sábado, 20 de janeiro de 2018

Por problemas de saúde, show de cantora em Florianópolis é cancelado


G1 - A cantora carioca Iza, que faria show em Florianópolis neste sábado (20), cancelou a apresentação. Segundo a assessoria do Stage Music Park, onde ocorreria o evento, a artista foi impossibilitada de viajar para a capital catarinense por problemas de saúde.
Ainda conforme o Stage Music Park, mais informações sobre um possível reagendamento e sobre o ressarcimento do valor pago nos ingressos para aqueles que quiserem o dinheiro de volta, serão dadas na segunda-feira (22).

#Pará - Sargento da PM é morto quando saía do serviço


O sargento Pojo, do 6º Batalhão da Polícia Militar, foi morto quando deixava mais um dia de trabalho, na noite deste sábado (20).
Ele foi alvejado com três tiros dentro do próprio veículo, na rua 13 de maio, no bairro do Curuçambá, em Ananindeua.
As circunstâncias do crime ainda estavam sendo levantadas pela Polícia Militar da área, até a publicação da reportagem. A principal suspeita era a de que ele teria reagido a uma tentativa de assalto.

SÁBADO VIOLENTO
A morte do sargento se soma aos outros casos de violência ocorridos durante o sábado. À tarde, dois mototaxistas foram assassinados, sendo um na rua Quinta das Carmitas e outro no Curuçambá.
Já no canteiro central do Paar, em Ananindeua, uma pessoa morreu e duas ficaram feridas após serem baleadas.
Também durante a tarde, um homem foi assassinado dentro de um quitinete no bairro do Jurunas.

Fonte: Diário Online

Caixa aprova estatuto que muda escolha de dirigentes


Jornal do Brasil - A Assembleia Geral da Caixa aprovou nesta sexta-feira (19) o novo estatuto do banco, que institui mudanças como a criação da Assembleia Geral, novas regras para escolha e atuação dos dirigentes do banco, busca de maior transparência nos processos decisórios e criação de novos comitês estatutários. Os vice-presidentes da Caixa Econômica Federal não mais poderão ser nomeados pelo presidente da República.
O novo estatuto prevê que tanto a escolha quanto a destituição de vice-presidentes da Caixa serão feitas pelo Conselho Administrativo, composto por um quarto de membros independentes, depois de manifestação do Comitê de Indicação e Remuneração do banco. Os indicados para estes cargos também deverão ser aprovados pelo Banco Central e passar por avaliação de consultores especializados em recrutamento de executivos.
Os membros do Conselho Administrativo também serão escolhidos pela Assembleia Geral da Caixa, que ainda tem a atribuição de definir a remuneração dos administradores, aprovar demonstrações contáveis e tratar de questões como fusões e aquisições do conglomerado. O estatuto cria ainda quatro comitês estatutários, reformula o de Comitê de Riscos e mantém seis grupos que têm funções específicas e variadas, como auditoria e prevenção de crimes.


O novo regulamento torna mais rígidos os critérios de escolha dos indicados para os cargos da vice-presidência, além de manter as antigas exigências de reputação ilibada, notório conhecimento técnico compatível com o cargo, curso superior e experiência profissional. O banco deverá ainda seguir novas práticas de gestão de riscos e divulgar uma carta anual de governança.
Nesta semana, o presidente Gilberto Occhi designou a substituição, por 30 dias, dos quatro vice-presidentes afastados por Michel Temer na terça (16). O afastamento foi decidido após recomendações do Ministério Público Federal do Distrito Federal e do Banco Central, por suspeitas de irregularidades investigadas nas operações Greenfield e Sépsis.
A Caixa destacou que o no estatuto está adequado à Lei das Estatais (Lei nº 13.303/ 2016), à Lei 6.404/1976 e ao Programa de Destaque em Governança das Estatais da B3, e que eles será remetido ao Banco Central. "O novo estatuto é um importante marco na gestão e governança da Caixa."

Febre amarela: governo de MG decreta situação de emergência


Jornal do Brasil - O governo de Minas Gerais decretou neste sábado (20) situação de emergência de saúde pública em três regionais do estado por seis meses por causa da febre amarela. A medida abrange as unidades regionais de saúde dos municípios de Belo Horizonte, Itabira e Ponte Nova - 94 cidades no total.
O decreto assinado pelo governador Fernando Pimentel autoriza a adoção de medidas administrativas necessárias à contenção do surto, em especial a aquisição pública de insumos e materiais. Além disso, a medida assegura a contratação de serviços necessários ao atendimento da situação emergencial.

Casos
Com o segundo período de monitoramento epidemiológico dos casos de febre amarela em Minas Gerais, de julho do ano passado até o início deste ano, foram confirmados no estado 22 casos da doença. Segundo a Secretaria de Estado da Saúde, destes, 15 evoluíram para óbito. Nesse período, foram descartados 40 casos suspeitos, e há 46 casos em investigação em 24 municípios.
Atualmente, a cobertura vacinal acumulada de febre amarela no estado de Minas Gerais está em torno de 82%. De acordo com informe epidemiológico divulgado na quarta-feira (17), estima-se que haja no estado pouco mais de 3 milhões de pessoas que ainda não foram vacinadas, especialmente na faixa etária de 15 a 59 anos, que também foi a mais acometida pela epidemia de febre amarela silvestre ocorrida em 2017.

Maior parte da madeira brasileira exportada é de origem ilegal, alerta especialista

A Polícia Federal e o Ibama apreenderam 444 contêineres com madeira ilegal que teriam como destino Europa, Estados Unidos e outros locais do Brasil. O material foi extraído de Roraima, Rondônia e Amazonas.
De acordo com a PF, a "Operação Arquimedes" teve como ponto de partida um alerta da Receita Federal sobre a falsificação de documentos. A apreensão ocorreu na quinta-feira (18) e, caso fosse possível colocar em linha toda a madeira, seria suficiente para cobrir um percurso de 1.500 km, quase a distância entre Brasília e Salvador.
A Sputnik Brasil entrevistou Juan Doblas, assessor do Instituto Socioambiental (ISA), para entender o impacto do desmatamento. Ele diz que a derrubada de árvores grandes afeta toda a floresta já que elas funcionam como proteção contra incêndios e outros tipos de degradação.
Doblas diz que todo o setor de exportação de madeira está "poluído" e que a maior parte das exportações tem problemas legais.
"A máxima preocupação que temos agora [com o comércio de madeira] é o que os futuros maiores compradores de madeira são os chineses. E eles não se preocupam com esses padrões éticos, a gente vai ter que pensar em fazer o dever de casa. A oferta precisa estar limpa", diz o membro do Instituto Socioambiental.
Doblas diz que a madeira que mais chama atenção dos contrabandistas no momento é o ipê — e esta situação é preocupante porque as empresas legalizadas do setor não costumam trabalhar com ela. O valor do metro cúbico do ipê pode ultrapassar US$ 5 mil, diz Juan Doblas.
"O ciclo de crescimento do ipê é de 80 anos, às vezes 100 anos, até que uma árvore atinja o porte necessário para o corte. Isso implica em que o manejo do ipê nunca é sustentável porque nenhuma empresa de madeira vai esperar 80 anos para cortar. Então o que termina acontecendo é um processo praticamente de mineração de madeira, não é sustentável e afeta a floresta inteira", afirma o assessor do ISA.

