sexta-feira, 17 de março de 2017

Garota propaganda da Seara, Fátima Bernardes não tem contrato renovado


Desde sua estreia no programa “Encontro”, Fatima Bernardes tem mostrado todo seu carisma nas telinhas. Além disso, a apresentadora tem faturado bastante com merchandising. Durante o período em que esteve na bancada do “Jornal Nacional”, não podia realizar campanhas publicitarias e atualmente grande parte de seu faturamento vem delas.
Apesar disso, o contrato com a global não foi renovado. Segundo informações do colunista Ricardo Feltrin, a artista e a Seara não firmaram um novo acordo. A agencia responsável pela empresa alimentícia, a WMcCann, confirmou a não renovação.
Em 2014, a apresentadora firmou seu primeiro contrato com a marca, e o valor estimado era de cerca de R$ 3 milhões. Ao perceber que as vendas haviam disparado, a empresa decidiu renovar o acordo, que dessa vez chegou a cerca de R$ 5 milhões.
Acadêmica em jornalismo pela Universidade Católica de Brasília. Atuou no registro do processo de migração do analógico para o digital (DF). É também responsável pela editoria de eventos do Registro POP.

Fonte Minuto Livre

Mapa do Lollapalooza 2017 mostra posição dos palcos no Autódromo de Interlagos


G1 - O Lollapalooza divulgou o mapa com a posição dos palcos, banheiros, entradas e outras áreas no Autódromo de Interlagos, em São Paulo. O festival acontece em São Paulo nos dias 25 e 26 de março.
Em comparação ao mapa do Lolla em 2016, a posição dos palcos mudou só um pouco. Há algumas pequenas diferenças no posicionamento do Palco Axe (o terceiro maior do evento) e do Palco Skol.

Palcos deram uma 'viradinha'
O Axe volta a ficar virado na direção das saídas e entradas, em vez de estar virado para o autódromo. Em 2016, houve reclamação sobre vazamento do som deste palco para os outros. O Skol também dá uma viradinha para as saídas e entradas, aumentando a área em que o público pode se aglomerar.
O Perry's (tenda de novidades) e o Onix estão no mesmo lugar. A entrada e saída agora acontece pelos portões 8 e 9. Os portões que servem apenas para saída são o G, D e M. O Autódromo de Interlagos fica na Avenida Senador Teotônio Vilela, 261.
Neste ano, as atrações principais são Metallica, The xx, The Strokes e The Weeknd. The Chainsmokers, Flume, Martin Garrix, Duran Duran, Two Door Cinema Club, Rancid e The 1975 também estão na programação do evento, entre outros.

Ingressos e Lolla Parties
Os ingressos para o público geral (Lolla Pass, válido para os dois dias) custam R$ 460 (meia) e R$ 920 (inteira), no site do festival. Crianças abaixo de 10 anos não pagam.
Quem quiser shows mais intimistas pode ir às Lolla Parties, em São Paulo. As cantoras Tove Lo e MØ e as bandas The 1975 e Glass Animals farão shows em lugares menores nos dias 24 e 27 de março.

#FamososQuePartiram - Liana Duval

Liana Duval em Torre de Babel, reprisada desde 10 de outubro de 2016
Nome Completo: Maria de Lourdes Vasconcelos Antunes
Data de Nascimento: 06 de junho de 1927
Local: Paraguaçu Paulista (SP)
Profissão: atriz
Data de Morte: 23 de março de 2011
Local: Carmo da Cachoeira (MG)

Liana Duval está no ar novamente na primeira reprise de "Torre de Babel" (1998) após 18 anos de estréia. Na novela escrita por Sílvio de Abreu, Liana interpreta Luíza, governanta da casa dos Toledo e cúmplice da vilã Ângela (Cláudia Raia). Este foi seu último trabalho na TV. Os últimos foram da Rede Globo, como A Próxima Vítima (1995), e Tieta (1989). Já foi contratada da extinta TV Tupi, integrando o elenco de Beto Rockfeller (1968) e Roda de Fogo (1978); e da também extinta Rede Manchete, marcando sua presença na trama Carmem (1987).
A maior parte de seus trabalhos como atriz está no cinema, e em seu currículo, tinham 52 filmes, entre eles, Joelma 23º andar (1979).
Afastada da vida artística desde 1998, Liana lutava contra um câncer descoberto oito anos antes de morrer, e morava com os familiares em Minas Gerais até perder a luta em 23 de março de 2011, quando tinha 83 anos.

Liana Duval no filme Joelma (23º andar) com Beth Goulart

Saudosista, Mayara Magri fala sobre o sucesso de A Gata Comeu e Escrava Isaura: “Inesquecíveis”

Mayara Magri hoje
Longe das novelas desde 2004, onde integrou o elenco da segunda versão de Escrava Isaura, Mayara Magri se diz saudosista por contas dos trabalhos que já fez na TV e seguem em reprises pelo Viva e pela Record TV como A Gata Comeu e Escrava Isaura – quem vem mantendo a segunda colocação no ibope – respectivamente.
De Ivani Ribeiro, A Gata Comeu é considerada um dos maiores sucessos dos anos 80 por conta da linguagem e também por ditar moda. E era com Mayara que o público tanto se espelhava. Já no remake de Isaura, a atriz deu vida a sofredora Tomásia na versão escrita por Tiago Santiago.
Em entrevista ao Observatório da Televisão, a atriz que já integrou mais de vinte trabalhos na TV promete novidades para o segundo semestre. Magri já foi casado com o falecido diretor Herval Rossano e nos anos 80 posou para a Playboy.

Seu sonho sempre foi trabalhar na TV? 
Sempre, desde menina

Uma profissional que sempre te inspirou?
Eu sei que ela é uma unanimidade, mas foi a Fernanda Montenegro

Quais projetos têm desenvolvido em paralelo à TV?
Fiz três espetáculos muito bacanas. As Pontes de Madson, Ricardo III e Elza e Fred.

Quando te veem pelas ruas, o que as pessoas mais falam? 
Personagens, a Babi é uma delas. Ninguém esqueceu.

Mayara Magri era filha de Cláudio Corrêa e Castro e Marilu Bueno na novela das seis de 1985
Seus personagens já ditaram moda?
A Babi de novo, com certeza. No cabelo com um rabinho atrás, com a pochete, (risos)

O que passa na sua TV?
Eu vejo tudo, de programa a tarde até séries da Netflix. Sou viciada

Tem algum arrependimento?
Alguns. Hoje mais madura, não teria feito algumas bobagens de menina.

É saudosista (por conta das reprises)?
Sou. Já ouvi muito que tenho que deixar o passado pra trás, mas é difícil com o sucesso dessas reprises, anos 80, inesquecíveis

Faria algo diferente ao rever seus trabalhos?
Eu acho que em cada fase da vida de uma atriz, é aquilo que ela tem pra dar, a voz,o corpo, até mesmo a imaturidade dela. Mas eu me critico, viu?

Mayara Magri e Leopoldo Pacheco em cena de Escrava Isaura
O que vem por aí (novos trabalhos)?
Agora não, mas no segundo semestre, com certeza.

Ex-BBB Priscila Pires e ex-marido abrem o jogo e trocam acusações


Bruno Andrade, ex-marido de Priscila Pires, comentou pela primeira vez a respeito do suposto abuso sexual cometido por João Reis, atual companheiro da morena, contra seus filhos - de 4 e 5 anos. O empresário revelou que até as autoridades aconselharam a ex-BBB a manter as crianças longe do namorado.
“Estou há 8 meses defendendo meus filhos no processo, onde ela foi aconselhada, durante toda a investigação, pelo afastamento deste homem. Por juízes, advogados, promotor, desembargador... Eu só quero afastá-lo dos meus filhos para protegê-los. Somente isso”, afirmou ao “Fofocalizando”, do SBT.
O antigo esposo da famosa ainda destacou: “Ela pode se relacionar com quem bem entender. Isso não me afeta em nada. Me afeta a parte dos meus filhos. A quem ela está protegendo, é uma opção e problema dela. Só estou no meu intuito de proteger meus filhos”.
Por fim, Andrade ressaltou estar fazendo o que julga ser melhor para os herdeiros: “O meu caráter é inabalável. As minhas atitudes são corretas como pai. O que meus filhos esperam de mim, eu estou fazendo”.

O outro lado
Priscila Pires também deu sua versão a respeito das acusações. A ex-BBB afirmou que, em 2016, o ex-companheiro - com quem acertou dividir as férias das crianças - sumiu com os pequenos. "Decidimos isso na Justiça para termos uma relação harmoniosa com elas, mas ele pegou as crianças e não me devolveu mais. [...] Eu fui na casa, no trabalho dele, liguei várias vezes, mandei milhões de mensagens, mas ele não me respondia."
A moça, então, resolveu buscar ajuda das autoridades. "Eu fui à delegacia e fiz um boletim de ocorrência. Nós avisamos o juiz que ele tinha desaparecido com meus filhos. As autoridades determinaram a devolução deles, senão, ele seria preso. Eles [a família de Bruno] foram ao conselho tutelar e fizeram todo esse circo [acusação de abuso sexual contra João Reis]."
A ex-participante do reality show da TV Globo também assegurou que quis se certificar sobre o bem-estar dos herdeiros. "Depois das acusações, eu fiz questão de passar meus filhos por psicóloga do conselho, por uma particular e pela do fórum, além de laudos médicos. Fiz tudo o que era preciso ser feito, e todos [os resultados de abuso] deram negativos", garantiu.
Priscila também justificou ter se mantido em silêncio por tanto tempo, uma vez que a denúncia foi feita em setembro do ano passado. "Meus filhos vão crescer e pesquisar seus nomes na internet, encontrando esses absurdos que o pai vem fazendo sem necessidade. A gente poderia ter uma relação super legal, nunca neguei nada. Se fosse verdade, as crianças não estariam mais comigo."
Por fim, a morena afirmou temer as ações de Bruno Andrade. "Estou preocupada e com medo. Já procurei a proteção da polícia, pois nós vemos muitos casos assim na internet e eu preciso me preocupar mesmo. Não sei do que ele é capaz, mas eu não deixarei de lutar", completou.

Fonte: Tribuna Hoje

Arlindo Cruz é levado para hospital após sofrer um AVC em casa

O cantor Arlindo Cruz foi levado na tarde desta sexta-feira, 17, às pressas para o Hospital Municipal Lourenço Jorge, na Barra da Tijuca, na Zona Oeste do Rio. Segundo noticiou o G1, ele foi encontrado inconsciente pela mulher na residência do casal.
Procurada pelo EGO, a Secretaria Municipal de Saúde do Rio informou que Arlindo Cruz foi atendido pela Coordenação de Emergência Regional (CER), responsável pelos pacientes em situação emergencial que chegam ao Lourenço Jorge, e passou por exames.
No início da noite, a família conseguiu uma transferência para o cantor, que foi levado para a Casa de Saúde São José, no bairro do Humaitá, na Zona Sul do Rio. Arlindo chegou na unidade às 21h10 em uma ambulância do Sistema Único de Saúde (SUS) e acompanhado por familiares. A mulher do cantor, Babi Cruz, estava bastante nervosa e chorando e não quis falar com a imprensa que estava no local.


Em conversa com o EGO, o filho do cantor, Arlindinho, disse que o pai tomava banho em casa para logo depois viajar para São Paulo, onde fariam um show.
"Ele desmaiou dentro do banheiro. Meu pai estava ótimo... Sabemos que ele sofreu um AVC (Acidente Vascular Cerebral), mas não sabemos o grau. Conseguimos agora a transferência dele para a Casa de Saúde São José", informou Arlindinho, às 19h55 desta sexta-feira.
Na noite de quinta-feira, 16, o sambista prestigiou a estreia do espetáculo "Cartola – O mundo é um moinho", no Teatro Carlos Gomes, no Centro do Rio. O musical é escrito por Artur Xexéo, dirigido por Roberto Lage e idealizado por Jô Santana. Na estreia, Arlindo fez uma participação especial cantando em uma roda de samba.
Vale lembrar que, em janeiro, Arlindinho comemorou a melhora do pai, que havia sido submetido na ocasião a uma cirurgia nos joelhos em decorrência de problemas com artrose e artrite. Após a operação, o cantor passou a se locomover com a ajuda de uma cadeira de rodas. Em janeiro, quando fizeram juntos um show no festival de música na praia de Atafona, no município de Barra de São João, no Norte do Estado do Rio, Arlindo surpreendeu ao deixar a cadeira e cantar em pé, ao lado do filho.
Em uma entrevista ao EGO, o filho de Arlindo contou que desde a cirurgia nos joelhos o pai luta para perder peso. Em seis meses, Cruz conseguiu eliminar 15 quilos. "A intenção é perder mais. Como meu pai só usa bata larga, fica difícil ver a diferença. O problema é que ele é de outra geração. Gosta de comida gordurosa e, para piorar a situação, minha avó e minha mãe cozinham muito bem".

Fonte: EGO

#MemóriaDaTV - Porto dos Milagres


Esta foi uma novela produzida pela Rede Globo e escrita por Aguinaldo Silva e Ricardo Linhares, que foi ao ar em 05 de fevereiro de 2001, substituindo Laços de Família. Foi a 60ª novela das oito produzida pela emissora.


Elenco
Contou com a participação de Marcos Palmeira, Flávia Alessandra, Cássia Kiss, Antônio Fagundes, Camila Pitanga, Leonardo Brício, Zezé Polessa, Marcelo Serrado, Kadu Moliterno, Joana Fomm, Luíza Tomé, Bárbara Borges e José de Abreu.

Marcos Palmeira, como o pescador de bom caráter e de bem com a vida Guma (Gumercindo)
Camila Pitanga viveu a sonsa e maliciosa Esmeralda, que cresceu amando Guma
Antônio Fagundes como os gêmeos Bartholomeu e o grande vilão da trama, Félix
Cássia Kiss como a sem escrúpulos Adma
Flávia Alessandra caracterizada como Lívia, a namorada do filho de Félix, Alexandre, que se apaixona pelo pescador Guma
A novela foi criticada por diversos movimentos negros da Bahia e de outros estados, pela presença de poucos atores negros, afinal, a história é ambientada na Bahia, estado com alto índice de população negra.

Zezé Polessa como a perua Amapola, que adora usar vários acessórios, e cria seu próprio estilo ao misturar roupas e cortes de cabelo
Júlia Lemmertz e Vladimir Brichta como o casal Genésia e Ezequiel
José de Abreu era Eriberto, capanga de Adma, por quem era secretamente apaixonado
Taís Araújo viveu Selminha, mulher de vida fácil
Enredo
Porto dos Milagres foi dividida em duas fases. Na primeira, o vilão Félix (Antônio Fagundes) vende ilegalmente as terras deixadas por seu pai como herança para ele e seu irmão, Bartholomeu, gêmeo idêntico. Desmascarado pela polícia, Félix foge para a Espanha com a inescrupulosa Adma (Cássia Kiss), sua esposa, vivendo de pequenos golpes até o dia que uma cigana professa que, ao atravessar o mar, se tornará um rei.

Letícia Sabatella como Arlete Palmeirão, na primeira fase da novela
Enquanto isso, seu irmão Bartholomeu se envolve com a prostituta Arlete Palmeirão (Letícia Sabatella), com quem teve um filho. A jovem é levada para a mansão onde ele mora depois da volta de Félix e Adma, que manda seu capataz, Eriberto, se livrar deles.
Desesperada e com medo do que pudesse acontecer ao seu filho, Arlete o coloca dentro de um cesto e o deixa no mar, entregando o destino da criança as mãos da rainha do mar, Iemanjá. Em seguida, mata-se afogada ao pular no mar.

Marcos Palmeira
Guiado por Iemanjá, o menino aparece para o pescador Frederico (Maurício Mattar), que fizera o parto difícil de sua esposa Eulália (Cristiana Oliveira) e descobre que o filho que estavam esperando nasceu morto. Acreditando que o menino era uma bênção de Iemanjá, Frederico mostra a criança para sua esposa, que estava desmaiada, como se fosse o filho deles, e logo a mulher o batiza de Gumercindo, morrendo em seguida.
Na segunda fase, passaram-se 20 anos, e Gumercindo se torna um homem de caráter e um líder respeitado na pequena cidade litorânea de Porto dos Milagres. Frederico desapareceu no mar ao salvar seu irmão Francisco (Tonico Pereira) e durante esses 20 anos, foi criado pelo seu tio e sua esposa, Rita (Joana Fomm). O rapaz se apaixona por Lívia, namorada do filho de Felix e Adma, Alexandre (Leonardo Brício), que não se conforma em perdê-la para Guma, um simples pescador e futuro candidato à prefeito de Porto dos Milagres e rival de Félix.



Mais destaques
Tem também a história de Rose Palmeirão (Luiza Brunet), irmã da prostituta Arlete, que sai da cadeia após 20 anos por matar o coronel Jurandir (Reginaldo Faria) por este ter violentado sua irmã mais nova, Cecília. Ela aparece para descobrir o paradeiro do filho de Arlete, e se apaixona por Félix após abrir um bordel.

Rosa Palmeirão tinha um bordel na cidade fictícia de Porto dos Milagres
A perua Amapola Ferraço, esposa do advogado Otacílio Ferraço (Eduardo Galvão) e mãe de dois filhos, Alfredo Henrique (Miguel Thiré) e Ana Beatriz (Camila Farias), é tida como fútil pelo seu jeito de se vestir, mas no fundo é uma mulher inteligente. Sonha em construir uma casa à beira-mar e ter a primeira Ferrari da região.

A personagem de Júlia Lemmertz, Genésia, sempre está de mau humor, deixando-a mais velha do que realmente é. Tem mania de limpeza e vive sempre fazendo faxina na casa onde mora. Não dá chance a nenhum pretendente, porém se envolve com Ezequiel, personagem de Vladimir Brichta, que gosta de paquerar e prefere não se amarrar em alguém.

Taís Araújo participou da trama e viveu a prostituta Selminha Aluada. Um de seus clientes mais assíduos é o capanga de Adma, Eriberto. Todo mundo da cidade sabe da vida de Selma, e mesmo assim ela não deixa de ter seu sonho de viver ao lado de outra pessoa. Quando isso acontece, só quer saber de dar beijos e passear de mãos dadas, e é por isso que ganhou o apelido de "aluada".

Curiosidades
  • Cássia Kiss, intérprete da vilã Adma, descobriu que estava esperando um filho durante as gravações, e a produção mudou levemente o figurino para esconder a gestação;
  • Porto dos Milagres marca a estreia do ator Vladimir Brichta na TV, que logo conseguiu outros papéis de destaque na mesma emissora, nas novelas Coração de Estudante (2002), Kubanacan (2003), Começar de Novo (2004), e Belíssima (2005), e até então havia sido esta sua última participação em novelas. Ele voltou só em 2016, para integrar o elenco de Rock Story, mas enquanto isso, fez muito sucesso na Globo com o seriado Tapas & Beijos (2011-2015) com o personagem Armane.
  • Nos últimos capítulos da novela era mostrado a guerra entre Guma e Félix nas eleições da cidade fictícia de Porto dos Milagres. Para divulgar a eleição, a direção da novela e a Divisão de Propaganda da Central Globo de Produção decidiram inserir a campanha de um fictício horário eleitoral gratuito no intervalo da novela e durante a programação.
  • A novela foi gravada em uma cidade cenográfica construída na Ilha de Comandatuba, na Bahia, e várias cenas se passaram no Hotel Transamérica, dentro da ilha. A cidade cenográfica foi mantida por lá durante muitos anos para ser mais uma atração turística, porém, não existe mais.
  • É uma adaptação de duas obras do escritor Jorge Amado, Mar Morto e A Descoberta da América pelos Turcos.
  • Em setembro de 2005, a novela de Aguinaldo Silva e Ricardo Linhares seria a substituta de Laços de Família no 'Vale A Pena Ver de Novo', porém a emissora não pôde reprisá-la em decorrência da censura que o Ministério da Justiça estava impondo.
Audiência
Durante os sete meses que foi transmitida na Globo, Porto dos Milagres conseguiu atingir 44 pontos de média geral, e a meta estabelecida era de 45. Como na maioria das novelas da Globo, o último capítulo atingiu 61 pontos, e durante o tempo que foi exibida, oscilava entre 42 e 48 pontos por cada capítulo.

Fev/2001: 40,0
Mar/2001: 41,4
Abr/2001: 42,8
Mai/2001: 46,7
Jun/2001: 44,3
Jul/2001: 45,6
Ago/2001: 46,1
Set/2001: 51,1
Total/2001: 44,8 (45)

Música
A trilha sonora da novela Porto dos Milagres é inteiramente nacional. O Volume I começa com a música de abertura, 'Caminhos do Mar', interpretada por Gal Costa e composta por Dorival Caymmi. Nele, tem outros sucessos da MPB, como 'A Lua Que eu Te Dei', de Ivete Sangalo; 'Crendice', de Carlinhos Brown; 'Um Raio Laser', de Jota Quest, e 'Instante Eterno', de Ivan Lins. A capa do volume 1 é o logotipo da novela, já o Volume II é a atriz Flávia Alessandra, e inclui os artistas Leila Pinheiro, com a canção 'Feliz', Alexandre Pires, em 'Usted Se Me Llevó la Vida', Roberta Miranda, cantando 'Atração Fatal', e Erasmo Carlos, com 'O Impossível'. Confira a playlist:


Volume 1
01. Caminhos do Mar - Gal Costa
02. Por Te Querer - Bellô Veloso
03. A Lua Que Eu Te Dei - Ivete Sangalo e Herbert Vianna
04. Crendice - Carlinhos Brown
05. Entre o Céu e o Mar - Elba Ramalho
06. Um Raio Laser - Jota Quest
07. O Bem do Mar - Dorival Caymmi
08. Só No Balanço do Mar - Daniela Mercury e Dominguinhos
09. Sob Medida - Fafá de Belém
10. Sem Amor - Patrícia Mello
11. Dinamarca - Gilberto Gil e Milton Nascimento
12. Fofura - Uai Sô
13. Como Plural - Roberta de Recife
14. Instante Eterno - Ivan Lins




Volume 2
01. Feliz - Leila Pinheiro
02. Usted Se Me Llevó La Vida - Alexandre Pires
03. Atração Fatal - Roberta Miranda
04. Por Enquanto - Cássia Eller
05. Quando Você Não Vem - Eliana Printes
06. Babaobá - Maurício Mattar
07. Saudade de Amor (If Ever) - Nana Caymmi
08. Prontos Para Amar - Guilherme Arantes
09. O Impossível - Erasmo Carlos
10. É Doce Morrer No Mar - Dori Caymmi
11. Por Entre Os Dedos - José Augusto
12. Trip To Heaven - The Passengers
13. Tema do Rei - Guilherme Dias Gomes
14. I Miss You - Due Angeli


Fontes:
Memória Globo
Wikipédia
Audiência da TV
Mercado Livre (imagens)

Giovanna Antonelli corta o próprio cabelo e doa para crianças com câncer


A atriz Giovanna Antonelli aproveitou a transformação que a personagem Alice, de Sol Nascente, sofrerá na última fase da novela para cortar os cabelos e doar para a ONG Cabelegria, da qual é madrinha. A organização faz perucas para crianças com câncer. Giovanna escolheu cortar o próprio cabelo e postou o vídeo no YouTube.
"Minhas filhas já cortaram o cabelo e doaram pra eles, meu filho também. Eu não tinha feito ainda, então, como eles resolveram cortar para a novela, eu falei pro Anderson (Couto, cabelereiro da Globo) 'marca aqui que eu mesma vou cortar'", diz a global no vídeo, que não mostra, no entanto, o resultado final - a atriz cortou as madeixas no estilo "long bob", na altura dos ombros, e clareou com um tom de loiro.
Geralmente, as ONGs pedem um mínimo de 20 centímetros de cabelo para a doação. Para quem ainda não atingiu o tamanho mínimo de cabelo, o Núcleo de Apoio à Criança com Câncer e o Grupo de Ajuda à Criança Carente com Câncer recebem doações monetárias ou de produtos de higiene pessoal, alimentos e brinquedos.

Inês Brasil tira a roupa no 'The Noite’, e faz Danilo Gentili ficar nu; veja vídeo

A cantora Inês Brasil, 47 anos, foi a convidada do programa 'The Noite' de Danilo Gentili, que foi ao ar no início da madrugada desta quinta-feira (16), e como de costume, causou muita polêmica. Ela tirou a roupa durante gravação da entrevista e convidou o apresentador a fazer o mesmo.
Vestida de pantera, ela chegou no programa pronta para causar. Falou sobre sua história de vida, carreira e repercutiu suas declarações sempre polêmicas. Durante a entrevista, Danilo pediu para Inês participar de um quadro especial, mas ela só o aceitou em uma condição: se ele cumprisse um desafio.
Depois de falar o nome de sua nova música "Adão e Eva, Eva e Adão", ela revelou sua proposta. "A gente vai se transformar em Adão e Eva. A gente vai ficar nuzinhos pro público", disse ao apresentador.
Danilo, no início, se mostrou hesitante com a ideia, mas logo viu que Inês não ia desistir com a desculpa de que "era artístico". Os dois, então, ficaram de costas e tiraram as roupas. As imagens tiveram que ser censuradas com tarjas pretas.

Namorado de Priscila Pires abusou dos filhos da ex-BBB, conclui delegado


Fabio Sampaio, da Delegacia Especializada de Proteção à Criança e ao Adolescente, responsável por investigar uma denúncia de estupro de duas crianças, filhos da ex-BBB Priscila Pires, concluiu o inquérito e revelou que tem provas suficientes para incriminar o acusado, namorado da morena.
Segundo o jornalista Leo Dias, do "Fofocalizando", SBT, o caso tem sido investigado desde agosto do ano passado pela Polícia Civil. Uma parente chegou a filmar uma declaração dos menores - de 3 e 4 anos -, em que eles afirmam que foram mesmo abusados pelo parceiro da mãe.
O assunto segue em segredo de Justiça, de acordo com os advogados do escritório Renata Pimentel, de Campo Grande, que acompanha o caso. A denúncia agora será feita ao Ministério Público.
No Instagram, a revolta é grande. Isso porque Priscila tem compartilhado fotos em que aparece com o namorado, João Reis. "Seu filho da mãe! Abusar de crianças, seu demônio. E essa mulher ainda acobertando", escreveu um internauta. "Meu Deus, gente! Como uma mãe continua com um cara desses?", questionou outra.

Fonte: Cidade Verde

Pai de Xuxa, Luiz Floriano Meneghel entra em coma e visitas são suspensas


O estado de saúde de Luiz Floriano Meneghel, pai de Xuxa, é bem crítico: Seu Luiz está internado em coma no Hospital Vitória, na Barra da Tijuca, e todas as visitas foram temporariamente suspensas, segundo informações da coluna de Leo Dias, do jornal "O Dia". Nesta quarta-feira (15), a apresentadora da Record TV postou uma foto do pai ao lado de Sasha, ainda criança, no Instagram e pediu orações aos seguidores. "Hoje eu ganhei essa foto da Patricia, mulher do meu pai. Quero dividir com vocês e pedir mais orações pro 'velho menega'. Obrigada desde já", escreveu ela.

MÉDICOS DO PAI DE XUXA ESTAVAM POSITIVOS SOBRE QUADRO CLÍNICO
Embora em estado grave e sem demonstrar mudanças físicas, os médicos estavam esperançosos sobre o quadro clínico de Seu Luiz, que durante todo o tempo esteve acompanhado por sua esposa. Ele havia dado entrada no hospital Samaritano, na Zona Oeste do Rio de Janeiro, no dia 4 de fevereiro, por conta de uma grave osteoporose.

XUXA MENEGHEL ACREDITA EM ERRO MÉDICO: 'ERRARAM A DOSE'
No hospital, Luiz Floriano foi medicado ao sentir fortes dores nas costas, possivelmente causadas pela osteoporose. Após a medicação, no entanto, Seu Meneghel enfrentou uma infecção renal, que acabou comprometendo outros órgãos do corpo. Para a apresentadora Xuxa, houve erro por parte do hospital. "Erro médico. Hospital Samaritano no Rio. Erraram a dose de um medicamento que desencadeou hemorragias internas", disse ela, em rede social.

EQUIPE MÉDICA QUE ATENDIA PAI DE XUXA FOI SUBSTITUÍDA
Xuxa, que emagreceu sete quilos motivada pela filha, Sasha, e rebateu internauta ao ser chamada de 'velha', solicitou a troca da equipe médica que acompanhava seu pai. No lugar, agora estão os profissionais que já cuidavam de sua mãe, Dona Alda, que sofre de Mal de Parkinson em estágio avançado e foi internada, em janeiro de 2016, com infecção urinária.

Fonte: PurePeople

Quem é de fato Guilherme de Pádua?

Perfil de Guilherme de Pádua
Nome Completo: Guilherme de Pádua Thomaz
Data de Nascimento: 02 de novembro de 1969
Local: Belo Horizonte (MG)
Profissão: ator, pastor
Crime: assassinato
Pena: 19 anos e seis meses de prisão em regime fechado
Situação: solto desde 1999 em liberdade condicional

O pastor voltou a ser notícia esta semana, assim que se casou com a estudante de moda Juliana Lacerda em Belo Horizonte (MG). Os dois trocaram alianças nesta terça-feira (14) no civil e comemoraram a união com um jantar em família.
O casório também foi motivo de críticas, mas por outro lado, houve pessoas que deram apoio ao casal, como a mãe de Juliana, Maria Lacerda, que como Guilherme, também foi atriz. "Se eu não acreditasse na mudança, na restauração, eu não serviria a um Deus que prega isso".

Guilherme abraçando a esposa, Juliana Lacerda, após a união
A cerimônia de casamento ocorreu nesta terça-feira (14)
O passado de Guilherme é marcado pelo assassinato a tesouradas da atriz Daniella Perez, filha da autora de novelas Glória Perez, em 28 de dezembro de 1992. O crime foi cometido junto com sua então esposa, Paula Thomaz. Guilherme e Daniella foram cotados para viver Bira e Yasmin, par romântico da novela das oito "De Corpo e Alma" (assinada por Glória), que no tempo em que ocorreu a tragédia já estava em seu quarto mês de exibição.
O crime chocou à todos, não só o elenco, mas também o Brasil e o mundo todo, que fez ampla cobertura sobre a morte de uma estrela de novela. Glória Perez se afastou por uma semana, deixando que a novela fosse conduzida por Gilberto Braga e Leonor Bassères, que encontraram um novo rumo para cada um dos personagens. Yasmin precisou viajar porque ganhou uma bolsa de estudos para o exterior, uma vez que, assim como a própria atriz, a personagem era dançarina. Já o Bira simplesmente deixou de existir.
Daniella foi morta por ciúmes de Paula, e por inveja, cobiça e vingança. Nos bastidores da novela, Guilherme sempre dava em cima de Daniella, que não lhe dava a menor bola. Ele acreditou que ficou sem aparecer em dois capítulos da novela na semana do crime porque a moça contou sobre sua perseguição a sua mãe.


Perfil de Daniella Perez
Nome Completo: Daniella Ferrante Perez Gazolla (nome de casada)
Data de Nascimento: 11 de agosto de 1970
Local: Rio de Janeiro (RJ)
Profissão: atriz e bailarina.
Data de Morte: 28 de dezembro de 1992 (22 anos)
Local: Rio de Janeiro (RJ)
Causa: assassinada pelo seu colega de elenco, Guilherme de Pádua, que trabalhava junto com ela na novela De Corpo e Alma, assinada por sua mãe, Glória Perez.

Daniella Perez morta (Foto: vídeo abaixo)
Daniella foi tema do primeiro Globo Repórter do ano de 1993. O programa entrevistou os funcionários do estúdio da Globo, Tycoon, e revelava mais detalhes da investigação sobre o crime. Ali era mostrado o verdadeiro caráter de Guilherme de Pádua. Assista:


Daniella e Guilherme em uma cena que não foi ao ar na novela, sendo exibida no Globo Repórter
Daniella Perez com sua mãe, Glória Perez
Na sua curta carreira, Guilherme de Pádua começou no teatro com a peça Pasolini, encarnando um garoto de programa que matou um cineasta italiano. Diferente de como é nos dias de hoje, quando ainda estava em Belo Horizonte, o assassino participou de um comercial, interpretando um ateu. Passou a ser integrante de um grupo especialista em tirar a roupa, chamado Leopardos, e em seguida, integrou o elenco da peça Blue Jeans, mais uma que falava de um garoto de programa que matava. Começou na televisão fazendo uma pequena participação na novela das sete Mico Preto (1990), e só dois anos depois passou a ser cotado para a novela De Corpo e Alma.

De Corpo e Alma, novela de 1992
Paula Thomaz estava grávida de quatro meses quando ajudou Guilherme a matar a filha de Glória Perez, e o bebê nasceu em maio de 1993. Pouco se sabe da vida do filho do casal, chamado Felipe.

A versão do assassinato de Daniella Perez já foi modificada diversas vezes, porém isso não modificou em nada o tempo de sua condenação. Guilherme e Paula foram levados da prisão para o Tribunal em janeiro de 1997 e condenados a 19 anos e 6 meses. Para infelicidade e desespero de Glória, os dois saíram da prisão em 1999, depois de cumprirem 1/3 da pena.


Paula Thomaz e Guilherme de Pádua no tribunal, no começo de 97
O ator rompeu com Paula Thomaz após sair da prisão e passou a trabalhar na Igreja Batista da Lagoinha em sua cidade natal, Belo Horizonte, onde vive até hoje. Em 2006, se casou com a produtora de moda Paula Maia, que frequentava a mesma igreja. Não tiveram filhos, e o relacionamento durou até 2014. Houve boatos de que Paula viajou porque estava sendo perseguida pelo assassino de Daniella Perez, mas ela nega. "Não viajei por causa de ameaças, como ela falou. Viajei porque fiquei muito mal com a separação. Foi muito doloroso para ambos, fiquei deprimida e precisava dar um tempo".

Glória Perez
08 de abril de 2010. Guilherme de Pádua é chamado pela produção do SBT para ser entrevistado pelo Programa do Ratinho. Durante a entrevista, ele evitou entrar em detalhes sobre a noite do assassinato, e disse que gostaria de pedir perdão à mãe, Glória. Ratinho até insistiu por duas vezes que o pastor dissesse porque matou Daniella Perez, mas ele "se esquivou" e fez rodeios. No final de 2010, Guilherme foi para a OAB (Ordem dos Advogados do Brasil) no Piauí, falar também sobre a ressocialização dos presos. Este não foi seu primeiro "testemunho". No mês de agosto de 2013, o inescrupuloso assassino causou revolta nas redes sociais, pois fora convidado para uma palestra no aeroclube de Currais Novos, cidade do Rio Grande do Norte.




Dois anos depois de ser entrevistado por Ratinho, agora chegou a vez de Marcelo Rezende, do Domingo Espetacular, interpelá-lo. Guilherme disse que o motivo do assassinato foi sua vaidade e os ciúmes que sua ex-mulher, Paula, sentia dele com a atriz. Ele conta também que pensou em se suicidar na prisão, mas devido a uma carta que recebeu de uma senhora, pedindo para que ele não desistisse, mudou de ideia. Disse também que ainda pensava em pedir perdão à autora de novelas caso tivesse oportunidade.


Foi publicada em outubro de 2014 que Guilherme de Pádua pretendia processar o Google para poder 'apagar' todo o seu passado, mas acabou não levando a decisão adiante pelo fato de Glória ter a chande de conseguir uma liminar que impedisse o processo.

Em março de 2016, a imprensa divulga que o ex-ator criou uma conta no Instagram, onde compartilha toda a sua rotina, como jantares em família e com amigos, turismos, batismos em presídios, presença nos cultos de igreja evangélica e frases religiosas, além de rebater várias críticas dos internautas em sua página. Após a má repercussão, o ator bloqueou sua conta para apenas os seus amigos verem. Um mês depois, o julgamento do ator pela morte da atriz acaba chegando ao fim. Ele é condenado a pagar 500 salários mínimos - cerca de R$440 mil por mês, sendo obrigado também a arcar com as despesas do sepultamento e funeral de Daniella.

O ex-ator e pastor vive "dias de Glória"
Ao responder um comentário numa de suas fotos do Instagram, Guilherme de Pádua confessou que se escondeu por muito tempo com a esperança de ser esquecido pela imprensa. "Ela sempre me menciona (em cada caso novo ou sem ter um motivo específico). E o que é pior: falam de mim como se eu fosse um monstro escondido na caverna esperando para atacar".
Realmente o Guilherme aparenta levar uma boa vida. Julgado pelos internautas constantemente, ao responder outro comentário, assume que não é "nada prazeroso" ser quem ele é, um assassino. "É difícil todo dia acordar e criar coragem pra continuar. Mas Deus transforma maldição em bênção! Não digo que alcancei... mas sigo para o alvo que é Cristo".

Guilherme de Pádua em foto com os pais, Leda Maria, e José Antônio
Mesmo escrevendo palavras bonitas, algumas pessoas continuaram achando que ele tem um coração vazio e a mente de um psicopata. Elas escrevem os seguintes comentários: "Como você ainda consegue sorrir?"; "Quanta cara de pau, hein?"; "Merece morrer! Pena que o Brasil não tem pena de morte"; e "Assassino podre".

Neste ano, casou-se pela terceira vez com a estudante de moda Juliana Lacerda, de 30 anos, que se dispôs a rebater todas as críticas que receber por conta desta união. "Desde o começo, já sabia quem ele era e nunca me preocupei com o passado, porque na igreja ele é acompanhado há 17 anos por muitos pastores sérios e sei do histórico dele, sei também que o Guilherme realmente mudou desde que se converteu", contou Juliana ao jornal Extra, dizendo também que já esperava ser detonada.

Raul Gazolla, viúvo de Daniella, conta que ainda sente a dor da perda, afinal, aconteceu de um jeito diferente, e prematuro, e lamenta o jeito que vai a justiça no Brasil. "Olha o goleiro Bruno, que foi contratado por um time de futebol! Um criminoso não é ex-criminoso. A vítima dele não retorna".
Sobre De Pádua, Raul diz que ele já foi ator, mas não continuou por "se especializar em crimes". "É um assassino. Ponto final".
O ator Raul Gazolla vai voltar à Globo depois de 12 anos, quando acabou a novela América, também escrita por Glória Perez.


Até hoje, Daniella Perez ainda recebe muitas homenagens, como da Prefeitura do Rio de Janeiro ao colocar o nome da atriz em uma creche pública do município. 11 de agosto continua sendo inesquecível para Glória, que sempre coloca homenagens nas redes sociais. Em 2015, a autora de novelas comoveu os internautas em seu Facebook ao lembrar o dia em que ela faria 45 anos. "O mundo mudou tanto e ela não viu. Não conheceu a internet, o celular, os avanços da ciência e da tecnologia, não teve seus filhos nem viu nascer seus sobrinhos - não viveu o que sonhou viver".
Existem inúmeras ruas com o nome da atriz pelo país inteiro, em cidades como Hortolândia (SP), Joinville (SC) e Duque de Caxias (RJ).
No Youtube, há diversas homenagens em forma de vídeo feita pelos fãs, que lamentam até hoje o ocorrido de 28 de dezembro de 92. Pode se encontrar lá várias cenas de telenovelas e comerciais que a atriz participou, disponibilizadas pelos fãs em seus canais.
Daniella estava vivendo um momento brilhante em sua carreira ao assumir o papel de Yasmin na novela das oito, De Corpo e Alma. Mas este não fora seu único trabalho na TV. Em 1989, ela entrou para o elenco de Kananga no Japão, novela exibida pela extinta Rede Manchete. No ano seguinte, transferiu-se para a Globo, fazendo participação na novela de sua mãe, Barriga de Aluguel, como Clotilde, uma jovem que queria muito dançar. Conseguiu a oportunidade de consolidar a carreira de atriz ao viver Yara em 'O Dono do Mundo', escrita por Gilberto Braga e transmitida em 1991 às oito. Yara sentia atração por seu cunhado, Felipe (Antônio Fagundes), o protagonista da história, mas fazia de tudo para não pensar mais nele.


E foi em De Corpo e Alma que ela conquistou o país como a provocante Yasmin, só não poderia imaginar que poderia contracenar com seu assassino. Pela sua atuação, foi indicada ao Troféu Imprensa como Revelação do Ano, em 1993. Por conta da tragédia, Glória proibiu que a novela fosse reprisada pelos próximos anos, sendo assim uma das poucas novelas da Rede Globo que nunca ganharam reexibição, nem no Vale A Pena Ver de Novo, nem no Canal Viva.
As últimas cenas de Daniella como Yasmin foram ao ar no capítulo 146, no ar em 19 de janeiro de 1993, e no final deste capítulo, os atores do elenco da novela e toda a equipe fizeram uma homenagem à atriz, com depoimentos gravados. E apesar do pesar, a história das oito continuou por mais dois meses depois quando foi substituída por Renascer.

A ex-mulher, Paula Maia, contou ao IG que não era agredida, pois ele sabia o que lhe poderia acontecer, porém, manipulava as pessoas para conseguir o que queria. Durante seus oito anos de convivência, Paula era submissa aos desejos do ex, e que o fim da relação foi doloroso. "Saí de casa com as minhas roupas e com os dois cachorros. Ele ficou com tudo. Tive depressão por todo esse estresse que ele me causou".

Paula Maia e de Pádua, em 2006, o ano que se conheceram

O fato é que Guilherme vive muito bem, obrigado, porque a justiça não funciona para todos. Se funcionasse, estaria ele e Paula Thomaz em um presídio de segurança máxima, pois não existe castigo pior do que perder a liberdade, nem a pena de morte para eles seria suficiente para Glória se sentir vingada. Ela continuaria sem a sua filha do lado.

Guilherme de Pádua é mencionado no livro "Mentes Perigosas - O Psicopata Mora Ao Lado", escrito pela psiquiatra Ana Beatriz Barbosa. Leia alguns trechos:


"O delegado que conduziu as investigações, Cidade de Oliveira, disse que Guilherme ao dar seu depoimento negou a autoria do crime, mas devido às provas evidenciais acabou confessando que matou Daniella. O delegado também afirmou que durante todo o interrogatório Guilherme estava calmo, tranquilo e relatou o assassinato sem esboçar reação alguma".


"É preciso expor ao leitor a verdade dos fatos, relatados aqui de forma breve, todos comprovados em juízo: Daniella foi vítima de uma emboscada, conduzida à força, depois de espancada e desacordada, ao matagal ermo e escuro onde encontraram seu corpo. No dia do assassinato, Guilherme usou o carro de seu sogro (um Santana) e adulterou com perfeição a placa do veículo: transformou a letra "L" em "O". Ele saiu dos estúdios de gravação da Globo dirigindo o Santana e com Paula escondida sob um lençol no banco traseiro. Guilherme parou logo em seguida no acostamento do posto de gasolina Alvorada, que ficava cerca de 300 metros dali. Ele esperou o momento certo de agir. Pouco depois, entre 21 h e 21h30, Daniella, que também havia deixado os estúdios da Globo, entrou no mesmo posto para abastecer seu carro (um Escort), sem ter a mínima noção de que seus assassinos estavam tão próximos. Na saída do posto, Daniella recebeu uma "fechada" de Guilherme e os dois saíram de seus carros. Guilherme, então, desferiu um soco violento no rosto da atriz, aplicou-lhe uma "gravata" e a jogou para dentro do Santana. Nesse momento, Paula saiu do banco de trás do Santana e assumiu a direção do carro. Guilherme, dirigindo o Escort, seguiu Paula até o local onde Daniella foi assassinada da forma mais cruel possível".

"O ambicioso projeto de ascensão profissional de Guilherme, ser o astro principal da novela das oito da Rede Globo, fracassou. Ele mesmo chegou a declarar à imprensa e em depoimento à justiça que, na semana do crime, pela primeira vez, desde o início da novela De Corpo e Alma, ao receber o bloco de cenas, verificou que seu personagem estaria ausente em dois capítulos. Isso lhe provocou muita tensão, e de forma insistente e assediadora, procurou Daniella para saber por que seu papel estava se esvaziando. Afinal, como ele mesmo declarou em juízo e à repórter Lucileia Cordovil, numa demonstração explícita de manipulação, havia procurado se tornar amigo de Daniella por interesse: "Até porque ela era filha da autora da novela, até no enredo ela ajudava". No decorrer da novela, Guilherme usou de todos os recursos manipulatórios possíveis para persuadir Daniella a influenciar Gloria Perez a reescrever o seu enredo. Não conseguiu e, numa reação de ira frente à frustração, premeditou, planejou e executou de forma maquiavélica o assassinato da atriz."

"Essa pessoa (Guilherme) não tem a consciência que nós temos, que é necessária para que a gente viva em sociedade: a consciência do direito dos outros, a consciência do direito básico a existir. Uma pessoa com esse tipo de mente, com esse tipo de formação mental é um "monstro", não é um ser humano normal e tem que estar isolado da sociedade mesmo!"



Glória Perez, Raul Gazolla, e Daniella Perez
Fonte:
Humor de Mulher
Memória Globo
Extra
IstoÉ
Instagram
Paraíba.com
Mentes Perigosas (livro)

Jéssica Sodré diz que ainda é reconhecida pela Lady Daiane


Jéssica Sodré, que interpretou Lady Daiane em "Senhora do destino", novela de Aguinaldo Silva reprisada no Vale a Pena Ver De Novo, hoje é dona de uma empresa de animação de festas.
- Fazemos mais eventos infantis. Na maior parte do tempo, eu fico com a administração do negócio, mas, se é necessário, interpreto o Olaf (de "Frozen"). A empresa tem um ano. Queremos fazer um nome e conquistar clientes. Quando a firma estiver mais independente, vou voltar a dar aulas - conta ela, que também é professora de teatro e está fora do ar desde "Prova de amor" (2005), da Record.
Mesmo 13 anos depois da exibição original da história, Jéssica diz que ainda é reconhecida pela personagem e que mantém contato com parte do elenco:
- Eu acho incrível porque já tem mais de dez anos e as pessoas sempre me perguntam: 'Você é quem interpretava a Lady Daiane?'. Espectadores de Angola me adicionam nas redes sociais. Ainda converso com a Adriana Lessa (que viveu sua mãe na trama) e, recentemente, fiz uma festa do filho do Ronnie Marruda, que foi meu pai na novela.
Aos 31 anos, Jéssica é casada com uma mulher, que ela pede para não ser identificada porque a companheira é "tímida demais". A atriz afirma que sempre teve apoio da família, mas já sofreu preconceito:
- Me entendo e me aceito como sou. Nunca foi segredo e a maior parte dos meus amigos não é heterossexual. Mas a sociedade ainda precisa dar muitos passos. Estou me mudando e achei uma casa da qual gostei bastante. Liguei para o dono do imóvel, que perguntou quem iria morar no local. Quando disse que seríamos eu e minha mulher, ele desligou na minha cara.

Fonte: Patrícia Kogut

Sogra defende Guilherme de Pádua: 'Cometeu um ato e pagou por ele'


Maria Lacerda, mãe de Juliana Lacerda, atual mulher de Guilherme de Pádua, vai fazer o vestido da filha para a cerimônia religiosa, que acontecerá no próximo dia 12 de maio, em Belo Horizonte. Será uma cerimônia mais íntima, e Maria está apreensiva com a tarefa. “Por ser minha filha e muito exigente, demanda ainda mais cuidado”, justifica a estilista, que mantém um ateliê para noivas na capital mineira.
Ex-atriz como seu genro, Maria não teve a mesma preocupação que tem para o grande dia ao saber quem era o namorado da filha. “Se eu não acreditasse na mudança, na restauração, eu não serviria a um Deus que prega isso”, pondera: “O Guilherme cometeu um ato e pagou por ele. O que esse homem já salvou de vidas com o trabalho que faz nos presídios não se conta”.
Maria defende a filha e sua escolha. Inclusive processa uma mulher que a ameaçou de morte. “Tudo porque era obcecada pelo Guilherme. Tem muitas mulheres no país todo que o queriam. Uma delas usou as redes sociais para ameaçar a Juliana”, conta Maria.

Juliana Lacerda: disposta a enfrentar as críticas
Guilherme de Pádua está casado pela terceira vez. A cerimônia aconteceu no civil, na última terça-feira, 14, e levantou várias questões. Entre elas o que levaria uma mulher a se casar com o ex-ator, condenado por matar Daniela Perez, em 1992.
Juliana de Assis Lacerda, de 30 anos, a atual mulher de Guilherme, conversou com o EXTRA e falou sobre o relacionamento, preconceito e polêmicas. “Desde o começo, já sabia quem ele era e nunca me preocupei com o passado, porque na igreja ele é acompanhado há 17 anos por muitos pastores sérios e sei do histórico dele. Sei também que o Guilherme realmente mudou desde que se converteu”, justifica a maquiadora formada em moda.
Ela conta que já esperava pelas pedradas que poderiam estar por vir. “Conheço muitas pessoas que o acompanharam todos esses anos e por isso não me preocupei. E claro que sei das perseguições que ele sofre pela mídia e pela sociedade, mas isso não me abala hoje, pois já pensei muito sobre isso e estou disposta a enfrentar com ele todas situações”, pondera Juliana.

O casamento
O ex-ator, que foi condenado pelo assassinato de Daniela Perez, em 1992, casou no cartório de Belo Horizonte com a maquiadora Juliana Lacerda.
“Casei no cartório, agora só falta na igreja. Glória a Deus! Pra todo sapato velho existe um pé descalço! Ei! (Você aí) que tá sem esperança de se casar, calma! Se até eu arrumei, você também vai arrumar!”, escreveu Guilherme na legenda da foto postada por ele, após assinar os papéis. Guilherme e Jessica ficaram noivos no último dia 5 de março.