sexta-feira, 6 de outubro de 2017

Detentas aprendem música em projeto apoiado pela Justiça da PB

A partir de 18 de outubro, será iniciado um novo programa de ressocialização com as reeducandas do Presídio Feminino Maria Júlia Maranhão. O Projeto ‘Vozes Passageiras’, que já formava um coral com algumas das apenadas, passará a fornecer cursos de instrumentos musicais. A participação nas aulas permitirá, às reeducandas, a remissão da pena.
Segundo a juíza Andréa Arcoverde Cavalcanti, esse é um projeto do Conselho da Comunidade, órgão vinculado à Vara de Execução Penal (VEP) da Capital.
“Consistirá de aulas de música para a turma já engajada no coral. Agora, elas serão selecionadas para ter aulas de violão, bateria e sax, por exemplo. Isso vai agregar e aprimorar esse trabalho de música do presídio”, explicou a magistrada. As aulas serão ministradas pelo professor Alberto Tavares (maestro Pipoca).
Andréa Arcoverde acrescenta: “Já temos ali, no Presídio Júlia Maranhão, o Projeto ‘Castelo de Bonecas’, com a produção de bonecas de pano e outros produtos, e ele vai continuar. O Vozes Passageiras é mais um, que será desenvolvido paralelamente”.
O juiz Hermance Gomes, titular no Juizado Especial Criminal da Capital (Jecrim), entende que toda iniciativa que vise ajudar na reinserção social deve ser estimulada. Por isso, o Jecrim declarou apoio ao projeto e vai destinar recursos oriundos das transações penais para a compra dos instrumentos e todo o suporte necessário às aulas de música.
O magistrado afirmou que a ideia desse projeto surgiu no início de setembro, durante a abertura da exposição do ‘Castelo de Bonecas’, que aconteceu no auditório Alcides Carneiro, no Tribunal de Justiça da Paraíba.

Fonte: Justificando

Google Assistente agora é capaz de reconhecer a música que está tocando

O Google Assistente, assistente de voz oficial da gigante das buscas, está recebendo um novo recurso que o torna capaz de reconhecer músicas.
Segundo o AndroidPolice, a nova funcionalidade possui uma premissa muito semelhante a apps como Shazam e SoundHound, que realizam a identificação da música a partir da gravação de um trecho qualquer da canção.


Para ativar o recurso, o usuário precisa dizer "OK Google, what's this song?" (OK Google, qual é essa música?). Logo em seguida, o próprio app iniciará uma gravação de áudio, retornando em instantes o resultado da pesquisa com o nome do artista, álbum e outros detalhes da canção.
Conforme reporta o site, a novidade está disponível no momento apenas para um reduzido número de pessoas que já possuem o Google Pixel 2 de forma antecipada, mas é provável que ela seja liberada para o público em breve, ainda que apenas em alguns países.

Cleo Pires é a bola da vez do Detran: ‘Nada atraente ao volante’


VEJA - O Detran (Departamento de Trânsito) adora stalkear (leia-se: fuçar) famosos nas redes sociais para encontrar falhas ao volante que sirvam de antimodelo para os motoristas em geral. Agora, é a atriz Cleo Pires quem leva um puxão de orelha do órgão. Cleo fez um vídeo enquanto dirigia — primeiro erro: usar o celular enquanto guia — e, para piorar, estava sem cinto de segurança — segunda falha, também apontada pelo Detran de São Paulo.
“Gente, acabei de me tocar que estou fazendo um story dentro do carro”, diz no vídeo Cleo, que parece prestes a reconhecer seu erro. “Isso não é nada atraente”, completa a atriz, afeita a falar de sexo.
A publicação no Facebook do Detran-SP reproduz o vídeo e comenta a fala de Cleo. “CLEO – Jungle Kid, desde que não esteja dirigindo, você pode fazer storiesdentro do carro, sim (nada e ninguém vai estragar a sua beleza). Não, pera: sem o cinto de segurança você tá arriscando essa beleza sim 😳”, diz texto de publicação no Facebook do Detran-SP.
O vídeo em questão não serve como flagra: Cleo não será punida ou multada pelo órgão, que pinça celebridades como chamarizes para ações de divulgação das regras de trânsito.

JULIANA CALDAS ESTREIA EM NOVELA: "QUERO QUE RESPEITEM QUEM TEM NANISMO"


QUEM - Juliana Caldas será Estela em O Outro Lado do Paraíso, nova trama de Walcyr Carrasco. Ela participou da coletiva de imprensa da novela na tarde de quinta-feira (5), nos Estúdios Globo, no Rio de Janeiro. A personagem da atriz, que fará sua estreia na trama, sofrerá nas mãos da mãe, Sophia (Marieta Severo). Na história, a vilã se envergonha porque a filha tem nanismo.
Juliana ficou feliz com o convite e torce para que a novela ajude as pessoas a não ter preconceitos com aqueles que, assim como ela, tem nanismo. “É um grande presente e também uma responsabilidade grande e séria. Poder trazer este assunto pela primeira vez na TV como algo sério, não é só importante para mim e, sim, para todas as outras pessoas que têm nanismo. Eu acredito que o assunto abrirá a mente das pessoas que têm preconceito. Que respeitem não só as pessoas que têm nanismo, mas todos que têm alguma deficiência."

Feira de Luisa Mell: público desiste ao ver apenas cães vira-latas


A ativista Luisa Mell causou comoção ao resgatar 135 cães de raça de um canil em Osasco, na região metropolitana de São Paulo, na última sexta-feira (29/9).
No dia, pugs, yorkshikers e outros foram encontrados em condições precárias e sofrendo maus-tratos.
Nesta quarta-feira (4/10), a protetora de animais divulgou uma de suas habituais feiras de adoção, sendo esta em Vila Clementino (SP).
Após tanta repercussão, muitas pessoas resolveram ir ao local adotar um animalzinho. Duas horas antes do evento começar já havia uma fila que dobrava o quarteirão.
O problema é que as pessoas foram para adotar animais de raça. Mas, como esses ainda estão sendo tratados e Luisa está brigando na Justiça pela guarda definitiva, nenhum deles estava na feira. Havia apenas vira-latas, como de praxe nessas situações.
Após saber que não se tratava de mascotes com pedigree, praticamente todas as pessoas foram embora. Foram doados apenas sete cães e dois gatos.
Neste sábado (7/10), o instituto fará uma nova feira de adoção das 10h às 18h, na loja 100% PET do Jardim Anália Franco (Rua Eleonora Cintra, 348).

Fonte: Mídia News

Globo barra Renato Góes do papel principal da próxima novela


O ator pernambucano Renato Góes não será mais o protagonista de Deus salve o rei, próxima novela das 19h da Globo prevista para estrear em janeiro do ano que vem. Ele estava escalado para o papel do príncipe Afonso, de Montemor, interesse amoro das personagens de Bruna Marquezine e Marina Ruy Barbosa na trama, mas foi substituído por Rômulo Estrela. Ao Viver, a emissora afirmou que a decisão foi tomada em "comum acordo" e garantiu que há um trabalho reservado para ele em 2018.
A empresa diz ainda que a mudança faz parte da "estratégia de escalação, que procura evitar que um ator emende dois papéis de protagonista, para preservar a sua imagem, possibilitar a sua reciclagem e garantir melhores condições a todos para a preparação dos personagens", já que Renato estrelou a minissérie Os dias eram assim, cujo capítulo final foi ao ar no início de setembro. Rômulo interpretava o português Francisco Gomes da Silva, conhecido como Chalaça, em Novo mundo, que chegou ao fim no dia 25 do mesmo mês. 
Depois de Os dias eram assim, Renato afirmou que renovou o contrato com a Globo por mais dois anos. "É um contrato de dois anos com a possibilidade de um terceiro ano, porque é um período que eu sei que já tem trabalhos nos quais tenho interesse de fazer", disse ele, que pretendia emendar as gravações de Deus salve o rei, que tem roteiro de Daniel Adjafre e direção de Fabrício Mamberti. 

Confira a nota da Globo:
O ator Renato Goes não participará mais de Deus salve o rei, próxima novela das sete. A decisão foi tomada em comum acordo com a Globo, que já reservou o ator para protagonista de outra produção no ano que vem. O papel de Afonso, príncipe de Montemor, ficará com Rômulo Estrela, que já estava escalado para a novela. A decisão atende à estratégia de escalação da emissora, que procura evitar que um ator emende dois papéis de protagonista, para preservar a sua imagem, possibilitar a sua reciclagem e garantir melhores condições a todos para a preparação dos personagens.

Fonte: Diário de Pernambuco

Geraldo Luís acha feto durante gravação em lixão


Diário de Pernambuco - O apresentador Geraldo Luís disse ter achado um bebê recém-nascido morto em um lixão de Brasília (DF), nesta quinta-feira (5), durante as filmagens para uma reportagem do programa Domingo show, comandado por ele na Record. O jornalista publicou uma foto do local - sem o feto - em seu Instagram, desabafando sobre o momento. Ele revelou ter parado as gravações da atração e ter ficado comovido com o ocorrido. "Hoje vivi e testemunhei um horror contra a vida humana", escreveu.
"A vida me ensinou pelas dores muitos ensinamentos. Gravando em um lixão quando catadores encontraram uma criança recém-nascida jogada entre lixos e restos de comida. Paramos a gravação...fiquei frágil mesmo tendo trabalhado no IML tantos anos e sido repórter policial. Deus...essa nossa profissão. O bebê já estava morto", diz o texto em seu Instagram. O Domingo show vai ao ar todo domingo, às 11h.
"Quantas tragédias, quanto desamor, infelizmente as pessoas estão cada dia mais distantes do amor ao próximo. Sinto uma profunda tristeza ao acompanhar nos noticiários tantas coisas ruins", comentou um seguidor. "Quantas mulheres como eu possuem dificuldades para realizar o sonho de ser mãe e acontece essa barbaridade. Fico indignada com uma situação dessas!", exclamou outra internauta.

Luciana Gimenez volta a ficar pelada para mostrar bolsa: "Gostaram?"


Depois de polemizar ao ficar pelada para mostrar uma bolsa em novembro de 2016, Luciana Gimenez voltou a chamar a atenção e ficou nua novamente para mostrar sua nova bag em formato de ursinho no Instagram nesta sexta-feira, 6.
"Gostaram da bolsa nova? Burning Man 2018", falou referindo-se ao festival de música que ela compareceu.
A bolsa de couro em que Luciana exibiu na foto é de uma marca gótica chamada Dolls Kill e está à venda por US$ 55, convertendo em reais, R$ 174.
Na época quando postou a outra imagem, ela conversou com a Glamour e disse que não se envergonha de postar fotos pelada. "Quero mesmo. Por isso que trabalho com isso, senão seria diretora ou freira", se divertiu.

Fonte: Glamour

Vigia coloca fogo e mata crianças dentro de creche em Minas Gerais


As forças de segurança pública de Minas Gerais estão mobilizadas, na manhã desta quinta-feira (5/10), por conta de uma tragédia em Janaúba, no Norte de Minas. Informações da Polícia Militar dão conta de que um vigia de uma creche municipal da cidade colocou fogo em várias crianças que estavam na unidade. Até a tarde desta quinta-feira, a PM confirmou a morte de quatro crianças e uma professora. O Corpo de Bombeiros também confirma cinco mortes até o momento.
As duas corporações divulgaram que, além dos cinco mortos, há outros 21 feridos, dos quais nove em estado grave. Entre eles está Damião Soares dos Santos, de 50 anos, o vigia que ateou fogo ao próprio corpo após cometer o crime, segundo a PM. As causas do crime ainda não foram esclarecidas. Segundo o tenente-coronel João Aparecido do Nascimento, comandante do 51º Batalhão da PM, a situação gerou uma grande comoção na cidade.
Em virtude da gravidade do caso, foi montado um Sistema de Comando em Operações (SCO) no local, estrutura adotada para controlar os trabalhos de resposta a situações críticas. O coronel que comanda a 11ª Região de Polícia Militar acionou o comando-geral da PM pedindo apoio de aeronaves.
"Já existe avião do governo do Estado saindo de BH para Janaúba com retorno previsto para BH até o hospital João XXIII, o qual é referência em tratamento de queimaduras no Estado", diz a nota da PM. O major Anderson Passos, do Corpo de Bombeiros, informou que o João XXIII é o hospital mineiro de referência para atendimento a queimados, mas que o atendimento depende da avaliação individual de cada caso, por isso também há a possibilidade de enviar feridos para Montes Claros.
Nas redes sociais, circula um vídeo mostrando o desespero da população em busca de informações. Veja:


A Polícia Militar, inclusive, informou o encaminhamento de um dos feridos para Montes Claros às 12h20. A reportagem entrou em contato com a assessoria do Hospital João XXIII, mas ainda não há informações sobre a chegada de feridos em Belo Horizonte.
O crime aconteceu no Centro Municipal de Educação Infantil Gente Inocente, que fica no Bairro Rio Novo. Equipes de atendimento de saúde de cidades como Jaíba, Porteirinha, Mato Verde, Capitão Enéas e Montes Claros foram designadas para o local. Foi feito um chamado para apoio de médicos da região.
O governador Fernando Pimentel (PT) está a caminho de Janaúba. Ele estava cumprindo uma agenda em Aimorés e assim que soube do fato ele solicitou mobilização intensa das forças de segurança e saúde do estado. Ele deve chegar ao município no início da tarde, segundo a assessoria de imprensa do governo de Minas. O presidente Michel Temer se manifestou pelo Twitter prestando solidariedade às famílias das vítimas. A Prefeitura de Janúba decretou luto de sete dias na cidade por conta da tragédia. 

Em Belém, Temer lamenta mortes em creche de Minas Gerais
Ao deixar a cerimônia de assinatura do protocolo de intenções para destinar à Arquidiocese de Belém uma área de 10,8 mil metros quadrados, o presidente Michel Temer deu uma rápida declaração à imprensa na qual lamentou o incêndio intencional em uma creche do município de Janaúba, no norte de Minas Gerais e evitou responder perguntas. 
Temer disse que como pai reconhece que deve ser uma perda dolorosa. "Quero expressar a minha solidariedade, lamentar esse acontecimento e esperar que essas coisas não se repitam no Brasil, porque o mundo está muito convulsionado", disse o presidente classificando o episódio como lamentável. "Foi um lamentável acontecimento, temos que repudiar com a nossa consciência e com a nossa ação", afirmou.
O governador Fernando Pimentel (PT-MG) está a caminho de Janaúba. Ele estava cumprindo uma agenda em Aimorés e, assim que soube do fato, solicitou mobilização intensa das forças de segurança e saúde do estado. Ele deve chegar ao município no início da tarde, segundo a assessoria de imprensa do governo de Minas.

Fonte: Correio Braziliense

Detentos fazem nova rebelião e tomam teto de presídio no Piauí

Detentos se rebelaram novamente e tomaram a Penitenciária Regional Luiz Gonzaga Rebelo, no município de Esperantina, Norte do Piauí, nesta sexta-feira (6), segundo o Sindicato dos Agentes Penitenciários (Sinpoljuspi). A informação foi confirmada pela Secretaria de Justiça do Piauí (Sejus). No início da tarde, um motim nos pavilhões C e D da unidade deixou três presos feridos.
De acordo com o presidente do Sinpoljuspi, José Roberto, a rebelião chegou a mais duas alas da unidade. “Agora são 390 presos, dos 420. Os pavilhões A, B, C e D estão todos rebelados. Tomaram de conta de toda a estrutura da carceragem e passarelas”, informou. O sindicato informou que a penitenciária tem 156 vagas e no momento abriga 420 presos.
Segundo o sindicato, apenas quatro agentes penitenciários estão de plantão hoje. “Tem outros três da direção e um que estava de folga e foi colaborar”, afirmou Zé Roberto.


A Secretaria de Justiça (Sejus) informou que quatro guarnições da Tropa de Choque da Polícia Militar, além da Força Tática de três municípios próximos (Piripiri, Campo Maior e Pedro II) foram acionados para o local.
Conforme a Sejus, 40 policiais do efetivo convencional, 30 de Choque, 8 agentes penitenciários do Comando de Operações e efetivo do Canil da PM também tentam conter a rebelião.

Fonte: G1