantástico: E filtro solar, tem que usar?
Barres de Almeida: Protetor solar é fundamental em Marte.
Fantástico: A água é potável?
Barres de Almeida: A água não deve apresentar grandes surpresas. Não se espera micróbios ou qualquer coisa tóxica.

E, claro, tem que cuidar direitinho das coisas. “O ideal é deixar tudo bem guardadinho e protegido dentro da estação espacial. A vida fora da estação é bastante inóspita, mesmo para uma passeadinha”, conta Barres de Almeida.
Sandra agora está mais perto de participar da conquista do espaço. O foco da professora de Porto Velho é nas próximas etapas do processo, que acaba ainda este ano. Se tudo der certo, ainda vamos ouvir muitas histórias desta brasileira.

Fonte: Fantástico

sexta-feira, 20 de fevereiro de 2015

'Os amigos que já viram gostaram', diz Thammy Miranda sobre peitoral

Thammy Miranda, Andressa, Val Marchiori e marido (Foto: Arquivo Pessoal)

Verão, calor e carnaval. Ingredientes que sugerem que pessoas usem pouca roupa não é mesmo? Não com Thammy Miranda, que passou por um procedimento cirúrgico em dezembro de 2014 para a retirada dos seios.
A filha de Gretchen, que ainda faz mistério sobre como ficou seu peitoral após a intervenção, vem curtindo o início do ano bem vestida, sempre com camisa e protetor solar, mas garante que os amigos mais próximos aprovaram o resultado.
Na quarta-feira, 18, Thammy exibiu o peitoralpara Val Marchiori e outras amigas durante um passeio de lancha, e disse ao EGO, nesta quinta-feira, 19, que só recebeu elogios: “Todos que estavam no barco viram. Meus amigos que já viram gostaram muito. Disseram que ficou perfeito”, contou ela, que logo poderá mostrar o resultado na praia: “Eu aproveitei que não estava sol e tirei a camisa na lancha, estava apenas um mormaço. Na verdade, mormaço também não poderia, mas eu abusei do protetor solar. Tenho que cuidar, se não meu médico me mata (risos)”.
Em recente entrevista ao EGO, Thammy contou que não terá marcas no ‘novo peitoral’: "Ainda não posso tomar sol, só daqui um mês. Mas não dá nem para ver cicatriz, não ficou nenhuma marca. Só está um pouco 'anestesiado' ainda, mas é normal", disse ela.
Por enquanto, a filha de Gretchen vem mostrando partes do resultado da cirurgia em fotos na internet; confira as imagens já publicadas na web:

Thammy Miranda e Andressa Ferreira (Foto: Instagram / reprodução)
Thammy (Foto: Reprodução/Instagram)
Thammy (Foto: Reprodução/Instagram)

Penélope, Thammy e Val (Foto: Reprodução/Instagram)
Val Marchiori e Thammy (Foto: Reprodução/Instagram)
Thammy Miranda (Foto: JOHNSON PARRAGUEZ/ PHOTO RIO NEWS)
Thammy Miranda e a namorada Andressa (Foto: Dilson Silva / Agnews)
Thammy Miranda e amigos no Réveillon (Foto: Instagram / Reprodução)

Domingo é dia de Oscar. Faça suas apostas

Birdman ou (a Inesperada Virtude da Ignorância). Boyhood - da Infância à Juventude. O Grande Hotel Budapeste. Esses três filmes polarizaram as indicações ao Oscar 2015, cuja entrega será neste domingo (22), a partir das 22 horas. São os três com mais indicações. E os três mais premiados nos eventos que antecedem o Oscar.
A situação de haver três favoritos não é nova. No ano passado, Trapaça e Gravidade tinham 10 indicações cada. O primeiro não ganhou nenhum e o segundo levou sete prêmios, mas o Oscar de melhor filme foi para 12 Anos de Escravidão, que tinha 9 indicações. Em 2013, Lincoln teve 12 indicações, contra 11 de As Aventuras de Pi e sete de Argo — que ganhou como melhor filme. Como apostar se alguém (e quem) pode quebrar a banca neste ano?
Alguns prêmios entregues antes do Oscar costumam funcionar como prévia. O mais clássico deles é o Globo de Ouro, que premiou Boyhood (como melhor filme, categoria drama) e O Grande Hotel Budapeste (melhor filme, categoria comédia). Birdman, que concorreu nesta última, não levou.
Contudo, Birdman foi premiado pelo Sindicato dos Produtores de Hollywood e pelo Sindicato dos Atores. E o diretor de Birdman, o mexicano Alejangro González Iñárritu, ganhou o prêmio do Sindicato dos Diretores.
O próprio Oscar pode dar algumas dicas de favoritismo, a partir das suas indicações. Pouco tempo atrás, o filme com mais indicações acabava como o mais premiado. Essa tese, porém, falhou não apenas nos últimos dois anos, mas também em 2012 (O Artista, com 10, bateu A Invenção de Hugo Cabret, com 11). A última vez em que se confirmou foi 2011, quando O Discurso do Rei, com 12 indicações, levou os Oscars de filme, diretor, ator (Colin Firth) e roteiro.
Há o caso das indicações "estratégicas": roteiro (original ou adaptado) e edição (também chamado "montagem"). Neste último caso, o último filme que venceu o Oscar sem ter sido indicado para o prêmio de edição foi Conduzindo Miss Daisy, de 1989. É um ponto contra Birdman, ignorado nesta categoria.
O tipo de indicações também pode indicar favoritismo. O Grande Hotel Budapeste somou nove. Mas a maioria delas recai sobre categorias técnicas (ver ao lado), e apenas três são importantes: filme, direção e roteiro original. Birdman, que também teve nove, foi lembrado para filme, direção, ator, ator coadjuvante, atriz coadjuvante e roteiro original, além de três indicações técnicas. Boyhood teve ao todo seis indicações, mas todas nobres: filme, diretor, ator coadjuvante atriz coadjuvante, roteiro original e edição.
O equilíbrio não é à toa. Hora de fazer as apostas. A banca fecha neste domingo.

TODOS OS INDICADOS AO OSCAR
Melhor filme
- Sniper Americano
- Birdman ou (A Inesperada Virtude da Ignorância)
- Boyhood - Da Infância à Juventude
- O Grande Hotel Budapeste
- O Jogo da Imitação
- Selma
- A Teoria de Tudo
- Whiplash - Em Busca da Perfeição

Melhor direção
- Alejandro G. Iñárritu - Birdman ou (A Inesperada Virtude da Ignorância)
- Richard Linklater - Boyhood - Da Infância à Juventude
- Bennett Miller - Foxcatcher: Uma História que Chocou o Mundo
- Wes Anderson - O Grande Hotel Budapeste
- Morten Tyldum - O Jogo da Imitação 

Melhor ator
- Steve Carell (Foxcatcher: Uma História que Chocou o Mundo)
- Bradley Cooper (Sniper Americano)
- Benedict Cumberbatch (O Jogo da Imitação)
- Michael Keaton (Birdman ou (A Inesperada Virtude da Ignorância)
- Eddie Redmayne (A Teoria de Tudo)

Melhor atriz
- Marion Cotillard (Dois Dias, uma Noite)
- Felicity Jones (A Teoria de Tudo)
- Julianne Moore (Para Sempre Alice)
- Reese Witherspoon (Livre)
- Rosamund Pike (Garota Exemplar)

Melhor ator coadjuvante
- Edward Norton (Birdman ou (A Inesperada Virtude da Ignorância))
- Ethan Hawke (Boyhood - Da Infância à Juventude)
- J.K. Simmons (Whiplash: Em Busca da Perfeição)
- Mark Ruffalo (Foxcatcher: Uma História que Chocou o Mundo)
- Robert Duvall (O Juiz)

Melhor atriz coadjuvante
- Patricia Arquette (Boyhood - Da Infância à Juventude)
- Keira Knightley (O Jogo da Imitação)
- Emma Stone (Birdman ou (A Inesperada Virtude da Ignorância))
- Meryl Streep (Caminhos da Floresta)
- Laura Dern (Livre)

Melhor canção original
- Everything Is Awesome, de Shawn Patterson (Uma Aventura Lego)
- Glory, de John Stephens (Selma)
- Grateful, de Diane Warren (Além das Luzes)
- I'm Not Gonna Miss You, de Glen Campbell e Julian Raymond (Glen Campbell… I'll Be Me)
- Lost Stars, de Gregg Alexander e Danielle Brisebois (Mesmo Se Nada Der Certo)

Melhor trilha sonora 
- O Grande Hotel Budapeste - Alexandre Desplat
- O Jogo da Imitação - Alexandre Desplat
- Interestelar - Hans Zimmer
- Sr. Turner - Gary Yershon
- A Teoria de Tudo - Jóhann Jóhannsson

Melhor roteiro original
- Wes Anderson (O Grande Hotel Budapeste)
- E. Max Frye e Dan Futterman (Foxcatcher: Uma História que Chocou o Mundo)
- Alejandro González Inarritu, Nicolas Giacobone, Alexander Dinelaris, Armando Bo (Birdman ou (A Inesperada Virtude da Ignorância)
- Richard Linklater (Boyhood - Da Infância à Juventude)
- Dan Gilroy (O Abutre)

Melhor roteiro adaptado
- Jason Hall (Sniper Americano)
- Graham Moore (O Jogo da Imitação)
- Paul Thomas Anderson (Vício Inerente)
- Anthony McCarten (A Teoria de Tudo)
- Damien Chazelle (Whiplash: Em Busca da Perfeição)

Melhor fotografia
- Emmanuel Lubezki - Birdman ou (A Inesperada Virtude da Ignorância)
- Robert Yeoman - O Grande Hotel Budapeste
- Lukasz Zal e Ryszard Lenczewski - Ida
- Dick Pope - Sr. Turner
- Roger Deakins - Invencível

Melhor edição
- Sniper Americano 
- Boyhood - Da Infância à Juventude 
- O Grande Hotel Budapeste 
- O Jogo da Imitação 
- Whiplash - Em Busca da Perfeição 

Melhor figurino
- O Grande Hotel Budapeste 
- Vício Inerente 
- Caminhos da Floresta 
- Malévola 
- Sr. Turner

Melhor cabelo e maquiagem
- Foxcatcher: Uma História que Chocou o Mundo
- O Grande Hotel Budapeste
- Guardiões da Galáxia

Melhor desenho de produção
- O Grande Hotel Budapeste 
- O Jogo da Imitação 
- Interestelar 
- Caminhos da Floresta 
- Sr. Turner 

Melhor edição de som
- Sniper Americano
- Birdman ou (A Inesperada Virtude da Ignorância)
- O Hobbit: A Batalha dos Cinco Exércitos
- Interestelar
- Invencível

Melhor mixagem de som
- Sniper Americano
- Birdman ou (A Inesperada Virtude da Ignorância)
- Interestelar
- Invencível
- Whiplash: Em Busca da Perfeição

Melhores efeitos visuais
- Capitão América 2: O Soldado Invernal
- Planeta dos Macacos: O Confronto
- Guardiões da Galáxia
- Interestelar
- X-Men: Dias de um Futuro Esquecido

Melhor longa de animação
- Operação Big Hero - Don Hall Chris Williams e Roy Conli
- Os Boxtrolls - Anthony Stacchi Graham Annable e Travis Knight
- Como Treinar o Seu Dragão 2 - Dean DeBlois e Bonnie Arnold
- Song of the Sea - Tomm Moore e Paul Young
- O Conto da Princesa Kaguya Isao -  Takahata e Yoshiaki Nishimura

Melhor filme estrangeiro
- Relatos Selvagens (Argentina)
- Ida (Polônia)
- Leviatã (Rússia)
- Tangerines (Estônia)
- Timbuktu (França/Mauritania)

Melhor curta de animação
- The Bigger Picture
- The Dam Keeper 
- O Banquete 
- Me and My Moulton 
- A Single Life 

Melhor curta de ficção
- Aya 
- Boogaloo and Graham 
- Butter Lamp 
- Parvaneh 
- The Phone Call 

Melhor documentário curta
- Crisis Hotline: Veterans Press 1 
- Joanna 
- Our Curse 
- The Reaper (La Parka) 
- White Earth 

Melhor documentário
- O Sal da Terra
- Citizenfour
- A Fotografia Oculta de Vivian Maier
- Last Days in Vietnam
- Virunga

Fonte: Bem Paraná

Opositor de Maduro, prefeito de Caracas é preso na Venezuela

Crédito: EPA

O prefeito de Caracas, Antonio Ledezma, foi detido pelo Serviço Bolivariano de Inteligência Nacional (Sebin) em seu gabinete na noite desta quinta-feira. O próprio presidente venezuelano, Nicolás Maduro, confirmou a prisão do político e disse que ele terá de "responder por delitos cometidos contra a segurança e a Constituição do país".