Fonte: Jornal do Brasil

Reforma tributária de Trump deixa Brasil menos atraente para investidores americanos


Gazeta do Povo - A reforma tributária de Donald Trump, aprovada pelo Congresso dos Estados Unidos no final do ano passado, pode prejudicar o Brasil, reduzindo os investimentos americanos por aqui. Por outro lado, empresas brasileiras que exportam para os Estados Unidos podem verificar, como reflexo da medida, um maior volume de seus negócios. Para especialistas, as mudanças aprovadas nos EUA apressam a necessidade de uma reforma tributária brasileira.
Os Estados Unidos são um dos principais parceiros de negócios do Brasil, com empresas instaladas no país e investimentos financeiros. A reforma de Trump reduziu a alíquota tributária para o setor produtivo e financeiro de 35% para 21%, com o mote de incentivar pessoas jurídicas a manterem investimentos no território americano.
“O Brasil não deixa de ser atrativo, pois é um local estratégico na América do Sul e pelo que representa no Mercosul. Mas logicamente esses investimentos podem não vir na intensidade que viriam antes da reforma”, avalia Carlos Abijaodi, diretor de Desenvolvimento Industrial da Confederação Nacional da Indústria (CNI).
Outro ponto da reforma de Trump que pode afetar o Brasil é a mudança na cobrança de impostos sobre dinheiro de filiais das empresas americanas no exterior. Antes da reforma, os lucros das multinacionais ou de investimentos fora dos EUA só eram tributados quando eram repatriados, em 35%. Agora, as empresas do país pagarão 10% sobre valores que suas empresas mantêm em outros países, mesmo sem repatriarem os recursos.
“Isso as estimula a levar o lucro para os Estados Unidos. Esse talvez seja o ponto de maior incentivo às multinacionais que estão no Brasil a repatriam seus recursos”, avalia Wagner Parente, diretor-executivo da Barral M Jorge Consultores.
Apesar disso, o impacto da reforma tributária de Trump no Brasil deve ser pequeno, na visão do analista, pois atualmente não há falta de recursos disponíveis para investimentos no mundo, como vivenciado na crise de 2008/2009. “Não acho que isso vai ser suficiente para alguém deixar de colocar dinheiro no Brasil. Nesse sentido, talvez o impacto na produção brasileira não seja tão grande”, diz Parente.

Investidores temem insegurança no Brasil
Para compensar a desvantagem tributária, as empresas que quiserem investir no Brasil terão de perceber que é possível conseguir uma margem de lucro maior, compensando o imposto brasileiro, também maior.
“O Brasil, por tudo que tem passado, já deixa de atrair investimento. A tendência (com a reforma tributária dos EUA) é reduzir a atração de investimentos, pois se para o investidor o retorno não for muito maior aqui, ele não deve vir”, afirmou Samir Choaib, advogado tributarista do escritório Choaib, Paiva e Justo Advogados Associados.
Para manter os investimentos, também é importante que os empresários americanos percebam um cenário político de maior segurança no Brasil. “O problema do Brasil são as incertezas políticas. Com a melhora dos fundamentos econômicos recentes, avalio que muitas empresas que têm dinheiro para investir estão aguardando um pouquinho”, diz Parente.
Por outro lado, empresas exportadoras brasileiras podem se beneficiar com a reforma tributária americana. Ao todo, 12% de tudo que o Brasil exporta no mundo vai para os EUA, segundo maior parceiro da agenda comercial brasileira.
Para Wagner Parente, mesmo com uma permanência maior de recursos nos Estados Unidos, estimulados pela reforma tributária de Trump, pode ocorrer uma maior necessidade por insumos e produtos intermediários fabricados no Brasil. “Como as empresas são as mais beneficiadas e elas que compram do Brasil, elas podem querem investir mais e precisarão comprar mais. Isso pode ser bom para o nosso país”, diz Parente.
Os Estados Unidos são a principal origem de investimentos no Brasil em participação no capital de empresas. Segundo dados do Banco Central, de janeiro a novembro de 2017, do total de ingressos como investimento estrangeiro direto no Brasil, 20,2% vieram dos Estados Unidos. São cerca de US$ 15 bilhões enviados ao país em um ano por empresas e investidores americanos.

Brasil se isola com carga tributária alta e reforma é necessária
Com a redução do imposto nos Estados Unidos, fica ainda mais discrepante a alta carga tributária brasileira. De acordo com dados da Organização para a Cooperação Econômica e Desenvolvimento (OCDE), o Brasil tem a maior carga entre os países da América Latina e Caribe, em torno de 33%.
Os especialistas veem essa alta carga como um risco para os investimentos no país, que competem com outros países. “Já temos uma média de tributação mais alta que a OCDE. Isso vai nos deixando cada vez mais isolado e tem implicação imediata no custo do capital que se cobra aqui. Sim, temos boas oportunidades, mas temos de ter uma margem de lucro mais alta, para sobrar para o acionista, e isso custa para o consumidor”, afirma Parente.
“Não resta dúvida que vai atingir o Brasil, que continua com um nível de carga tributária de 34% de carga tributária para a pessoa jurídica. Hoje, as multinacionais que têm um projeto novo ou ampliação da produção fazem uma concorrência para ver onde é melhor se instalar, onde é mais vantajoso”, afirmou o diretor da CNI.
Abijaodi reforça ainda que a reforma tributária brasileira é urgente, como forma de reduzir o chamado Custo Brasil. “Ficamos fragilizados pela elevada taxa de impostos no Brasil e temos outros países fazendo reformas, se tornando mais atraente que o Brasil para investimentos”, afirmou.

Lei do “Gatonet” pode levar para prisão quem possui ou vende TV por assinatura pirata


Tribuna PR - A interceptação ou a recepção não autorizada dos sinais de TV por assinatura poderão ser consideradas crime em bem pouco tempo. Ter ou vender o popular “Gatonet” pode levar vendedor e comprador para a cadeia, segundo projeto de Lei apresentado pelo senador licenciado Blairo Maggi (PR-MT). Além de multa de até R$ 10 mil, a pena prevista é de seis meses até quatro anos de prisão.
O projeto está pronto para ser votado na Comissão de Constituição, Justiça e Cidadania (CCJ). O texto tipifica como crime a prática amplamente difundida pelo país. Segundo o autor da proposta, a medida irá preencher uma lacuna nas leis que regem os serviços de TV a cabo.
A matéria conta com o apoio da relatora, senadora Ana Amélia (PP-RS), que apresentou um substitutivo apresentado na Comissão de Ciência, Tecnologia, Inovação, Comunicação e Informática (CCT) que amplia o alcance do projeto. Além de estabelecer os deveres do assinante, o projeto faz a tipificação dos crimes de recepção não autorizada de sinais e de comércio de equipamentos não certificados.
Para a senadora, a grande lacuna da legislação hoje é a comercialização dos decodificadores piratas que desbloqueiam os canais premium sem que a operadora de TV por assinatura receba o pagamento devido – como a compra de receptores ou a mensalidade. Esses aparelhos substituem os equipamentos certificados pela Anatel, recebendo diversos nomes comerciais, e custam entre R$ 300 e R$ 1 mil.
Ana Amélia destaca que a importação desses equipamentos é proibida no Brasil desde 2011, “mas não se tem notícia da responsabilização penal de seus fornecedores pelo crime de contrabando”. Daí, diz a relatora, é importante a previsão legal para alcançar esse tipo de comércio clandestino, com penas como multas e até prisão.

Punição
Conforme o substitutivo, quem desenvolver atividades de telecomunicação de forma clandestina poderá pegar de dois a quatro anos de detenção, com a possibilidade de a pena ser aumentada da metade, se houver dano a terceiro. O texto ainda prevê uma multa de R$ 10 mil.
Já quem fabricar, importar ou vender equipamentos ou produtos para interceptação ou recepção não autorizada poderá pegar de um a três anos de detenção, além de multa de R$ 5 mil reais. O texto mantém a pena de seis meses até dois anos de prisão para a interceptação ou a recepção não autorizada dos sinais de TV por assinatura.
O projeto tramita na CCJ em decisão terminativa. Se aprovado na comissão e não houver recurso para o Plenário, o texto seguirá para a análise da Câmara dos Deputados. Quer conhecer o projeto de Lei? Clique aqui!

#Paraná - Fortes chuvas provocam alagamentos e deslizamentos na capital e região metropolitana


O forte temporal registrado no fim da tarde desta sexta-feira (20) provocou alagamentos na capital. De acordo com a Prefeitura de Curitiba, até as 22 horas, a Defesa Civil atendeu nove pontos de alagamento nos bairros Portão, Hauer, Bairro Alto, Atuba, Cajuru, Uberaba e Cidade Industrial de Curitiba. No bairro Campo Comprido houve interdição de uma ponte que dá acesso a uma área de invasão no Jardim Santos Andrade, a prefeitura informou que a manutenção começará na segunda (23).
Além disso, houve destelhamento em uma fábrica de roupas no bairro Batel. Ocorrências também foram registradas em Almirante Tamandaré, na Região Metropolitana de Curitiba (RMC), onde houve o deslizamento de um morro na Avenida São José e parte do muro de uma casa foi comprometido.
A Polícia Rodoviária Federal (PRF) também registrou uma ocorrência na BR-277, quilômetro 41, em Morretes, sentido Litoral. Uma pedra – de 2,5 metros – deslizou de um morro e houve interdição parcial da pista, mesmo com ela sendo removida para o acostamento. Até o fechamento desta matéria a pista da direita permanecia com interdição devido aos danos causados no pavimento.
Janeiro chuvoso
Segundo o meteorologista Reinaldo Kneib, do Sistema Meteorológico do Paraná (Simepar), áreas de instabilidade, que se desenvolvem entre o Paraguai e o Mato Grosso do Sul, contribuem para a ocorrência de chuvas rápidas e isoladas acompanhadas de descargas elétricas. O tempo deve continuar assim até o fim de janeiro.
“Os próximos dias serão parecidos. As tempestades se formam no interior e se deslocam para cá e, mesmo sem chuva forte, acaba gerando transtorno. Voltamos a dizer que as chuvas são comuns no verão, mas durante a parte da tarde ou fim dela. Não é comum vários dias de chuva e com ela em outro horário. A previsão do tempo deve mudar somente no final desse mês” explicou.
Ainda de acordo com Reinaldo, no interior do Estado o sol aparece um pouco mais que nos últimos dias.

Fonte: Tribuna (PR)

Globo quer diminuir os supersalários dos repórteres


Área VIP - Após dá um fim aos supersalários dos atores da casa, a TV Globo pretende agora diminuir o do pessoal da área do jornalismo, pra ser mais exato, dos repórteres.
De acordo com o UOL, a tensão e o nervosismo atingem os repórteres da emissora já tem um tempo. O canal quer diminuir principalmente o salário dos repórteres tidos como os “medalhões”.
Isso significa que os repórteres que ganham acima dos 40 mil reais mensais, vão ter o dinheiro diminuído em breve. Não será só o pessoal da Globo aberta que sofrerá a redução, os profissionais da GloboNews também.
Ainda segundo informações, têm repórteres que chegam a ganhar até 60 mil reais por mês. Fazem parte desse time, repórteres especializados, que são ou já foram correspondentes internacionais, ou que eventualmente atuam como âncoras ou trabalham em outros programas do Grupo Globo, todos eles veteranos.

Jim Rodford, baixista do Kinks e do Zombies, morre aos 76 anos após cair de escada


G1 - O baixista Jim Rodford, membro do Kinks e do Zombies e um dos fundadores do Argent, morreu neste sábado (20) após cair de uma escada.
A informação foi divulgada pelo seu primo e companheiro de bandas, Rod Argent, em publicação no Facebook. O músico afirma que a causa exata da morte ainda não é conhecida.
"Jim não era apenas um baixista magnífico, mas também desde o início inextricavelmente ligado à história do Zombies", escreveu Argent.

"Até o fim, a vida de Jim foi dedicada à música. Ele era infalivelmente comprometido à música local – um membro sempre presente da cena local em [a cidade inglesa de] St Albans, onde ele passou toda a sua vida."

Rodford se tornou baixista do Kinks em 1978, no qual tocou até a separação da banda em 1996. O grupo lamentou a morte no Twitter.
"É com grande tristeza que descobrimos a morte de Jim Rodford – ele viajou e gravou com o Kinks por muitos anos e fará muita falta. Ele era muito amado por todos nós."
O baixista inglês foi um dos fundadores do Argent em 1969, banda na qual tocou até o fim, em 1976. Em 2004, ele se juntou à reunião do Zombies com seu primo, com quem tocou até sua morte.

Aclamada série Breaking Bad completa 10 anos

Canal Tech - Não foi fácil para Vince Gillian, diretor da série mais aclamada da atualidade, emplacar sua criação e convencer as emissoras de dar uma chance à obra que atingiu nota 9,2 de 10 no Metacritic e levou 16 Emmy Awards para casa, após ter sido indicado a 51 categorias. Com cinco temporadas geniais, apresentar o piloto da série para os executivos responsáveis pelas emissoras foi, segundo Gillian, o pior momento de sua carreira como diretor. Sendo rejeitado por quatro emissoras, dentre elas a HBO, por terem considerado a obra pouco comercial e mal feita, a AMC topou veicular a obra e o resultado foi o estrondoso sucesso, mesmo após uma década. 
Para comemorar o aniversário, o Canaltech fez uma lista de curiosidades que provavelmente você não sabia sobre Breaking Bad:

Fim no auge
Foi ideia de Gillian dar o fechamento da história no auge do sucesso da série, em sua quinta temporada. Ele temia que Breaking Bad cometesse o mesmo erro que outras séries amadas pelo público cometeram: esticar demais o roteiro para gerar mais lucro, acabando assim com a qualidade da história (Olá, Dexter!). Para quem não viu até o final, evitaremos spoilers, mas já adiantamos que tirou o fôlego de muitos fãs.

Um Pinkman leigo
Aaron Paul, ator que interpreta o azarado Jesse Pinkman na série, nunca frequentou aulas de atuação. Antes de Breaking Bad, ele havia feito algumas pontas em outras séries, mas nada além de alguns episódios e sempre atuando como personagens sem grande importância para a trama.
Outra trivia importante sobre Jesse Pinkman: ele fala a palavra Bitch 54 vezes ao longo da série.

Marcado na pele
Bryan Cranston, o intérprete de Walter White, fez uma tatuagem em seu dedo anelar da mão direita com a logo da série. A tatuagem combina com o estilo trash de Breaking Bad e foi feita após um dia de filmagem, quando a equipe se reuniu para tomar umas e acabaram levando Cranston a um estúdio de tatuagem, onde ele, levemente alcoolizado, optou por tatuar um local do corpo que fosse discreto, mas ainda assim bem visível.


Toques de realidade
RJ Mitte, o filho viciado em café da manhã de Walter White, vive com paralisia cerebral, deficiência que seu personagem na série também tem. Entretanto, para dar vida ao personagem Walter Junior ele agravou os sintomas para maior dramaticidade na obra.
Outra personagem que também viveu um transtorno na pele e o trouxe para a sua personagem é a atriz Betsy Brandt, intérprete da insuportável Marie Schrader, cunhada de Walter White. Ela sofreu, no passado, de cleptomania.

A cor púrpura
Falando em Marie Schrader, tudo o que envolve a personagem tem a cor roxa. De seu carro até suas roupas, incluindo objetos de decoração da casa dos Schraders, tudo tem algum tom de roxo envolvido.


Última escolha
Bryan Cranston, que não deixou nenhum fã insatisfeito e foi o melhor Walter que poderíamos imaginar, não foi a primeira escolha para o papel principal da trama. Os executivos da AMC estavam céticos quanto às habilidades cênicas de Cranston devido ao seu histórico junto à obras de comédia. Apenas após John Cusack (Alta Fidelidade, 1408) e Matthew Broderick (Curtindo a vida Adoidado) terem recusado o papel que, sem alternativas, Cranston foi aceito. Ainda bem, né?


Quem mais curtiu que os outros dois não tenham topado dar vida ao personagem foi o ator Anthony Hopkins (o eterno Hannibal, que Mads Mikkelsen nos perdoe) que, após assistir todas as cinco temporadas em ritmo de maratona, escreveu uma carta de fã tiete a Cranston, elogiando sua atuação e dizendo que a série é tão boa quanto um drama Shakesperiano ou uma tragédia grega.

Química na veia. Ou nas sobrancelhas
Apesar de Brian Cranston interpretar o gênio da química, quem de fato entende tem PhD na ciência é Marius Stan, o intérprete do dono do Lava Jato, Bogdan. Ele nunca havia interpretado na vida e ainda atua na área acadêmica como pesquisador.


Cabala? Não, tabela periódica!
A série conta com 62 episódios, no total. Na tabela periódica, o elemento de número atômico 62 é o Samário (Sm), cujo isótopo é utilizado em diversas drogas para tratamento de câncer, incluindo o câncer de pulmão, que afeta Walter White na obra e é a desculpa para que o gênio do mal comece a cozinhar metanfetaminas.
O último episódio tem o título de Felina, um anagrama para a palavra Finale, mas também faz alusão à trilha sonora mostrada no episódio, no momento em que Walter White está em seu carro, com a música El Paso, de Marty Robbins, tocando ao fundo, onde um pistoleiro se apaixona por uma mexicana chamada Felina.
Além dessas duas explicações, há uma terceira hipótese para a escolha do nome do episódio final que se baseia na química: Fe, em alusão ao Ferro, seria um símbolo para o sangue derramado; Li se refere ao elemento Lítio, utilizado na fabricação de metanfetamina; enquanto Na, redução da tabela periódica para o sódio, é o principal componente das lágrimas. Resume bem o final da série, não é mesmo?

Salvem Walter White
A página criada, na trama, pelo dedicado filho de Walter para conseguir doações para o tratamento de câncer do pai ainda está ativa, idêntica à mostrada na série e pode ser acessada aqui. No momento em que essa notícia é escrita, há 38679 acessos no contador da página.

Feita sob Medida
A música Negra y Azul: The Ballad of Heisenberg, autoria de Los Cuates de Sinaloa, faz um trocadilho com a cor azulada da metanfetamina produzida por White e o termo Black and Blue que, em inglês, se refere aos tons que hematomas adquirem.
A música gruda na cabeça, mas é, ao mesmo tempo, gostosa e engraçada e pode ser ouvida abaixo:

Rapper Fredo Santana morre aos 27 anos, diz site


G1 - O rapper americano Fredo Santana morreu aos 27 anos nesta sexta-feira (20). Não há causa oficial da morte, mas o site TMZ afirma que familiares dizem que ele sofreu uma convulsão fatal durante a noite em Los Angeles, nos Estados Unidos.
Em outubro de 2017, Santana, cujo nome verdadeiro era Derrick Coleman, publicou um vídeo em sua conta no Intagram no qual aparecia internado em um hospital para tratamento de falência renal e insuficiência hepática.
Ele também falava abertamente sobre seu vício em purple drink, uma mistura de remédios que pode causar convulsões.

Conselho define procedimentos para saque de cotas do PIS/Pasep

Jornal do Brasil - Resolução do Conselho Diretor do Fundo PIS/Pasep publicada nesta sexta-feira (19) no Diário Oficial da União define procedimentos para saque de cotas dos programas de Integração Social (PIS) e de Formação do Patrimônio do Servidor Público (Pasep).
De acordo com o texto, a liberação das cotas de participantes que cumpram o requisito de idade e aposentadoria para o saque poderá ser realizada por processamento sistêmico, independentemente de solicitação por parte dos cotistas.
“Fica dispensada a guarda da documentação dos cotistas que se enquadram na hipótese de saque por motivo de idade e aposentadoria”, define a resolução. Para tanto, a Caixa vai verificar os dados do participante no cadastro e fará a liberação automática das cotas, que ficarão disponíveis para saque nos canais de atendimento do banco.
Já os participantes que cumprem o requisito de idade e aposentadoria para o saque das cotas do PIS e cujos dados cadastrais não possibilitem a liberação automática deverão fazer a solicitação do saque nas agências da Caixa, sendo que o pagamento poderá ocorrer em até cinco dias úteis.
“Ao final do exercício, caso a cota liberada não seja sacada pelo participante, haverá a recomposição da cota de forma a possibilitar a incorporação dos rendimentos devidos, podendo a cota ser novamente liberada automaticamente no exercício subsequente.”
Para os demais motivos de saque, a liberação das cotas ocorre somente mediante solicitação nas agências da Caixa, sendo que o pagamento poderá ocorrer em até cinco dias úteis. O participante/dependente/beneficiário deve procurar qualquer agência e apresentar o comprovante de inscrição PIS-Pasep e documento de identificação oficial.
A portaria estabelece ainda que o crédito das cotas do Pasep poderá ser efetuado na conta de titularidade do cotista ao completar idade mínima para saque ou quando for identificado que ele está aposentado, é militar reformado ou transferido para a reserva remunerada, independentemente de solicitação.
No caso da identificação de falecimento do cotista, os valores da cota poderão ser disponibilizados aos seus beneficiários legais, declarados junto ao Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) ou órgão de Previdência do qual participava o trabalhador. O saque para os demais motivos só será possível nas agências do Banco do Brasil e o pagamento pode ocorrer no mesmo dia ou em até cinco dias úteis.

Facebook pedirá que seus usuários definam o que é jornalismo 'confiável'

Jornal do Brasil - O criador do Facebook, Mark Zuckerberg, anunciou nesta sexta-feira (19) mudanças na linha do tempo de sua rede rede social. Com 2 bilhões de usuários mensais, o Facebook é a rede social com mais usuários em todo o mundo e enfrenta críticas por seu papel na disseminação de notícias falsas.
As novidades foram anunciadas por meio do perfil de Zuckerberg no Facebook. Ele disse que notícias "confiáveis" terão preferência na linha do tempo e que a alteração é uma continuação das mudanças anunciadas na semana passada — que cortou em 20% a presença de notícias na linha do tempo.
"Há muito sensacionalismo, desinformação e polarização no mundo de hoje. A rede social permite que as pessoas espalhem informações mais rapidamente do que nunca, e se não tratarmos especificamente desses problemas, acabamos amplificando-os. É por isso que é importante que a linha do tempo promova notícias de alta qualidade que ajudem a construir um senso comum", afirmou o criador do Facebook.
Zuckerberg, entretanto, disse que seria "desconfortável" decidir dentro do próprio Facebook o que seriam notícias "confiáveis" e que pedir para especialistas externos tomarem essa decisão "não resolveria o problema da objetividade".
Quem irá decidir a qualidade das fontes de informações será o público por meio de pesquisas, disse o fundador do Facebook. Os usuários poderão indicar quais são as fontes de notícias em que confiam e as melhores avaliadas terão preferência na linha do tempo.

Youtuber reclama de “humilhação” ao pedir diária grátis em hotel


Uma youtuber viveu um “climão” ao pedir hospedagem grátis em um hotel de Dublin, na Irlanda. A inglesa Elle Darby, de 22 anos, sugeriu ao dono do estabelecimento que o valor da diária fosse trocado por divulgação em seu canal bombado do YouTube. Paul Stenson, o dono do Charleville Lodge Hotel, não só negou o pedido como publicou um post demolidor na internet sobre o caso.
Elle pediu uma “possível colaboração” com acomodação grátis para ela e o companheiro dela, que planejavam comemorar o Valentine’s Day, que equivale ao nosso Dia dos Namorados. “Eu adoraria mostrar seu hotel no meu canal do YouTube, com 87.000 seguidores, e no meu Instagram, com 76.000 fãs. Isso aumentará o tráfego no seu hotel”, escreveu, no e-mail.
O que ela não esperava era a maneira ríspida como o dono do hotel respondeu o pedido. Além de ter mostrado desprezo completo em relação a Elle, ele decidiu “banir influenciadores” do estabelecimento.
“Muito obrigado por seu e-mail com o pedido de troca de diárias grátis por exposição na internet. É preciso muita coragem para escrever um e-mail desses, muita falta de respeito próprio e dignidade. Se eu deixar você ficar aqui em troca de exposição, quem vai pagar pelas pessoas que cuidarão do seu quarto? E quem pagará os funcionários do hotel? Os garçons que servem o café da manhã? A recepcionista que fará seu check-in? E a água usada para lavar suas roupas de cama sujas?”, escreveu.
E continuou: “Talvez eu deva avisar minha equipe de que, em troca do trabalho, eles aparecerão em um vídeo seu.”
O post do dono do hotel foi recebido com opiniões divididas. Alguns o acusaram de fazer “bullying” enquanto outros acusaram a youtuber de ser uma “menina mimada”. Pouco depois da polêmica, Elle publicou um vídeo em que chora e desabafa. “Fui exposta e humilhada”, disse. No vídeo, afirmou que pessoas com mais de 30 anos “não fazem a menor ideia de como as redes sociais funcionam.
Depois de receber comentários negativos dos fãs da youtuber, o dono do hotel decidiu banir do seu estabelecimento todo tipo de blogueiro. “Eles aprenderam a ter tudo de mão beijada. Não é assim que funciona”, disse.


Fonte: Veja SP

Morre o desenhista Luis Augusto aos 46 anos


Portal A Tarde - O escritor e cartunista Luis Augusto, de 46 anos, morreu neste sábado, 20, após sofrer um infarto. O artista é criador da história em quadrinhos 'Fala, Menino!', que foram publicadas no Jornal A TARDE. O comunicado foi feito por sua mãe, Maria Antônia Conceição Goveia, em postagem nas redes sociais.
Com o trabalho voltado ao universo infantil, Luis Augusto recebeu o reconhecimento e diversos prêmios ao longo de sua carreira. Entre eles estão o Troféu HQ Mix de Melhor Álbum Infantil, em 1997, e Menção Honrosa na categoria Trabalhos Gráficos, outorgado pela Unicef, em 1999, e o Troféu Bigorna de Melhor Cartunista do Brasil, em 2008.
Familiares e amigos lamentaram a morte do cartunista. O editor de planejamento editorial da Maurício de Souza, da Turma da Mônica, também prestou homenagem ao artista em seu perfil no Facebook.
O corpo do cartunista será sepultado neste domingo, 21, no cemitério Bosque da Paz, às 9h30. Luis Augusto, que era formado em Arquitetura e Urbanismo e foi arte-educador em escolas da Bahia, deixa um filho.

Mulher africana 'dá à luz' no caixão 10 dias após a morte

Na África do Sul, uma criança morta nasceu passados 10 dias após o falecimento da mãe dela, comunica a mídia local.
De acordo com a edição Times Live, os funcionários do cemitério do município de Mbizana, no leste do país, acharam o recém-nascido no caixão onde estava a falecida, Nomveliso Nomasonto Mdoyi‚ de 33 anos, nas vésperas do enterramento.
"Ficamos tão chocados que nem verificamos o sexo da criança. Nunca ouvi falar de nada parecido em 20 anos de carreira", disse um dos funcionários.
Os parentes da mulher revelaram que ela estava no 9º mês de gravidez quando faleceu por asfixia. Ao final das contas, ela foi enterrada no mesmo caixão com a criança.
Segundo dizem os especialistas citados pelo portal, a criança poderia ter saído do útero da mãe em resultado de contrações e relaxamento dos músculos após a morte.

Fonte: Jornal do Brasil

Papa critica 'vírus' da corrupção na América Latina

Jornal do Brasil - Em encontro com o presidente do Peru, Pedro Pablo Kuczynski, e autoridades de alto escalão do país latino, o papa Francisco afirmou nesta sexta-feira (19) que a corrupção é um "vírus social" que "contamina tudo".
A declaração, realizada no Palácio do Governo, na capital Lima, chega enquanto a Justiça peruana tenta descobrir a extensão do esquema de propinas da empreiteira brasileira Odebrecht em seu território, em um escândalo que quase derrubou o próprio Kuczynski.
"Àqueles que ocupam cargos de responsabilidade, em qualquer setor, eu encorajo e exorto a se empenharem contra a corrupção e pela transparência, para oferecer a seu povo e sua terra a segurança que nasce da convicção de que o Peru é um espaço de esperança e oportunidades, mas para todos, não apenas para poucos", disse Jorge Bergoglio.
Em seu alerta às autoridades, o líder da Igreja Católica tratou a corrupção como uma "forma sutil de degradação que contamina progressivamente todo o tecido vital". "Quanto mal causa a nossos povos latino-americanos e às democracias desse bendito continente esse vírus social, um fenômeno que infecta tudo, e os pobres e a mãe terra são os mais prejudicados", acrescentou.
Em dezembro, Kuczynski, acusado de receber propina da Odebrecht, se livrou de um processo de impeachment por apenas oito votos, graças à abstenção de aliados do ex-presidente Alberto Fujimori, que receberia um "indulto humanitário" dois dias depois.
Mas não para por aí. Além de sua terra natal, o Brasil, a Odebrecht é acusada de comprar políticos em diversos países da América Latina, da Argentina ao México, passando por Equador, Colômbia, Guatemala, Panamá, entre outros.
"O fenômeno da corrupção implica uma maior cultura da transparência nos órgãos públicos, no setor privado e na sociedade civil. Ninguém pode se dizer estranho a esse processo, a corrupção é evitável e exige o empenho de todos", completou.

Viagem
O Papa está na América do Sul desde 15 de janeiro, quando desembarcou no Chile. A primeira etapa de sua viagem foi dominada pelo tema da pedofilia e marcada pela defesa pública do bispo de Osorno, Juan Barros, acusado de ter encoberto casos de pedofilia envolvendo o padre Fernando Karadima.
"Quando houver uma prova contra o bispo Barros, então veremos. Até agora não vi uma sequer", disse Francisco em Santiago, gerando revolta entre as vítimas de Karadima. "Como se eu pudesse ter feito uma selfie enquanto Karadima abusava de mim com Barros em pé ao lado dele, vendo tudo. Desse jeito, o pedido de perdão vira um gesto vazio", rebateu Juan Carlos Cruz, violentado pelo padre.
Logo no início de sua passagem pelo Chile, Francisco pedira perdão pelos crimes de pedofilia na Igreja. No Peru, ao menos nesta sexta-feira, os discursos do Pontífice se concentraram em temas ambientais - principalmente na tutela da Amazônia - e na corrupção. Ele fica no país até domingo (21), quando retorna ao Vaticano.

STJ libera posse de Cristiane Brasil para Ministério do Trabalho

Jornal do Brasil - O Superior Tribunal de Justiça (STJ) derrubou, neste sábado (20), a liminar que impedia a posse e nomeação da deputada federal Cristiane Brasil (PTB-RJ) como ministra do Trabalho. A decisão é do vice-presidente do STJ, Humberto Martins, que assumiu na quinta-feira (18) o plantão judiciário, em substituição à presidente Laurita Vaz.
Por meio de nota, o STJ informou que, ao analisar o caso durante o recesso forense, o ministro Humberto Martins concordou com os argumentos da Advocacia-Geral da União (AGU) “no sentido de que condenações em processos trabalhistas não impedem a deputada de assumir o cargo, já que não há nenhum dispositivo legal com essa determinação”.
De acordo com o ministro, inexiste, no ordenamento jurídico norma que vede a nomeação de qualquer cidadão para exercer o cargo de ministro do Trabalho em razão de ter sofrido condenação trabalhista.
Nesta sexta-feira (19), a AGU recorreu ao STJ para manter a posse da parlamentar em apelação protocolada depois que o Tribunal Regional Federal da 2ª Região (TRF2), segunda instância da Justiça Federal no Rio de Janeiro, negou três recursos apresentados pelo órgão.
Desde o início de janeiro, após indicação do presidente do PTB e pai de Cristiane Brasil, Roberto Jefferson, o governo vinha tentando empossar a deputada, mas sofreu uma série de derrotas judiciais, iniciadas por uma ação popular que pedia o impedimento, com base em uma condenação da parlamentar em processos trabalhistas.

Deputada federal foi condenada em processo trabalhista por não assinar carteira de motoristas
Na quarta-feira (17), o Tribunal Regional Federal da 2ª Região (TRF-2) negou novo recurso da defesa de Cristiane Brasil. Os defensores da parlamentar tinham apresentado um recurso, chamado embargo de declaração, com dois argumentos. O primeiro era idêntico ao da Advocacia-Geral União, ou seja, não teria sido respeitado o princípio do juiz natural e a 1ª Vara Federal de Teresópolis estaria apta para julgar o caso. A isso, o juiz federal Vladimir Vitovsky respondeu na decisão que a questão já foi resolvida nos embargos de declaração da AGU e que está mantida a competência da 4ª. Vara Federal de Niterói para julgar a ação popular.
O segundo argumento da defesa foi no sentido de que Cristiane Brasil preenche os requisitos legais para nomeação e posse no cargo de ministra do Trabalho. A essa alegação, o juiz Vladimir Vitovsky respondeu que se trata de questão de mérito, que deverá ser resolvida futuramente, no julgamento dos agravos de instrumento analisados pela 7ª Turma Especializada do TRF2.

Entenda o caso
Em ação popular, a 4ª Vara Federal de Niterói concedeu liminar suspendendo a eficácia do decreto presidencial que nomeou a deputada Cristiane Brasil ministra do Trabalho. Contra a liminar, a AGU e a defesa da parlamentar apresentaram agravos de instrumento. O TRF2 negou, liminarmente, os pedidos da União e de Cristiane Brasil.O mérito dos agravos ainda será julgado pela 7ª Turma Especializada do TRF2. O relator é o desembargador federal Sergio Schwaitzer, que está de férias.
Nos embargos de declaração apresentados contra a decisão liminar do TRF2, a AGU alegou que a ação popular de Niterói foi protocolada horas após a de Teresópolis, que, por isso, teria a competência para julgar a demanda. Nos termos da lei processual, por um instrumento conhecido como prevenção, o juízo que recebe a primeira ação envolvendo pedidos idênticos torna-se competente para resolver todas as demais.
No entanto, na apreciação dos embargos, o TRF2 entendeu como improcedente o argumento da União, que considerou como marco inicial o horário do protocolo. Para o juiz que apreciou o recurso, o que deve ser considerado é o horário da distribuição dos autos, que ocorreu primeiro em Niterói.
O juiz Vladimir Vitovsky ponderou ainda que, ficando a prevenção com a 4ª Vara Federal de Niterói, os outros processos ajuizados para suspender a nomeação e posse de Cristiane Brasil no Ministério do Trabalho devem ser deslocados para lá. Com isso, a 4ª Vara Federal de Niterói deverá receber também, por redistribuição, as ações em tramitação na 1ª Vara Federal de Magé, 14ª Vara Federal do Rio de Janeiro, 1ª Vara Federal de Nova Friburgo, 1ª Vara Federal de Campos dos Goytacazes e 1ª Vara Federal de Macaé.

Condenada na Justiça do Trabalho
Ao suspender a posse, a Justiça atendeu a pedido feito em ação popular pelo Movimento dos Advogados Trabalhistas Independentes. A entidade alegou que a nomeação de Cristiane Brasil “ofende a moralidade administrativa”.
Segundo o movimento dos advogados, a deputada “praticou pessoalmente graves violações das leis trabalhistas, flagradas e comprovadas em, pelo menos, duas demandas judiciais”.
Depois que seu nome foi anunciado como ministra do Trabalho, surgiram informações de que Cristiane tem dívidas trabalhistas com ex-funcionários. Ela foi condenada na Justiça Trabalhista a pagar mais de R$ 60 mil em indenização a um ex-motorista que alegou trabalhar sem carteira assinada.

Em 'Tempo de Amar', Malu Mader revive personagem de 'Força de um Desejo'


Gshow - É com este visual da foto acima que Malu Mader fará um participação muito especial em Tempo de Amar. Mas não será para interpretar uma nova personagem. Em um cross entre novelas, a atriz irá reviver Ester Delamare, a Baronesa de Sobral, de Força de Um Desejo, novela de Alcides Nogueira e Gilberto Braga, exibida em 1999. Na cena, Ester é mãe de Carolina Sobral (Mayana Moura) e marca presença no recital da filha. Durante o evento, a personagem terá um embate com Emília(Françoise Forton), que já teve um caso com o Barão de Sobral, marido de Ester.

“Gravar como Ester Delamare foi muito divertido, uma troca de afeto!”, diz Malu Mader.
Marisa Orth e Malu Mader em Tempo de Amar
A atriz esteve no Estúdios Globo esta semana para a gravação das cenas e contracenou ao lado de grandes nomes como Cassio Gabus Mendes, Françoise Forton e Marisa Orth. Veja na imagem acima!
A homenagem à trama de 1999 fez Malu relembrar boas recordações de quando gravou pela primeira vez como Ester Delamare:

“'Força de um Desejo' foi um trabalho que ficou na memória das pessoas que viram e também das que fizeram parte da novela”.

“Tenho ótimas lembranças de 'Força de um Desejo'. O figurino era perfeito e quando vestia a roupa já me sentia como a personagem. E o elenco só de amigos, era uma turma. Foi uma delícia de fazer.”

Seis dias após roubo, equipamentos de som de Caetano Veloso são recuperados na Bahia


G1 - Seis dias após terem sido roubados, os instrumentos do cantor e compositor Caetano Veloso foram recuperados, na madrugada deste sábado (20). O material foi encontrado em uma localidade conhecida como Revés, em Ibirapitanga, sul do estado.
De acordo com a Secretaria de Segurança Pública (SSP), os equipamentos foram localizados em uma residência após investigações da 7ª Coordenadoria de Polícia do Interior (Ilhéus) e dos setores de Inteligência da 61ª CIPM e da Cipe/Cacaueira.
A polícia diz que, no momento da abordagem, houve troca de tiros com os bandidos, que conseguiram fugir.


Segundo a SSP, foram recuperados o veículo e o reboque que eram utilizados para o transporte do material, quatro movie lights, um piano, duas malas de produção, um case pelican, um hack de aire, quatro violões e itens de cenários dos shows.
De acordo com informações prestadas pelo motorista que conduzia o veículo no momento do roubo, na relação de instrumentos encontrados pela polícia, faltam de três a quatro itens, que não foram especificados.





Caso
O carro que transportava todo o equipamento de show de Caetano Veloso foi roubado na noite do domingo (14) quando passava pela região de Itacaré, na Bahia.
À época, a produtora e empresária de Caetano, Paula Lavigne, disse ao G1, por telefone, que o motorista que presta serviço para equipe parou para jantar em um restaurante em Maraú.
“Ele foi abordado por homens fortemente armados. Roubaram o carro, que levava uma espécie de trailer acoplado com todo o equipamento, até o celular dele. Graças a Deus ele está bem”, contou.


Na lista dos equipamentos roubados estavam dois violões (sendo um acústico Tessarin), um violoncelo, um baixo, um teclado, iluminação, telão, figurinos e cenário. “Foram roubados equipamentos que têm valor afetivo, como violão do Caetano”, lamentou Paula.
Caetano tinha se apresentado na Concha Acústica, em Salvador, no sábado (13), e o material estava sendo levado para o Rio de Janeiro. O próximo show do cantor será no dia 28 de janeiro.

Gusttavo Lima anuncia que vai ser pai pela segunda vez: 'Presente'


G1 - O cantor Gusttavo Lima anunciou nas redes sociais, neste sábado (20), que vai ser pai pela segunda vez. Ele contou a novidade justamente no dia do aniversário da mulher, a modelo Andressa Suita, que completou 30 anos. O casal já tem Gabriel, de 6 meses.
“É o meu segundo maior presente! Grávidos novamente! Sim, vou ser papai mais uma vez! Obrigado por estar me fazendo o homem mais feliz desse mundo! Parabéns pelo seu dia, e que eu possa te fazer feliz cada dia mais!!! Te amo vida [Andressa Suíta]”, escreveu no post.
Para contar a notícia, o sertanejo postou uma foto com a mulher e o filho, que nasceu em 28 de junho de 2017. Na mensagem, Gusttavo Lima também parabenizou Andressa pelo aniversário e se declarou à mulher, com quem é casado desde 2015.


A modelo também fez questão de compartilhar a segunda gravidez com os fãs. "Não somos mais 3, agora somos 4. Sim, grávidos! O coração transborda novamente de alegria à espera de mais um bebê! Meu maior presente no dia de hoje, será com certeza meu melhor aniversário! Obrigada meu amor! Te amo”, postou Andressa.
O casal anunciou a segunda gestação por volta das 12h deste sábado. Desde então, milhares de fãs parabenizaram os artistas. Até as 15h30, os posts, juntos, já tinham mais de 1,5 milhão de curtidas e quase 50 mil comentários.
"Que notícia maravilhosa! Parabéns família linda! Deus abençoe muito vocês!", escreveu uma internauta.

Camila Cabello canta sucesso de Anitta em rede social e recebe declaração da brasileira


TV Foco - A cantora Camila Cabello, ex integrante do grupo Fifth Harmony causou alvoroço nas redes sociais ao surgir cantando um dos sucessos de Anitta.
Camila, durante entrevista, mostrou que está ligado nos hits brasileiros e arriscou cantar um pedaço da música Vai Malandra, além de falar que ama a cantora brasileira, deixando os fãs de Anitta animados.
Não só os fãs, mas Anitta também se animou e publicou em sua rede social oficial o trecho de Camila cantando seu hit e retribuiu a declaração, afirmando que também ama a estrela.
As duas se encontraram no Grammy Latino de novembro de 2017. Cabello já havia declarado em entrevista que amava Anitta e seu trabalho.

Uma publicação compartilhada por anitta 🐜 (@anittando) em

ANITTA FALA SOBRE PROJETO INFANTIL

A cantora Anitta surpreendeu a todos ao revelar seu mais novo projeto que fugirá do mundo adulto e será voltado para o público infantil.
Após a parceria com o Cheetos no clipe da música Paradinha em 2017, Anitta estará nas embalagens dos produtos da marca em edição especial de carnaval. Além disso, ela está preparando um material especial para seu público infantil e falou sobre a novidade.
” O Cheetos é um produto para todas as idades, assim como o meu trabalho. Tem hora que as músicas são mais para boates e baladas, outras para rádio e o público adulto como “Will I See You”. Eu não anunciei que iria me direcionar para a carreira infantil, apenas. Não vou mudar o foco. Vou fazer um projeto do meio para o final do ano, no qual vai existir um DVD em animação, um cartoon, que não tem a minha imagem, mas vai ter minha voz e músicas que escrevo para o infantil. Não significa que a minha carreira vai parar. Vou continuar dando meus passos também no internacional, como o produto no clipe ‘Machika’, com J Blavin. O Cheetos é uma marca internacional e vai respingando em outros lugares”, explicou.
Além de ser garota-propagando do Cheetos, Anitta também tem parceria com a Renault, Claro e Niely Gold. Para Anitta, essas parcerias são indispensáveis e só com produtos que ela aposta: “Eu sempre tento fazer coisas que tenham a ver comigo. Não entro em nada que eu não goste. Já tive várias propostas e oportunidades gigantes para deixar marcas e que eu ganharia muito mais, mas não tem nada a ver comigo. Tenho certeza que meu público não vai acreditar. Tento fazer com muita coerência tudo que eu vou linkar com o meu nome”.

InspiraMais Verão 2019: Projeto Referências Brasileiras traz conceito de funcionalidade

Funcionalidade. O pré-requisito básico de um objeto, que nem sempre é destacado no desenvolvimento das peças, será o protagonista no Inverno 2019. De acordo com o projeto Referências Brasileiras, coordenado por Jefferson de Assis, que também é consultor do Núcleo de Design da Assintecal, este será o principal argumento das criações. No Inspiramais, o designer e pesquisador apresentou uma série de produtos polivalentes que surpreendem em sua versatilidade, mas não abre mão da funcionalidade. “Para o Inverno 2019, nós estamos vendo a experiência em cima do objeto”, apontou.

Estilista Jefferson de Assis
Para isso, Jefferson de Assis e seu time do Referências Brasileiras traduziram este propósito no legado do neoconcretismo. Traçando um paralelo entre as inspirações vistas pelo mundo e a riqueza da cultura nacional, o consultor da Assintecal apostou no trabalho de nomes como Hélio Oiticica e Lygia Clark como melhor interpretação da palavra Alquimia, que será o tema do Inverno 2019. “O neoconcretismo acredita que o objeto só existe se for manipulado pelas pessoas. Assim como a arte, que não é só contemplada. Aqui nós não estamos criando produtos para que as pessoas apenas admirem. Queremos que sejam manipulados. E é neste momento que você decide se você quer uma bolsa ou um maiô. Sem a manipulação, o uso do objeto não existe”, explicou.

A área de referências brasileiras
E este foco no consumidor não é uma exclusividade do couro plastificado apresentado no projeto da Assintecal. Em outros exemplos, Jefferson de Assis destacou o protagonismo do usuário na apropriação dos produtos. “O artista e o designer apresentam o esquema, mas quem decide como aquilo será usado é o consumidor”, disse o consultor. No entanto, embora a proposta seja de dar asas à criatividade de cada um, além do designer que desenvolveu o produto, Jefferson de Assis destacou que esta não é uma possibilidade infinita.
Para o coordenador do projeto, o neoconcretismo ensinou mais que o conceito de funcionalidade para o time da Assintecal. “Quando a Lygia Clark fez a série Bichos em que eles estão cheios de dobradiças, a ideia que temos é que vamos conseguir fazer infinitas e ilimitadas peças. Porém, ela pregou uma pegadinha e mostrou que todo objeto tem limite. E isso deixa de recado que a gente pode construir uma bolsa com algumas possibilidades sensoriais, mas ela é limitada. Ou seja, querer fazer uma blusa que atenda a todo o universo é correr atrás do próprio rabo”, comparou.

Referências brasileiras na Assintecal
Ou seja, para o Inverno 2019, a ideia, segundo o Núcleo de Design da Assintecal, é destacar produtos que atendam às necessidades das pessoas, mas que também sejam múltiplos. “A Alquimia do Inverno 2019 é amparada em duas palavras chaves, que são o Dinâmico e o Atômico. A primeira serve de base para todas as construções que não são decorativas, e a segunda palavra para dar força a elas”, explicou Jefferson que acrescentou que, mesmo quando a faceta do produto for apenas a decoração, a ação do consumidor precisa ser necessária. “Mesmo quando é decorativo, o objeto só foi possível porque a pessoa mexeu no esquema do designer e possibilitou aquela forma. Quem constrói a história e finaliza é a ação do consumidor”, concluiu o coordenador no Referências Brasileiras, Jefferson de Assis.

Fonte: Jornal do Brasil (Heloísa Tolipan)

Taylor Swift e seus familiares são ameaçados de morte por perseguidor da cantora, diz site


G1 - Taylor Swift e seus familiares estão sendo ameaçados de morte por um perseguidor. E, segundo o site "TMZ", o nome do cara já é conhecido pela cantora. Frank Andrew Hoover já havia sido detido em 2016 por violar ordem judicial de restrição diversas vezes e perseguir Taylor.
De acordo com a publicação, um processo de 122 páginas conta com uma série de e-mails com ameaças de Hoover contra Taylor e sua família.
“Foi decidido que vamos acabar com todos os Swift um dia porque não posso suportar o vírus que sua filha espalha”, escreveu o perseguidor em um deles. Em outro, ele diz: “A cruel família de demônios: Scott, Austin, Taylor, Andrew”.
Em outros textos, Hoover escreve que as mensagens não são brincadeira e fala para o pai da cantora desfrutar de “aneurismas cerebrais e da morte”. “Vá para o inferno, Swift” também foi uma das mensagens enviadas pelo perseguidor.

Sem maquiagem, Ana Maria Braga pratica yoga com a filha


Área VIP - Ana Maria Braga utilizou seu perfil do Instagram na tarde desta sexta-feira (19), para compartilhar com seus seguidores um momento zen ao lado da filha primogênita, Mariana.
No click, a apresentadora do “Mais Você” surge sem maquiagem, usando uma camiseta e calça legging e Mariana acompanha a mãe em uma sessão de yoga.
“Minha filha @marianamamma me mostrou como a yoga ajuda a criar uma conexão com você mesma Estou adorando”, disse a apresentadora que também é mãe de Pedro, de 31, ambos de seu casamento com o economista Eduardo de Carvalho, que terminou em 1992.


Mariana também compartilhou um registro com Ana, em sua rede social. “Quem olha para dentro desperta. Mãe e filha“, escreveu.


Ana Maria “quebra a internet” com momento divertido no “Mais Você”
Ana Maria voltou a agitar a web com um momento divertido, em seu programa “Mais Você”.
Na atração global, a apresentadora exibiu a tendência de usar acessórios em formato de bichos…Veja os clicks!