quarta-feira, 5 de outubro de 2016

Dance Mania - "Grease", de DAB

Artista: Dab Feat. Sushy
Música: Grease
Ano: 2008
Gravadora que divulgou a música no Brasil: Building Records
Álbum: Na Balada 15 (Jovem Pan)

Ao Pé da Letra - "Aniversário Curto"

Ao Pé da Letra: "Yuri" quem?

ABSURDO - Justiça impede festival de música eletrônica sem autorização do Iphan


A Justiça Federal atendeu nesta quarta-feira (5) o pedido do Ministério Público Federal e concedeu liminar para impedir os organizadores do evento Ultra Rio Brasil de instalar e operar, na Quinta da Boa Vista, Zona Norte do Rio estruturas e equipamentos sem autorização dos órgãos e entidades necessárias, sobretudo do Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (Iphan), sob pena de multa diária. Nesta segunda-feira (3), a Prefeitura já havia embargado o evento por tempo indeterminado. Nesta quarta, foi a vez do Ibama.
A ação foi movida pelo MPF, que considera que, além de ameaçar o patrimônio histórico, a grande quantidade de pessoas e o alto volume e frequência do som podem afetar também os animais do Jardim Zoológico, que fica na região.
A festa, prevista para os dias 14 e 15 de outubro, não obteve autorização do Iphan, que avaliou que o evento terá impactos negativos sobre o Museu Nacional e a coleção de objetos arqueológicos que estão lá, com risco à própria estrutura arquitetônica do Museu e aos jardins do parque da Quinta da Boa Vista.
Até o momento, a organização do festival não foi intimada sobre nenhuma decisão liminar a favor do MPF. Se isso vier a acontecer, entraremos com as medidas recursais cabíveis.

Organização contesta Prefeitura
Após o embargo da Secretaria Municipal de Ordem Pública, que alegou que o festival não tinha "nenhuma" autorização para o evento, a organização afirma que a própria Seop já havia dado uma concessão em consulta prévia para a realização do evento.
O mesmo ocorreu com a Fundação Parques e Jardins, de acordo com a assessoria do Ultra, que garantiu ter recebido um "nada a opor" da entidade. Até esta segunda, já tinham sido vendidos, segundo representantes do Ultra, 46 mil ingressos para o festival. 
Do outro lado, a secretaria informou que, para a realização de um evento do porte do Ultra - com estimativa de receber 80 mil pessoas -, é preciso uma série de autorizações de diversos órgãos. Um deles é Instituto do Patrimônio Histórico Artístico Nacional (Iphan). O instituto, porém, se manifestou contrário à realização do empreendimento, marcado para ocorrer na Quinta da Boa Vista, em São Cristóvão, na Zona Norte do Rio.
Em nota, o Iphan justifica a decisão ao dizer que a Quinta é bem tombado pelo instituto desde 1938. Ressalta também que "o local, que abriga o prédio do Museu Nacional, é incompatível com a proposta do evento em questão, visto que as vibrações da música eletrônica e o número de pessoas previsto podem comprometer os valores que nos cabe conservar".Antes, o Iphan também informou que a organização do Ultra Brasil já havia solicitado realizar o festival no Aterro do Flamengo, local que também é tombado em nível federal.

Jorge Fernando é internado no Rio por causa de inflamação no pâncreas


EGO - O diretor de novelas Jorge Fernando está internado no Hospital Samaritano, localizado em Botafogo, na Zona Sul do Rio, devido a uma inflamação no pâncreas. De acordo com o boletim divulgado pelo centro médico, ele deu entrada na instituição nesta terça-feira, 4. Na ocasião, Jorge alegou que estava sentido dores abdominais.
O diretor de 56 anos, que trabalhou recentemente em "Êta Mundo Bom" e "Alto Astral", foi então avaliado e diagnosticado com inflamação no pâncreas. Ainda segundo o boletim, que foi divulgado nesta quarta-feira, 5, ele segue internado em observação e seu quadro de saúde é estável.

Veja o boletim divulgado pelo centro médico na íntegra:
"O Hospital Samaritano (Botafogo) informa que o ator e diretor Jorge Fernando deu entrada na instituição ontem (4/10), com queixa de dor abdominal. Após avaliação clínica e realização de exames, foi diagnosticada uma inflamação no pâncreas. O paciente permanece internado em observação, com quadro de saúde estável".

O Melhor das Pistas: "Shake That", de Scooter

"Shake That" é um remake da canção Shake Your Booty, de KC & Sunshine Band, de 1976.
Foi divulgada no Brasil sob o selo da Building Records.

Outubro Rosa chama a atenção para o diagnóstico precoce do câncer de mama


Ao longo das próximas 24 horas, você vai acordar, trabalhar exaustivamente, ter um pouco de lazer e dormir. Nesse mesmo intervalo, 156 brasileiras vão descobrir que têm câncer de mama. Esse tipo de tumor é o que mais afeta as mulheres - cerca de 22% dos novos tumores a cada ano são desse tipo, conforme o Instituto Nacional de Câncer (Inca). Para chamar a atenção ao diagnóstico precoce, a campanha Outubro Rosa, criada em 1990 nos Estados Unidos e agora popular no mundo todo, tenta conscientizar a população ao longo do mês.
Promovida no Brasil pelo Inca, a campanha deste ano tem o mote Vamos falar sobre isso?, com o objetivo de levantar discussões e fortalecer o diagnóstico. O rastreamento precoce, aliás, é essencial para reduzir a mortalidade. No entanto, os exames nem sempre estão ao alcance da população - no Brasil, o SUS só os recomenda para mulheres acima de 50 anos.
A decisão leva em conta a prevalência da doença, que costuma ser a partir da quinta década de vida. Contudo, um levantamento do A.C. Camargo Cancer Center com 4.527 pacientes, feito entre 2000 e 2010, mostrou que 4 em cada 10 mulheres com câncer de mama diagnosticados na instituição tinham menos de 50 anos e não descobririam o tumor se tivessem seguido a orientação do ministério. A Sociedade Brasileira de Mastologia, aliás, recomenda o exame a partir dos 40 anos.
"A gente vê o paciente perdido no sistema", diz Luciana Holtz, fundadora e presidente do Instituto Oncoguia, ONG que nasceu em 2009 para fornecer informações e apoio a pacientes com câncer. Ela explica que a maioria das pessoas não costuma conhecer direitos essenciais - como a garantia ao tratamento em no máximo 60 dias após o diagnóstico.
A desinformação e o baixo acesso a tecnologias são as principais causas de mortalidade. Só no Brasil, quase 14,5 mil pessoas morreram por câncer de mama em 2013, conforme o Inca. O índice estabilizou ou está diminuindo no Sul e Sudeste, mas segue aumentando em outras regiões, sobretudo no interior, diz Rafael Kaliks, oncologista do Hospital Albert Einstein. "Não é só curar, mas também cuidar do paciente e tratar a doença", defende.
A prevenção é comum a outros tipos de câncer: evitar obesidade, álcool e tabagismo, praticar atividade física e ter alimentação saudável. Mais especificamente, é recomendado amamentar e evitar a reposição hormonal após a menopausa. No caso do câncer de mama, tais cuidados são essenciais porque, ao contrário do que muita gente pensa, o fator genético não é fundamental para o aparecimento da doença. "Na imensa maioria dos casos, o câncer aparece porque houve uma mutação na célula, e não porque a pessoa tem uma predisposição a um gene anômalo", diz Kaliks.

