segunda-feira, 16 de abril de 2018

'A democracia não está em risco no Brasil', diz Moro

Jornal do Brasil - "Deixa eu dizer alto e claro: a democracia não está em risco no Brasil", disse nesta segunda-feira, 16, o juiz federal Sérgio Moro, responsável pela condenação à prisão do ex-presidente da República Luiz Inácio Lula da Silva na Operação Lava Jato.
Segundo Moro, as investigações de corrupção sob sua responsabilidade e de outros magistrados revelaram fatos "vergonhosos", mas sua punição, afirma, deve ser motivo de orgulho para o País. Em palestra na Escola de Direito da Universidade de Harvard, nos Estados Unidos, Moro mencionou trecho de discurso feito em 1903 pelo ex-presidente dos EUA Theodore Roosevelt (1858-1919) para reforçar sua posição: "A exposição e a punição da corrupção pública é uma honra para uma nação, não uma desgraça. A vergonha está na tolerância, não na correção".Moro condenou Lula a 9 anos e 6 meses por corrupção e lavagem de dinheiro no caso do triplex do Guarujá.


Em julho, Moro condenou Lula a 9 anos e 6 meses por corrupção e lavagem de dinheiro no caso do triplex do Guarujá. Em janeiro, o Tribunal Regional Federal da 4.ª Região (TRF-4) confirmou a condenação e elevou a pena a 12 anos e 1 mês. Lula foi preso por determinação de Moro no dia 5, depois de o Supremo Tribunal Federal (STF) negar pedido de habeas corpus preventivo apresentado por seus advogados.
Aliados do ex-presidente sustentam que o julgamento teve motivações políticas e representam uma ameaça ao sistema democrático. Para eles, não há provas para a condenação do ex-presidente e a proibição de sua participação na eleição representa um golpe. Lula pode ser enquadrado na Lei da Ficha Limpa, que proíbe o registro de candidatos que tenham sido condenados criminalmente em segunda instância.

No Porchat, Jô critica Dilma, fala mal de Lula e se defende após receber críticas por entrevista

Jô Soares ao lado da ex-presidente Dilma Rousseff
TV Foco - Jô Soares foi ao Programa do Porchat nesta segunda e gravou uma entrevista para a atração, que será exibida na próxima quarta-feira. Até sobre políticos famosos e ameaça de morte o gordinho e ex-global falou.
Jô, que foi até Brasília em 2015 e entrevistou Dilma Rousseff, afirmou que recebeu ameaças e que teve o muro do seu prédio pichado, depois que a entrevista foi exibida.
“Escreveram na minha casa: ‘Morra, Jô Soares!’. Mas eu não resolvi concordar”, brincou ele, arrancando gargalhadas da plateia, de acordo com o Uol. Jô ainda comentou sobre Lula e Dilma.
“Achei um absurdo ela [Dilma] ter concorrido [à reeleição]. O combinado era a Dilma [se eleger] uma vez e passar a bola para o Lula, mas estava tão gostoso que ela não passou. Eu também não passaria. Lula me decepcionou”.
E afirmou, sobre ter sido muito criticado após entrevistar a ex-presidente: “Sempre vou entrevistar presidente. É que [com a Dilma] eu não debati. Fiz a pergunta que todos fariam e não debati. Ficaram loucos da vida, mas não é minha função. Se eu debato, tomo partido”.
Sobre a sua ida para o SBT, onde teve um talk show nos anos 80 e 90, Jô disse: “Silvio Santos queria contratar alguém da Globo que fizesse barulho na mídia. Carlos Alberto sugeriu Chico Anysio e Jô Soares. Mas se contratasse Chico teria que levar outras 20 pessoas. Mas Jô Soares não. Fui para o SBT e o Chico ficou, disse que nunca veria meu programa. Um mês depois, eu o entrevistei [o Chico]”, relembrou.
Emocionado e chorando, Fábio Porchat declarou, ao lado de Jô: “Talvez seja o programa mais importante da minha vida. Não consigo falar. Vou pensar na minha avó de biquíni”, brincou.
Jô também comentou a desculpa esfarrapada que Silvio Santos sempre deu para não dar entrevista ao seu programa: “Convidei [Silvio Santos] várias vezes e ele respondeu: ‘não dá’. E é cínico. Falei: ‘Silvio, estou parando e seria tão lindo que você me desse a última entrevista’. E ele contou a história da cigana que encontrou na Disney e falou que se ele desse entrevista morreria no dia seguinte. Se tivesse dado entrevista para mim, teria que fazer com todos que recusou. Mas sou eternamente grato”.
O gordinho ainda foi enfático ao dizer que não sente falta de quase nada por estar longe da TV: “Se eu sentisse falta, teria continuado. Cumpri minha meta. Adorava o meu trabalho, adoro conversar e é um prazer estar aqui com você porque é uma pessoa da qual eu gosto e em quem confio. Não posso sentir falta depois de 29 anos e 15 mil entrevistas”, afirmou ele, para, minutos depois, abrir uma exceção. “A única coisa da qual sinto falta é do [quadro] ‘Meninas do Jô'”.

Apresentador do SBT sofre parada cardíaca e morre horas antes de programa ir ao ar


Jornal do Comércio - O jornalista de esportes do SBT no Rio Grande do Sul Ricardo Vidarte morreu nesta segunda-feira (16), aos 58 anos, após sofrer um infarto. Vidarte, que estava na cobertura esportiva do canal desde 2007, trabalhava por volta das 9h30min em seu computador preparando o telejornal do dia quando sofreu uma parada cardíaca. Ele foi levado ao Hospital Mãe de Deus em Porto Alegre, mas não resistiu e acabou falecendo.
Vidarte deixa um filho, Arthur, de 16 anos. O velório ocorrerá no Cemitério João XXIII, na capela 9, na avenida Natal, 60, bairro Medianeira, na Capital, a partir das 20h desta segunda. O sepultamento será nesta terça-feira (17), às 10h30min, no mesmo local. O SBT manifestou pesar pela morte do jornalista e prestou solidariedade aos familiares e amigos.
Vidarte nasceu em Porto Alegre e já atuava há 33 anos no Jornalismo. Teve passagem por diversos gaúchos até virar comentarista do SBT Esporte. Ele fez transmissões de futebol, coberturas da Libertadores, de mundiais de clubes e quatro copas do mundo.

Nem sempre mocinho! Os personagens de Fábio Assunção com índole duvidosa

Gente.IG - O ator Fábio Assunção está prestes a voltar as telas como o juiz Ramiro em “ Onde Nascem Os Fortes ”. Na trama, ele fará um tipo vilão: terá o Pedro de Alexandre Nero como antagonista, e com ele brigará por mulheres do passado e do presente, por fama e pela denominação de homem mais poderoso da cidade fictícia de Sertão.

Fábio Assunção como Ramiro, vilão de Onde Nascem Os Fortes
Conhecido no passado como um dos maiores galãs da Globo, Fábio Assunção também teve bons momentos como vilão , além de supostos galãs que na verdade tinham péssimo comportamento. Por isso, reunimos seus principais papeis do lado oposto ao do mocinho. Confira:

Como Marcos em "O Rei do Gado", Fábio Assunção vazia um playboy que não ligava para ninguém e levou uma namorada a se afundar nas drogas
Em “Onde Nascem os Fortes”, ele fará um juiz que se envolve com corrupção. Solitário, ele se ocupa com sua obsessão, os pássaros, que lhe renderam o apelido de “Curió”. De acordo com o próprio ator, o personagem tem gosto pelo poder e também pelo dinheiro.
Pai de Ramirinho (Jesuíta Barbosa), ele e criou o herdeiro para que seguisse seu passos, mas o filho leva uma vida dupla: à noite, ele faz shows como cantor e DJ no Bodão Night Club, boate da cidade, assumindo a personagem Shakira do Sertão.
Outro personagem nada bonzinho de Assunção também está passando na televisão atualmente. Ele foi Renato Mendes em “Celebridades”, de 2003, que está atualmente em “Vale a Pena Ver de Novo”. Assim como a vilã Laura (Cláudia Abreu), ele tenta destruir a vida de Clara (Malu Mader).

Fábio Assunção e Cláudia Abreu nos bastidores de Celebridade
Os dois se unem em seu plano para destruir a protagonista, porém sua relação é tóxica e só piora. Renato consegue imagens comprometedoras de Laura e a obriga a se casar com ele. Sob chantagem, ele a obriga a fazer o que quiser e a vigia 24 horas por dia. No final, ele acaba matando a vilã e vai parar na cadeia.

Índole duvidosa
Fábio Assunção e Marina Ruy Barbosa em Totalmente Demais
Em “O Rei do Gado”, de 1996, ele foi o playboy Marcos. Filho de Bruno (Antonio Fagundes), ele cresceu com tudo do bom e do melhor. Só querendo saber de aproveitar a vida, ele dizia ser formado em duas faculdades, mas os diplomas eram falsos. O jovem acaba se envolvendo com Liliana (Mariana Lima) e leva a menina para o mundo das drogas. Apesar de não ser um vilão de maldades clássicas, ele estava longe de ser um mocinho e chegou a cometer um assassinato. No final, porém, ele se redime, tem um filho com Liliana e assume os negócios do pai.
Já em “Por Amor” ele é Marcelo, um homem apaixonado por Maria Eduarda (Gabriela Duarte). Porém, além do amor que sente, ele é mimado, arrogante e machista. Quando a mulher engravida, sonha em ter um filho homem, para dar seu nome a ele.

Fábio Assunção (Marcelo) com Gabriela Duarte (Eduarda) e Ângela Vieira (Virgínia, tia de Eduarda) em Por Amor
Destratava a sogra, tentado mostrar superioridade sempre, e chegou a acusa-la de querer atenção quando a mesma engravidou junto com a filha. Sem nunca afastar a ex-namorada de sua vida, ele não se incomodava com sua aproximação, mas se dava ao direito de ser agressivo quando via que ela fazia algo para tê-lo de volta. Na época pode até ser visto como galã, mas na reprise da novela ficou claro que ele passa longe disso.
O mais recente caso de suposto “galã” com uma personalidade bem duvidosa foi em “Totalmente Demais”. Em uma história a la “My Fair Lady”, ele é Arthur, dono de uma agência de modelos, que se relaciona há anos com Carolina (Juliana Paes), mas não a assume.
Pelo contrário, os dois decidem fazer uma aposta sobre quem será a vencedora de um concurso de beleza. No meio disso está a jovem Eliza (Marina Ruy Barbosa), de 18 anos, que largou a família por conta dos abusos do padrasto e mora na rua. Com a promessa de torna-la uma estrela, ele a acolhe e se apaixona por ela.
Em meio a disputa com Carolina, eles jogam com a vida da menina. Ainda por cima, ele cria com ela uma relação controversa. Ela já é apaixonada por um rapaz, mas vê em Arthur conforto e segurança. Ele, quer ganhar a competição a qualquer custo, incluindo se relacionar por uma jovem da idade de sua filha.
O personagem de Fábio Assunção , porém, vai tomando novos rumos na novela e acaba desistindo da relação, voltando a se aproximar de Carolina e deixando Eliza livre.

Nasa lança missão para descobrir se estamos sozinhos no Universo

Jornal do Brasil - A nova missão da Nasa de busca de planetas, pronta para ser lançada nesta segunda-feira, visa a avançar na tentativa de encontrar vida extraterrestre, fazendo uma varredura nas proximidades da galáxia por planetas semelhantes à Terra.
Espera-se que o satélite de investigação Transiting Exoplanet, ou TESS, decole às 18h32 hora local (19H32 no horário de Brasília) a bordo de um foguete Falcon 9 da SpaceX a partir de uma plataforma de lançamento de Cabo Canaveral, Flórida.
Com um custo total de 337 milhões de dólares, o aparelho espacial - do tamanho de uma máquina de lavar - foi projetado para procurar sinais de atenuação periódica da luz nas estrelas mais próximas e mais brilhantes. Esses sinais, conhecidos como "trânsitos", podem significar que há planetas em órbita ao redor delas.


A expectativa é que o TESS revele cerca de 20.000 planetas além do nosso sistema solar, conhecidos como exoplanetas, indicou a Nasa.
Suas descobertas serão estudadas em profundidade por telescópios terrestres e espaciais em busca de sinais de habitabilidade, como terrenos rochosos, tamanho semelhante ao da Terra e uma distância do Sol que permita uma temperatura compatível com a água líquida.
A Nasa também prevê que o satélite pode encontrar mais de 50 planetas do tamanho da Terra e até 500 planetas com menos de duas vezes o tamanho da Terra.
O TESS irá explorar muito mais espaço cósmico do que o seu antecessor, o Telescópio Espacial Kepler, que foi lançado em 2009 e que abrangeu 85% dos céus.
"TESS está equipado com quatro câmeras muito sensíveis que poderão monitorar praticamente todo o céu", declarou George Ricker, chefe de pesquisa do TESS no Instituto de Tecnologia de Massachusett (MIT).
"Isso é aproximadamente 20 vezes mais do que a missão Kepler era capaz de detectar".

- Kepler vs. TESS -
Kepler, a primeira missão de caça a planetas do tipo, "foi lançado para responder a uma única pergunta: É comum um planeta como a Terra em torno de uma estrela como o Sol?", explicou Patricia Boyd, diretora do programa de pesquisadores convidados do TESS no Goddard Spaceflight Center da Nasa.
"Ele foi projetado para observar 150.000 estrelas em um campo de visão razoavelmente amplo, sem piscar, por quatro anos", disse a repórteres na véspera do lançamento.
"Uma das muitas coisas surpreendentes que Kepler nos informou é que os planetas estão em toda parte e existem todos os tipos de planetas".
"TESS é o próximo passo. Se houver planetas por toda parte, então é hora de encontrarmos os planetas que estão mais próximos de nós, orbitando estrelas próximas brilhantes, porque estes seriam a base do sistema".
TESS e Kepler usam o mesmo sistema de detecção de trânsitos planetários, isto é, sombras projetadas quando passam em frente à sua estrela.
Enquanto Kepler confirmou cerca de 2.300 exoplanetas e milhares de outros candidatos potenciais, muitos estavam distantes demais e pouco iluminados para continuar estudando.
Com o satélite Kepler quase sem combustível e atingindo o final de sua vida útil, TESS pretende assumir a tarefa na busca focando mais de perto os planetas a dezenas ou centenas de anos-luz de distância.
"TESS vai aumentar radicalmente o número de planetas que temos para estudar", disse Ricker. "O número vai duplicar em relação ao visto e detectado pelo Kepler".
Espera-se que os primeiros dados do TESS sejam divulgados em julho. A Nasa argumenta que os cidadãos astrônomos podem ajudar a estudar os planetas em busca de sinais de possível habitabilidade.

Saiba qual é a média parcial de 'O Outro Lado do Paraíso'

Clara começou apanhando até no ibope
Faltam 23 capítulos para o fim do folhetim das nove O Outro Lado do Paraíso, que tem feito enorme sucesso nos últimos meses. Até agora, já estão acumulados 37.5 (38) pontos, praticamente dois a mais que a antecessora, A Força do Querer, o primeiro grande sucesso depois o fim de Avenida Brasil há seis anos.

A segunda fase, marcada por reviravoltas, fez a novela se tornar o mais novo hit
(na foto: Caio Paduan, Erika Januza, Bianca Bin e Thiago Fragoso)
Até o capítulo 30, as coisas não iam tão bem na audiência, pois a novela tinha apenas 29.5 de média na grande São Paulo, e a tendência era cair mais e mais! Mas o autor Walcyr Carrasco soube virar o jogo à partir daí, quando Clara (Bianca Bin) foge do hospício que foi internada à mando da sogra, Sophia (Marieta Severo), pra acertar as contas com seus desafetos.
Outro ponto alto foi o delegado Vinícius (Flávio Tolezani), que abusava de sua enteada Laura (Bella Piero). O julgamento do pedófilo, exibido em 20 de fevereiro, fez com que a novela batesse um recorde de 46 pontos. É o mais assistido até agora.

#CineClassics - Hellzapoppin', filme estadunidense dos anos 1940


Hellzapoppin' ('Pandemônio' em português) é um filme norte-americano de comédia musical lançado em 1941 pela Universal Pictures. A atração cinematográfica foi dirigida por H.C. Potter, estrelada por Ole Olsen e Chic Johnson e adaptada de um musical famoso da Broadway de mesmo nome.
Dentre os componentes do elenco, está o comediante Shemp Howard, que foi um dos integrantes dos Três Patetas nos anos 1920.
Pandemônio, que foi indicado ao Oscar pela música 'Pig Foot Pete', mesmo ela não tendo sido executada no filme, ajudou a popularizar o lindy hop, dança derivada do gênero musical swing criada nos anos 1940 e que fez muito sucesso por mais de vinte anos. Abaixo, a sequência mais popular:








Ayrton diz que carro que Ana Clara ganhou após 43 horas de prova será dele


SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - Ayrton disse que o carro que Ana Clara ganhou na prova de imunidade do Big Brother Brasil será dele.
Ana Clara e Kaysar resistiram por 43 horas até que a prova foi encerrada por Tiago Leifert. Os dois competidores ganharam um carro zero quilômetros e tiveram que decidir quem ficaria com a imunidade. O sírio permitiu que a família Lima ficasse imune ao paredão.


Na manhã desta segunda-feira (16), Ana Clara disse que pretende tirar carta de motorista em um mês. Ayrton rebateu dizendo que seria ele quem teria que pagar pelos custos para manter o veículo e que acha melhor que o carro seja dos dois.
A confinada não gostou dos comentários e disse que o pai a desmotiva agindo como se ela não fosse conseguir um trabalho após o confinamento. Ela ainda disse que irá contar com o apoio da mãe, Eva, que não permitirá que o pai pegue para ele o carro conquistado pela filha.
A dupla ainda seguiu discutindo sobre a cor do veículo. Enquanto Ayrton prefere o carro vermelho, Ana Clara quer o branco.
No domingo (15), o patriarca da família Lima já havia declarado que ficaria com o veículo. Ana Clara rebateu dizendo que ficaria com o carro e que Ayrton só tiraria o automóvel da concessionária, já que ela não possui carteira de motorista. "Não. Vamos ver um carrinho menor para você", finalizou.

PAREDÃO
Faltando apenas quatro dias para a final do BBB 18, Breno e Kaysar estão no paredão. Ele enfrentará Breno na disputa pelos votos do público. Correndo risco de ser eliminado nesta terça (17), Kaysar diz que se sair, quer que Gleici ganhe.

#DeuRuim - Tati Quebra-Barraco tatua trecho bíblico na costela com erros ortográficos

A cantora de funk Tati Quebra-Barraco fez uma tatuagem na qual foi escrito um trecho bíblico do Salmo 91 e a postou em seu Instagram. Mas o que chamou a atenção dos internautas não foi só a tatuagem, mas também os erros de ortografia.
Tati, que não terminou o ensino básico, recebeu uma chuva de críticas por não colocar um ponto ou uma vírgula em seus devidos lugares, além de não saber acentuação e a diferença "mas" e "mais".


Parece que não adiantou essa empolgação toda, não, e só resta uma alternativa para a cantora: apagar tudo fazendo tratamento a laser. Pena que gastou dinheiro com um tatuador semianalfabeto desse, né não, Tati? Boa sorte agora!

Após ter vídeo íntimo vazado, Rômulo Arantes receberá indenização


Catraca Livre - Rômulo Arantes foi um dos primeiros artistas a ter um nude vazado na web. Em 2011, o ator viu um vídeo íntimo, onde aparece se masturbando, viralizar nas redes sociais.
Desde então, Rômulo trava uma batalha judicial contra o Google, porque a empresa resolveu manter o vídeo no ar, ao invés de excluí-lo, como havia solicitado o artista.
Após perder em primeira instância, quando pediu R$ 250 mil de indenização, o ator recorreu e saiu vencedor do processo, de acordo com informações do jornal O Globo.
Segundo o noticioso, o desembargador Ferdinaldo Nascimento, da 19º Câmara Cível do Rio de Janeiro, deferiu parecer favorável a Rômulo Arantes, e condenou a organização multibilionária a pagar R$ 10 mil ao artista.

Uma publicação compartilhada por -ROMULO ARANTES NETO- Actor (@romuloarantesneto) em

Em uma entrevista à revista Quem, Rômulo falou sobre o vídeo e atribuiu o vazamento ao seu pouco conhecimento com internet.
“Sou leigo com internet. Teve um momento da minha vida que queria acalmar meu ímpeto sexual, mas não queria me desgastar, não queria trocar energia. Não queria mais sair com quem não tenho intimidade e decidir explorar meu corpo sozinho”, disse.
“Um ex-agente me ligou falando que tinha um vídeo no qual eu me masturbava. Entrei em desespero. Me senti exposto, burro, ingênuo. Não sabia que alguém pudesse estar gravando e muito menos ser tão maldoso”, se defendeu.

Uma publicação compartilhada por -ROMULO ARANTES NETO- Actor (@romuloarantesneto) em