quinta-feira, 11 de maio de 2017

Marcos Harter diz que assédio feminino cresceu e evita romance após 'BBB17': 'Carreira'


Purepeople - Após deixar o "Big Brother Brasil 17", Marcos Härter foi apontado como affair da modelo Bruna Citadella, o que foi negado por ela. E, em conversa com o Purepeople, o médico afirma que o assédio feminino aumentou depois do reality. "Não tem como dizer que não, mas é tudo muito carinhoso. A melhor parte de tudo isso foi receber tanto carinho aqui fora. Faz tudo valer a pena", festeja o gaúcho, que classificou como "caso encerrado" seu affair com Emilly.

'FOCADO NA MINHA CARREIRA', AVALIA MARCOS SOBRE NOVO AMOR
O ex-BBB, cuja investigação sobre suposta agressão agora está no Ministério Público, indica ainda que não se envolveu com ninguém após o fim do programa e também não tem planos de fazê-lo tão cedo. "Estou focado na minha carreira, na medicina. Já voltei a consultar, cirurgias e isso é minha prioridade agora", avalia o morador de Sorriso, no Mato Grosso.

EX-BBB NÃO NOTOU APROXIMAÇÃO POR INTERESSE: 'PORQUE ME ADMIRA'
Marcos explica ainda que, desde que deixou o reality, não sentiu que nenhuma pessoa se aproximou dele pela fama. "Quem se aproxima de mim é porque me admira como pessoa pública que me tornei ou pelo trabalho como médico, então ninguém precisa ser driblado ou evitado", esclarece o cirurgião.

EMILLY CELULAR POR PERMUTA, DIZ COLUNISTA
De acordo com o colunista Léo Dias, do jornal "O Dia", Emilly, antes de comprar seu celular, teria pedido o aparelho através de permuta: sem pagar pelo eletrônico, ela divulgaria a loja da Apple em seu Instagram. Como o pedido foi recusado, a gaúcha - que no próximo dia 20 será homenageada pelo Sport Club Internacional com sua família - precisou comprar o aparelho.

ARTHUR AGUIAR NEGA BEIJO EM EMILLY: 'NÃO É A EX-BBB'
Através de comunicado em seu Twitter, Arthur Aguiar negou ter ficado com Emilly. "Na foto divulgada, não é a ex-BBB Emilly que aparece sendo beijada por ele. Não há o que comentar em relação à vida pessoal de Arthur Aguiar, a não ser o fato de que o ator jamais se pronunciou a respeito de que estivesse bêbado demais para se lembrar se esteve ou não com alguém. Arthur repudia declarações como essa, de caráter machista e irresponsável", indicou.
(Por Marilise Gomes)