Ledezma é conhecido por ser um dos principais opositores à administração do presidente Nicolás Maduro.
Segundo a mídia venezuelana, agentes do Serviço Bolivariano de Inteligência Nacional (Sebin) entraram no gabinete do prefeito em Caracas por volta de 17h (horário local – 19h de Brasília) e o levaram preso. O próprio Ledezma avisou por meio de sua conta no Twitter que "funcionários do Serviço Bolivariano de Inteligência estavam tentando entrar em seu escritório" na capital venezuelana.
Pessoas que estavam perto do gabinete do prefeito disseram à imprensa local que foi possível ouvir tiros para o alto. O deputado opositor Ismael García também confirmou a informação dizendo pelo Twitter que viu como os agentes "tiraram Ledezma de seu escritório".
"Nós que estávamos aqui no prédio pudemos ver que entraram no gabinete do prefeito Ledezma levando consigo vários agentes da Sebin; também ouvimos tiros para o ar", disse à BBC o deputado da Assembleia Nacional Juan Guaido.

A prisão do prefeito já fez com que venezuelanos saíssem às ruas de Caracas para protestar.

Relação com Maduro

Próximo de políticos como Leopoldo López e Maria Corina Machado, Ledezma é um dos políticos mais críticos e de oposição ao governo Maduro na Venezuela.
Embora não tenham apresentado provas, funcionários da presidência acusam a Ledezma de estar planejando um golpe de Estado contra o líder venezuelano.
O prefeito de Caracas, porém, já negou as acusações. "Durante o regime de Maduro, já se falou em 12 supostos golpes de Estado. Aqui os que têm o golpe como princípio são os senhores que estão neste governo", afirmou Ledezma.
"O governo fala de movimentos de desestabilização, mas o que desestabiliza o país é a corrupção", acrescentou.
Enquanto isso, a mídia local também lembra a situação do líder do partido Vontade Popular, Leopoldo López, que foi preso há um ano e levado para a prisão militar de Ramo Verde. Ele foi detido durante os protestos contra o governo que tomaram o país por quatro meses – López também é um grande opositor de Maduro.
A prisão de Ledezma acontece um ano depois das manifestações contra o presidente, quando a crise econômica se agravou e depois que o governo anunciou medidas de austeridade, como a desvalorização parcial da moeda local e o aumento do preço dos transportes públicos, segundo explica o correspondente da BBC na Venezuela, Daniel Pardo. "De acordo com testemunhas que falaram à BBC Mundo, Ledezma foi preso sem um mandado ou uma denúncia como fizeram com outros prefeitos da oposição detidos durante os protestos contra Maduro há um ano", diz o correspondente.
Em Washington, o diretor das Américas da organização de direitos humanos Human Rights Watch (HRW), José Miguel Vivanco, enviou um comunicado dizendo que o governo de Maduro é "responsável pela vida e pela integridade física do prefeito opositor Antonio Ledezma."
"Sem provas sobre qualquer crime que tenha cometido, o prefeito nunca devia ter sido preso e deveria ser liberado imediatamente. Do contrário, estaremos diante de um novo caso de detenção arbitrária contra opositores, em um país onde não há independência judicial", diz o texto.

Fonte: BBC

André Marques revida crítica de seguidor

André Marques é um exemplo de superação, e a cada dia se mostra mais dedicado a cuidar da saúde. O apresentador que já emagreceu 70 kg, depois da cirurgia bariátrica e faz questão de mostrar sua evolução nas redes sociais.
Na madrugada desta quinta-feira, 19, André postou fotos suas nos carnavais de 2012, 2014 e 2015 acompanhadas da legenda: "Fundo do poço tem mola". Um seguidor não gostou da colocação dele e acabou desabafando:
"Ser gordo não é o fundo do poço, tratar essa condição como tal é no mínimo ofensivo, visto que você conseguiu 'essa impulsionada na mola' por conta de uma cirurgia. Ser gordo não é algo execrável", afirma.
André rebateu a crítica: "Ser gordo não é execrável, fui anos... E é fardo sim, pois sofremos... Sei o que passei! Eu estava no FUNDO DO POÇO, SIM."

Leia o comentário do seguidor e a resposta de André Marques na íntegra:
"Caro amigo, desculpe discordar de sua colocação, apesar de entender que você ganha seu pão com tua imagem, mas ser gordo não é o fundo do poço, tratar essa condição como tal é no mínimo ofensivo, visto que você conseguiu "essa impulsionada na mola" por conta de uma cirurgia. Caso contrário, estaria como antes, pois tão eu, quanto você sabemos o quanto é difícil emagrecer. Trate essa tua glória como uma lição de vida e não como um mérito. No máximo uma coragem em enfrentar um risco cirúrgico e um pós-operatório. Ser 'gordinho', 'gordo', 'obeso' não é algo execrável! Não transforme uma experiência na qual passou em um fardo, pois são poucos que têm a chance de se transformar como você."

Resposta de André Marques:
"Cada um com sua visão! A cirurgia não é a cura, apenas um método bem eficiente, ainda mais para quem estava muito mal de saúde como eu, diabético e coisas mais! Se isso não é fundo do poço, o que é então? A cirurgia é realizada em pessoas com indicação apenas, como meu caso! Trato como lição e mérito, pois graças a esse START mudei meu estilo de vida, melhorando minha qualidade da mesma e amor à vida! Fico feliz pelas pessoas que conseguem emagrecer sem operar, não faço apologia a ela, ADORARIA ter emagrecido sem operar, mas foi indicado a mim para salvar minha saúde e vida! Foi o meu caminho! Ser gordo não é execrável, fui anos... E é fardo sim, pois sofremos... Sei o que passei! Ser execrável é se incomodar com a felicidade dos outros e principalmente torcer pelo mal de alguém! Ninguém é gordo porque quer, você sabe disso, obesidade é uma doença, quem tem precisa de ajuda! Muitos conseguem e muitos, não! Então, eu estava no FUNDO DO POÇO, SIM, achei minha MOLA (a cirurgia) que me trouxe de BÔNUS várias coisas, como disciplina, dedicação, força, foco e AMOR PRÓPRIO novamente! Que todos consigam se cuidar e melhorar sempre! Apenas posto fotos e divido minha vida com pessoas que me seguem que acredito que têm alguma admiração, afinidade e carinho por mim! Por esse motivo, divido meu AMOR E MINHA VIDA COM ELES! Torço para você vencer, com ou sem cirugia! O importante é ter saúde! Seja feliz! Abraço! Uma dica ... AMOR... Sempre o AMOR... Pela vida... Natureza... Pelo próximo... Amigos... E cachorros tsrsrs abraços''.

quinta-feira, 19 de fevereiro de 2015

Fernando começa a irritar com choro pelos cantos no BBB 15

Fernando começa a irritar com choro pelos cantos no BBB 15

Fernando não está aceitando muito bem a eliminação de Aline do BBB 15, com quem estava há algumas semanas mantendo um relacionamento. agora o brother começou a chorar pelos cantos, com saudade da loira e dos momentos quentes que protagonizaram embaixo do edredom algumas vezes. Essa atitude do participante começa a incomodar alguns internautas, e visivelmente também tira do sério algumas outras pessoas na casa. 
Já Amanda, que disputou o paredão com Aline, ficou muito feliz por ter continuado no confinamento e por ter maiores chances de fisgar Fernando.
Sentado em um sofá na área externa, nesta quarta-feira (18), Fernando desabafou com Rafael e disse que agora enfrenta uma difícil situação. “Eu me isolo? Ou me faço neutro novamente. É engraçado, sabe?”, questiona, lembrando em seguida que, assim que Aline deixou a casa, o pessoal foi falar com ele. “Parece que o problema era ela”, comentou Rafael. “E diziam que o problema não era ela. Todo mundo simpático comigo agora, brincando. Não entendo”, comentou Fernando.
No mesmo dia, Amanda cumpriu o que havia prometido e pulou na piscina de topless, para comemorar a eliminação da loira e sua permanência na casa. 
Antes do resultado da votação desta última terça-feira (17) a bela havia prometido às amigas Tamires e Angélica que se ficasse na casa, pularia sem a parte de cima de seu biquíni na piscina, e pelo jeito, o público quis mesmo saber se Amanda cumpriria sua promessa.
Justificando que "promessa é dívida", Amanda se preparou nesta tarde para cumprir o desafio feito a si mesma. Apenas com a parte de baixo do biquíni e com um roupão, a empresária apareceu na área externa da casa anunciando que pularia. Prontamente Luan se ofereceu para "ajudar" a bela a tirar o roupão sem mostrar demais, e assim que se viu livre das roupas, correu para a piscina.
E apesar da promessa de não usar a parte de cima do biquíni, Amanda usou suas mãos para tampar os seios. Já dentro da água, Amanda deu um mergulho com as mãos "livres" e em seguida, já vestiu a parte superior do traje.
Adrilles não escondeu a empolgação com a cena: "Eu estou com o saco doendo e nem posso ver essas coisas?", disse ele em conversa com Cézar e Luan, explicando em seguida: "Eu não tive nem ereção aqui. Deve ter sido uma lesão. Quando é tesão recolhido ficam os dois [testículos] doendo".
Amanda foi atrás de Fernando para tentar se reconcialiar. Ela confessou que está apaixonada por alguém fora da casa, mas que não podem ficar juntos. A morena ainda culpou o que rolou entre os dois na carência do pré-confinamento: "Bateu carência e tal, quando olhei pra você, gostei, mas somos parecidos de gênio. A gente não daria certo de forma alguma." Ela disse que queria manter uma boa convivência na casa e por isso estava vindo falar com ele: "A partir de hoje, se você quiser, bom dia, tudo bem, obrigado... São coisas que eu gostaria de continuar. Todo mundo conviver bem."

Com informações dos portais Gente e Link da TV

Pussy Riot lança primeira música em inglês, “I Can’t Breathe” em protesto contra violência policial

Foto: Denis Sinyakov

As artistas russas Nadya Tolokonnikova e Masha Alyokhina, as Pussy Riot, divulgaram um vídeo de sua primeira música em inglês, “I Can’t Breathe”. A faixa foi gravada em homenagem a Eric Garner, que morreu em julho do ano passado após um policial em Nova York sufocá-lo por suspeita de roubo.
Garner foi morto mesmo após repetir “não consigo respirar” (I can’t breathe). O caso gerou revoltas em diversas cidades norte-americanas que pediam menos brutalidade da polícia e fim do racismo. As Pussy Riot decidiram dedicar sua primeira música a Garner e “todos àqueles que sofrem o terror de estado – assassinados, sufocados, mortos por causa da guerra e da violência policial e aos prisioneiros políticos e aqueles que estão nas ruas lutando por mudança.
O vídeo foi feito em uma única tomada e filmado em Moscou. As integrantes do Pussy Riot aparecem vestidas com roupas policiais enquanto são soterradas. Há um segundo vídeo que mostra os protestos em Nova York e o velório de Garner. A direção é de Maxim Pozdorovkin, que assinou o documentário Pussy Riot – A Punk Prayer, exibido pela HBO no ano passado.


A faixa foi gravada em Nova York e foi produzida pelas artistas em parceria com membros das bandas russas Jack Wood e Scofferlane. Também figuram como colaboradores Nick Zinner, do Yeah Yeah Yeahs (piano e baixo) e Andrew Wyatt do Miike Snow (bases eletrônicas), além de Shazad Ismaily (bateria).
Mas a participação mais incrível é Richard Hell, lendário ícone punk que tinha sumido de cena desde 1984. É ele quem recita o trecho final da letra ao final do clipe. Segundo entrevista à Pitchfork, Hell se diz grande admirador do grupo e convidou as cantoras e ativistas russas ao seu apartamento, o que acabou levando à parceria musical.


Fonte: Revista O Grito

"Sou muito romântica", diz Valesca Popozuda

Valesca Popozuda posou para a revista Styllus
Quem a vê cantando "beijinho no ombro" nem imagina, mas Valesca Popozuda é uma mulher romântica. "Sou muito romântica, bem atenciosa, mas tenho uma personalidade muito forte que não abre espaço para o homem ditar o que vou ou não fazer, comigo não funciona assim.", garantiu em entrevista à revista Styllus.
Para a publicação, ela ainda falou sobre a música "Eu sou a Diva que Você quer Copiar". "Na verdade quando eu falo "Eu sou a Diva que você quer copiar", eu não me refiro somente a mim, digo no sentido geral, o que todas as mulheres gostariam de dizer para as outras que "pegam no pé dela".
Valesca também é bem família. "Eu procuro em minha folga dar atenção a minha família. Estou diariamente, mesmo em viagens, em contato com minha mãe e meu filho [de 15 anos], não deixo eles 'de lado' em momento algum".

Com 77 anos, Jane Fonda confessa: 'Fumo maconha de vez em quando'


No alto dos seus 77 anos, a atriz Jane Fonda confessou em uma entrevista concedida à revista “Du Jour” que faz uso de maconha com certa regularidade.
"Eu sempre vou fumar maconha de vez em quando”, disparou a veterana de Hollywood conhecida por longas como "A Sogra" e "O Mordomo da Casa Branca".
No entanto, a artista tem uma restrição quanto ao uso da erva. “Não posso ver um filme sob o efeito da maconha. Já vi vários filmes assim e pensei: ‘nossa, esse é o melhor filme que já vi’. Depois, fui vê-lo novamente, sóbria, e e cheguei a uma conclusão: ‘no que eu estava pensando para achar isso?’”, declarou ela.
Jane ainda comentou que não se importa muito com a legalização da maconha. “Vou criar umsantuário de meditação, só assim vou conseguir me manifestar quando qualquer tipo de ‘porcaria’ bater no ventilador”, afirmou ela.

Fonte: Surgiu (Entretenimento)

Ken Humano tem piora clínica e está em coma induzido, diz boletim médico

Celso Santebanes, o Ken Humano (Foto: Facebook / Reprodução)
Celso Santebanes, o Ken Humano
(Foto: Facebook / Reprodução)
Celso Santebañes, o Ken Humano, teve piora clínica nas últimas 24 horas em decorrência de uma insuficiência respiratória segundo boletim médico divulgado pelo Hospital de Clínicas de Uberlândia nesta quinta-feira, 19. Leia na íntegra:

"O paciente Celso Santebañes está internado na Unidade de Terapia Intensiva (UTI) do Hospital de Clínicas de Uberlândia da Universidade Federal de Uberlândia desde o dia 4 de fevereiro com quadro de Leucemia Linfóide Aguda Philadelphia positivo já recuperado da aplasia medular (melhora progressiva da plaquetopenia e da imunidade - neutropenia). Encontra-se no 34º dia do tratamento, com piora clínica nas últimas 24 horas em decorrência de insuficiência respiratória. No momento, encontra-se sedado, em coma induzido, respirando com auxílio de ventilador mecânico".

Família preocupada
Apesar de ter apresentado melhora na última semana, a família do modelo seguiu preocupada com o passar dos dias. Dona Terezinha, avô de Celso, contou ao EGO que ainda estava apreensiva porque o neto estaria tendo muitas febres. "Não sabemos direito o motivo, mas ele teve febre alta na segunda-feira, 16, e ainda respira com um aparelho nas narinas", conta ela: "Ele fala baixinho, mas já fala. Mas estpá com dor na garganta devido aos tubos que usou para respirar. Chato é que ele tem ainda uma secreção vinda do pulmão e pode ter que operar o braço por conta de uma infecção".

Ainda de acordo com Dona Terezinha, as primeiras falas de Celso foram pedindo a família a seu lado. "Ele fala e quase não dá pra ouvir. Mas pediu o avô dele no quarto para acompanhar o tratamento. Pediu suco e comida também, mas o médico ainda não liberou. O menino deve estar com fome. Tadinho".

Mãe pede orações
Na sexta-feira, 6, durante uma visita ao filho no hospital onde ele está internado em Uberlândia, Minas Gerais, a mãe do modelo conversou com o EGO e fez um apelo. "Não tenho mais nenhuma esperança. Peço que as pessoas rezem por ele. Ele está em coma, o estado de saúde dele é muito grave e eu não tenho mais nenhuma esperança. Eu já perdi um filho, não queria perder outro. Ele é meu único filho homem", disse Marli Borges.
O irmão mais novo de Celso, de 16 anos, morreu ao contrair o vírus rotavirus no ano passado. Abalada, Marli chegou chorando muito ao hospital. Ela estava acompanhada de outras três tias de Celso além de um tio e os avós do modelo.
"Ela viu o outro filho dela morrer dentro da UTI. Ela já perdeu um filho e o outro está aí desse jeito... Está sendo muito difícil para ela, mas Deus deu força para ela vir", disse Marília Borges, tia de Celso, sobre o sobrinho e irmão mais velhor do modelo, Celimar Borges. "Tem muitas pessoas criticando, dizendo que ele buscou isso, ele não buscou isso não", defendeu.

Zé Bonitinho está internado na UTI lutando contra câncer pulmonar


Jorge Loredo, intérprete do ilustre personagem Zé Bonitinho, está internado em estado grave na Unidade de Tratamento Intensivo de um hospital no Rio de Janeiro, deixando fãs e familiares preocupados, afinal ele já está com 89 anos de idade. 
Presente em diversos programas, como "Escolinha do Professor Raimundo", da Globo, e "Escolinha do Barulho", da Record, além de atualmente fazer parte do elenco de "A Praça É Nossa", o ator ainda não apresentou melhoras significativas no quadro hospitalar. 
Aos 89 anos de idade e ainda na ativa, Jorge luta contra um problema pulmonar, tendo também já apresentado sinais de fraqueza por não estar seguindo uma dieta balanceada, não se alimentando devidamente.
Internado na UTI do Hospital São Lucas, em Copacabana, Zona Sul do Rio de Janeiro, o humorista deu entrada ainda no dia 3 de fevereiro, e não tem prvisão de alta, visto seu estado clínico considerado grave.
Durante os festejos de Carnaval a escola de samba União da Ilha do Governador fez uma homenagem ao famoso personagem interpretado há décadas por Jorge. Falando sobre beleza em seu enredo, a agremiação incluiu o Zé Bonitinho em uma de suas alas, e todos componentes podiam ser vistos fantasiados como o "perigote das mulheres".
Com informações do portal Momento Verdadeiro.

"Mal-entendido"? Rapper Vanilla Ice é preso por roubo nos EUA

"Mal-entendido"? Rapper Vanilla Ice é preso por roubo nos EUA

Nesta quarta-feira (18) o rapper conhecido como Vanilla Ice foi detido nos EUA. Para a surpresa de seus fãs, o músico de 47 anos de idade foi preso sob acusações de invasão e furto de uma residência localizada na vila de Lantana, na Flórida.
Na ativa desde 1989, com a canção "Ice, Ice, Baby" como um de seus maiores sucessos, o rapper se manteve na mídia nos últimos anos com um reality show, o "The Vanilla Ice Project", que no ar desde 2010 é voltado para a reconstrução e repaginação de casas, produzido e estrelado pelo próprio Vanilla Ice.
E foi justamente deste seu projeto que surgiram as acusações, pois o músico estaria reformando um imóvel próximo à propriedade furtada, e alguns dos itens desaparecidos do local foram encontrados na casa de Vanilla. Já liberado da prisão do Condado de Palm Beach, onde esteve detido, o rapper pagou uma fiança de US$ 6 mil, cerca de R$ 17,5 mil, pela sua liberdade.
Enquanto deixava o local, Vanilla Ice - cujo nome verdadeiro é Robert Matthew Van Winkle - foi entrevistado rapidamente por jornalistas e à emissora local, WPTV, afirmou que sua prisão e as acusações de furto não passavam de um "mal-entendido" que acabou "ficando fora de proporção".

Com informações do portal Alagoas 24 Horas.

DIRETORA NÃO DEVE VOLTAR NA SEQUÊNCIA DE CINQUENTA TONS DE CINZA


A diretora Sam Taylor-Johnson não estaria interessada em filmar as continuações de “Cinquenta Tons de Cinza”. Segundo o jornal inglês The Sun, ela estaria decidida a encerrar sua participação na franquia por problemas de relacionamento com Erika Leonard James, mais conhecida como E.L. James, a autora do best-seller erótico que deu origem ao sucesso de cinema.
“Sam não vai voltar para as sequências de ‘Cinquenta Tons’. Ela quer sair e a Universal Pictures sabe que essa é a melhor decisão. A relação dela com Erika se tornou tóxica”, disse uma fonte do jornal, segundo a qual a suavização das cenas de sexo é a grande razão da insatisfação da escritora.
A escritora tem poder absoluto sobre os destinos da franquia. Ela teria recebido cerca de R$ 13 milhões para ceder os direitos para o cinema, mantendo ainda controle total sobre o processo criativo.
A diretora admitiu anteriormente à revista Porter que teve problemas durante a filmagem. “Foi difícil, não vou mentir. Definitivamente, nós brigamos, mas eram brigas a respeito da criação e acabamos resolvendo-as. A questão era encontrar um meio-termo entre nós duas, satisfazendo a visão do que ela havia escrito, assim como minha necessidade de visualizar essas pessoas na tela.”
E.L. James estaria insatisfeita com o trabalho da diretora, especialmente com a falta de calor nas cenas de sexo, que inclusive rendeu muitas críticas. Mas não é possível afirmar que essa suavizada prejudicou o filme, uma vez que a censura mais acessível em muitos países (passou com censura 16 anos no Brasil e 12 anos na França) facilitou o acesso do público, ajudando ao longa quebrar recordes históricos de bilheteria: maior estreia de um filme dirigido por mulher, maior estreia de fevereiro em todos os tempos, maior estreia mundial de um filme classificado como “R” nos EUA. Somente no Brasil, foram 1,7 milhão de ingressos vendidos entre quinta (12/2) e domingo (15/2), numa bilheteria de R$ 24 milhões.