Câncer metastático
O câncer de mama pode ser classificado em três fases: precoce, quando é apenas restrito à mama; localmente avançado, quando atinge mama e axila; ou metastático (avançado), quando se espalha para outras partes no corpo.
Cerca de 30% das mulheres desenvolvem esse nível mais grave, mesmo que a doença seja diagnosticada cedo, segundo um estudo publicado no periódico The Oncologist. É um recorte considerável.
A campanha Cada Minuto Conta, promovida pela Pfizer em parceria com a União Latino-Americana Contra o Câncer da Mulher, é uma das mobilizações que vai ocorrer neste mês em São Paulo capital. Uma das ações vai acontecer nas estações de metrô Sé (quarta-feira, 5), Luz (quinta-feira, 6) e Paraíso (sexta-feira, 7).
Transeuntes serão abordados com um iPad para questionar os conhecimentos sobre mitos e verdades acerca do assunto. Apesar de a palavra 'metástase' muitas vezes estar associada à morte, a relação não necessariamente é esta.
Aliás, a ciência avançou bastante e desenvolveu medicamentos que conseguem atuar diretamente nas células cancerígenas e oferecer uma maior expectativa de vida às pacientes. É o caso da aposentada Elfriede Galera, de 65 anos, moradora de São Paulo.
Em 2010, ela foi diagnosticada com câncer de mama metastático nos ossos e pulmão, cerca de dois anos após ter ido ao posto de saúde reclamar de assimetria na mama. "Na época, ouvi do médico que meu problema era ter ‘uma pia cheia de louça para lavar’", conta, ao descrever a falta de preparo do profissional ao lidar com o assunto.
Após realizar quimioterapias e uma mastectomia na mama esquerda em 2012, ela convive com a doença em nível avançado há sete anos. Ao conversar com a reportagem em um café no bairro Itaim Bibi, em São Paulo, ela reforça que não tem nenhum empecilho e desempenha normalmente suas atividades. Hoje, ela atua como 'embaixadora' do Instituto Oncoguia para divulgar que pacientes com câncer metástatico podem, sim, ter uma vida normal.
O marido é peça-chave na história: os dois construíram um veleiro, fizeram vaquinha virtual para arrecadar fundos e criaram a página Veleiro Augenblick, para documentar o processo que a ajuda a ter forças ("ter um objetivo faz muito bem"). Apesar de Elfriede ser bastante franca e direta, o assunto é espinhoso e nem todo mundo gosta de abordá-lo. "Sinto mais facilidade de falar sobre isso com criança do que com adulto", relata.
Ela não está sozinha. Um estudo mundial feito de 2005 a 2015 pela Pfizer Oncologia e pela Escola Europeia de Oncologia, divulgado nesta semana, descobriu que a maioria das pessoas no mundo não entende muito de câncer de mama metastático e nem gosta de falar sobre ele.
O Informe Global sobre Câncer de Mama Metastático - Relatório de Uma Década reúne quatro novas pesquisas realizadas em 34 países e analisou mais de 3 mil estudos publicados entre esses 10 anos para fazer um panorama da doença no mundo. Uma das análises é que cerca de metade da população da Índia e da Turquia acredita que os pacientes nem devem falar sobre a doença.
Esse não é o único resultado pouco animador. Primeiro, descobriu-se que em geral ninguém sabe direito como funciona o câncer de mama metastático e que ele não é sentença de morte. Segundo, a nível mundial não há bom acesso a cuidados paliativos, destinados a melhorar a qualidade de vida para quem está no último estágio da doença. Terceiro, médicos têm pouco sucesso em explicar as circunstâncias da enfermidade. "Muitos nem falam às pacientes que elas estão em estágio metastático", diz Rafael Kaliks, oncologista do Hospital Albert Einstein.
E, por último, os avanços da medicina para esse tipo de doença estão lentos em comparação a outros tipos de câncer avançado. Muito disso porque os governos não têm interesse em oferecer, na rede pública de saúde, medicamentos que são extremamente caros para pessoas que, infelizmente, não têm décadas de expectativa de vida.

Judicialização
Por mais que pareça cruel, essa relação é feita pelo governo. O chamado efeito custo-efetividade é levado em conta pelos Ministérios da Saúde de todos os países para responder a uma simples - e muito difícil - pergunta: vale a pena investir em um remédio caro para uma pessoa que não vai viver muito tempo?
Na perspectiva do Estado, fazer essa análise é necessário para alocar as limitadas receitas em políticas com maior alcance e resultado. Já para quem enfrenta um câncer em metástase, muitas vezes essa relação é uma sentença de morte, pois impede o acesso a um medicamento mais efetivo, por exemplo. Para sair dessa sinuca de bico, há quem embarque na judicialização da saúde - isto é, entrar com um processo na Justiça para obter um medicamento.
Essa tomada de decisão pode proporcionar esperança e sobrevida para uma pessoa que esteja em uma sinuca de bico. No entanto, para o Estado é péssima: ao perder o processo, o governo compra o medicamento de forma unitária, o que o torna muito mais caro do que se comprasse em lote grande. "Não tem certo ou errado, é uma questão cinzenta", diz Kaliks, do Albert Einstein.
Para quem tem câncer metastático e depende do SUS, outro problema é não ter acesso a tratamentos tão eficazes quanto os que estão disponíveis a quem está inscrito planos de saúde privados. Mas, no futuro, a expectativa é de que o câncer se torne tão controlável quanto uma hipertensão. Até lá, prevenção e diagnóstico são as chaves.

Fonte: Portal A Tarde

Paleontólogos apresentam maior dinossauro já encontrado no Brasil

O Museu de Ciências da Terra, no bairro da Urca, na cidade do Rio de Janeiro, apresentou nesta quarta-feira, 5, o maior dinossauro cujos restos foram encontrados no Brasil. O Titanossauro, batizado cientificamente como Austroposeidon magnificus, tinha cerca de 25 metros de comprimento, da ponta do focinho ao fim da cauda - maior que um ônibus articulado, como os que circulam nos corredores BRT.
Uma vértebra do pescoço do animal foi encontrada na cidade de Presidente Prudente, no interior de São Paulo, em 1953, mas só começou a ser estudado há três anos. Os motivos foram falta de verbas, e falta de profissionais especializados. Os pesquisadores também demoraram para dimensionar a importância da descoberta.
O Austroposeidon magnificus viveu no local há cerca de 70 milhões de anos atrás e era herbívoro. O Titanossauro tem como características pescoço e cauda longos e cabeça pequena. Ele se junta às 22 espécies de dinos já descobertas no País. Segundo o paleontólogo Alexander Kellner, um das pesquisadores que analisaram a ossada, a descoberta tem importância internacional.
"O Austroposeidon magnificus servirá para os estudos sobre a distribuição geográfica dos dinossauros, já que muitas espécies também gigantes foram encontradas na Argentina", disse.
Os estudos custaram cerca de R$ 10 mil e serão publicados na revista científica PLoS ONE. O conjunto ósseo foi analisado em um tomógrafo computadorizado. A ossada será exposta, a partir desta quinta-feira, 6, no Museu de Ciências da Terra, na Urca, zona sul do Rio.

Fonte: Portal A Tarde

Pílula do câncer é considerada segura em 1ª etapa de testes


A fosfoetanolamina sintética, mais conhecida como pílula do câncer, foi considerada uma droga segura na primeira etapa de testes realizados com humanos pelo Instituto do Câncer do Estado de São Paulo (Icesp). O levantamento sobre a avaliação de segurança foi apresentado nesta quarta-feira, 5, quando foi anunciado que a próxima fase de testes, que vai avaliar eficácia, terá início na próxima semana.
Segundo Paulo Hoff, diretor-geral do Icesp, na dose administrada de três cápsulas por dia, os dez pacientes não apresentaram efeitos colaterais graves, o que permite a continuidade do estudo com mais 20 pessoas em dez grupos de tumores estabelecidos para a pesquisa, entre eles de pulmão, mama, fígado e próstata.
No entanto, seis pacientes não vão continuar entre os participantes por terem apresentado evolução da doença - durante o estudo, os pacientes não estão recebendo outro tipo de tratamento. "Seis pacientes foram retirados do estudo, porque não estavam sendo beneficiados pelo produto. Tiveram progressão da doença. Isso mostra a complexidade do câncer. Mas o fato de esses pacientes não terem se beneficiado não quer dizer que não há efeitos. Não era objetivo dessa fase testar eficácia, mas mostrar que o produto não é tão milagroso como se imaginava", diz Hoff.
Essa primeira etapa durou dois meses. A estimativa é de que os resultados da segunda sejam apresentados em quatro a seis meses. Para passar para a terceira etapa, cada grupo deve ter ao menos três resultados positivos em relação à eficácia entre os 21 pacientes que serão estudados. A última fase pode ter até 1 mil pacientes.

Polêmica
A fosfoetanolamina começou a ser distribuída para pacientes com câncer antes de passar por testes em humanos e sem a liberação da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa). Ela foi desenvolvida pelo professor aposentado do Instituto de Química da Universidade de São Paulo (USP) Gilberto Chierice. Testes in vitro e com cobaias começaram a ser feitos pelo Ministério da Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações (MCTIC), mas a eficácia da substância ainda não foi comprovada.

Fonte: Portal A Tarde

Blota Filho volta à TV na novela 'Carinha de Anjo'


Blota Filho, o Haroldo de 'Caminho das Índias', assinou contrato com o SBT, de onde estava longe desde 2012 quando participou de Corações Feridos. O ator foi convidado para atuar na nova novela da emissora, Carinha de Anjo, que substituirá Cúmplices de Um Resgate em novembro deste ano.
Blota estreou na TV aos 37 anos na novela Fascinação, da mesma emissora, em 1998, e sua primeira aparição na Globo foi em 1999 quando integrou o elenco do seriado Sandy & Junior.

O Melhor das Pistas - "Saturday Night", de The Underdog Project, que se tornou um sucesso ao ser remixada


O grupo canadense The Underdog Project fez as pistas do mundo todo ferverem ao divulgarem seu trabalho, o single Saturday Night, que fez mais sucesso ainda ao ganhar o remix do DJ F.R.A.N.K. no ano de 2003. Essa versão está nos álbuns Summer Eletrohits, Na Balada 9, As 7 Melhores Collection, Vibe 97 Vol 2, Planet Pop Volume 4 e Playlist Ibiza 2012, sendo o primeiro distribuído pela Som Livre e os demais pela Building Records.



Os The Underdog já estiveram aqui no Brasil para se apresentarem no festival Planet Pop, ocorrido entre os anos de 2004 e 2006, tendo outra edição em 2009. Eles vieram em 2005 e foram a atração mais esperada pelo público. Assista um live da canção Saturday Night:


O grupo também é conhecido pelas canções 'Remember', 'Tonight' e 'Summer Jam', todas lançadas na década de 2000.

