quarta-feira, 30 de maio de 2018

#PersonagensInesquecíveis - Maria Regina, grande vilã de 'Suave Veneno' (1999)


Maria Regina foi interpretada por Letícia Spiller e fez parte da novela das oito Suave Veneno, de Aguinaldo Silva, exibida entre 18 de janeiro e 17 de setembro de 1999 em 209 capítulos. A personagem era a executiva principal da Marmoreal, empresa criada por seu pai, Waldomiro (José Wilker), mas não se contentava com pouco, pois o que ela queria mesmo era presidi-la.

Luana Piovani (Maria Eduarda), Letícia Spiller, José Wilker, Irene Ravache (Eleonor, ex-mulher de Waldomiro) e Vanessa Lóes (Maria Antônia) formavam o núcleo principal da novela Suave Veneno. Todos os personagens formavam a família Cerqueira.
Era casada com o também executivo Álvaro Figueira (Kadu Moliterno), com quem teve dois filhos, Patrícia (Cecília Dassi) e Rafael (Herval Siqueira). Estudou em boas universidades, e por isso desprezava as origens nordestinas de Waldomiro e se achava melhor preparada para assumir a Marmoreal. Passou boa parte do folhetim tentando tirar o pai do cargo na empresa e infernizando a vida de Maria Inês (Glória Pires), nova mulher de seu pai e, para ela, uma intrusa na família.
Apesar de Suave Veneno ter ido mal no ibope, com apenas 38 pontos de média geral, Maria Regina entrou no rol das maiores vilãs da teledramaturgia.

Nenhum comentário: