segunda-feira, 5 de janeiro de 2015

Veja o que a população de Salvador está achando dos novos coletivos

Foto: Francisco Galvão
A população ainda está se acostumando
A população ainda está se acostumando

Os 300 ônibus da nova frota de coletivos de Salvador começaram a circular na manhã ontem. Esperados para rodar já no primeiro dia de 2015, os novos transportes só puderam ser vistos pela população nesta sexta-feira, primeiro dia útil do ano.
A equipe da Tribuna da Bahia foi até as ruas atrás dos coletivos no intuito de verificar as novas instalações, além de saber a opinião dos usuários sobre o que acharam da novidade. Além do conforto dos novos assentos e do sistema de ventilação forçada, o que mais chamou a atenção dos usuários foi a limpeza dos veículos.
Outro ponto positivo é que todos eles têm GPS, o que vai permitir ao cidadão, através de totens instalados nos pontos de ônibus, ou de um aplicativo instalado no celular, saber em que ponto da cidade está o coletivo que ele pretende embarcar.
Os primeiros ônibus puderam ser vistos em alguns locais da cidade como a Avenida Antônio Carlos Magalhães, próximo à Estação Iguatemi, e nas ruas da Cidade Baixa, próximo à Feira de São Joaquim. Na Estação da Lapa, ao contrário da última quinta-feira, quando nenhum ônibus foi encontrado na região, os novos coletivos foram vistos e utilizados pela população.
Vinda da Paralela, a funcionária pública Glady Carrera elogiou os novos ônibus. “Olha, esses são bem melhores aos que estávamos acostumados. Tomara que o mesmo zelo que vemos aqui possa se estender aos ônibus antigos, que estão sujos”, ponderou. 
No entanto, ela acha que, assim que o período das férias acabarem, a população vai ter uma certa dor de cabeça para se acostumar com as novidades. “Hoje é um dia atípico e diferente do que estamos acostumados a ver, essa tranquilidade. Mas, quando a cidade voltar a seu ritmo normal, as pessoas vão ter que ter muita paciência na hora de usar o novo transporte”, disse.
Ela ainda comentou que, por conta da cor, teve dúvidas se o ônibus que pegou era o correto, já que houve, segundo ela, uma certa confusão com outro ônibus de cor parecida, mas que rodava para o Litoral Norte.
Na estação mais movimentada da capital baiana, muitas pessoas ainda tentavam se acostumar às novidades. Uma delas é o local de entrada dos ônibus, que agora é pela frente. No trajeto percorrido pela equipe da Tribuna, no centro da cidade, vimos que, à princípio, teve gente que não gostou muito. “Acho que tinha que ficar do jeito antigo mesmo. Agora pra entrar, virou uma verdadeira bagunça. Os velhinhos ficam na frente e o motorista não pode deixar o ponto sem que todos estejam dentro do ônibus. No final, a gente acaba perdendo é mais tempo”, reclamou a vendedora Vânia Santana.
Para tentar contornar este problema, agentes da Transalvador, além dos próprios cobradores e motoristas, tentavam ajudar os passageiros á se acostumar a nova realidade. “Muitos deles ainda se confundem e querem entrar pela porta de trás dos coletivos. Mas o pessoal aqui tem feito um esforço enorme para facilitar a vida de todos”, disse a funcionária pública. “A gente faz o que pode para ajudar o pessoal. Mas, daqui que o passageiro se acostume vai ser complicado mesmo. Agora está tranquilo. Vamos ver como será mais adiante”, contou o motorista Antônio Brito, que ainda disse ter gostado dos novos coletivos. “São bastante confortáveis e para nós motoristas vai ajudar bastante”.
Dentro dos ônibus, uma segunda novidade. Motorista e cobrador estão mais próximos. Isso, segundo a Prefeitura, é para evitar assaltos e dar mais segurança aos passageiros. No entanto, para quem está do lado de dentro como do lado de fora, houve mais questionamentos. Desta vez, quanto ao número de assentos destinados aos idosos. “Como é que só botam três lugares para os idosos, quando, nos ônibus mais antigos a gente tinha de quatro a oito lugares destinados a eles? Isso é um absurdo!”, criticou um passageiro.
No entanto, a equipe da Tribuna verificou que, após a catraca dos ônibus, mais quatro lugares estavam reservados para idosos, gestantes e deficientes. Em outro coletivo, usuários reclamaram que a corda que aciona o alarme de parada do ônibus não estava funcionando e, com isso, os motoristas não estariam parando nos pontos devidamente. Uma agente da Transalvador que estava no local anotou a queixa e informou que iria repassar a solicitação à empresa responsável.

Tarifa desagrada
Apesar de todas essas novidades na frota, os passageiros questionavam o novo valor cobrado pelas empresas de ônibus, que é de R$ 3 e passou a ser cobrado ontem. “Apesar de serem novos ônibus e oferecerem um conforto relativamente melhor, o valor que nós vamos ter que pagar por eles para utilizar é muito caro. Com certeza isso vai pesar no bolso de muita gente”, comentou o professor de sociologia Bruno Santos, que aguardava os ônibus azuis que vão para a Orla de Salvador.
Segundo informações da Secretaria Municipal de Urbanismo e Transporte (Semut), até o final do mês de janeiro, cerca de 700 ônibus devem estar rodando nas ruas e avenidas da capital baiana. Para tanto, a fim de definir a região de circulação de cada um deles, a cidade foi dividida em três. A região “A”, que contempla o Subúrbio Ferroviário, vão rodar os ônibus de cor amarela. Na região “B”, no centro da cidade, os ônibus que vão circular são os de cor verde. Na Orla, considerada a região “C”, os ônibus azuis é que vão estar disponíveis para a população.
Além disso, ainda de acordo com a Semut, os novos ônibus, além de terem um menor custo de manutenção em relação aos antigos, possuem um índice de poluição 70% mais baixo. Vale lembrar também que os ônibus antigos continuam em circulação normalmente e terão até 12 meses para se adequar à nova realidade do transporte público em Salvador.

Fonte: Tribuna da Bahia

Kelly Clarkson dá pistas sobre novo single e disco: "Meu próximo álbum será pop"


Kelly Clarkson dá pistas sobre novo álbum e single Getty Images
Kelly Clarkson deu pistas sobre seu novo single e álbum pelo Twitter, neste sábado (3).
— As pessoas contiunuam perguntando. Meu próximo álbum será pop. Mas eu sempre serei influenciada pela música que eu amo, que é pop-rock/country/ R&B/ dance. (sic)
A cantora ainda conversou com alguns fãs pela rede social. Perguntada sobre a data de lançamento da nova faixa, ela respondeu que será ainda neste mês de janeiro. 
Ela ainda afirmou que parcerias antigas voltarão para o próximo trabalho.
— Ah, e as pessoas também continuam perguntam sobre o dueto na música. Aqui vai uma pista... Essa não foi a nossa primeira vez cantando juntos! Duas dicas para o próximo single... Proof of Life ["prova de vida"] e Dr. Dre.
Dr. Dre foi eleito pela revista norte-americana Forbes como rapper e produtor musical mais bem pago de 2014, recebendo a fortuna de US$620 milhões no período entre junho de 2013 e junho de 2014. Ele é conhecido por trabalhar com grandes estrelas, como Snoop Dog.
No entanto, ainda não se sabe se "proof of life" pode ser o nome da canção ou apenas o tema. Um fórum de fãs da cantora afirmou que existe uma música chamada Heartbeat Song, registrada no nome de Kelly Clarkson e com data de lançamento prevista para esta segunda-feira (5).
Outro fã perguntou à cantora se o novo álbum contaria com parceria de Sia. "Talvez", respondeu Kelly.

Fonte: R7

Várias linhas de Stret Dance será aborada em curso de férias

O 7° Urban Dance será realizado de 15 a 18 de janeiro, para nível iniciante e intermediário e a 2° edição do Dancidade, do dia 24 de janeiro a 1° de fevereiro, voltada para profissionais da dança.
No Urban Dance, serão quatro dias de curso divididos em duas turmas: para iniciantes, a partir de 9 anos, das 15h às 16h, e nível intermediário, das 16h às 18h. Para participar é necessário se inscrever pelo telefone 3025-2601.
Para os grupos de dança que vem de fora, a companhia Dança Urbana, responsável pela organização do evento, disponibilizará alojamentos. As aulas abordarão várias linhas, como house dance, hip hop, new style e street jazz.
Para quem aprender os passos da dança de rua, o valor é R$ 25,00 por aula. O pacote para quatro dias no nível intermediário é de R$ 120,00. Para quem vem de fora, o preço com alojamento é R$ 150,00. As vagas são limitadas, no máximo para 50 pessoas por turma.

Fonte: Capital News

Artistas do Hip Hop investem em editais para viabilizar festivais na Bahia

É chegada a hora! O DJ dá o play nos toca-discos, as caixas de som já estão a bombar, luzes estão direcionadas, B-boys e B-girls se aquecem em um canto, uma roda de freestyle começa no outro lado, o público começa a chegar, o MC pega o microfone. Vai começar mais um evento de Hip Hop na cidade…Certo? Errado. Quer saber quando começa a festa? 
Três meses antes, surge a ideia do Hip Hop ocupar mais um espaço. Começa a organização. As contas não fecham, são muitos profissionais envolvidos para pouca grana. Mas vai ter que fazer, na raça. Opa! O anúncio de editais com inscrições abertas chama a atenção. Sinônimo de alguns milhares de reais, os editais servem para dar “um alívio” na produção do evento e organização das finanças.
Edital aprovado. Agora sim, para uma boa parte dos organizadores de eventos de Hip Hop a festa está liberada para acontecer. Um dos temas mais polêmicos no movimento cultural também é uma das formas de manter o calendário de eventos na ativa. 
Como se faz “Sempre fiz eventos para o movimento cultural, mas atentei que os editais eram aprovados para artistas que já tinham grana para produzir seus eventos. Então comecei a estudar mecanismos para que a cultura Hip Hop também fosse favorecida por esse patrocínio público” destaca Carlos André Costa, 33 anos, o MC Coscarque que faz parte do Coletivo BoomClap.
Veterano no campo de editais, o MC Coscarque, que já teve quatro projetos aprovados em editais públicos, com valores entre R$ 3 mil a R$ 92 mil, dá a dica para quem quer percorrer esse caminho complexo, no início, mas redundante para quem tem um entendimento da prática. “A primeira coisa que o mano ou a mina tem que fazer é se capacitar para compreender como escrever de forma correta os editais. Agradeço a Eliana de Morais por me disponibilizar uma bolsa voltada para área. Quando você começa a “sacar” os mecanismos, tudo fica muito mais fácil.”, conta o MC Coscarque.
MC Coscarque já teve quatro projetos aprovados em editais públicos (Foto: Bia Cristinee)
A Bahia representou bonito
Em 2014, os artistas do Hip Hop da Bahia mostraram que aprenderam a lição. Na última edição do Prêmio Nacional da Fundação Nacional de Artes (Funarte), a Bahia se destacou em quarto lugar dos 25 estados que participaram da premiação, no total foram 14 projetos aprovados, sendo oito na capital e seis no interior do estado.
E as mulheres representaram muito bem a cultura das rua. As maiores pontuações da premiação entre os vencedores baianos, tiveram como proponentes garotas.
Raffaella da Conceição, 21 anos, faz parte do grupo de street dance BSBCrewLove, ela foi umas das contempladas com o valor de R$ 10 mil para a realização do projeto Mixtape, que reunirá os quatros elementos da cultura Hip Hop.
Ela conta que escreveu as propostas para o edital pela primeira vez e não teve dificuldade. O diferencial foram os cursos voltados para produção cultural que frequentou no curso de Comunicação Social da Universidade Federal da Bahia (Ufba).
Raffaela da Conceição ganhou edital na primeira vez que escreveu (Foto: Acervo Pessoal)
“Na faculdade de comunicação fiz o curso Oficina e Elaboração de Projetos Culturais, depois da conclusão ficou fácil a inscrição do edital. Escrevi o projeto Mixtape que já foi realizado uma primeira edição com intermédio da Ufba, agora que fui contemplada  e com isso tenho mais verba, farei o festival com uma estrutura maior, convidarei mais artistas”, conta Raffaella. 
Tem que ser verdadeiro
Outro colaborador da cultura Hip Hop que há cinco anos aposta em inscrições de editais é o Hamilton Oliveira, 33 anos, o DJ Branco, contemplado com seis editais com valores variantes entre R$ 10 mil a 45 mil, o DJ dá dicas importantes para iniciantes.
“Quem se propõe a se inscrever nesse tipo de apoio, tem que saber que vai prestar conta de tudo que informou no projeto. Logo, tem que ser real quando for preencher a planilha de orçamentos e a proposta de cronograma de atividades pois será cobrado”, destaca o DJ.
DJ Branco, veterano em editais (Foto: Acervo Pessoal)

Branco também lembra que estranhou quando teve o primeiro contato com a papelada dos formulários de inscrição dos editais. “Achei desde o preenchimentos até as etapas de seleção tudo muito burocrático. Seguia fazendo meus eventos sem ajuda se custo dos editais. Mas os processos com o passar do tempo ficaram mais flexíveis e resolvi aceitar o desafio de aprender a escrever editais. O povo do Hip Hop precisa se capacitar e aprender como fazer inscrição nesses processos, assim teremos mais representatividade no repasse de valores da cultura”, lembra o DJ.
Apesar de ser uma forma de financiamento, os participantes apontam o atraso do patrocínio, uma situação recorrente nessa modalidade de financiamento. “Nos programamos, fechamos prazos com colaboradores e fornecedores e quando acontece de atrasar o repasse do financiamento temos que refazer todo esse cronograma”, destaca Coscarque.

Outras opções
A problemática de tão repetida, está implícita em um dos últimos itens do formulário de inscrição de alguns editais. 
Motivo pelo qual a busca de patrocínio de empresas privadas já é unanimidade entre os produtores culturais. “Para as próximas edições do Projeto Mixtape vou buscar apoio também de empresas privadas. Somos Hip Hop sempre na correria. Ganhar financiamento de edital é ótimo, mas são muitos eventos não podemos investir só em uma forma de promover a cultura”, revela Raffaella.
Sabe o que os três tem comum? Se formalizaram, como empreendedores ou profissional autônomo, se capacitaram e, assim, seguem em ritmo cada mais acelerado para fazer crescer a celebração e o reconhecimento do movimento Hip Hop.

Bahia foi o quarto estado em projetos aprovados pelo prêmio Funarte
Locais onde encontrar editais:
* Com colaboração Tarcisio Silva

Fonte: Correio da Bahia

Eminem é processado por plágio de música que concorre ao Grammy 2015


Eminem no clipe da polêmica música Rap God Reprodução/Youtube

As coisas não andam nada boas para o rapper Eminem ultimamente. Depois de causar polêmica ao cantar que queria bater em Lana Del Rey e que estupraria Iggy Azalea, ele está sendo acusado de plágio.
O rapper Raymond Jones, do grupo Hotstylz, está processando Eminem por utilizar cerca de 25 segundos de sua música Lookin' Boy sem autorização.
O tal trecho estaria em Rap God, grande sucesso de Eminem que está até indicado ao Grammy 2015 de Melhor Música de Rap.
De acordo com o site gringo TMZ, Raymond pede cerca de R$ 21 milhões no processo.
Até o momento, a equipe de Eminem não se pronunciou sobre o assunto. 
Nas redes sociais, internautas já fazem piada, principalmente com o título da canção. Rap God quer dizer Deus do Rap.
— É, nem tão Deus assim, né? Deus cria, não copia!

Fonte: R7

Ken humano fará cirurgia para retirar hidrogel

 (Reprodução / Instagram)

O modelo Celso Santebañes, 20 anos, terá que se submeter a uma cirurgia para a retirada do hidrogel. Conhecido como Ken humano, graças as inúmeras intervenções estéticas para ficar parecido como o boneco, o jovem reclama de dores nas panturrilhas.
Santebañes aplicou o produto nas coxas e, após sentir dores por um mês, acredita que o hidrogel desceu para as panturrilhas. Recentemente, a modelo Andressa Urach ficou internada e retirou o produto. Segundo o Ken humano, ele aplicou 150 ml de hidrogel em cada perna.

Em entrevistas a imprensa, o modelo afirmou que tem sentido febres e que o organismo tem rejeitado o hidrogel.

Para ficar parecido com o boneco Ken, Celso Santebañes realizou seis cirurgias: no queixo, no maxiliar, no nariz, uma lipoaspiração e a aplicação de hidrogel.

Fonte: Divirta-se (UAI)

Após polêmica com Roberto Carlos, Globo retira minissérie de Tim Maia da internet


Babu Santana vive Tim Maia em adaptação do filme de Mauro Lima: reedição que foi ao ar na TV trocou sequências de Roberto Carlos por depoimentos do rei a favor de Tim (Downtown Filmes/Divulgação)
Babu Santana vive Tim Maia em adaptação do filme de Mauro Lima: reedição que foi ao ar na TV trocou sequências de Roberto Carlos por depoimentos do rei a favor de Tim
 
Após substituir as cenas de desprezo de Roberto Carlos ao cantor Tim Maia por elogios e declarações positivas na versão para TV do filme de mesmo nome, a Rede Globo retirou do ar o primeiro episódio do documentário 'Tim Maia - Vale o que vier'. O capítulo chegou a ser disponibilizado no site da emissora , logo após a exibição na televisão, na madrugada da última sexta-feira, 2.

O material ficou acessível ao público durante todo o dia, e teve mais de 1.400 acessos. No entanto, no sábado, 3, o conteúdo foi retirado da rede e quem tentou acessá-lo no site da própria emissora encontrou apenas os dizeres: "Conteúdo não disponível". A segunda parte da minissérie, que foi ao ar na sexta- feira, também não foi disponibilizada na web.

De acordo com a emissora, o primeiro episódio foi disponibilizado no site como ação promocional para quem não assistiu ao capítulo na tevê. "Antes da exibição do segundo capítulo, na sexta-feira, foi retirado do ar", disse a assessoria de imprensa da Globo.

Entenda
Na primeira parte da minissérie, que foi uma adaptação do filme de Mauro Lima, Roberto Carlos aparece dando depoimentos positivos, e contando que fez o que pôde para ajudar o colega. Entretanto, na versão original do longa, e no livro de Nelson Motta, Vale Tudo, não é bem assim que acontece.

Uma sequência no filme mostra Roberto Carlos desprezando e humilhando o jovem cantor - em um momento, ele entrega botas usadas e dinheiro amassado a Tim. Com a reedição e novas cenas, Roberto Carlos aparece como um herói, responsável pela grande carreira de Tim.

Devido às edições e cenas alteradas, o cineasta Mauro Lima havia pedido aos fãs que não assistissem a adaptação exibida pela Rede Globo. Por meio de uma rede social, o diretor afirmou que era um "subproduto", que não havia sido editado nem escrito por ele, e não tinha nenhuma relação com seu trabalho original.

Fonte: Divirta-se (UAI)

Império: Zé Alfredo chora ao conhecer o neto


Zé Alfredo (Alexandre Nero) está se colocando em risco para resolver os problemas da família e matar as saudades dos parentes. No capítulo desta segunda-feira (5) de Império, o Comendador vai atrás dos netos, disfarçado, e não resiste à tentação de pegar um dos gêmeos, filhos de João Lucas (Daniel Rocha) e Du (Josie Pessoa).
Ao se apresentar à babá como o obstetra que fez o parto dos pequenos, ela o deixa segurar um dos bebês no colo e conta: “Esse é o Alfredinho. Quer dizer, esse é o apelido, o nome é José Alfredo, homenagem ao avô, que morreu!”, revela, deixando o empresário com ládgrimas nos olhos.

Fonte: O Fuxico

Com aparelho de som, casal gaúcho leva música eletrônica para praia

Casal de Caxias do Sul vai para a praia acompanhado de caixa de som  (Foto: Valéria Martins/G1)Casal de Caxias do Sul vai para a praia acompanhado de caixa de som (Foto: Valéria Martins/G1)

Sentados e com os pés na areia, um grupo de amigos de Caxias do Sul (RS) não escuta o som  do mar, mesmo que as ondas estejam agitadas. Eles preferem ouvir música. No repertório da caixa de som que levam para a praia de Canasvieiras, no Norte de Florianópolis, está, especialmente, música eletrônica. "A festa está garantida", diz o dono do equipamento.

Banhistas se reúnem próximo ao grupo com o som  (Foto: Valéria Martins/G1)
Banhistas se reúnem próximo ao grupo com o
som (Foto: Valéria Martins/G1)

Está é a segundo vez que o casal Jamile e Douglas saem da cidade na Serra gaúcha para visitar Florianópolis entre o Natal e Ano Novo. Eles voltam para casa no domingo (4) e pretendem levar o aparelho para a praia todos os dias. "Trazemos porque gostamos de música", diz Jamile.
Segundo Douglas, levar a caixa de som para praia alegra e aproxima as pessoas. "Quando chegamos estava só a gente. Aí o pessoal viu o som e foi chegando. O pessoal vem e pede música, outros passam dançando", diz ele. Além dos 10 amigos em volta do aparelho de som, muitos banhistas ficavam próximos do grupo. "Na primeira vez quando passávamos na rua sem a caixa de som enquanto vínhamos para a praia o pessoal até mexia com a gente: ‘cadê o som?’", lembra.

Banhista utiliza "mochila com som" na praia (Foto: Valéria Martins/G1)
Banhista utiliza "mochila com som" na praia
(Foto: Valéria Martins/G1)

Na praia de Jurerê Internacional, também no Norte da Ilha, há banhistas que utilizam a caixa de som junto ao corpo, como mochilas. Outros preferem ficar em frente aos beach clubs que tocam música eletrônica durante a tarde. O som pode ser ouvido da faixa de areia.
Segundo o turista baiano Renato Gandolfi, de 33 anos, a música reúne as pessoas. "A gente vem por causa das festas e mulheres bonitas. Começa a festa na praia e depois continua no beach club", diz.

Fonte: G1

Mesmo com recordes negativos, “Alto Astral” é a novela das 7 mais vista desde “Sangue Bom”

Nathalia Dill em Alto Astral
Nathalia Dill em Alto Astral
A Globo exibe atualmente em seu horário das 19h a novela “Alto Astral”. Com roteiro de Daniel Ortiz, a trama parece estar agradando o público mais que as antecessoras exibidas na mesma faixa. O folhetim que foca no tema espírita com bastante humor já é o mais visto no horário desde “Sangue Bom”.
A novela com seus 52 capítulos já exibidos até aqui acumula uma média de 20,27 pontos. Com a mesma quantidade de capítulos, “Geração Brasil” marcava 20,3 e “Além do Horizonte” 18,2. O recorde acaba até aí, pois “Sangue Bom” conquistou até o capítulo mencionado 24,4 pontos.
Fonte: Antenado Nas Novelas
"Só para lembrar: as novelas das 19hrs da emissora não tem mais audiência acima de 30 pontos (exigência da Globo) desde o fim da 'Cheias de Charme', que contava com a participação de Taís Araújo, Leandra Leal e Isabelle Drumond como as protagonistas da trama, e a novela terminou com média de 30,05 pontos, sendo considerada como uma das mais assistidas desta década. Os baixos pontos começaram desde a estréia da substituta de Cheias de Charme, a Guerra dos Sexos, que ficou com média geral de 22,75 pontos. A baixa pontuação permaneceu nas novelas Sangue Bom, Além do Horizonte e a antecessora de Alto Astral 'Geração Brasil' (dos mesmos autores de Cheias de Charme Filipe Miguez e Izabel de Oliveira)."

Império: Apaixonada, Cora contrata advogada para tirar José Pedro da cadeia

Império: Apaixonada, Cora contrata advogada para tirar José Pedro da cadeia  
Foto: Divulgação/ TV Globo
 
Nos próximos capítulos de "Império", Cora (Drica Moraes) vai se apaixonar por José Pedro (Caio Blat).
 
Tudo acontece após Pedro beijar Cora para conseguir o diamante rosa de Cristina (Leandral Leal). A vilã contrata os serviços de Carmen (Ana Carolina Dias) para tirar o rapaz da cadeia.
 
E Cristina será a primeira a notar o interesse de Cora pelo filho de José Alfredo (Alexandre Nero). Ela conta para a tia que Pedro foi pego quando tentava vender a pedra preciosa.
 
"Peraí, tia... Ficou triste por quê? O que a senhora tem com o José Pedro, pra ficar abalada desse jeito?", pergunta Cristina. "Tenho nada! Tudo você me acusa, credo", responde a vilã. "Não vou acusar, então, vou deduzir. Ontem, você tava toda alegrinha na hora do jantar. Será que foi alguma visita que recebeu mais cedo? Teria sido uma visita masculina? Mais precisamente dele?", diz a filha do Comendador.
 
Cora fica desesperada e chega a acender uma vela pedindo proteção para José Pedro. Ela decide ir até a casa de Orville (Paulo Rocha) contratar os serviços de Carmen para tirar o rapaz da prisão.
 