Angelina Jolie e os 6 filhos começam terapia, diz revista

Angelina Jolie e seus seis filhos começaram as sessões de terapia após o divórcio da atriz com o galã Brad Pitt, informou a revista "People" nesta quarta-feira.
Depois do término do casamento, uma fonte próxima à Angelina garantiu a ela está "forte por seus filhos", apesar de o fim do relacionamento ter sido "uma situação traumática".
"Ela fez o que sentiu que tinha que fazer para proteger as crianças", revelou outra fonte.
Por sua vez, amigos de Brad Pitt afirmam que o ator ficou "absolutamente devastado e desconsolado com o que aconteceu, como tudo foi erroneamente retratado e como esses acontecimentos ameaçaram colocara em perigo a capacidade da família de se curar e seguir adiante".
Na semana passada, os astros de Hollywood chegaram a um acordo temporário sobre a guarda dos seis filhos, enquanto aguardam a resolução definitiva do divórcio, segundo a revista "TMZ". Ambos aceitaram as condições apresentadas pelo Departamento de Infância e Serviços Familiares de Los Angeles através das quais a atriz obteve a custódia física das crianças e o ator terá o direito de visita-los.

Fonte: Terra

Andressa Urach volta para o ex-marido e marca casamento


EGO - Andressa Urach acaba de fechar com chave de ouro a sua história de transformação. A ex-modelo e apresentadora, que teve a vida pontuada por escândalos e polêmicas, voltou para o ex-marido, o gestor de segurança Tiago Costa. 
Ela foi casada com Tiago por sete anos e juntos tiveram o filho, Arthur, 11 anos. Há menos de um mês o casal reatou o relacionamento e já marcou a data do casamento civil: dia 31, mesmo dia em que se conheceram. "Eu o amo e vamos reconstruir nossa família, vou lutar por meu casamento todos os dias da minha vida. Meu filho está feliz em ter o pai de volta, hoje somos uma família completa!", vibrou Andressa, que está em Porto Alegre, hospedada na casa dos sogros.
Assim que iniciou o seu processo de conversão, Urach procurou o ex para lhe pedir perdão. Desde então passaram a se falar com mais frequência. Mas foi no aniversário de Arthur, em maio, que eles começaram a se entender melhor. "Naquele dia se completava dois anos da minha conversão. Ele terminou um relacionamento para voltar para mim. Sinto muito pela moça, mas somos uma família que foi restaurada."
Por causa da vida midiática e repleta de escândalos que Andressa mantinha no passado, Tiago preferia se manter discreto. O casal começou a se relacionar quando ainda eram adolescentes. Na época a apresentadora tinha 15 anos. Hoje ele está com 30 e Urach fará 29 no dia 11. "Voltar para ele é o meu presente de aniversário. Estou muito feliz! Tão feliz que tenho vontade de chorar!", diz ela.
O casal que mora em cidades diferentes, ele em Porto Alegre e Andressa em São Paulo, ainda não sabe como fará para administrar a distância. Mas certamente eles darão um jeito. "Ainda não decidimos como e onde vamos morar. Amo meus sogros! Por mim, moramos com eles, devo voltar para São Paulo para gravar minhas matérias. Temos a certeza que dessa vez vai dar certo! Arthur sempre pediu para a gente voltar. Ele é outra criança!".
Além do casamento no civil marcado para o final do mês, a noiva preparará uma festa para celebrar a união. "Quero que dê tempo de eu escolher o vestido com calma. Hoje a festa é o que menos importa. O que importa é o fato de estarmos juntos de novo."
Empolgada com a reconciliação, Andressa fez um post em seu Instagram nesta quarta-feira, 5, falando sobre o relacionamento com Tiago. "O Perdão reconstruiu nossa família. A Felicidade do meu filho é a minha Felicidade", escreveu a moça na legenda da foto ao lado do pai de seu filho.



Antes, e agora

Compositor de 'Thriller' morre aos 66 anos

Rod e sua esposa, Kathy
Rod Temperton, músico britânico que compôs a canção 'Thriller', sucesso na voz de Michael Jackson, morreu aos 66 anos após perder a luta contra um câncer. O compositor, segundo a agência de notícias Associated Press, morreu na semana passada, porém, a notícia repercutiu só agora.
Além de "Thriller", o compositor criou "Off the wall", "Rock with you" e outros sucessos de Michael. Temperton também teve canções gravadas por Aretha Franklin, Herbie Hancock e Anita Baker.
Jon Platt, presidente da Warner Music, disse à Associated Press que a família do músico está "devastada" e planejando um funeral privado.
Temperton começou a carreira no grupo de pop-disco Heatwave e é lembrado ainda pelo trabalho em parceria com o produtor Quincy Jones. Segundo Platt, muitos se referiam a ele como "o homem invisível", por causa de sua importância por trás dos holofotes.

Fonte: G1

Segurança de Kim Kardashian pode custar US$ 100 000 por dia


Após o assalto que Kim Kardashian sofreu em Paris, onde foi amarrada e presa no banheiro de um quarto de hotel, a socialite e seu marido, Kanye West, estão cada vez mais preocupados com a sua segurança. O site americano E!Online analisou a equipe do casal e fez um levantamento que indica que a dupla pode gastar até 100.000 dólares (o equivalente a mais de 320.000 reais) por dia com a sua segurança.
O site consultou especialistas que disseram que cada membro da equipe pode cobrar de 70 a 80 dólares por hora, e que esse valor subiria, caso fosse necessário que eles viajassem com os patrões. Se houver necessidade de andar armado, um segurança pode receber até 125 dólares por hora. Depois que Kim Kardashian deixou a França e encontrou o marido em Nova York, o E!Online contou 30 seguranças ao redor da residência do casal, o que contabilizaria um custo de 100.000 dólares por um período de 24 horas.
Este valor pode subir ainda mais, pois o casal não está disposto a economizar na sua segurança depois dos momentos de desespero pelos quais a socialite passou, no início desta semana. “As celebridades são cobradas mais do que, digamos, um executivo milionário comum. É um cliente rico e uma figura pública. Kim é uma figura muito, muito pública. Além disso, o nível de ameaça agora aumentou. Eu diria que ela paga cerca de 150 dólares por hora por cada guarda”, declarou uma fonte ao E!Online.
Na madrugada da última segunda-feira, cinco homens vestidos como policiais invadiram o quarto da socialite, amarraram-na no banheiro e levaram joiasavaliadas em 11 milhões de dólares (cerca de 35 milhões de reais). A polícia francesa está investigando o caso e suspeita que os ladrões possam ter recebido uma ajuda da própria equipe de segurança de Kim.

