segunda-feira, 17 de dezembro de 2018

Em meio a boatos de separação, Simone e Simaria demitem 15 funcionários


Entre POP - O ano de 2018 realmente não foi dos melhores para Simone e Simaria. Longe dos palcos por vários meses, a dupla está perto do fim.
Nos últimos meses, Simone e Simaria suspenderam a agenda de compromissos por conta de uma tuberculose ganglionar diagnosticada em Simaria em abril deste ano. A cantora segue em tratamento, enquanto o futuro da dupla está incerto.
De acordo com o colunista Leo Dias, Simone e Simaria demitiram 15 funcionários, o que gerou surpresa e reforçou os boatos de que a dupla pode chegar ao fim.
A justificativa oficial das sertanejas, no entanto, é baseada em logística. Simone e Simaria estão se mudando para São Paulo e resolveram mandar embora quem mora longe da cidade.

Marcos Mion dá a sua opinião sobre o resultado de A Fazenda 10


Contigo! - O apresentador Marcos Mion decidiu interromper o descanso merecido para dar a sua opinião sobre o resultado da grande final de A Fazenda 10, da Record, que consagrou Rafael Ilhacomo o campeão e deixou João Zoli em segundo lugar. Neste sábado (15), ele falou sinceramente sobre o que achou dos dois finalistas e o motivo que o fez gostar tanto da vitória de Rafael.
“Eu fiquei genuinamente muito feliz com a vitória do Rafael Ilha, assim como eu teria ficado se o João tivesse vencido. Rafael Ilha tem uma história que todo mundo conhece. Já sofreu demais. Ele venceu uma coisa que é praticamente impossível de vencer: a dependência química. Isso torna ele um vencedor, mas um vencedor para ele mesmo. Um vencedor de suas batalhas internas. Quando o povo brasileiro se une para eleger esse cara o vencedor do reality e transformar a vida dele, transformando ele em um milionário, faz uma história de redenção muito bonita, faz sentido para A Fazenda. Um cara que era desacreditado, hoje, abraçado pelo povo, é muito bonito”, afirmou ele.
Mion também aproveitou para tecer elogios para o segundo colocado. “O João é um moleque maravilhoso, um exemplo para a juventude, um cara de bom coração, boa índole. Se ele entrava em uma briga, era para separar. Quando eu encontrei a mãe dele na final, eu falei para ela que eu queria que ele fosse meu filho. Isso mostra a admiração que eu tenho por ele. Um moleque gente boa demais”.

A GRANDE FINAL
Na noite de quinta-feira (13) aconteceu a grande final de A Fazenda. Na disputa pelo prêmio de R$ 1,5 milhão, Caique Aguiar, João Zoli e Rafael Ilha.
Com 62,51% dos votos, Rafael Ilha foi consagrado o vencedor da edição 2018 do reality. João ficou em segundo colocado com 35,77% dos votos e Caique recebeu apenas 1,72%.
Conhecido do grande público, Ilha foi um dos protagonistas do programa, especialmente pelas articulações e desentendimentos com outros participantes.
“Você chegou aqui sendo aquele Rafael Ilha loucão e sai aqui hoje reconhecido. É uma redenção linda, digna de filme de cinema. Mostrando uma vida de pura superação, encarando os problemas de cabeça erguida e os transformando em vitórias", disse Marcos Mion pouco antes de anunciar o vencedor.
Rafael era figura esperada em A Fazenda. A presença dele no reality já era desejada desde edições passadas. Em 2017, Ilha estava como substituto caso algum peão fosse expulso, o que não aconteceu.

#NinetiesSessions - Ouçam "Casual Sub", de Estimated Time of Arrival


A instrumental Casual Sub é de autoria do projeto ETA (Estimated Time Of Arrival), composto pelos DJ's dinamarqueses Per Lind e Thomas Yde e em atividade entre 1997 - ano que a canção foi lançada - e 2001. Eles se basearam no single de 1972 "Burning Spear", do grupo S.O.U.L. (Sounds of Unity and Love), e a versão de 1990 entrou nos álbuns "In The Mix 97 - ", "Essential Selection - Summer 1997", "The Annual III" e "The Future Sound of The United Kingdom", todos lançados nas lojas britânicas.

Após 'Dança dos Famosos', Sérgio Malheiros se declara à Dani Calabresa: "Melhor companhia"


CARAS - Participante da última edição do Dança dos Famosos, Sérgio Malheiros usou as redes sociais nesta segunda-feira, 17, para se declarar à amiga e finalista da competição, Dani Calabresa.
Em seu perfil no Instagram, o ator foi só elogios à humorista ao compartilhar um clique. "A melhor coisa do Dança dos Famosos foi o encontro com esse grupo tão especial... Dani Calabresa foi uma dessas surpresas. A melhor companhia pra um domingo de tensão e ao vivo. Que felicidade te conhecer e agora você não sai mais da minha vida", escreveu ele na legenda da foto.


Depois de uma grande disputa de talentos, Léo Jaime conseguiu garantir o título de grande campeão dessa temporada da atração do Domingão do Faustão neste domingo, 16.
O cantor enfrentou Dani e Erika Januza em uma maratona dupla nos ritimos de tango e valsa, mas mostrou que veio com muita garra nessa final e deixou tanto jurados quanto platéia encantados com suas habilidades.
Após ouvir o resultado, o participante ficou completamente emocionado com a vitória e a animação que tomou conta de todo o público e declarou: ''Nunca ganhei nada! Não tenho nem roupa de quem ganha!"

Terceira filha do cantor Ferrugem nasceu nesta segunda-feira (17)


Veio ao mundo nesta segunda-feira (17) Aurora, filha do cantor Ferrugem com Thais Vasconcelos, com quem se casou em maio deste ano. De acordo com a notícia publicada no Gshow, a pequena nasceu pela manhã, às 7hrs, com 44cm e 2.6kg em uma maternidade localizada na Barra da Tijuca, zona norte do Rio de Janeiro.
Os dois também são pais de Sofia, de 1 ano e 2/3 meses. Ferrugem tem outra filha, Júlia, fruto de seu relacionamento com Juliana Barbosa (in memorian).

Juiz manda caçador ilegal assistir ‘Bambi’ uma vez por mês nos EUA


G1 - Um caçador do Missouri recebeu ordens de assistir mensalmente ao filme “Bambi” como parte de sua sentença por matar ilegalmente centenas de cervos.
David Berry Jr. recebeu ordens de assistir ao clássico da Disney pelo menos uma vez por mês durante sua sentença de prisão de um ano no que os agentes de conservação chamaram de “um dos maiores casos de caça ilegal de cervos na história do estado”, segundo o jornal “Springfield News-Leader”.
"Ele abatia os cervos ilegalmente como troféus, principalmente à noite, por causa de suas cabeças, e largava os corpos apodrecendo", disse Don Trotter, promotor público do condado de Lawrence.
Berry, o pai dele, dois irmãos e outro homem que os ajudavam tiveram seus privilégios de caça, pesca e armadilha revogados temporariamente ou permanentemente. Os homens pagaram US$ 51 mil (cerca de R$ 200 mil) em multas e custas judiciais - mas o juiz ordenou uma bônus à sentença de Berry.
Registros do tribunal mostram que ele foi ordenado pelo juiz do Condado de Lawrence, Robert George, a “ver o filme de Walt Disney, Bambi, com a primeira exibição sendo em ou antes de 23 de dezembro de 2018, e pelo menos uma dessas exibições a cada mês” na cadeia do condado.
Berry também foi condenado a 120 dias de prisão no condado de Barton, por causa de uma violação por liberdade condicional por porte de armas de fogo.
O pai dele, David Berry Sr., e seu irmão, Kyle Berry, foram presos em agosto depois de uma investigação de quase nove meses que também envolveu casos no Kansas, Nebraska e Canadá. O Departamento de Conservação do Missouri disse que as informações da investigação levaram 14 residentes do Missouri a enfrentar mais de 230 acusações em 11 países.
Os investigadores dizem que o outro filho de David Berry Sr., Eric Berry, foi mais tarde pego com outra pessoa atraindo a atenção dos cervos.
A investigação sobre os Berrys começou no final de 2015, quando a agência de conservação recebeu uma denúncia anônima sobre caça ilegal no condado de Lawrence.

Integrantes do 'Fofocalizando' lavam roupa suja e Lívia Andrade se revolta: ''Eu gosto da verdade''


Contigo! - A apresentadora Lívia Andrade apareceu muito revoltada no Fofocalizando desta segunda-feira (17). Ela respondeu mais uma vez as críticas que foram ao ar no Programa Silvio Santos deste domingo.
No ar, ela leu um e-mail recebido por Silvio Santos em que um funcionário do SBT faz duras acusações contra a apresentadora.
"O Silvio não me obrigou a ler nada, eu li porque eu quis. Eu não fiquei sem graça, prova disso são os funcionários que eu levei para o camarim. Quando acabou essa agravação eu reuni as pessoas citadas para ir lá falar na frente do Silvio se tinha algum problema relacionado com a minha pessoa nesses vinte anos que eu trabalhei aqui", disse.
Em tom de mistério, ela fez duras acusações.
"Eu deixei muito claro que essa funcionária que maltrata pessoas não se chama Lívia Andrade. E eu citei o nome dela e provei. Eu poderia falar bem de mim, falar que eu sou uma santa, iluminada, mas eu não sou, eu gosto da verdade. A minha equipe foi maltratada na minha frente e eu tomei atitude. Eu não vou lá no camarim do Silvio Santos fazer fofoquinha", esbravejou ela.
Lívia Andrade seguiu sem citar nomes. "Eu poderia citar aqui nomes de colegas que todo mundo sabe, mas eu não consigo fazer essa linha lobo em pele de cordeiro, de parecer santa, passar uma imagem falsa", disse.
Décio Piccinini revolveu colocar lenha na fogueira e fez duras acusações.
"Eu não vou endeusar a Lívia, ela tem os defeitos dela, só que ela não briga com ninguém. Isso aqui é uma família e quem pensar diferente que suma. Ela não deixa a bolsa aberta com gravador pra depois usar frases desconexas para conseguir o que quer", acusou.
Leão Lobo também pediu a palavra para defender a estrela. "Eu convivo com ele há mais de vinte anos e acho que faz toda a diferença conviver todos os dias. Se tem uma coisa que a Lívia é uma pessoa feliz, alegre, que chega aqui cantando. Ela chama a gente para ir para a casa dela, não só a gente, a equipe. Então quem inventou isso é uma pessoa desocupada", disse.

ENTENDA
No Programa Silvio Santos, o patrão mostrou uma carta escrita por um suposto funcionário do SBT, causou mal estar ao acusar a modelo de provocar confusão nos bastidores “Lívia Andrade maltrata funcionários. Ela berra, se acha e é uma pessoa arrogante e desagradável – claro, não quando você está perto dela. Outro dia deu um show de arrogância, jogou as roupas que o SBT oferece no chão e pisou em cima delas. Recusou vestir as roupas do SBT e maltratou figurinistas. Pergunte para o chefe dos camarins ou para sua camareira que ela vai confirmar o que estou falando", dizia o bilhete.

Dom Sabino deveria IPTU atrasado mesmo após cem anos congelado, afirma especialista


SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - Dom Sabino (Edson Celulari) é hoje vice-presidente da empresa Samvita na trama "O Tempo Não Para" (Globo). Apaixonado por Carmen (Christiane Torloni), o congelado homem do século passado desistiu de colocar abaixo a grande empresa fictícia da Freguesia do Ó, na zona norte de São Paulo).
Sabino acordou cem anos depois se dizendo dono do bairro, que na realidade fazia parte de sua propriedade. Na vida real, o personagem teria de impedir o nascimento de avenidas, a ocupação de terceiros ou, no mínimo, teria muitos boletos de impostos atrasados.
O autor da trama, Mario Teixeira, brinca com a possibilidade de uma família inteira ter sido congelada por mais de cem anos. Dom Sabino e sua família viram pouco da evolução do bairro. Eles foram "congelados" em 1988 e o processo de urbanização do bairro iniciou nos 1930 em torno do rio Tietê. Na época, o rio tinha pontes de madeira.
Há 130 anos, quando a família de Sabino foi congelada em uma acidente de navio, a Freguesia do Ó era totalmente tomada pela área rural. "Eram fazendas, bem como chácaras, sítios e até mesmo loteamentos menores com arruamentos, já apresentando prévias de sua incorporação ao espaço urbano de São Paulo, que ocorreria de modo mais proeminente após a década de 1930", afirma Alberto Luiz dos Santos, pesquisador em Geografia Urbana e Patrimônio Cultural.
Nem Sabino nem Agustina (Rosi Campos) tiveram a sorte de ver a pequena vila se transformar em um grande bairro de uma metrópole. "A abertura de loteamentos e comercialização de terrenos se intensifica, formando pequenos bairros, popularmente reconhecidos como vilas. A ampliação territorial dessas vilas, décadas depois, daria contiguidade territorial ao bairro da Freguesia do Ó, principalmente após 1950 e 1960, com a inauguração das avenidas marginais e das pontes de concreto sobre o rio Tietê", afirma Santos, que também é pesquisador e doutorando na USP (Universidade de São Paulo).
Não à toa, Dom Sabino cismou, nos últimos capítulos da novela, que deseja despoluir o rio Tietê, que só conheceu quando ele era límpido. "Antes dessa modernização no âmbito dos transportes e deslocamentos, a travessia do rio se dava por embarcações mais precarizadas e pontes de madeira, sendo comum a menção como uma 'travessia para a cidade'", lembra Santos.
"As primeiras aglomerações de casas e edificações, no entorno do atual largo da Matriz Velha podem ser consideradas o início da formação do bairro, ao longo dos séculos 17 e 18. Um bairro, porém, com dinâmica de uma pequena cidade, dado o certo isolamento que vivia até o início do século 20", conclui o pesquisador.
Na vida real, claramente, seria também impossível que Dom Sabino recuperasse as suas terras, avalia o advogado Franco Musetti Grotti, sócio da área imobiliária do escritório Pinheiro Neto. "Se ele tivesse uma área enorme ocupada, ainda mais por cem anos, terceiros iriam ocupar nesse tempo, e pediriam o direito às terras pela usucapião [quando alguém ocupa uma área por determinado tempo e passa a ter direito sobre ela]."
"Ainda tem a questão constitucional de que todas as áreas precisam ser exploradas e ser produtivas. Há o interesse coletivo que precisa ser atendido. Toda a propriedade precisa ter uma função social", completa o advogado.
O especialista ainda brinca que seria impossível uma cidade como São Paulo manter um terreno vazio por mais de cem anos, sem ser ocupado. Além disso, o governo iria taxar o IPTU progressivo no dono. "O fisco não quer saber se você está congelado ou não, mas os boletos iriam continuar chegando", brinca o Grotti.
O especialista lembra ainda, que o poder público tem o poder de desapropriar terrenos para fazer obras. "Se ele quer construir uma avenida, ele pode desapropriar." As comprovações de titularidade na época de Dom Sabino também são completamente diferentes das novas técnicas. "Antes, o registro mostrava que o terreno ia até tal pedra ou tal árvore, hoje há a exigência do georreferenciamento", explica Grotti. Até pela internet hoje é possível ter imagens de satélite sobre uma área. 

BAIRRO FOI TOMADO COMO PATRIMÔNIO HISTÓRICO NOS ANOS 1990
Em um país em que pouco se preserva a história, o bairro da Freguesia do Ó foi tombado apenas em 1992 pelo Conpresp (Conselho Municipal de Preservação do Patrimônio Histórico, Cultural e Ambiental da Cidade de São Paulo), após estudos do DPH (Departamento de Patrimônio Histórico), explica Santos.

Modelo revela caso com Woody Allen quando tinha apenas 16 anos


ISTO É - Christina Engelhardt escondeu por mais de quarenta anos que se envolveu com o cineasta Woddy Allen. Em entrevista ao ‘The Hollywood Reporter’, ela contou que o caso começou quando ela tinha apenas 16 anos.
Em entrevista ao ‘Hollywood Reporter’, ela contou era apenas uma fã dos filmes de Allen quando o encontrou em um restaurante em 1976, em Nova York. Rapidamente, ela deixo um bilhete escrito: “Você já assinou autógrafos demais, então aqui está o meu”, deixando o seu autógrafo e também seu telefone.
Na época, Allen tinha 41 anos e teria ligado e dado início ao relacionamento, sem questionar a idade da modelo. Apesar de ter a ciência de que Engelhardt ainda morava com a família e estudava no Ensino Médio.
Ainda segundo a modelo, o caso, que durou cerca de quatro anos, entre eles era secreto e eles só se encontravam no apartamento do cineasta, com as janelas fechadas.
A história dos dois teria até inspirado um filme do diretor. Trata-se de ‘Manhattan’, lançado em 1979. O longa conta a história de um diretor que se envolve com uma aspirante a atriz adolescente. A modelo afirma que ficou surpresa quando assistiu o filme pela primeira vez.
Por fim, Christina conta que decidiu contar o ocorrido para dar uma nova perspectiva sobre o escândalo envolvendo o diretor, que foi acusado de assédio no início de 2018, incluindo abuso até contra a filha adotiva.