Elas chegam à delegacia e a advogada se apresenta como defensora do rapaz. Mas nega a ajuda da vilã e informa que já recorreu aos serviços de Merival (Roberto Pirillo). Mesmo com a recusa do rapaz, Cora fica feliz ao saber que ele não está mais com Danielle (Maria Ribeiro) e se insinua: "Sabe pra que eu queria tirar você daí, não sabe? Pra te cobrar a dívida depois. Em beijos!".
 
Na recepção da delegacia, Cora dá um fora em Danielle, que assustada pergunta: "Quem você pensa que é pra falar comigo desse jeito, sua louca?". "Você quer mesmo saber? Pois eu te digo: sou uma mulher de verdade, com sangue quente correndo pelas minhas veias e faço qualquer coisa pra conseguir o que quero. Você não é mais nada do José Pedro! Ele me falou. Só tá aqui pra prejudicar o coitado. Eu vi quando incentivou os outros presos a partirem pra cima dele... Mulherzinha baixa", responde Cora.
 
Fonte: Na Telinha

Fãs criam site com sugestões de programas para Xuxa


 (Aline Massuca/Divulgação)
 
Enquanto Xuxa não volta à televisão, os fãs da Rainha dos baixinhos resolveram se unir. Eles criaram um site no qual fazem sugestões de programas para a apresentadora.

"Somos apenas fãs que têm a intenção de contribuir de alguma forma nos rumos da carreira da loira mais amada do Brasil", afirmam Yuri Gonçalves e Bruno Schneider, os criadores do projeto.

Para eles, o Sugestões para Xuxa poderá aumentar o contato da apresentadora com os fãs. "É essencial que o artista ouça as opiniões de seu público", opinam.

Futuro
O futuro de Xuxa ainda está indefinido. No fim do ano passado, especulações davam a saída da loira da Rede Globo como certa. No entanto, nenhuma confirmação ocorreu até o momento. A apresentadora tem contrato com emissora até 2017.

Os canais concorrentes, SBT e Record manifestaram interesse de contar com Xuxa em 2015.

Fonte: Divirta-se (UAI)

Rick anuncia fim da dupla com Renner

http://imgsapp.divirta-se.uai.com.br/app/noticia_133890394703/2015/01/05/163162/20150105163445975944o.jpg
Foto: UAI
Sabem aquela piada que diz que o Rick se separou do Renner porque ele tem seu estilo e Renner tem todos? Pois é, mas agora não é piada não, a dupla acabou mesmo pela segunda vez. O cantor Rick anunciou o fim da dupla em sua conta no Instagram, e o motivo foi o envolvimento do Renner em um acidente de carro, em que perdeu o controle de seu veículo e foi acusado de matar um casal que estavam de moto e no sentido contrário de direção. Leia a mensagem que o Rick escreveu no Instagram:
"ESTOU AO LADO DO RENNER DESDE 1986 E JÁ PERDI AS CONTAS DE QUANTAS VEZES ME SENTEI COM ELE PARA DAR CONSELHOS E CONCERTAR ERROS, MAS EM 2010 DIANTE DE UMA SITUAÇÃO INSUSTENTÁVEL RESOLVI TERMINAR A DUPLA RICK E RENNER POR ME SENTIR SEM FORÇAS PARA CONTINUAR FIZ NAQUELE MOMENTO O QUE PEDIA MEU CORAÇÃO,COM UMA CARREIRA SOLO EM ANDAMENTO RESOLVI DAR OUVIDOS A PESSOAS LIGADAS A RICK E RENNER ASSUMI AO LADO DELE A RESPONSABILIDADE POR PROBLEMAS QUE NÃO TIVE NADA A VER POR AMOR À MÚSICA E AOS FÃS ,PASSEI POR CIMA DOS MEUS PRINCÍPIOS DOS ENSINAMENTOS DO MEU PAI E DEI OUVIDOS A TUDO QUE ME DISSERAM E ACREDITEI NA MUDANÇA DO SER HUMANO,PLANEJEI O FUTURO APOSTEI MAIS UMA VEZ ACREDITEI MESMO QUE EU ESTAVA ERRADO MAS NOVAMENTE VEJO TUDO QUE CONSTRUIR SER JOGADO FORA DIANTE DOS MEUS OLHOS COM OS ÚLTIMOS ACONTECIMENTOS. TENHO 48 ANOS DE IDADE E NÃO TENHO MAIS TEMPO PARA CONSTRUIR CASTELOS DE AREIA VOU AJUDAR O RENNER EM TUDO QUE EU PUDER QUE TIVER AO MEU ALCANCE MAS TENHO FILHOS TENHO NETOS E UMA VIDA PASSANDO DEPRESSA. DEUS SABE O QUANTO LUTEI POR RICK E RENNER MAS HOJE AFIRMO COM TODA CERTEZA QUE SÓ VOU ATÉ AQUI. SOU UM HOMEM QUE DEPENDE DA MÚSICA PRA VIVER E SEI QUE MEU FUTURO É INCERTO MAS PIOR QUE A INCERTEZA DO MEU FUTURO É A FALTA DE PAZ NO MEU CORAÇÃO. TENHO CERTEZA QUE O PRÓPRIO RENNER SABE TUDO QUE FIZ PARA QUE RICK E RENNER JAMAIS TIVESSE FIM MAS HOJE TUDO QUE EU QUERO É PODER RECOMEÇAR MESMO QUE SEJA DO ZERO SE ASSIM FOR A VONTADE DE DEUS. SE O MUNDO DA MÚSICA VAI ENTENDER EU NÃO SEI MAS UMA COISA É CERTA VOU CONTINUAR FAZENDO O MELHOR QUE EU PUDER PORQUÊ CONHECI VIVI E AMEI A MÚSICA DEPOIS NASCI." Rick Sollo

DJ Hardwell é o rei da Eletronic Dance Music e fez show empolgante no Arena One

Foto: Marco Favero / Agência RBS
Foto: Marco Favero / Agência RBS

Magro, pálido e aparentemente tímido, o holandês Robbert van de Corput, 26 anos, é um improvável pop star quando se olha para ele fora dos palcos. À frente de uma cabine de som ele é outro: muito maior e carismático, um rei para a atual EDM, popular sigla para Eletronic Dance Music. É o empolgadíssimo DJ Hardwell, o melhor DJ do mundo – título conquistado pela segunda vez consecutiva e concedido pela conceituada publicação inglesa DJ Mag. No sábado (3) ele aterrissou em Santa Catarina e apresentou primeiro em Florianópolis e depois em Balneário Camboriú a turnê Go Hardwell or Go Home.
Na Capital ele foi a segunda atração do projeto Arena One, que teve apresentação empolgante do DJ David Guetta na última sexta no antigo Parque Planeta, Norte da Ilha. Hardwell reuniu bem menos público que Guetta (13 mil pessoas na sexta), mas as 7 mil pessoas que prestigiaram o holandês eram com certeza bons conhecedores do gênero eletrônico. Impressionante o número de fãs do DJ em Florianópolis.

Foto: Marco Favero / Agência RBS
Foto: Marco Favero / Agência RBS
Ele saiu de Recife ainda no final da tarde de sábado em um avião fretado e desembarcou em Florianópolis à 0h49 da madrugada. Do aeroporto até o Arena One ele seguiu num carro escoltado, e quando chegou, às 1h45 da madrugada, não transpareceu nenhum cansaço e até tirou fotos com duas fãs que o contataram previamente por email.
Exatamente às 2h, como previsto, assumiu a pick up. Até o mais duro coração em relação à EDM amolece com a honestidade da performance, o som pesado e cheio de vigor de Hardwell.
Na pista VIP as Hardwellnetes suspiravam: “Ah, ele é lindo!” “Nossa, ele é mesmo muito bom!”.
_ As músicas do set dele são boas, não repetem e ele não imita outros DJs _ diz a gaúcha Patricia Lampesi Santos, 28 anos, fã do holandês.
> Veja como foram as festas de Reveillon em Jurerê Internacional e na Praia do Rosa
As mãos de Hardwell são um detalhe importante na performance. É como um maestro: em todas as músicas ele gesticula muito, bate palmas, levanta os braços, pula, canta as letras. É como se olhasse nos olhos do público que, por sua vez, sente-se na obrigação de devolver a confiança com empolgação.
O set de Hardwell lembrou o de grandes festivais de música eletrônica, frenético, pesado, com pressão, e incluiu hits como Spaceman, Under Control e outros.

Fonte: ClicRBS

Zezé Di Camargo exclui conta no Instagram após barracos na web

Após protagonizar o último barraco do ano de 2014 nas redes sociais, Zezé di Camargo excluiu a conta do Instagram e fez questão de informar aos seguidores sobre a nova decisão. 

Zezé Di Camargo exclui conta no Instagram após barracos na web(Foto: Divulgação)

"Criei uma conta no Instagram há um ano. É um universo interessante porque nos aproxima das pessoas mais importantes para a nossa carreira: os nossos fãs. Mas também nos deixa vulnerável a encontrar gente do mal, que usa a força das redes sociais para ridicularizar quem está em paz. Sem querer entrar em detalhes, decidi cancelar esta conta. Descobri que sou muito real para este mundo virtual. Sendo assim, meu contato por este meio serpa apenas pelo Instagram oficial da dupla. O mundo mágico do palco, da música, de nossa troca de energia é bem melhor. Este, sim, é o meu pedacinho do céu, um conto de fadas. A paz que eu preciso para sobreviver. Obrigado aos meus seguidores, mas vamos compartilhar nossas energia como antes. Fiquem com Deus e feliz 2015", finalizou.
A última confusão do sertanejo no Insatgram foi com a colunista do R7, Fabíola Reipert. 
"Estou aqui pensando, como uma pessoa que você sempre tratou bem e com respeito, pode ser tão do mal!! Estou falando de Fabíola Reipert. Vc lembra da gente no camarim da Record e você foi lá com aquela falsidade, tipo, passando cruzado de mim e fazendo as pazes? E a gente começou a conversar e eu te disse q ficava muito triste com as inverdades q saíam a meu respeito e vc falou que ninguém era perfeito inclusive você?! Você me confidenciou aquele dia, q também não era certinha, e que inclusive você descia para a Baixada Santista e ia fumar seus baseados , ( inclusive, não tenho nada contra quem usa. Cada um sabe o q faz) mas é uma droga ilícita. E você quando via uma blitz de polícia, você colocava uma cachorrinha na janela pra os guardas não desconfiarem?! Vc fala que não fala da sua vida pessoal e ganha a vida falando dos outros. Me admira mto, uma televisão evangélica, que prega a palavra de Deus, ter em seu quadro de funcionários, uma viciada em drogas ilícitas. Desafio a você a fazer um exame toxicológico pra ver se vc não usa ou já não usou. Pense bem antes de vc falar de uma família como a minha que o único defeito até agora foi só uma separação que apenas gerou polêmica!! Agora estou a sua disposição e vou com você pra qualquer briga, seja na justiça ou em qualquer esfera q você quiser viu!!", escreveu.

Fonte: Correio da Bahia

Justin Bieber e filho de Michael Jackson compõem álbum, diz jornal


Justin Bieber no Fashion Rocks em Nova York, nos Estados Unidos (Foto: Theo Wargo/ Getty Images/ AFP) 
Justin Bieber
(Foto: Theo Wargo/ Getty Images/ AFP)
 
Justin Bieber e Prince Jackson, filho mais velho de Michael Jackson, firmaram uma parceria musical, segundo a coluna "Page six", do jornal "NY Post". De acordo com a publicação, o adolescente de 17 anos Prince Jackson, filho de 17 anos de idade, de Michael Jackson, está supostamente fazendo música com Justin Bieber. Os dois estão trabalhando juntos em um "grande álbum" a ser gravado pelo cantor.
A coluna diz ainda que os dois curtem baladas juntos e Prince estaria gastando a pensão que recebe pelo falecimento do pai em joias, carros de luxo e várias garotas.

Fonte: EGO

Elvis Presley: Após 30 anos expostos, jatinhos do "rei do rock" serão leiloados

Elvis Presley: Após 30 anos expostos, jatinhos do "rei do rock" serão leiloados
No início desta semana foi anunciado pela imprensa internacional que dois dos jatinhos particulares pertencentes a ninguém menos do que Elvis Presley, serão colocados à venda em um leilão realizado pela famosa casa de leilões Julien Auction's.
As aeronaves "Lisa Marie" e "Hound Dog II" já não voam mais, e ficaram expostas em Graceland, residência oficial de Elvis, durante 30 anos! Interessados em dar seus lances precisam enviar suas propostas em uma carta fechada à casa de leilões.
Segundo informado o jato de luxo "Lisa Marie" foi adquirido ainda em 1975 pelo "rei do rock", cerca de apenas dois anos antes de sua morte e foi batizado em homenagem à sua única filha, que na época tinha 7 anos de idade.Estima-se que Elvis tenha desembolsado cerca de US$ 300 mil para remodelar e redecorar a aeronave, que em seu interior conta com uma suite master com cama grande, uma sala de conferências e um banheiro com detalhes em ouro.
O jato "Hound Dog II" foi comprado no mesmo ano, e a estimativa de arrecadação no leilão é de US$ 10 e US$ 15 milhões. Vale ainda ressaltar que o último voo do "Lisa Marie" aconteceu na ocasião da morte de Elvis, quando sua ex-mulher Priscilla Presley e ator George Hamilton voaram até o funeral do "rei do rock".
Ainda entre os itens do leilão, há disponível um terreno ao lado de Graceland, local do "Museu Presley", à venda no intuito de que os jatos sigam como atração turística expostos no local de forma independente.
Com informações do portal O Fuxico.

Fonte: Diário24hrs

Diretor de "Tim Maia" diz que não teve intenção de atacar trabalho da Globo

Diretor de "Tim Maia" diz que não teve intenção de atacar trabalho da Globo
Divulgação

Na semana passada, o cineasta Mauro Lima publicou uma mensagem em seu Instagram pedindo aos seguidores para não assistirem à minissérie “Tim Maia – Vale o que vier”, exibida nas últimas quinta (01) e sexta-feira (02) na Globo.

“Aos seguidores que não viram ‘Tim Maia’ no cinema sugiro que não assistam essa versão que vai ao ar hoje e amanhã na Globo. Trata-se de um subproduto que não escrevi daquele modo, nem dirigi ou editei”, escreveu ele.

O programa era uma "recriação do filme" de Mauro Lima. Já nesta segunda-feira (04), em depoimento ao jornal Folha de S.Paulo, o diretor tentou explicar a mensagem e disse que não quis criticar a emissora.

“Já trabalhei com a Globo e tive muito boas experiências no passado e não tenho nenhuma intenção de atacar o modo como retrabalham as suas produções”, disse. “Como diretor, para mim é bom que mesmo um derivado dê uma boa resposta de audiência”, falou ele.

Mauro Lima ainda se mostrou incomodado com a divulgação de seu post. “Aquilo foi um post na minha rede fechada, que, aliás, tem poucos seguidores. Nem Facebook eu tenho. Nunca postei um tweet na vida. Não foi uma declaração dirigida ao público da TV Globo. O que, aliás, seria pífio e ridículo da minha parte”.

No especial, a Globo deletou algumas cenas, acrescentou outras, incluiu depoimentos de amigos do cantor e também gravou imagens nas quais o ator que interpreta Tim Maia, Babu Santana, narra trechos da história.

Segundo o colunista Maurício Stycer, do UOL, fãs de Tim Maia que assistiram às duas obras reclamaram muito da forma como a minissérie foi abordada, prinicipalmente a conturbada amizade do cantor com Roberto Carlos.

O filme foi baseado no livro “Vale Tudo – O som e a fúria de Tim Maia”, de Nelson Motta. No longa, um trecho mostra que Roberto Carlos ignorou e até humilhou o amigo quando ele o procurou no início da carreira.

Já na TV, a sequência que mostra essa situação foi eliminada, sendo substituída por um depoimento de Roberto Carlos dizendo que ajudou, sim, Tim Maia.

Fonte: Na Telinha (NE10)

Zeca Pagodinho sobre morte de filho: "Não me senti preparado para o final"

No último domingo (4), Elias Gabriel da Silva, 28 anos, filho mais velho do cantor Zeca Pagodinho, morreu em decorrência de um coágulo no cérebro, depois de ter tido uma pneumonia.
Zeca Pagodinho não ficou para o enterro do filho. "Ele se sentiu mal e preferiu não acompanhar", informou a funcionária ao final do velório. Elias era fruto de um relacionamento anterior de Zeca. O cantor é pai de mais quatro filhos, todos de seu atual casamento, com Mônica Silva.
De acordo com informações do UOL, Zeca não ficou para o enterro do filho. Uma funcionária confirmou que "ele se sentiu mal e preferiu não acompanhar".
Elias era fruto de um relacionamento anterior de Zeca. O cantor é pai de mais quatro filhos, todos de seu atual casamento, com Mônica Silva.
Na tarde desta segunda-feira (5), Zeca veio à publico para explicar o que aconteceu após sua ausência no enterro do filho e, sensibilizado, assumiu o luto e disse que "não estava preparado para o final".

Fonte: Brasilpost


Susto! Ana Furtado revela que sofreu acidente em sua casa

Susto! Ana Furtado revela que sofreu acidente em sua casa
A apresentadora da Rede Globo, Ana Furtado, que assumiu o comando do programa Encontro na última segunda-feira (05), revelou que sofreu um acidente doméstico em uma porta de vidro de sua residência no Rio de Janeiro. Ana está "cobrindo" as férias de Fátima Bernardes.
"Estou muito feliz de estar de volta. Mas há algumas semanas passei por uma situação difícil e complicada. Sofri um acidente doméstico. Poderia ter sido muito mais grave do que foi. Dei de cara em uma porta de vidro na minha casa. Foi de noite, estava muito distraída. Em casa, normalmente, ficamos mais relaxados. A luz da varanda estava apagada e a da sala acessa. Eu não vi o vidro transparente temperado e dei de cara. De cara pensei que havia perdido todos os meus dentes, porque foi uma dor muito intensa. O meu nariz também bateu. E minha testa foi em cheio. Aí a melhor coisa que fiz foi manter a calma, colocar gelo e pedir socorro. Não quebrei o nariz, mas fissurei e levei três pontos com um cirurgião plástico. Fiquei com a boca parecida com a da Angelina Jolie, porque cortou internamente. Coloquei muito gelo. Poderia ter sido muito pior", explicou a apresentadora.
Não é a primeira vez que Ana faz esse trabalho. Aliás, desde que deixou o Vídeo Show, que apresentava ao lado de André Marques, em 2013, foi praticamente só isso que a mulher do Boninho fez. Cobriu licença maternidade de Angélicano Estrelas,  em 2012, e o próprio Encontro , onde já havia entrado no lugar da Fátima em sua última ausência por férias. Ana também realizou uma série de reportagens especiais no Fantástico e fez parte dos times de apresentadores dos últimos dois Criança Esperança.
Pelo Instagram, a apresentadora comemorou a nova oportunidade e se mostrou animada. "Ano novo e a partir de hoje mais uma temporada do #Encontro começa! Boas férias @fbbreal! @olalair e @omarcosveras, eu tô chegando!", disse ela. Força, Ana!
Com informações da revista Caras e da Terra.

Fonte: Diário 24hrs

Barra fecha programação pela chegada do novo ano

  • Mila Cordeiro | Ag. A TARDE
    Orquestra Neojiba toca no palco do largo do Farol da Barra, com o dia ainda claro
O primeiro domingo do ano foi único para quem esteve no Farol da Barra. Jovens, crianças, famílias e idosos dançaram e apreciaram o som da Neojiba (Núcleos Estaduais de Orquestras Juvenis e Infantis da Bahia), responsável por abrir o último dia de shows da programação do Réveillon de Salvador.
Com um repertório que contemplava músicas eruditas e populares, como Pombo correio, sucesso na voz de Moraes Moreira, e Olha pro céu meu amor, "clássico" de Luiz Gonzaga, a orquestra arrancou aplausos da plateia.
"Esse festival prova que a música de concerto também tem público. O povo não tem como gostar do que não conhece", disse o maestro da Neojiba Helder Passinho Júnior. Para o administrador Wesley Rodrigues, de 31 anos, este é o principal sentido deste tipo de proposta.
"O evento é ótimo por proporcionar que todos conheçam  uma orquestra", falou.   Ele disse que costuma ir às apresentações do grupo no Teatro Castro Alves, mas que o cenário do Farol da Barra tem um clima mais "leve e descontraído".
Moradora do bairro da Barra, a jornalista Cristina Casalta frequentou os três dias do festival de jazz e música instrumental e elogiou a iniciativa de trazer outros estilos musicais para o local.
"O Farol da Barra merece eventos que vão além do axé e pagode", opinou. Mas Cristina também observou que os moradores do bairro sentiram falta dos festejos durante a passagem do ano.
A jornalista sugeriu que este tipo de festival fosse implantado também durante o Réveillon.
"Poderiam colocar shows na Barra com uma programação semelhante a esta, com música instrumental, música popular brasileira e pop rock. Os moradores iriam gostar", propôs.

Palco Farol
O cantor  Ed Motta também foi uma das atrações que se apresentaram neste domingo, 4, no palco Farol, na orla da Barra. Segundo o cantor, este tipo de festival que inclui música instrumental em praças públicas é muito comum na europa.
"Isso ajuda a formar novas plateias para a música instrumental. É uma iniciativa muito boa", disse o artista.
O evento ainda contou com o talento de Letieres Leite e Orkestra Rumpilezz. A expectativa  da prefeitura era de  15 mil pessoas neste domingo.

Fonte: Portal A Tarde

Roberta Miranda se irrita com críticas a foto sensual: "tenho 58 anos, seios lindos e pernas lindas"

Roberta Miranda ficou chateada com as críticas que recebeu após aparecer sensualizando em uma foto publicada no seu perfil do Instagram. A cantora apagou a imagem momento depois e publicou uma nova foto com um grande desabafo.
Roberta Miranda (Foto: Instagram / Reprodução)
Foto: Reprodução/Instagram
"Fãs! Não retirei a foto da guitar por causa de pau mandado, não! É que tenho vergonha alheia. Fico mais preocupada com vocês, meus fãs! Pois quando agridem o nosso ídolo, ficamos tristes. Eu sei quem é, quais são as pessoas que estão fazendo esses comentários... Quem tem educação não chama o outro de velho, pois velho é pano. E para terminar artista não tem idade. Agora desculpe a falta de modéstia: tenho 58 anos, não tenho uma celulite, tenho seios lindos! Pernas lindas! Me cuidei e me cuido o bastante para criar hoje esta revolta e inveja para algumas cobras andadas. Quem vai retirar o meu título de rainha do sertanejo foi quem me consagrou: o povo. Portanto, f..., invejosa!", escreveu Roberta.
A cantora constantemente publica fotos sensuais e vídeos brincando com seus fãs.

Fonte: Correio da Bahia

Rafinha Bastos debocha de Wanessa Carmargo no Twitter


Com a saída de Marcelo Tas, a atração será comandada por Dan Stulbach.
Rafinha Bastos não pretende deixar Wanessa Camargo em paz tão cedo. Processado pela filha de Zezé di Camargo por conta de uma piada feita no "CQC", o humorista voltou a tirar sarro da cantora, dessa vez nas redes sociais.
Tudo começou quando Wanessa postou uma mensagem com votos para um 2015 mais harmonioso entre as pessoas. "Ao invés do preconceito, que haja tolerância! Ao invés da desavença, que haja o amor", escreveu.
Ao ver o post, Bastos deu retwittou a mensagem e pediu que a estrela deixasse de lado a briga na Justiça. "Boa! Vamos retirar o processo então", escreveu.
A ação movida por Wanessa contra o apresentador do "Agora é Tarde" foi aberta em 2012. Na época, o humorista fazia parte da bancada do "CQC" e fez um piada sobre a gravidez da cantora. 
Além do processo, Rafinha acabou deixando o elenco do programa por se recusar a se desculpar publicamente com a filha de Zezé di Camargo.
Ao contrário de Wanessa, a Band já perdoou o ator. Após ser convidado para assumir a vaga de Danilo Gentili no "Agora é Tarde", o apresentador retornará à bancada do humorístico exibido nas noites de segunda-feira a partir de fevereiro.
Com a saída de Marcelo Tas, a atração será comandada por Dan Stulbach.

Fonte: A Crítica

Modelo Andressa Urach é clicada pela primeira vez após receber alta médica

Andressa Urach é clicada pela primeira vez após receber alta
Andressa Urach é clicada pela primeira vez após receber alta (Orlando Oliveira/Ag News)
A modelo e apresentadora Andressa Urach posou para fotos pela primeira vez, neste sábado (3), em Florianópolis. Segundo o site Uol, Urach foi clicada, caminhando em um calçadão na capital catarinense usando óculos escuros, vestido longo e chapéu. Além do look básico, em algumas fotos, Andreza aparece lendo um livro.
A modelo recebeu alta no hospital, na véspera de Natal. Ela chegou a estar em estado crítico, ficando 25 dias internada devido a um processo infeccioso decorrente da aplicação de hidrogel nas pernas.
A modelo foi hospitalizada na unidade de saúde no dia 29 de novembro, quando chegou acompanhada pela mãe. Na ocasião, Andressa apresentava um processo infeccioso decorrente da aplicação de hidrogel nas pernas, realizada há cinco anos em uma clínica especializada.

Fonte: A Crítica (UOL)