Fonte: Veja

O Melhor das Pistas: "Party All The Time", de Sharam


Ano: 2006
Álbuns no Brasil: Vibe 97 - Vol 8; Clubbers Guide Brazil; Pista Máxima 2007
Gravadora: Building Records
Sharam é um DJ iraniano conhecido por fazer parte do projeto Deep Dish, ao lado de Ali 'Dubfire', lançando sucessos como 'Flashdance', 'Say Hello' e 'Dreams', fazendo também um remix da clássica 'Make The World Go Round', de Sandy B.

Rodrigo Faro compra barco de R$ 6 milhões e decoração custa R$ 300 mil


Em breve os mares de Angra dos Reis, na Costa Verde do Rio, terão Rodrigo Faro navegando por suas águas com um barco superpoderoso que custou R$ 6 milhões. A nova lancha do apresentador e ator tem 64 pés, o equivalente a 200 metros quadrados.
O 'brinquedinho' de Rodrigo também tem quatro quartos que foram todos redecorados a pedido do dono. Faro contratou a arquiteta Simone Gaviolli para personalizar os dormitórios para as suas três filhas, Clara, Maria e Helena, do casamento dele com Vera Viel. O preço no novo decor? R$ 300 mil.
A decoradora forrou os estofados com tecidos alemães repelentes ao calor e resistentes à água. A iluminação foi toda projetada em led e as portas forradas com couro. A lancha de Rodrigo Faro também traz duas cozinhas: uma para refeições durante o dia e outra para a noite.
O barco, um Cimitarra 640 Fly, foi projetado na Itália e feito pelo estaleiro que dá nome à embarcação. Ele foi batizado de Clamarhe - o começo do nome das filhas Clara, Maria e Helena.
O motor da marca alemã Volvo, segundo o fabricante, é o mais moderno que existe no mercado. Seu comando, D8-IPS tem uma tecnologia ultra moderna que permite manobras rápidas, facilitando estacionar a lancha em vagas pequenas. De acordo com o diretor comercial da Cimitarra, Marçal Martins, esse é o único modelo disponível no país atualmente. "Foi feito sob encomenda para o Rodrigo", disse Marçal.


Fonte: EGO

Ator que fez Cabeção recorda saída de "Malhação": "Estava perdendo a graça"

Sérgio Hondjakoff em Malhação
O canal pago Viva relançou na última semana a temporada de 2005 de "Malhação", marcada pela despedida de Cabeção, que ficou durante seis anos e é o personagem mais duradouro da novela teen da Globo. Também é o papel mais conhecido de Sérgio Hondjakoff, que até hoje ainda lembra com detalhes a emoção de dar adeus ao trabalho que lhe deu fama.
"Esperava uma cena com muita gente e que tivesse emoção. No Gigabyte [lanchonete de 'Malhação'] nem lembro se consegui ficar emocionado porque estava nervoso para lembrar o texto. Outra cena simbólica foi quando o Cabeção descobriu o dom de palhaço no circo", recorda o ator ao UOL.
Ex-ator mirim (trabalhou com Chico Anysio e Angélica), Hondjakoff entrou em "Malhação" em 2000. Após seis temporadas, foi ele quem pediu para sair da trama. "Achava que estava perdendo a graça", diz o ator, que na época se preocupou com o futuro do personagem bem-humorado com a troca de dramaturgos da novela.
"Decidi sair de 'Malhação' no final do ano [2005] pela peça 'Jovem Estudante Procura' e porque João Brandão e outros autores saíram. Ele escrevia as cenas mais engraçadas do Cabeção, já estava acostumado, tinha aquela manha. As cenas poderiam não ficar tão engraçadas", relembra.
Depois que anunciou à direção da novela que deixaria "Malhação", uma despedida foi organizada para homenagear Cabeção. Na época, ele se apaixonou por uma trapezista, descobriu seu talento como palhaço e viajou com o circo dela.

Sérgio em 2005
Sérgio, que até hoje é chamado de Cabeção, também quis deixar a novela porque não gostava de ser ator de apenas um personagem. "Na época eu achava ruim, em 2006 eu queria tentar mudar, ir para outra vertente, tentar ficar mais galã, só que nunca fiz um personagem com tanto humor como o Cabeção", lamenta.
Após "Malhação", Hondjakoff fez duas novelas ("Pé na Jaca" na Globo e "Bela, a Feia", na Record) e duas séries ("Toma Lá Dá Cá" e "Casos e Acasos", ambas da Globo). Participou do "Vídeo Show" e do "Pânico na Band" e até se arriscou cantando funk, porém nunca retomou o sucesso de "Malhação".
Hoje, aos 32 anos, Sérgio está no elenco de um curta-metragem e planeja retornar aos palcos: "Sinto saudade de fazer teatro. Tenho sonho de fazer uma peça infantil em breve. Muita gente que via 'Malhação' na minha época hoje tem filho pequeno".

José Loreto em dose dupla e Fernanda Vasconcellos
Apesar da despedida de Cabeção, a temporada de 2005 de "Malhação" lançou novos atores. Fernanda Vasconcellos, atualmente em "Haja Coração", e Thiago Rodrigues fizeram o par romântico Betina e Bernardo, e Joana Balaguer deu vida à vilã Jaque.
José Loreto, que hoje atua em "Haja Coração", interpretou dois personagens em sua primeira novela na Globo: Marcão, jovem gente boa do bordão "Eu acho, na minha opinião", e seu "sósia" Paulão.
"Malhação 2005" também foi a última em que "Te Levar", música do Charlie Brown Jr., embalou a abertura do início ao fim da temporada. Em 2006, foi trocada por outra canção da banda, "Lutar pelo que é Meu".

Fonte: UOL

Professores e sindicatos criticam MP do Ensino Médio em audiência pública

Brasiília - A Medida Provisória (MP) do Novo Ensino Médio sofreu resistência na primeira audiência pública na Comissão de Educação na Câmara dos Deputados. Entidades da sociedade civil presentes pediram a rejeição da MP, tanto pela falta de discussão quanto pelo conteúdo.
Entre os pontos mais polêmicos estão a falta de formação de professores para se adequar à nova estrutura e a incapcidade das redes de ensino, sem recursos adicionais, oferecerem várias opções a seus estudantes, o que poderá restringir a formação a algumas opções técnicas. Além da possível retirada da obrigatoriedade das disciplinas de artes, sociologia, filosofia e educação física.
Apresentada pelo presidente Michel Temer no último dia 22, a MP do ensino médio flexibiliza os currículos e amplia progressivamente a jornada escolar. A reformulação da etapa já estava em discussão na Casa, no Projeto de Lei 6480/2013, e agora volta em formato de MP, com o prazo de 120 dias para ser votada.


A previsão é que a comissão mista que ficará encarregada de emitir parecer sobre a medida seja criada amanhã. Ao todo, a MP recebeu 568 emendas, que foram consolidadas em 566.
Presentes na audiência, professores e sindicalistas interromperam diversas vezes os discursos de representantes do Ministério da Educação e dos secretários estaduais de educação. "É mentira", "Professores não foram ouvidos", "Não há nenhum professor ou estudante na mesa" foram alguns dos gritos. As interrupções foram pontuais e não impediram o prosseguimento da audiência.
"Estamos perplexos ao receber uma MP para tratar desse tema. E a perplexidade é tanto quanto ao método de apresentação quanto no conteúdo, por isso as pessoas lá atrás estão muito inquietas", diz a secretária-geral da Confederação Nacional dos Trabalhadores em Educação (CNTE), Marta Vanelli. A CNTE foi uma das entidades que pediu a rejeição da MP.
Também contrário à MP, o coordenador-geral da Campanha Nacional pelo Direito à Educação, Daniel Cara, apresentou dados de pesquisas de opinião dos estudantes que apontam que os alunos querem no ensino médio justamente os conteúdos que a MP retira, como artes e educação física. Cara ressaltou ainda que a MP não prevê recursos sufientes para a ampliação da jornada.
"Em meio à crise econômica e arrecadatória, isso acaba sendo um problema que cria expectativa que não pode cumprir. A MP altera a lei do Fundeb [Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação], concentrando recursos para estados e redes estaduais, prejudicando o ensino infantil e fundamental, o orçamento dos municípios", acrescenta.
O deputado Danilo Cabral (PSB-PE) chegou a citar a proposta de emenda à Constituição (PEC 241/16), que limita o crescimento do gasto público à inflação. "A MP [do ensino médio] diz que a União vai transferir recursos para estados em até quatro anos. Até quatro anos é o que? Pode ser um? E depois? A PEC 241 vai colocar uma trava. Como conciliar colocar um teto de gasto e o Plano Nacional de Educação?", diz.

Novo Ensino Médio
De acordo com a medida provisória, cerca de 1,2 mil horas, metade do tempo total do ensino médio, serão destinadas ao conteúdo obrigatório definido pela Base Nacional. No restante da formação, os alunos poderão escolher entre cinco trajetórias: linguagens, matemática, ciências da natureza, ciências humanas - modelo usado também na divisão das provas do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) - e formação técnica e profissional.
A medida também amplia gradualmente a carga horária do ensino médio para 7h por dia ou 1,4 mil horas por ano.

Urgência
A secretária-executiva do MEC, Maria Helena Guimarães, defendeu a urgência de uma reforma como justificativa para a edição de uma MP e ressaltou que a questão é discutida há anos. "A ideia de MP foi no sentido de coroar o processo de debate intenso que há muito se arrasta no Brasil". Ela destacou também a importância de aprimorar a MP com o debate no Congresso.
Maria Helena diz que as disciplinas não foram excluídas e sim que a MP transferiu para a Base Nacional Comum Curricular - que está atualmente em discussão - o que deverá ser ensinado nas escolas. De acordo com o MEC, não há sinalização que os conteúdos deixarão de fazer parte do ensino médio ou que serão retirados da Base, que definirá também as diretrizes da formação dos professores.
Mais cedo, em coletiva de imprensa, Maria Helena ressaltou que a MP só será colocada em prática a partir de 2018, que isso só ocorrerá após a aprovação da Base.

Fonte: Jornal O Dia

Volkswagen lança Beetle pink


Quem foi criança nos começo dos anos 2000 certamente se lembra do Beetle pink da Barbie, sonho de consumo de muitas meninas. Agora, mais de 15 anos depois, uma versão em tamanho real foi anunciada pela Volkswagen. Batizado de #PinkBeetle (com hashtag mesmo), o modelo é uma edição limitada, que será vendida apenas nos Estados Unidos e chega às lojas do país em 2017. Valores ainda não foram divulgados.veja também
Com versões cupê e conversível, o carro é automático, com seis marchas, e conta com faróis bi-xenon com leds para uso diurno, central multimídia compatível com Apple CarPlay e Android Auto e motor com potência de 172 cavalos e torque máximo de 25,4 kgfm. O interior do carro é em rosa e em preto brilhante, enquanto as saias laterais e os retrovisores são pintados de preto. A cor oficial, segundo a marca, é Fresh Fuchsia Metallic.
Para divulgar o lançamento, a Volkswagen criou a campanha “Live a little brighter” (“Viva um pouco mais iluminado”, em português).

Fonte: Gazeta do Povo

Ibope: governo Temer é reprovado por 39% dos brasileiros; 68% não confiam

Pesquisa da Confederação Nacional da Indústria (CNI) encomendada ao Ibope sobre avaliação do governo do presidente Michel Temer, divulgada nesta terça-feira (4), mostra:
- 39% dos brasileiros entrevistados o acham ruim ou péssimo
- 34%, regular
- 14%, bom ou ótimo
- 12% - não sabem ou não responderam. 

Os números seguem estáveis desde a última pesquisa CNI/Ibope, de junho, quando o governo ainda era interino: 
- 39% consideraram ruim ou péssimo
-36%, regular
-13%, ótimo ou bom
- 13% não sabiam ou não responderam.


Entre os entrevistados da pesquisa divulgada nesta terça-feira, 28% aprovam a maneira do presidente Temer governar e 55% desaprovam. Na pesquisa anterior esses percentuais foram de 31% e 53%, respectivamente. 

