sexta-feira, 29 de abril de 2016

Raul Gazolla comenta decisão judicial: 'Dinheiro não trará Daniella de volta'


O ator Raul Gazolla, viúvo de Daniella Perez, falou com o EGO nesta sexta, 29, sobre a decisão judicial que condenou Guilherme de Pádua e Paula Thomaz a pagarem 500 salários mínimos a ele e a Glória Perez, mãe da atriz, pelo Tribunal deJustiça do Rio de Janeiro (cerca de R$ 440 mil a cada um). Guilherme e Paula foram condenados pelo assassinato de Daniella, morta com 13 facadas em 1992.
O ator conversou com o EGO no início da tarde de sexta, 29. "Não tem dinheiro que pague uma vida, não tem dinheiro que pague uma mãe perder uma filha daquela forma. Qualquer dinheiro seria trocado pela vida dela, mas a gente sabe que isso não existe. Eu acho que nossas leis são falhas", disse Raul, emocionado. "Eu trocaria esta pena por eles continuarem na cadeia. O dinheiro é só uma dor no bolso. O que nós gostaríamos é de vê-los numa prisão perpétua, eles são réus confessos e provados. Eu queria que eles ficassem na cadeia para sempre."
Raul deixou clara sua revolta com a Justiça. "Os caras matam, cumprem um sexto da pena e saem por bom comportamento? Como eles podem ter bom comportamento se mataram uma pessoa? A impunidade nos deixa desesperançosos", lamentou ele.

Procurada pelo EGO, Gloria disse que prefere não se pronunciar sobre o assunto.

Entenda o caso
O desembargador Paulo Gustavo Horta determinou nesta sexta-feira, 29, que cada um - Raul Gazolla e Glória Perez - deve receber uma multa indenizatória no valor de 500 salários mínimos, ou cerca de R$ 440 mil cada, de Guilherme de Pádua e Paula Thomaz, condenados pelo assassinato de Daniella Perez. A ação foi julgada pela 7ª Câmara Cível do TJ/RJ.
De acordo com a decisão, os réus ainda foram condenados ao pagamento das despesas com o sepultamento e funeral, na ordem de cinco salários mínimos, além das custas processuais e honorários de advogado de 10% sobre a condenação.

Fonte: EGO

Nenhum comentário: