sexta-feira, 3 de fevereiro de 2017

Globo veta ao vivo e troca Gloria Pires por Miguel Falabella para comentar Oscar

A transmissão da cerimônia do Oscar 2017 terá uma nova cara entre os seus comentaristas: Miguel Falabella. A Globo elegeu o ator, autor e apresentador como substituto de Gloria Pires, atriz que virou meme na internet em 2016 por não opinar sobre os filmes, para assumir a cobertura do megaevento. A premiação acontece no dia 26 de fevereiro em Los Angeles, nos Estados Unidos, e já conta com a torcida de atores como Cauã Reymond.
Mas, desta vez, nada de ao vivo. Miguel vai comentar cada categoria da noite de premiação ao lado de Maria Beltrão e Artur Xexéo, apresentadores fixos e já conhecidos pelos cinéfilos, mas o programa só irá ao ar no dia seguinte, 27. A intenção, além de não atrapalhar a transmissão do Carnaval, é evitar erros e possíveis gafes, que caso ocorram, poderão ser editadas pela produção da emissora.
Miguel Falabella, aliás, é um grande adepto ao cinema e tem propriedade no assunto. O ator, que levantou polêmica ao desabafar sobre o uso de celulares no teatro, já estrelou filmes como "Redentor" (2004), "Garrincha" (2003), "Cleópatra" (2007) e "O Beijo da Mulher-Aranha" (1985), que chegou a ser indicado ao próprio Oscar na época. O dramaturgo também assumiu a direção de "Polaroides Urbanas", além de ter dublado e escrito roteiros para outros longas.

'HATERS SEM EDUCAÇÃO', DISPARA GLORIA
Ao relembrar sua polêmica participação no Oscar 2016, um ano depois, Gloria Pires criticou a atitude dos internautas: "Fiquei impressionada com as reações nas redes sociais. Mas não me senti ofendida, pois acho que esses haters são pessoas sem educação, que não sabem se expressar, não sabem fazer uma contestação civilizada. Não é correto vomitar em alguém seus ressentimentos da forma que fizeram".
(Por Bianca Venturotti)

Fonte: Purepeople