MP de Goiás recebe mais de 500 relatos contra médium João de Deus

Jornal do Brasil - A força-tarefa, criada pelo Ministério Público de Goiás, para apurar as acusações de abuso sexual contra o médium João Teixeira de Faria, o João de Deus, recebeu até hoje (17) 506 relatos de mulheres que denunciam crimes sexuais envolvendo o médium. Há uma semana, desde que o grupo foi criado, o número de denúncias aumenta.
O delegado-geral da Polícia Civil de Goiás, André Fernandes, confirmou que o pedido de prisão preventiva contra João de Deus se baseou em 15 denúncias, já formalizadas, aos policiais. Nelas, as mulheres prestaram depoimento separadamente e contaram relatos semelhantes sobre o suposto modo de agir do médium.
De acordo com o Ministério Público, há possíveis vítimas também no Ceará, Mato Grosso e Rio Grande do Norte. Anteriormente, as investigações se concentravam em Goiás, no Distrito Federal, em Minas Gerais, em São Paulo, no Paraná, no Rio de Janeiro, em Pernambuco, no Espírito Santo, Rio Grande do Sul, no Mato Grosso do Sul, no Pará, em Santa Catarina, no Piauí e no Maranhão.


Há, ainda, relatos de suspeitas em seis países: Alemanha, Austrália, Bélgica, Bolívia, Estados Unidos e Suíça. As vítimas podem fazer os relatos para denuncias@mpgo.mp.br.
A força-tarefa foi instituída pelo procurador-geral de Justiça de Goiás, Benedito Torres Neto, e é formada por seis promotores e duas psicólogas da equipe do MP.
Há seis dias, o procurador-geral de Justiça também encaminhou um ofício-circular aos procuradores-gerais de Justiça dos MPs Estaduais e do Distrito Federal solicitando que sejam designadas unidades de atendimento para coleta de depoimentos de possíveis vítimas do médium.

Bolsonaro inaugura no RJ colégio para filhos de PMs e critica ideologia de gênero

Jornal do Brasil - Durante inauguração de um colégio destinado a filhos de policiais militares do Rio de Janeiro, o presidente eleito Jair Bolsonaro (PSL) voltou a afirmar que as instituições militares "estão à frente em grande parte dos demais" porque, segundo ele, ainda impõem hierarquia e autoridade aos alunos.
Em discurso, Bolsonaro disse que com o passar dos anos os professores perderam autoridade e as escolas do País passaram a "instituir outras coisas à sociedade, como por exemplo a malfadada ideologia de gênero".
Bolsonaro esteve em Duque de Caxias, na Baixada Fluminense, onde participou da inauguração do colégio Percy Geraldo Bolsonaro, nome do pai do presidente eleito. A unidade é o terceiro colégio da Polícia Militar do Estado do Rio e foi instalada em prédio cedido pela prefeitura no Jardim Gramacho.


"Ele (Percy) não era professor, mas naquele tempo exercia-se a autoridade, e com o tempo fomos perdendo tudo isso aí", discursou o presidente eleito. "Hoje nós vemos que os colégios militarizados, colégios militares, estão na frente em grande parte dos demais. Não tem nada a ver no tocante à qualidade do professor, são muito parecidos. É que perdeu-se ao longo do tempo a possibilidade do exercício de autoridade por parte dos mestres. Muitos conseguem manter isso ainda, mas como regra isso foi deixado para trás."
Na sequência, Jair Bolsonaro criticou a ideologia de gênero. "Com o tempo, passou-se a instituir outras coisas à sociedade, como por exemplo a malfadada ideologia de gênero, dizendo que ninguém nasce homem ou mulher, que isso é uma construção da sociedade. Isso é uma negação a quem é cristão, é uma negação a quem realmente acredita no ser humano. Ou se nasce homem, ou se nasce mulher", afirmou o presidente eleito.
Bolsonaro destacou também a importância de se inaugurar novas escolas. "A educação é o que realmente move uma sociedade, movimenta um país. O nosso Brasil é um país onde praticamente quase nada temos sobre pesquisa, desenvolvimento e inovação. O país que não tenha uma base sólida nesses quesitos está condenado a ser escravo de quem os tenha", disse, para depois voltar a defender o modelo militar. "Ninguém consegue ordem e progresso se não tiver disciplina e hierarquia."
Ao final do discurso, sugeriu que uma passagem bíblica fosse pintada em um dos muros da escola. Jair Bolsonaro estava acompanhado do filho Flávio Bolsonaro (PSL), que é deputado estadual no Rio e se elegeu senador. Eles saíram do evento sem dar entrevistas.

Polícia Federal continua busca pelo italiano Cesare Battisti

Jornal do Brasil - Considerado foragido, o italiano Cesare Battisti está sendo procurado pela Polícia Federal (PF), que divulgou no fim de semana 20 simulações de imagens sobre disfarces que ele poderia estar usando. Há quatro dias, o ministro Luiz Fux, do Supremo Tribunal Federal (STF), determinou a prisão de Battisti, abrindo espaço para sua extradição para a Itália. Desde então, ele não foi localizado em Cananeia, onde mora, na região litorânea de São Paulo. Battisti, de 64 anos, foi condenado à prisão perpétua na Itália por quatro homicídios cometidos nos anos 1970, quando integrava o grupo Proletariados Armados pelo Comunismo (PAC).
No último dia 14, o presidente Michel Temer assinou decreto determinando a extradição do italiano. Com isso, caso seja encontrado pela polícia, Battisti deve ser extraditado em seguida.
À espera da prisão e consequente extradição de Battisti, o governo italiano enviou ao Brasil uma aeronave militar para levá-lo de volta à Itália. O avião está no Aeroporto Internacional de Guarulhos, em São Paulo.

Possíveis disfarces de Cesare Battisti

Polêmica explode no The Voice México, cantor detona Anitta e insinua que ela é arrogante


TV FOCO - Pois bem meu povo, lá no México, país dos nossos hermanos distantes, aconteceu no último domingo, 16 de dezembro, a final da edição deles do The Voice. Na atração, nossa cantora Anitta, que está bombando em sua carreira internacional, muito pelo fato de ter sido convidada a ser jurada do La Voz.
Ainda que o favoritismo do cantor Carlos Rivera tenha se concretizado e sua candidata Cristina Ramos se tornou a grande campeã, houve uma polêmica entre Anitta e um participante de seu time. Em determinado momento do programa, ao vivo para todo o México, Ángel Elizondo disse: “O México é um país de pessoas nobres e humildes e é por isso que exigimos humildade”, alfinetando sua jurada. Nossa cantora, por sua vez, não teve muito o que falar e ficou constrangida. Há quem diga que ela até sentiu vontade de chorar. Nas redes sociais, Ángel também teria curtido um comentário de um internauta que detonava nossa cantora: “Bem que eu te disse Anitta, é uma velha estupida que acredita que é melhor que os outros…”, disse.
Não é a primeira vez que a artista se mete em polêmica, em outro programa, ela e o cantor e jurado Maluma, entraram em atrito com o cantor Carlos Rivera por uma apresentação de uma candidata. O nome da brasileira e do programa foi um dos mais comentados no Twitter, os fãs da funkeira foram defender sua ídolo e classificaram Ángel como ingrato, além do mais, segundo eles, a carioca é uma das pessoas mais humildes que tiveram a oportunidade de conhecer. EITA!




Uma publicação compartilhada por anitta 🎤| Fan Account (@anittavideoos) em

Cláudia Rodrigues é detonada por jornalista ao ter seu passado revelado


A atriz Cláudia Rodrigues, que se consagrou como a doméstica Marinete no seriado 'A Diarista' - exibido entre 2004 e 2007 na Globo -, não era nada boazinha quando ainda estava no auge de sua carreira. É isso que dizem os jornalistas Léo Dias e Leão Lobo.
O comportamento de Cláudia foi revelado no programa Fofocalizando, do SBT, depois de ter sido noticiada a agressão que ela, a filha e a empresária teriam sofrido em um shopping de Curitiba, no Paraná. De quebra, Léo e Leão revelaram que ela maltratava muito os colegas da atração acima, principalmente a Dira Paes, que fazia a amiga de Marinete, Solineuza.