segunda-feira, 27 de novembro de 2017

Sul-africana é eleita Miss Universo 2017; brasileira fica no top 10


Uma semana após a indiana Manushi Chhillar vencer o Miss Mundo, a sul-africana Demi-Leigh Nel-Peters, de 22 anos, foi eleita Miss Universo 2017 na madrugada desta segunda-feira (27), em Las Vegas, nos Estados Unidos. A representante da África do Sul recebeu a coroa das mãos de Iris Mittenaere, eleita Miss Universo em 2016. Esta é a segunda vencedora da África do Sul. A primeira foi coroada em 1978. A Miss Colômbia, Laura González Ospina, ficou em segundo lugar, e a Miss Jamaica, Davina Bennett, em terceiro.

MISS UNIVERSO É FORMADA EM ADMINISTRAÇÃO
Formada em Administração de Empresas pela Universidade North West, Demi-Leigh criou um programa que ensina autodefesa para mulheres depois de sofrer um sequestro pouco antes de ser escolhida como Miss. Em vídeo exibido no concurso, ela revelou que lutou contra o criminoso para fugir. A sul-africana tem intenção de expandir o ensino com workshops pelo mundo.

MONALYSA ALCÂNTARA FICA ENTRE AS TOP 10
A brasileira Monalysa Alcântara, que homenageou a Amazônia com um look de R$ 30 mil, ficou entre as top 10 do concurso. No evento, a piauiense desfilou com naked dress vermelho assinado por Glória Coelho. Ao Purepeople, Monalysa destacou a importância do posto: "Com esse título eu posso representar milhares de brasileiros e também as mulheres negras. Eu sempre quis combater o preconceito racial, lutar contra as minorias e agora eu tenho representatividade".

BRASILEIRA FOI ALVO DE ATAQUE RACISTA
No "Encontro com Fátima Bernardes", em agosto, logo depois de ser coroada Miss Brasil, Monalysa minimizou os ataques racistas sofridos na internet: "Eu imaginava que isso ia acontecer. Sou bem preparada para isso e já aconteceu muito na minha vida". "As pessoas sempre duvidavam de mim. Enfim, já estava acostumada com esses ataques. Mas quando entrei e virei Miss Brasil essa proporção foi bem maior, sabe? A minha família viu isso. Claro que machuca! Você vê que existe um preconceito tão tolo ainda no Brasil. Claro que fiquei um pouco chateada mas isso não me fere não, sinceramente. Sou muito alegre", completou.

(Por Tatiana Mariano)

Fonte: Portal A Tarde

Globo veta Maitê Proença, Carolina Ferraz e Pedro Cardoso por ingratidão


Os fãs de Pedro Cardoso, Carolina Ferraz e Maitê Proença não poderão mais prestigiar o trabalho dos artistas na programação da Globo. Isso porque a cúpula da emissora decidiu banir os atores por considerá-los ingratos, segundo o site "Notícias da Tv".
A decisão foi tomada depois que Carolina processou a emissora reivindicando direitos trabalhistas e após Pedro Cardoso e Maitê criticarem a rede de TV.
Ainda de acordo com a publicação, diretores da Globo avaliam que não devem dar trabalho a quem processa ou fala mal da casa. Se o ator não gosta da emissora ou acha que foi injustiçado por ela, deve procurar trabalho em "outra freguesia".
Até a publicação desta matéria, os artistas não se pronunciaram sobre o assunto.

Fonte: Portal A Tarde

Homem invade redação do 'Jornal Nacional' e rouba carteira de funcionário


Na última semana, uma situação um tanto quanto inusitada marcou a redação do “Jornal Nacional”, o noticiário mais assistido atualmente na televisão aberta do país.
Segundo o jornal “O Dia”, um dos funcionários da Globo teve a sua carteira furtadaenquanto trabalhava no local. Pelas câmeras internas, os seguranças do canal conseguiram identificar o autor do crime, que seria um senhor de idade que tem deficiência em uma das pernas.
O homem em questão entrou no lugar pela garagem da Globo e permaneceu na redação do programa por cerca de quatro horas sem ninguém perceber a sua presença. Após o ocorrido, a segurança nos estúdios foi reforçada.

Fonte: Yahoo

Cientistas afirmam ter descoberto a origem do ouro


MADRI — O ouro é um dos metais mais cobiçados em todo o mundo, e sua origem, um dos maiores mistérios da Humanidade, mas uma equipe internacional de pesquisadores acredita ter chegado a uma resposta. O trabalho, publicado na revista “Nature Communications”, aponta que o metal veio à superfície originado das regiões mais profundas da Terra, e os movimentos internos do planeta favoreceram a ascensão e concentração do cobiçado material.
Os pesquisadores encontraram evidências desse processo na Patagônia argentina. O interior do planeta é formado, basicamente, por três camadas: crosta, manto e núcleo. O manto é a camada que separa o núcleo da crosta, a camada onde vivemos.
— Os minerais que extraímos e que apoiam a nossa economia estão localizadas na crosta. A busca pelo ouro já motivou migrações, expedições e até guerras, mas sua origem é uma das principais questões no campo dos depósitos minerais — comentou José María González Jiménez, da Universidade de Granada.

DISTÂNCIA 'INALCANÇÁVEL' ATÉ AS PROFUNDEZAS DA TERRA
O manto, cujo limite superior fica a aproximadamente 70 quilômetros de profundidade, é inacessível para as atuais tecnologias humanas, mas o material nele armazenado chega à superfície pelas erupções vulcânicas, incluindo os xenólitos (fragmentos de rocha). Foi nesses fragmentos, trazidos à tona de regiões profundas do planeta, que os pesquisadores encontraram pequenas partículas de ouro, com espessura de um fio de cabelo e originadas no manto terrestre.
— A distância é inalcançável para a Humanidade, já que não possuímos meios para alcançar o manto e conhecermos mais sobre ele de forma direta — disse Jiménez.
A região estudada foi a do Maciço de Deseado, no Deserto da Patagônia argentina, onde o ouro foi encontrado pela primeira vez na América do Sul. A província possui uma das maiores reservas do metal no planeta, que é explorado ainda hoje.
Como a concentração de ouro na crosta é alta, os pesquisadores foram capazes de determinar por que os depósitos são limitados a algumas regiões do planeta. A explicação é que o manto sob aquela região da Patagônia é única, tem a tendência a gerar depósitos do ouro vindo do manto.
— A história remonta a 200 milhões de anos, quando a África e a América do Sul faziam parte do mesmo continente — explicou Jiménez. — A separação foi causada, entre outros fatores, pela ascensão de uma “pluma do manto”, que quebrou a crosta. A pluma gerou uma verdadeira fábrica de produtos químicos e enriqueceu o manto de metais. Depois, o processo provocado pelo movimento de uma placa tectônica sobre outra permitiu a circulação de fluidos ricos em metais por fendas na crosta, que se concentraram perto da superfície.

Fonte: O Globo

Silvia Abravanel fala sobre o orgulho que tem de ser adotada

Sílvia Abravanel (à esquerda) ao lado do pai, Sílvio, e da irmã Patrícia
Durante participação no programa "Eliana", do SBT, neste domingo, 26, a apresentadora Silvia Abravanel contou sobre sua criação e como foi crescer sabendo ser filha adotiva de Silvio Santos. A apresentadora do "Bom Dia & Cia" contou que foi adotada com só três dias de vida e que sempre teve orgulho disso.
"Isso nunca me trouxe problema, sempre tive orgulho de ter sido adotiva. Pra mim, eu fui um presente pro meu pai, um presente do coração", disse Silvia. Ela também revelou que descobriu não ser filha biológica do dono do SBT quando ainda era criança. "Eu acho que tinha uns seis, sete, oito anos, por aí. Eu ouvia esse termo (adotada) de uma das minhas irmãs. Eu achava que eu era doente. Eu cheguei pro meu pai: "pai, eu tenho alguma doença chamada adotiva?". Aí ele chamou a mim, a Cintia e a Daniela e explicou que eu não era uma filha da barriga da mamãe, mas que eu era uma filha do coração", falou, emocionada.
Silvia explicou que chegou a procurar sua família biológica, mas logo desistiu da ideia. "Eu tinha curiosidade porque todas as pessoas falavam: 'pareço com meu pai, pareço com a minha mãe'. Eu perguntava: 'eu pareço com quem?' Eu tentei até ir atrás, mas chegou um momento que eu vi que algumas pessoas iriam ficar machucadas, então eu deixei isso para lá. O que importa é quem me criou, quem me deu carinho, quem me deu atenção", completou.

Fonte: Portal A Tarde

'Socialite' que xingou Titi e ameaçou Anitta não está livre da lei brasileira por morar no exterior


A delegada Daniela Terra, titular da Delegacia de Repressão aos Crimes de Informática (DRCI) do Rio de Janeiro, afirmou que foi aberto um inquérito contra a "socialite" brasileira Day McCarthy, que usou de sua rede social para ofender Titi, filha dos atores Bruno Gagliasso e Giovanna Ewbank, com comentários racistas. De acordo com a delegada, McCarthy terá de prestar depoimento mesmo morando fora do país, no Canadá. O pai da criança de 4 anos registrou queixa contra Day na manhã desta segunda-feira (27).
"Essa pessoa vai ser chamada para prestar depoimento. Apesar de parecer que ela está fora do Brasil, a lei penal é aplicada a ela mesmo assim. Ela responde por todos os crimes cometidos contra a filha de Gagliasso", disse Daniela em coletiva de imprensa realizada na delegacia. Em um vídeo publicado na função Stories do Instagram neste domingo (26), McCarthy se referiu a criança como "macaca": "A menina é preta. Tem o cabelo horrível de pico de palha, tem o nariz de preto horrível e o povo fala que a menina é linda".
A delegada também disse que Day será convocada através de uma carta rogatória, instrumento jurídico utilizado para estabelecer uma cooperação entre dois países. "Como a vítima do crime é a Titi, além do Bruno Gagliasso e a Giovanna, que são brasileiros e moram aqui, a lei aplicada será a brasileira. Nestes casos, não importa onde esteja a pessoa que cometeu o crime, ela terá de responder à Justiça do Brasil", explicou.
Também em entrevista aos jornalistas que estavam na delegacia durante esta segunda-feira, Gagliasso classificou os comentários como "covardia". "O crime que ela cometeu afeta todo o país, e muita gente que sofre com isso. Não só a minha filha, a mim como pai, como a todo brasileiro", disse o ator. "Se nós não fizermos nada, isso vai continuar acontecendo. Isso não pode ficar impune", ressaltou.
Nesta segunda-feira, McCarthy também publicou em sua rede social que possuía um vídeo da cantora Anitta usando cocaína. A intérprete de Downtown se posicionou sobre a ameaça através de uma nota enviada por sua assessoria de imprensa. A artista lamentou "as calúnias absurdas a seu respeito" e acusou Day de criar esta polêmica para tirar o foco de seu "crime repugnante de racismo".

Fonte: Diário de Pernambuco

Garotinho vai a audiência por calúnia contra ex-Bope Rodrigo Pimentel


Recém-transferido para Bangu 8, Garotinho terá direito a uma breve saída na tarde de hoje.
Vai comparecer a uma audiência na 40ª Vara Criminal Tribunal de Justiça do Rio de Janeiro. A área teve o policiamento reforçado e corredores foram isolados para a recebê-lo.
O motivo nada tem a ver com as operações Chequinho ou Caixa d'água. Garotinho é acusado de calúnia e difamação, em um processo movido pelo capitão Rodrigo Pimentel.
Ex-policial do Bope e comentarista de segurança pública na TV Globo, Pimentel contará com o testemunho da cúpula da força de operações especiais da Polícia Militar do Estado do Rio de Janeiro.
Em 2012, Garotinho publicou dois textos em seu blog sobre o "passado que envergonha Rodrigo Pimentel", acusando-o de defender Sérgio Cabral e simular surdez para se aposentar.

Fonte: O Globo

Quem é a socialite que atacou filha de Gagliasso e outros famosos?


Neste final de semana, o vídeo de uma socialite chocou os brasileiros. Nele, Day McCarthy fez várias ofensas racistas a Titi, filha dos atores Giovanna Ewbank e Bruno Gagliasso. E tem mais: essa não foi a primeira vez que a socialite apareceu fazendo comentários preconceituosos na web. Mas quem é Day McCarthy?
O nome dela é Dayane Alcantara Couto de Andrade, natural de Vitória (ES) e ela mora no Canadá, segundo informação do iG. Nas redes sociais, costuma publicar várias fotos ao lado de famosos como Katy Perry, Claudia Leitte, Rodrigo Alves (o Ken Humano), Kim Kardashian e outros. Ela frequenta festas e eventos nos Estados Unidos - foi a um VMA, premiação fechada somente para convidados. A mulher tem 600 mil seguidores no Instagram, sua rede mais ativa.
A maioria das informações disponíveis sobre Day provêm dela mesma. Ela tem um site pessoal em que se define como escritora desde a infância, afirmando que publicou quatro livros - contudo, não divulga o nome de nenhum deles. Buscando com seu nome, aparece apenas um livro, chamado de "Primeiro Amor", publicado por uma editora cujo site não funciona mais. A informação está em um blog cujo último post é de 2010. Ela se descreve como alguém que pretende levar “alegria, esperança e reflexões às pessoas ao redor do mundo”.
Ela diz ainda que tem diploma de bacharel em artes pela New York Film Academy e que frequentou a famosa Universidade de Harvard. A socialite diz também ter diploma de administração na Universidade George Washington. Ela se descreve como latina com orgulho e afirma ter negócios nos EUA e na Europa, mas não há referências a isso na internet. 
Mesmo sem morar no Brasil, ela é fã da família Bolsonaro, chegando a fazer campanha para Jair Bolsonaro presidente em suas stories no Instagram. Nos EUA, ela apoia o presidente Donald Trump. 

Inquérito
A polícia do Rio de Janeiro abriu um inquérito para investigar o caso. De acordo com a delegada Daniela Terra, titular da Delegacia de Repressão aos Crimes de Informática (DRCI), a socialite será intimada para prestar depoimento e deve responder por injúria racial e difamação.
Como Day mora no Canadá, ela será convocada através de uma carta rogatória, instrumento jurídico de cooperação entre dois países.

Tudo mentira?
O jornalista Felipeh Campos, especialista no mundo das celebridades do programa "A Tarde é Sua", afirma que Day na verdade não mora nos EUA nem no Canadá e não é socialite. Ela moraria na Suíça com o marido, que é operário, e leva uma vida humilde. Apesar disso, a embaixada da Suíça informou ao programa da RedeTV que não tem nenhuma informação sobre a brasileira.
O colunista diz ainda que ela tem problemas com a bebida - segundo amigos, por isso que ela faz muitas de suas declarações polêmicas. A morena teria fingido ser empresária para alguns artistas brasileiros, usando isso para se aproximar de muitos famosos.


Veja outros ataques da parte da socialite

Rafa Justus
Day chamou atenção ao comparar Rafa Justus, filha de Ticiane Pinheiro e Roberto Justus, com o boneco Chuck. McCarthy disse que a menina, de apenas 9 anos, havia sido "separada ainda na maternidade" do personagem. "Brasileiro quer processar tudo, mas eu moro no Canadá e o Justus não tem cidadania canadense. Pra ele vir aqui me processar, ele teria que ter a cidadania. E outra: as leis aqui [no Canadá] e no Brasil são diferentes. Eu achar a Rafaella Justus feia não é crime, tá? Ela é feia, tem um metro de testa, olho torto, e daí? Eu também sou feia", disse. "As pessoas me chamam de feia e é ‘ok’, mas chamar a menina de feia não é ‘ok’. Esse povo puxa muito o saco de famoso. Vocês acham ela a cara do Chuck mas não têm coragem de falar. Mas eu tenho. Isso porque a Ticiane deu o golpe em velho. Filho de velho nasce com doença”, continuou.

Depois do caso com Rafa Justus, a socialite chegou a ter a conta suspensa no Instagram, mas voltou algum tempo depois, ostentando seu estilo de vida cheio de festas e encontros com famosos.

Filho de Ana Hickmann
Ela também estava por trás de um comentário homofóbico que atacou o pequeno Alexandre, 3 anos, filho de Ana Hickmann. “Esse seu filho é um bicha do caralho! Eita menino bicha ridículo! Horroroso e magrelo nojento”, diz a mensagem. O comentário foi feito em nome de Debora Buecheler, que seria amiga de Day, e ambas teriam escrito juntas. Ela mesma confessou isso em um vídeo, que depois teve um print pela apresentadora. "Gente, hoje eu sai com minha amiga aqui na Suíça e a gente acabou bebendo demais e eu acabei escrevendo aquelas merdas na foto da Ana Hickmann, tava bêbada quando escrevi aquelas coisas”, afirmou a socialite.


Anitta "cheira pó"
Este final de semana, depois do vídeo racista contra Titi, ela ainda atacou a cantora Anitta e a atriz Thaila Ayala, afirmando que ambas usam cocaína. Ela ameaçou divulgar um vídeo de Anitta "cheirando pó", caso a cantora a irritasse. "Tô esperando o processo da Anitta até hoje. O povo não falou: 'Ah, a Anitta vai te processar'. Querida, a Anitta cheira pó sim, cheirou pó na minha frente e eu ainda filmei sem querer e, se me irritar muito, eu posto o vídeo mesmo pra mostrar", disse. Como "prova", ela mostrou uma foto durante uma festa com a cantora e um vídeo filmado do banco traseiro de um carro dirigido pela famosa.
A assessoria da cantora divulgou uma nota negando que ela use a droga e dizendo que se trata de uma tentativa de Day de desviar atenção dos ataques racistas contra uma criança. 
"Por meio de nota divulgada por sua assessoria, Anitta manifesta sua indignação sobre o fato de acusações mentirosas ganharem tamanha credibilidade e repercussão. A cantora lamenta profundamente que calúnias absurdas a seu respeito provenientes de correntes de seguidores e likes em redes sociais possam tirar o foco do preconceito, do crime repugnante de racismo e homofobia praticado contra crianças. Anitta se solidariza com todos os que sofrem ataques virtuais por meio das redes sociais e repudia qualquer tipo de preconceito, homofobia, racismo, injúria e mentira. Por fim, a artista faz um apelo para que os meios de comunicação e seus seguidores não deem espaço e credibilidade a discursos de ódio e aproveitadores dessa natureza".

Fonte: CorreioDaBahia

#PeloMenosOcorreuTudoBem - Noivos levam golpe de R$ 30 mil e têm festa improvisada em MT: 'compramos todos os doces do mercado

Luana Mores Barbosa, de 19 anos, e Magno Rodrigues, de 23, ganharam um cerimonial de graça
Um casal de noivos afirma ter levado um calote de R$ 30 mil no sábado (25), em Rondonópolis, a 218 km de Cuiabá. Luana Mores Barbosa, de 19 anos, e Magno Rodrigues, de 23, encontraram o local da festa de casamento sem decoração, buffet ou qualquer serviço que tinham contratado pela empresa ‘Evento 7’.
Para conseguir realizar o casamento, o casal contou com a ajuda de padrinhos e da família. Os convidados compraram comida, doces, bebidas e ajudaram a preparar os alimentos para a festa. O DJ, que também levou calote da empresa, tocou de graça na festa. Até o buquê foi improvisado.

Convidados ajudam noivos em cerimonial após calote
A mãe de Luana registrou nesta segunda-feira (27) um boletim de ocorrência na polícia, em Rondonópolis. O G1 ligou para a empresa, mas os dois celulares disponíveis estavam desligados. A empresa está no nome de Jhonathan Almeida.
Luana conta que encontrou a página da empresa em uma rede social há mais de seis meses e que gostou das fotos de outros casamentos. Ela entrou em contato com Jhonathan e começou a acertar os detalhes para fechar o contrato.
“Era meu sonho. Minha mãe vendeu a casa [para pagar o casamento]. Era o sonho dela também. Decidi os detalhes, fiz o contrato. Era para o meu casamento ter sido maravilhoso”, disse Luana.

Os noivos pagaram R$ 30,9 mil para a empresa realizar a cerimônia. Através de Jhonathan, o casal contratou o local onde a cerimônia ocorreria, buffet completo, decoração, flores, doces.
Também estava previsto no contrato o pagamento aos profissionais que trabalhariam no casamento, como garçons, seguranças e manobristas. No dia do evento, só encontraram no local cadeiras e mesas sujas, sem decoração ou qualquer tipo de alimento ou bebida.
“Meus convidados encontraram o espaço de evento sem decoração, sem nada, nem prato tinha. O pessoal [convidados, padrinhos e família] se solidarizou com a situação. Conseguimos um cerimonial de graça, de última hora”, disse a noiva.

A cerimonialista conseguiu comprar flores e decoração de última hora.
“Meus padrinhos foram no mercado e compraram todos os doces, gastaram mais de R$ 1 mil. A pastora da igreja comprou comida e foi fazer para os convidados. Conseguimos alugar pratos de última hora”, detalhou Luana.


A empresa comprou uma suíte presidencial em um hotel de Rondonópolis, onde os noivos se arrumariam antes do casamento durante o período da tarde de sábado.
“A namorada dele e outra pessoa fizeram a minha unha e o serviço de massagem. Do nada os três responsáveis [pelo evento] sumiram. Meu noivo ficou desesperado, a cerimônia teria que começar às 18h”, lembra Luana.

O hotel foi parcialmente pago pela empresa. Os noivos tiveram que pagar o restante do serviço e gastaram com alimentação.

Convidados ajudam noivos em festa improvisada
Enquanto os convidados e padrinhos se desdobravam para conseguir arrumar o casamento, Luana e Magno tentavam falar com Jhonathan.
“Eu consegui falar com ele [responsável pela empresa] e disse: ‘você acabou com meu sonho. que você fez? Destruiu meu sonho. Ele não se justificava, só pedia desculpa”, contou Luana.

Noivos se casam em festa improvisada
Os noivos souberam, depois, que outras pessoas tomaram calote da mesma empresa. Fornecedores também sofreram prejuízos nessa situação.
“Fiquei chocada. Eu entrei chorando [no casamento], meu noivo entrou chorando, todos os convidados estavam chorando e emocionados", disse a noiva.

Eu tirei de lição, dessa situação, que a união foi maravilhosa. Essas pessoas e esses amigos são anjos na minha vida, ninguém faria isso por mim. Não tinha nada [na festa], acabou o meu sonho, nunca vou esquecer”, disse Luana.
Os noivos se casaram três horas depois do que estava previsto. Eles viajaram para passar a lua de mel em Maceió.

Leão Lobo explica ausência no casamento de artista do SBT: “Não fui convidado”


O apresentador Leão Lobo aproveitou o programa Fofocalizando desta segunda-feira, 27 de novembro, para desabafar e mandar um recado para o humorista Tiago Barnabé, o imitador da Narcisa Tamborindeguy do programa Eliana.
Tiago se casou recentemente e contou com toda a ajuda de Eliana e da equipe do dominical, que realizou todo o casamento do rapaz. “Sem palavras para descrever o carinho de vcs e de todas as msgns. @eliana minha amiga não tenho palavras @arieljacobowitz obrigado e todos da sua produções os meus amigos ! @cabertolazzi lindo o lugar! E a vcs q nos assistiram q Deus abençoe a família de cada um de vcs!”, agradeceu ele no Instagram.


Leão soltou o verbo e explicou o motivo de sua ausência no casamento do rapaz, que também já foi contratado da RedeTV!, onde trabalhou no TV Fama. “Não fui ao casamento porque não fui convidado, viu Tiago Barnabé?”, disse o apresentador ao vivo.

Fonte: TV Foco

Mara Maravilha acusa Carlinhos Aguiar de tentar tirar emprego de apresentador do Fofocalizando

Mara Maravilha no Jogo dos Pontinhos
A apresentadora Mara Maravilha, do Fofocalizando, jogou mais uma farpa em Carlinhos Aguiar no Jogo dos Pontinhos, quadro do programa Sílvio Santos, deste domingo (26). Ela declarou estar insatisfeita com o comportamento do ator, que também estava presente no programa e foi demitido há duas semanas do SBT, e revelou que ele queria tirar o emprego de Décio Piccinini, que também apresenta o mesmo programa que Mara. "Estou chateada com ele porquê fiquei sabendo que ele quer pegar o lugar do Piccinini, que ele está ficando mais fofoqueiro que o Piccinini", explicou.
Sílvio mudou de assunto, mas manteve Piccinini nas fofocas e insinuou haver algo entre Mara e ele, e ela negou. "Eu admito tudo, agora isso não".