Confiança
- 26% confiam no presidente Temer
- 68% não confiam no presidente Temer 

Na pesquisa anterior, 27% declararam confiar no presidente Temer e 66% não.

Comparação com governo Dilma
A pesquisa também pediu aos entrevistados que comparassem as gestões de Temer e Dilma na Presidência .
- 24% consideram o governo Temer melhor
- 38% consideraram igual
- 31% consideraram pior
- 7% não souberam ou não responderam.

Sobre as perspectivas em relação ao "restante do governo", 24% responderam "ótimo/bom"; 30%, "regular"; 38%, "ruim/péssimo"; e 8% não souberam ou não responderam.
A pesquisa foi feita entre os dias 20 e 25 de setembro com 2.002 pessoas em 143 municípios. A margem de erro é de dois pontos percentuais para mais ou para menos.

Fonte: Jornal do Brasil

Bárbara Paz revela que visitou médium João de Deus para superar a perda de Hector Babenco


Desde a morte de Hector Babenco, em julho, Bárbara Paz, que tinha uma relação com o cineasta desde 2007, tem vivido momentos difíceis. No Encontro Com Fátima Bernardes desta terça-feira ela falou sobre o assunto:
– O luto demora muito e ainda não passou. Estava muito fraca dentro de mim e não conseguia dormir. Precisava de ajuda para fazer a minha peça tranquila e saber que a vida segue, que não acaba.
A atriz revelou que, para ajudar neste processo, visitou um médium.
– Estou em cartaz com a minha peça em Brasília, peguei o carro e fui sozinha até Abadiânia (no interior de Goiás). Falei que queria conhecer o João de Deus. Depois que eu saí de lá, dormi 11 horas seguidas e me aliviou – contou a atriz, que completou:
– Não sei o que ele fez. Talvez tenha me dado um passe. Eu estava me destruindo um pouco. Agora, tenho um novo pai, o João de Deus,

Fonte: Zero Hora

Gol começa a oferecer conexão de internet a bordo no Brasil


A empresa Gol Linhas Aéreas realizou nesta terça-feira seu primeiro voo no Brasil com serviço de internet sem fio (wi-fi) a bordo. O primeiro voo comercial com a conexão foi realizado entre os municípios de São Paulo e Brasília na manhã desta terça.A disponibilização do serviço foi anunciada pelo presidente da companhia, Paulo Kakinoff, em pleno voo e transmitido ao vivo pela página da GOL no Facebook.
— Nessa primeira fase, será possível acessar todas as redes sociais, e-mail, sites diversos e WhatsApp. A partir de 20 de outubro a plataforma será expandida com a inclusão de entretenimento e programação por streaming, com filmes, desenhos, séries e mapa de voo. Em breve, ofereceremos também TV ao vivo e com isso a GOL oferecerá a mais completa ferramenta de entretenimento a bordo da América do Sul e Caribe — destacou Kakinoff.
Uma segunda aeronave da empresa também vai disponibilizar o serviço na quinta-feira. A previsão da Gol é que toda a frota da companhia estará equipada com a tecnologia até outubro de 2018. Por seis meses, o serviço será gratuito. Após este período, os preços dos pacotes serão anunciados posteriormente. A iniciativa está sendo feita em parceria com a empresa de conectividade via satélite Gogo.

Concorrência
Em 21 de setembro, a Avianca anunciou ser a primeira empresa aérea a ter serviço de wi-fi a bordo. O serviço é oferecido em uma aeronave que faz o trajeto entre as cidades do Rio de Janeiro, Salvador e Recife. Segundo um comunicado divulgado à imprensa, "a empresa obteve em junho aprovação da Agência Nacional de Aviação Civil (ANAC) para instalação dos equipamentos necessários e, em 19 de setembro, recebeu a autorização para utilizar a conexão via satélite".
A Avianca diz que espera conseguir equipar toda a frota até dezembro de 2017. O serviço de conectividade será gratuito durante os três primeiros.

*Zero Hora

Dance Mania: "Killer", de Twisted Society


É um remake da canção homônima do músico Adamski, de 1990. Ganhou uma versão do cantor George Michael, e as de Seal (um dos compositores da canção), do DJ ATB, e do trio Twisted Society, no ano de 2007.
Álbuns no Brasil: Planeta DJ 2007, Planeta DJ 2008, Adrenalina - Remixes 2008, Clubbers Guide Brazil e Vibe 97 - Vol 8, todos da gravadora Building Records.

Toni Braxton é hospitalizada em estado grave, diz site


A cantora Toni Braxton foi hospitalizada em estado grave, segundo o site TMZ. Ela estava internada em um hospital em Atlanta, no estado americano de Georgia, mas foi transferida para um hospital em Los Angeles.
Segundo a página de celebridades, a internação está relacionada ao lúpus, doença que a cantora afirmou ter desde 2000. Um representante da cantora afirmou que ela está internada para tratamento e está melhorando.
O lúpus eritematoso sistêmico (LES), também conhecido apenas por lúpus, é uma doença inflamatória autoimune que pode se manifestar em diversos órgãos de forma lenta ou de forma agressiva.
Toni Braxton, de 48 anos, é uma cantora americana de R&B que gravou hits românticos como "Un-break my heart". Ela vendeu mais de 40 milhões de discos durante sua carreira. Com suas quatro irmãs, ela formou o grupo The Braxtons, entre 1989 e 1997, sem o mesmo sucesso da carreira solo.

Fonte: G1

Lembra dela? 'Aline X-9', do BBB 5, trabalha como carteira; veja como ela está


Correio da Bahia - Responsável pela maior rejeição da história do 'BBB', Aline Silva mudou de vida completamente. A ex-sister, que ficou conhecida como 'Aline X-9' e foi eliminada com 95% dos votos em um paredão contra Grazi Massafera, deixou o Rio de Janeiro e foi morar em São Paulo justamente por conta da exposição que teve no programa.
De acordo com o 'Ego', ela chegou a ter a casa pichada em protesto e, por conta disso, vive há alguns anos em São Paulo, onde trabalha como carteira, após passar em um concurso dos Correios. Aline Silva também se tornou mãe e, em fotos das redes sociais, ela surge bem diferente da época do reality.


Aos 50 anos, ator Ben Stiller revela luta contra câncer na próstata


O ator Ben Stiller revelou nesta terça-feira (4) que ele foi diagnosticado com câncer de próstata.
Conhecido por seu trabalho em filmes como "Zoolander" e "Quem Vai Ficar com Mary?", o comediante disse que recebeu a notícia há dois anos, após exames anuais.
Durante a participação no programa de rádio americano "The Howard Stern", onde as pautas são sempre humorísticas, ele fez um apelo quanto aos exames preventivos.
"Se eu não tivesse feito o teste, que meu médico começou a me pedir aos 46 anos, eu realmente não sei...", disse o ator de 50 anos. "Eu queria falar sobre isso por causa do teste, porque eu sinto que isso salvou minha vida."
O ator se refere ao teste do antígeno prostático específico (PSA), feito conferir os níveis de PSA (uma proteína específica encontrada na próstata), caso anormalidades surjam.
O ator afirmou que faz dois anos que está curado, mas que ainda continua fazendo os testes a cada seis meses. "A controvérsia sobre o teste é que uma vez que você começar o tratamento para o câncer de próstata, as coisas podem acontecer: incontinência, impotência", disse ele. "É o segundo câncer mais mortal, mas é também um dos cânceres com mais chance de cura, se for detectado precocemente."
Stiller conta que retirou o câncer através de uma cirurgia, feita com o médico de Robert De Niro, que havia passado pelo mesmo problema em 2003. Ele ainda abriu o jogo sobre como a notícia o afetou psicologicamente. "Criava o filme inteiro na minha cabeça, imaginando o funeral", relembrou. Agora, fez questão de ressaltar, "estou 100%".

Fonte: UOL

Culpado arrepia o país: MPF revela detalhes da indenização histórica de Domingos Montagner


O culpado principal pela morte de Domingos Montagner parece já ter sido há muito detectado, a prefeitura local, por não ter a sinalização necessária para evitar tragédias, mas agora o Ministério Público Federal quer uma indemnização histórica. Tal como informa o site “Diário do Sertão”, o MPF enviou um documento oficial à Prefeitura de Canindé do São Francisco em que pede uma indenização pelos danos coletivos do afogamento de Domingos, sugerindo que fosse criado na região um teatro e uma escola de circo, em homenagem ao do ator.
A morte de Domingos Montagner, que era protagonista em uma das novelas mais vistas no país, chocou o Brasil e levantou muitas dúvidas sobre quais teriam sido as principais razões para que o ator tenha decidido mergulhar em uma zona altamente perigosa. Rapidamente a resposta surgiu, depois da respectiva investigação por parte das autoridades competentes: a Prefeitura, após ter realizado obras no local, não teve o cuidado de colocar a sinalização adequada no rio, bem como de contratar novos salva-vidas para evitar tragédias eminentes.
Depois dessa conclusão, e da Globo ter garantido que iria indenizar a família da vítima como estava escrito no contrato assinado, o Ministério Público Federal também pediu para que a Prefeitura local tome uma posição definitiva para indenizar os danos coletivos. Como informa o site do “Diário do Sertão”, baseado no que foi a carreira recheada de Domingos Montagner, onde além da televisão também investia muito do seu talento no teatro, o MFP pretende que sejam criadas formas dos jovens brasileiros poderem se formar nas artes performativas e do público local ter a oportunidade de assistir a peças com a construção de um novo teatro.
Nas redes sociais, muitos brasileiros já pediram que os responsáveis por não terem colocado a sinalização adequada no local fossem responsabilizados, concordando que algo deverá ser feito em honra à memória e ao trabalho do talentoso ator brasileiro de 54 anos. A família, que tenta ao máximo aguentar a dor que essa enorme tragédia provocou, ainda não se pronunciou acerca dos valores que poderá receber de indenização.

Fonte: Blasting News

Dois fatores contribuíram para baixa audiência da estreia de “A Lei do Amor”


Dois fatores contribuíram para a baixa audiência da estreia da nova novela das nove da Globo, “A Lei do Amor”: números da antecessora e horário.
O primeiro capítulo do folhetim de Maria Adelaide Amaral e Vincent Villari saiu prejudicado por motivos de: 1) a novela começou às 21h09, mais cedo que suas antecessoras – e que o habitual (quanto mais tarde na faixa das 21h, mais audiência. 2) “Velho Chico” não conquistou grandes índices na reta final, chegando no máxima na meta do horário, nos 35 pontos.
“A Regra do Jogo”, por exemplo, recebeu em baixa de “Babilônia”, mas foi ao ar das 21h47 às 23h07 em sua estreia, e ainda fechou com média de apenas 31.5 pontos. Nos últimos capítulos, a trama de João Emanuel Carneiro empolgou e passou a chegar perto dos 40 pontos, consequentemente entregando em melhores condições para “Velho Chico”, que teve seu capítulo inicial veiculado das 21h16 às 22h21: marcou média de 35.4 pontos.
Um dado que retrata isso é, que, “A Lei do Amor” derrubou a audiência na mesma proporção que suas antecessoras. Só teve azar de derrubar um número que já estava baixo (“Velho Chico” teve a segunda pior audiência de último capítulo do horário).
Fato é que “A Lei do Amor” tem uma boa história tradicional que promete prender o público e, claro, fazer subir o índice registrado na estreia.

Fonte: TV Foco

“A Lei do Amor” tem pior audiência de estreia da faixa das nove


Nova novela das nove da Globo, “A Lei do Amor” estreou com baixos índices de audiência, nesta segunda-feira (03) – se comparada com suas antecessoras.
Exibida das 21h09 às 22h20, a estreia da trama escrita por Maria Adelaide Amaral e Vincent Villari alcançou 30.6 pontos de média, registrando a pior audiência de primeiro capítulo da história do horário das nove da Globo, segundo dados consolidados da Grande São Paulo.
Até então, o pior desempenho em estreia havia sido de “A Regra do Jogo”, que marcou 31.5 pontos de média, em 31 de agosto de 2015. Sua antecessora, “Velho Chico”, estreou com média de 35.4 pontos, em 14 de março deste ano.

Fonte: TV Foco