quinta-feira, 18 de maio de 2017

Letícia Sabatella vai para a Justiça com seus agressores em protesto no Sul

Letícia Sabatella abriu um processo por danos morais, na 26ª Vara Cível do Rio, contra os paranaenses Gustavo Pereira Abagge, Marli Terezinha Rossi e Eder Fabiano Borges Adão, acusados de xingá-la de "puta" e de jogar tinta em seu rosto numa manifestação ocorrida em Curitiba, em junho de 2016.
De acordo a ação, eles "arremessaram contra Sabatella tinta que atingiu seu rosto, cabelo e roupas; além de lhe empurrarem em flagrante constrangimento físico”.
O processo está na fase de intimação eletrônica dos réus.

Fonte: Jornal do Brasil