quinta-feira, 5 de outubro de 2017

Camila Cabello revela sobre “Havana”: “muitos disseram que essa música não funcionaria”


Quase pegando o nº1 da parada de singles britânica com “Havana”, Camila Cabello concedeu uma entrevista ao site da Official Charts Company falando sobre os bastidores de criação e lançamento da música. “Esse é o tipo de música que… você sabe, muitos disseram que ela não funcionaria, mas eu e minha equipe sempre acreditamos nela. É bom tê-la. É uma música desafiadora”, disse.


Ela foi criada em janeiro, segundo Camila – “antes da explosão da música latina”. Mas claro que a ascensão mundial de “Despacito” e “Mi Gente” abriu caminho para que “Havana” pudesse acontecer. “Foi uma coincidência. A gente, na verdade, levou alguns meses para finalizá-la, porque continuávamos reescrevendo-a. Parece um bom momento para essa mistura de culturas. A influência da cultura latina está por todos os lados agora. O mundo parece menor do que quando eu estava crescendo”. Ela cita as bandas Camila, Maná e Gente de Zona e o cantor J Balvin como suas preferências.
“Havana” teve seu clipe gravado nesta semana em Los Angeles. A expectativa é que, com o lançamento, a música escale a parada americana – como já fez na britânica. Nos Estados Unidos, “Havana” já superou “Crying in the Club”, mas ainda está no Top 50. No Spotify mundial, Camila já despontou no Top 10 antes mesmo de definirem a música como single. Essa faixa é uma grande aposta do mercado atualmente.