quarta-feira, 20 de junho de 2018

Acusado de abuso sexual, Kevin Spacey estará de volta aos cinemas em agosto


*Sapo.pt/UOL/DN.pt/Cláudia

O ator americano Kevin Spacey estará de volta aos filmes com a estréia de 'Billionaire Boys Club', em agosto, cuja história se passa nos anos 80 e é focada em um grupo de adolescentes, todos de Los Angeles, que pensam em arrumar uma maneira de terem muito dinheiro. Kevin será visto como um vigarista, papel secundário da produção, que chegará aos cinemas sob distribuição da Vertical Entertainment.
Kevin trabalhava na série de sucesso House Of Cards, um dos maiores sucessos da Netflix, quando foi acusado quatro vezes de abuso sexual. A jornalista americana Heather Unruh disse que há dois anos o ator agarrou os órgãos genitais de seu filho, na época com 18 anos. O barman Kris Nixon, da Irlanda, passou pela mesma coisa nove anos antes.
Uma pessoa, de 45 anos, que preferiu não se identificar, disse que, aos 22, Kevin teria lhe feito uma massagem e posto a mão em sua coxa em seguida. Teve ainda uma mulher, Kate Edwards, hoje com 49 anos, que relembrou ter sido convidada para uma festa de aniversário do ator, mas ao chegar lá, não tinha nenhum convidado, apenas os dois. Ele queria fazer sexo com ela.
Kevin Spacey também foi acusado de abusar do ator Anthony Rapp, integrante da série Star Trek, na época com 14 anos (hoje com 46); um produtor da série House Of Cards, que não quis ter seu nome exposto e disse que era tocado "de um jeito estranho", e um assistente de produção, que teve sua genitália tocada pelo ator.
Em nota, a Vertical Entertainment explicou que o filme havia sido gravado antes de surgirem as acusações contra Kevin, fazendo questão de deixar claro que "não endossa" o assédio e seu apoio às vítimas.

Nenhum comentário:

Postar um comentário