sábado, 30 de junho de 2018

Filme 'Nada a Perder' vai para as plataformas da Netflix

Petrônio Gontijo como Edir Macedo em cena de 'Nada A Perder'
A turma da Netflix parece que está mesmo à fim de gastar dinheiro com bobagem. Ontem (29), eles puseram na plataforma digital a suposta biografia do bispo Edir Macedo, atual dono da Record e responsável por difundir a Igreja Universal em todo o país. 'Nada A Perder' lidera a lista das produções que mais "levaram" espectadores às salas de cinema, mas, na verdade, não passa de um fracasso, pois durante o período que esteve em cartaz, entre os dias 29 de março e 06 de maio, o filme era rodado mesmo com as salas praticamente vazias.

André Gonçalves e Camila Czerkes como o cunhado de Edir, o pastor RR Soares, e a esposa, Maria Magdalena
Petrônio Gontijo ao lado de Day Mesquita, que viveu a esposa do Edir, Ester Bezerra
Ao todo, de acordo com o que aparece no ranking, Nada A Perder foi "visto" por mais de 14 milhões de espectadores, ultrapassando a também "vista" 'Os Dez Mandamentos - O Filme', e também 'Tropa de Elite 2' (2007), 'Dona Flor e Seus Dois Maridos' (1977), 'Minha Mãe É Uma Peça 2' (2017), 'A Dama do Lotação' (1978) e 'Se Eu Fosse Você 2' (2006). O filme de Edir ainda chegou a figurar a lista dos 100 piores filmes de todos os tempos segundo a IMDB. É muito sucesso, hein?
Algumas histórias do bilionário, que já foi acusado de desvio de dinheiro e tráfico de crianças, e de todos que o acercam são bem duvidosas, mas acredita nelas quem quiser. A irmã, Elcy, por exemplo, foi a primeira a se tornar evangélica por ter se curado de asma, aos 17, mas, até onde sabemos, esta doença não tem cura. Que milagre foi esse? E com que dinheiro ele teria construído, em São Paulo, o Templo de Salomão, que custou 680 milhões de reais? O título não poderia ser 'Tempo A Perder'? Enfim, sabemos apenas que foi uma besteira a Netflix ter comprado esse filme.

Nenhum comentário: