quarta-feira, 22 de junho de 2016

Intérprete de Louro José deleta Instagram depois da tatuagem da discórdia


Tom Veiga, a voz do papagaio Louro José, de Ana Maria Braga, deixou o Instagram. Nesta terça-feira, a rede social serviu de palco para a eclosão de uma crise em seu casamento. Ao publicar a foto de uma nova taguagem, em que o rosto de sua mulher aparecia desenhado como a caveira La Catrina, do Dia dos Mortos mexicano, Veiga recebeu um comentário irritado da própria, que detonava a "obra". "Se eu soubesse que as fotos que você pediu hoje eram pra isso, tinha escolhido qualquer uma, não as de que eu mais gostava, como você pediu. NÃO GOSTEI!!!!", bufava Alê Veiga.
A tatuagem da discórdia é mais uma na moda de tatuagens sobre o Día de Los Muertos, O Dia de Finados, que é comemorado com festa no México. Personagem popular do festejo, La Catrina é a representação humorística do esqueleto de uma dama da alta sociedade mexicana. "Você tem direito de gostar e querer tatuar isso, mas com outro rosto, uma personagem, sei lá. Respeito a cultura mexicana, mas eu não cultuo a morte", escreveu também Alê Veiga.
Resta saber se, além de apagar o perfil no Instagram, Tom Veiga vai apagar o desenho do corpo.

Fonte: Veja

Dançarino 'Nego Pom' morre após ser baleado e apedrejado em Salvador


Marcos Vinícius Santos de Jesus, de 32 anos, dançarino e backing vocal da banda de pagode baiana Guettho é Guettho, foi vítima da violência em Salvador. Segundo informações da Central de Polícia (Centel), o artista, que usava o nome artístico de Nego Pom, foi encontrado baleado e apedrejado por dois homens, às 15h30, da última terça-feira (21), na localidade de Nova Constituinte, no bairro de Periperi, na capital baiana.
A morte do dançarino foi confirmada ao EGO pelo produtor da banda, Adriano Costa. "Estamos todos arrasados. O Marcos era um homem muito bom. Ele deixou uma mulher e dois filhos pequenos", limitou-se a dizer Adriano Costa.
Estamos todos arrasados. O Marcos era um homem muito bom. Ele deixou uma mulher e dois filhos pequenos."

Adriano Costa, produtor do grupo
Morte havia sido anunciada antecipadamente
Ainda de acordo com a Centel, a moto do dançarino foi roubada e ele foi levado, ainda com vida, para o Hospital do Subúrbio, onde resistiu, em coma, até a tarde desta quarta-feira, 22, quando foi confirmada sua morte.
Ainda de acordo com o produtor Adriano Costa, Nego Pom levou quatro tiros no abdômen, além de diversas pedradas, que teriam causado um traumatismos craniano.
Na falta de informações oficiais do hospital, muitos sites de notícia chegaram a anunciar a morte de Marcos ainda pela manhã, quando ele ainda estava vivo. O suposto perfil oficial no Facebook de Danilo Ferreira, mais conhecido como Chiclete Ferreira, vocalista da banda, confirmou o óbito do colega de trabalho, por meio de um comunicado, ainda na noite de terça-feira.
"Deus esse cara que está do seu lado olhando para baixo ele é o meu parceiro. Vai em paz, meu irmão. Eu vou te amar eternamente e sua alegria vai morar em mim para sempre. Não estou em condições de escrever mais nada. Apenas te amo, meu eterno parceiro. A nossa estrela tatuada no meu ombro, hoje, está no céu e brilhando muito. Cuida de todos aí de cima. Eu te amo, meu amigo irmão. Eu te amo. Eu te amo", declarou o músico.
Logo em seguida, o cantor voltou atrás e afirmou que o amigo estava vivo. "Gente, parece impossível, parece brincadeira, mas acabei de receber a notícia. Olha como Deus é, nosso Nego Pom ainda está vivo. Ele reagiu, mas está em estado grave. Por favor, peço mais uma vez a todos os meus fãs vamos orar por ele fazer uma corrente. Obrigado, Deus, por dar mais uma chance. Vamos continuar orando galera", escreveu o artista.

Fonte: EGO

Tarcísio Meira fará personagem em estado vegetativo na TV: “Quero morrer trabalhando”


Após uma participação em Velho Chico, Tarcísio Meira voltará ao ar no segundo semestre em A lei do amor, próxima novela das 9 horas da Globo, com estreia marcada para 3 de outubro. Na semana em que a trama começará a ser exibida, o veterano ator completará 81 anos. “Nunca pensei em me aposentar, quero morrer trabalhando”, diz ele. No folhetim, Tarcísio viverá o ricaço Fausto, detentor do grande segredo da história que, por causa de um acidente, passará grande parte da novela em estado vegetativo, sem se locomover e falar. “As tramas das novelas estão compridas, complicadas e pretensiosas demais. Elas devem ser reduzidas para 120 capítulos com, no máximo, 45 minutos por dia”, opina.


Após 20 anos sem fazer teatro, o veterano retoma na sexta-feira (24) nova temporada do espetáculo O camareiro, em que celebra seus 60 anos de carreira, no Teatro Oi Casa Grande, no Rio de Janeiro. No espetáculo, Tarcísio foi convidado por Kiko Mascarenhas – idealizador do projeto e com quem também contracena – para viver um ator de teatro à beira de um colapso nervoso, que luta no limite de suas forças para interpretar mais uma vez o Rei Lear, de Shakespeare. “Mesmo senil e com sua saúde debilitada, o Sir, como é chamado por todos, lidera com tirania sua companhia, que começa a desmoronar”, explica Tarcísio.

É difícil envelhecer?
A vida tem transcorrido com certa tranquilidade, no sentido de que as coisas não têm sido tão ruins para mim como são para outras pessoas. Considero-me um privilegiado. Evidentemente, não tenho mais a mesma disposição e o vigor dos 40, isso é uma coisa chata, uma limitação. Mas minha cabeça continua a mil, continuo querendo fazer as coisas, aprendendo sempre. Não tive crises, mas tomei um susto quando fiz 70 anos. E, logo depois, passou rápido, estava fazendo 80.


Como mantém a forma?
Como ator, precisaria cuidar mais de meu físico, mas sou muito relaxado. Nunca fiz exercícios regularmente, nesse ponto a Glória [Menezes, sua mulher] é muito mais disciplinada: vai à academia religiosamente, quase todos os dias. Eu não vou. Tenho um problema no joelho, já operei três vezes, e isso é um fator limitante.

Qual o segredo de um casamento tão longo?
Não existe mistério, estamos casados há quase 55 anos porque estamos velhinhos. Foi um casamento que deu certo, não fizemos força para dar certo. Não é fazendo isso ou aquilo, deve ser orgânico. As coisas foram acontecendo, não houve reação contra, fluiu. Conheço outros casais que estão juntos, e bem, há mais de 50 anos.


O que acha das novelas de hoje em dia?
Sempre tivemos a sorte e o talento de, com as novelas, ir sempre ao encontro do público, não perdê-lo de vista. Mas, de repente, chegou um momento em que as tramas estão muito compridas no ar, algumas um pouco complicadas e pretensiosas demais. É para ser uma coisa séria, mas leve, não pode ser pesada. Já temos o Jornal Nacional mostrando a realidade dura. A nossa novela sempre será boa, mas deve ser reduzida para 120 capítulos com, no máximo, 45 minutos por dia.

Como vê o caos político no país?
Hoje não se sabe bem de nada. As verdades que servem para um lado também servem para o outro. É uma massa de gente procurando seus próprios interesses e pouco interessada no bem-estar coletivo. Estou chocado, olhando para esse caos sem entender nada. Essa coisa de direita, esquerda, acho tudo besteira. Só o Saci consegue andar numa perna só. O país precisa andar é para a frente.

Fonte: Veja

Pato Fu estreia turnê no Rio no estilo dance music


Pato Fu abre sua nova turnê, Não Pare Pra Pensar, inovando um pouco os ares. Sim, a banda toca ao som de dance music. Uma boa vibe, né?É lá que o grupo mineiro apresenta a nova turnê, que ainda vai percorrer cidades como São Paulo e Porto Alegre, entre outras. 
“Ao mesmo tempo que é um disco dançante, ele é o mais rock desde Ruído Rosa, de 2001. Tem muitas guitarras e bateras tipo ‘pé na porta’, mas também é divertido”, resume John Ulhoa, responsável por guitarras, programações, teclados, violões e voz. 
Ele e a mulher, Fernanda Takai, vocalista da banda, fizeram todo o processo de mixagem do CD em casa mesmo. “E gravamos em horário de gente, digo, normal. Não emburacamos madrugada adentro. Gosto de gravar vocais pela manhã. E tem sempre um cafezinho e uns docinhos para a hora do break”, conta Fernanda. 
Ela entrega que se sente realizada com a nova “vibe” do grupo. “Acho que o disco tem uma mensagem bem positiva. Uma recarga de energia para a gente e para quem o escutar. Era importante vir agora um disco que fosse bem diferente do meu solo mais atual. E acho que conseguimos”, diz ela.

Fonte: Época

'Claudia Rodrigues já tentou suicídio', diz amiga da atriz


Claudia Rodrigues travou uma luta contra a esclerose múltipla, revelada em 2006. Afastada da TV, ela entrou em uma fase difícil de tratamento, finalmente se submetendo a um transplante de medula óssea há cerca de quatro meses. Em entrevista para a revista Ana Maria, ela e sua empresária, Adriane Bonato, deram mais detalhes sobre sua vida antes e depois do tratamento, que quase a fez cometer suicídio.
A amiga de longa data da atriz, Adriane comentou sobre uma das fases mais difíceis de Claudia: a depressão e a sua tentativa de tirar a própria vida.
"Um dos principais sintomas da doença é o cansaço extremo, ela ficava muito em casa e isso a fez entrar em depressão. Um dia ela foi até o parapeito do 20º andar de seu prédio e ficou na beirada olhando pra baixo, enquanto me ligava e me agradecia por tudo, se despedindo", comentou Adriane.
A amiga conta que continuou conversando com ela por telefone durante um bom tempo e inventou que precisava ir ao banco quando, na verdade, ela foi até o aeroporto para pegar o primeiro voo com destino ao Rio de Janeiro e encontrar a atriz.
"Pedi que ela continuasse falando com a minha sócia, eu só me tranquilizei quando a vi, depois com calma ela concordou em continuar com o tratamento", lembrou.
A empresária disse que Claudia topou em fazer o transplante sem que a sua mãe soubesse, para evitar qualquer crise emocional.
"Depois de passar por tudo, ela está muito melhor e empolgada com a volta ao trabalho. Atualmente, toma dez comprimidos para estabilizar seu sistema imunológico, mas sua recuperação tem impressionado os médicos, ela bateu todos os recordes", afirma a amiga.
Claudia Rodrigues ficou nacionalmente conhecida por suas personagens caricatas no humorístico Zorra Total, além de estrelar o seriado A Diarista, interpretando a icônica Marinete. Em 2006 ela revelou ao público que sofria de esclerose múltipla - uma doença que prejudica o funcionamento do sistema nervoso.
"Eu morri e renasci, mudei tudo. Sou outra pessoa, sou mais calma, coisa que não era antes. Hoje consigo ouvir as outras pessoas", revelou a atriz durante a entrevista.

Fonte: Portal A Tarde

Mulher diz que Rodrigo Faro não reconhece filha de 18 anos


O apresentador e ator Rodrigo Faro está com seu nome envolvido em polêmica desde o ano passado. Rodrigo desembarcou na cidade de Araranguá, em Santa Catarina, no fim de semana e foi bombardeado por Cíntia Gomes, a mulher que afirma ter uma filha com o galã. Em 2004, Cíntia entrou na justiça alegando que o apresentador era pai de sua filha, de seis anos - hoje com 18.
"É um absurdo, o cara vem na cidade onde mora a filha dele se fazer de bonzinho, ajudando os outros, mas a filha que é bom nada. PS: A vida um dia vai se arrepender, pois tem um Deus que não falha. Pessoal se fosse só por dinheiro ou fama, eu já tinha a tempo. Há 15 anos ele tentou calar meu silêncio [sic], mas eu não quis porque só quero que minha filha tenha um pai. Ai acho um absurdo ele vem na minha cidade e nem se quer vem ver a filha (sic)", disparou ela nas redes sociais.
Rodrigo foi procurado pelo "Ig" para comentar o caso e a assessoria de imprensa informou que o apresentador já chegou a fazer três exames de DNA, mas todos deram negativo. Sendo assim, o caso foi concluído em 2008. Mesmo após os resultados Cintia continuou alegando a paternidade do artista e chegou a divulgar uma foto com o documento que o obrigava a pagar uma pensão no valor de R$ 3,6 mil (quando ele se recusou a fazer o primeiro teste).

Fonte: Portal A Tarde

Monstro de 14 anos do sexo feminino mata e esquarteja cães no Piauí


Um crime grave de maus-tratos está chocando a todos na cidade de Francisco Santos (355 km de Teresina) e municípios vizinhos. O delegado Rodrigo Morais disse que o inquérito que apura o caso já está concluído e foi enviado ao ministério público. "O caso está encerrado, está constatado que ela matou e mutilou dois filhotes de cachorro", declarou. O crime foi ainda registrado em vídeo, que possui imagens extremamente fortes.
Nas imagens, que são muito fortes e foram editadas pelo Cidadeverde.com, a adolescente já aparece com um dos filhotes com a cabeça separada do corpo. O outro cão está com o corpo intacto, mas já está está morto. O delegado informou que os cães foram mortos pela adolescente antes do início da gravação. Ao longo do vídeo, a garota esquarteja os dois animais usando uma faca. 
Ela fala no vídeo que gosta de "tratar" os cães calada, quando o homem que está filmando pede para ela descrever o que está fazendo. Ela então pede uma faca a outra pessoa próxima. Algumas pessoas riem ao fundo do vídeo. "No dia que eu tiver medo de polícia, eu não faço isso aqui", e bate o corpo do animal contra o chão. 
Além do crime bárbaro, outra situação também revolta a população: a pena branda para o crime. Segundo o delegado, a menina já tem histórico de agressividade, especialmente quando consome álcool e usa drogas, o que é comum, mas também lamenta o fato de a punição para pessoas que cometem maus-tratos é muito leve. 
"Quem é pego com arma de fogo, pode ficar preso por até quatro anos, mas quem comete um crime desses, sequer fica preso. Ninguém fica preso por crime ambiental. Tudo o que eu pude fazer quando ela chegou à delegacia foi encaminhá-la ao pai. Para nós, é um crime gravíssimo, mas a legislação considera uma conduta menos grave", explicou o delegado. 
Segundo ele, o caso chegou à delegacia após condução da adolescente à delegacia regional de Fronteiras (400 km de Teresina), pela Polícia Militar. O delegado disse ainda que o vídeo divulgado nas redes sociais - que mostra o crime - somentou chegou ao conhecimento da polícia após encerramento do inquérito. 

Legislação
A ação constitui violação do artigo 32 da Lei 9.605/1998, Lei de Crimes Ambientais, que descreve como crime "praticar ato de abuso, maus-tratos, ferir ou mutilar animais silvestres, domésticos ou domesticados, nativos ou exóticos". A pena é de detenção, de três meses a um ano, e multa. A pena é aumentada de um sexto a um terço, se ocorre morte do animal.
No caso da adolescente, que cumpre pena conforme estabelece o Estatuto da Criança e do Adolescente (ECA), a punição deve ocorrer por meio de medidas socioeducativas. Contudo, o Ministério Público já recebeu o caso e pode pedir pena de internação para a adolescente.
Ainda assim, é provável que a garota cumpra outro tipo de pena, por ser esse um crime considerado de menor potencial ofensivo, segundo a legislação.

Fonte: Cidade Verde

Procurando Dory' estreia nos EUA com recorde de US$ 136,2 milhões


O filme "Procurando Dory" entrou em cartaz no final de semana no mercado doméstico americano (que inclui Estados Unidos e Canadá) com US$ 132 milhões e estabeleceu um novo recorde para a estreia de um filme de animação.
A sequência de "Procurando Nemo" (2003) ganhou força devido a críticas positivas e pelo carinho remanescente do primeiro filme, premiado com o Oscar. O longa é um retorno da Pixar à boa forma após o estúdio de animação por trás de "Toy Story" (1995) e "Os Incríveis" (2004) sofrer seu primeiro fracasso de caixa no ano passado com "O bom dinossauro".
"É incrível quando você olha para a longevidade da marca, sua viabilidade, e o entusiasmo irrestrito que praticamente todo mundo tem pela Pixar", disse Paul Dergarabedian, analista de mídia sênior da comScore.
“Procurando Dory” é centrado em uma peixe azul com perda de memória de curto prazo e sua busca para se reunir com seus pais, há muito tempo perdidos.
Os resultados de seu fim de semana de estreia passaram as marcas de sucessos anteriores: US$ 121,6 milhões no lançamento de “Shrek terceiro” (2007), e fica como a segunda melhor estreia em meses de junho, atrás dos US$ 208,8 milhões de "Jurassic World: O mundo dos dinossauros” (2015).
Internacionalmente, “Procurando Dory” acrescentou outros US$ 50 milhões para a sua franquia de 29 mercados, incluindo Austrália, Argentina, Rússia e China, onde sua estreia de US$ 17,5 milhões se tornou o maior lançamento da Pixar de todos os tempos.


O sucesso de "Procurando Dory" vem com a Disney, controladora da Pixar, dominando a indústria do cinema, respondendo a três filmes de maior bilheteria em todo o mundo no ano com "Zootopia", "Mogli: O menino lobo" e "Capitão América: Guerra Civil".
Outra boa estreia do fim de semana nos EUA foi "Central de inteligência", que acumulou US$ 34,5 milhões. Dwayne Johnson e Kevin Hart são os protagonistas da comédia de ação que custou US$ 50 milhões.
"Central de inteligência" gira em torno de um ex-geek (Johnson) que retorna à sua reunião do ensino médio como um musculoso agente especial e pede ajuda a um ex-atleta (Hart) para uma missão perigosa.
O campeão de bilheteria da semana passada, "Invocação do mal 2" caiu para o terceiro lugar. A sequência de terror perdeu 62% desde a sua estreia, fazendo agora US$ 15,6 milhões. O filme arrecadou US$ 71,7 milhões em duas semanas de lançamento.


Fonte: Cidade Verde

Meryl Streep faz 67 anos

A atriz no final dos anos 70

A atriz Meryl Streep completa hoje 67 anos de vida.
Meryl Streep nasceu em Summit, do estado americano Nova Jérsei, em 22 de junho de 1949, e hoje é considerada uma das melhores atrizes de todos os tempos. Sua mãe se chamava Mary (1915-2001), uma comerciante de artes, e seu pai se chamava Harry William (1910-2003), um executivo em uma indústria farmacêutica.
Ela é casada com o escultor Dom Gummer desde setembro de 1978, tendo com ele quatro filhos: Henry Wolfe, nascido em 1979, a também atriz Mamie Gummer, nascida em 3 de agosto de 1983, Grace Gummer, nascida em 1986, que também seguiu a carreira a mãe, e Louisa Jacobson, nascida em 1991.

Grace, Louise e Mamie Gummer
Meryl não tem religião, mas acredita em Deus. "Eu sempre estive muito interessada na fé, porque me ajuda a entender todo o alívio trazido pela religião e sobre o qual elas são estruturadas."
Ela atua no cinema desde 1977, e de lá pra cá ganhou papéis como a escritora Mary Fisher no filme Ela é o Diabo (1989), a editora de revista Miranda Priestly em O Diabo Veste Prada (2005), a tia Josephine em Desventuras em Série (2004) e Sofia Zawistowski no tão falado A Escolha de Sofia (1982).

Ela é o Diabo: Meryl em cena com os atores Ed Begley Jr. e Roseanne Barr
Josephine de Desventuras em Série
A atriz em cena do filme 'A Dama de Ferro' (2011)
Ricki and the Flash: De Volta Pra Casa (2015)
Meryl Streep não atua apenas no cinema, mas também na televisão.
Ganhou três troféus do Oscar, oito do Globo de Ouro, dois do Emmy e um do Festival de Cannes. São os principais da atriz.
Meryl e Goldie Hawn seriam as atrizes que protagonizariam o clássico 'Thelma & Louise', e um dos motivos é que ambas tornaram-se amigas e se interessaram em fazer um filme juntas, escolhendo esse projeto. Porém, a Meryl engravidou, ficando impedida de fazer as filmagens, sendo ela e Goldie substituídas por Susan Sarandon e Geena Davis.
Meryl estava cotada para fazer o musical Evita, no papel de Eva Perón, porém, o diretor da peça estava na dúvida se a atriz teria capacidade para cantar, substituindo-a por Madonna, que lhe enviou uma carta expondo muitos motivos sobre o porque seria a melhor escolha para o papel.